Pânico do Mundo?

 

 

 

“Considerando o cenário contemporâneo”, escreve João Carlos do Espírito Santo, “no qual impera o hedonismo em detrimento da razão e das buscas do bem comum, é importante entender em que solo deitamos nossas sementes, aos olhos de quem nos apresentamos.”

Fiquei mudo por um tempo olhando a tela. Sim. Sim. João Carlos é uma pessoa com a qual me correspondo com frequência. Muita frequência. Mais que um ombro amigo, um psicanalista e intelectual que aprecia Rosa, Haroldo de Campos, Joyce e, obviamente, Freud.

Ainda olhando o cenário e tendo um certo pânico do mundo com o que está acontecendo depois que o nosso Governador Patterson anunciou: “O Estado de Nova York está num déficit de 15 bilhões, ou trilhões ou terrabites, ou a minha emoção em descer aqui pra Washington DC pra ver a Inauguration do nosso Obama em OITO dias no meio dessa tremenda CRISE econômica que afeta amigos, parentes, dentes, pentes e escovas de cabelo, caspas, aspas e tal…e Gaza e as mortes e Israel, e Ellen Stewart e as peças de teatro que tenho que entregar e não tenho tempo, tempo, tempo….O MUNDO me consome. Como responder, João? Como?

Respondo citando Artaud:

“Jamais, quando é a própria vida que nos foge, falou-se tanto em civilização e em cultura. Há um estranho paralelismo entre essa destruição generalizada da vida, que se encontra na base da desmoralização atual, e a preocupação com uma cultura que jamais coincidiu com a vida, e que é feita para governar sobre a vida.

Antes de retornar à cultura, observo que o mundo tem fome, e que ele não se preocupa com a cultura; e que é apenas de maneira artificial que se quer dirigir para a cultura pensamentos que estão voltados unicamente para a fome.

O mais urgente não me parece tanto defender uma cultura cuja existência jamais salvou um homem de ter fome e da preocupação de viver melhor, e sim extrair disso que se chama de cultura ideias cuja força viva seja idêntica à da fome.

GT: Aliás, citei Artaud, mas não sei se estou de acordo totalmente. Vou te dar um exemplo mais específico, João Carlos. Essa foto ai em cima, dos soldados se abraçando, o que significa isso? O que pode significar isso quando soldados (seja de onde forem) se abraçam e comemoram a vitória? Qual a dívida humana de inocentes do outro lado desse abraço? Quanto custa cada vez que um soldado toca no outro? E justamente nesse momento onde escrevo uma peça chamada Body Parts (Pedaços de um Corpo).

João: Nas buscas do bem comum, é importante entender em que solo deitamos nossas sementes, aos olhos de quem nos apresentamos.

Mas, há sempre uma trilha do meio, uma possibilidade de, sem perder nos princípios básicos, naquilo que nos constitui e nos dá sentido à existência, manter a travessia, coerentemente. Há uma patologia fomentada nos espaços da Internet, que permite, em função do anonimato, expressões que – no tête-à-tête – não aconteceriam, pois covardes não firmam posições, não dão a cara à tapa, são, por excelência CANALHAS.

GT: Vivemos várias vidas. Não vivemos linearmente. Não pensamos linearmente. Daí a importância de Joyce, daí a importância de Pollock. Enquanto dirijo um carro, e no CD player estudo uma opera de Wagner, me emociono com uma ária qualquer, mas não perco o foco de PRA ONDE estou indo e o movimento dos carros. Tenho que frear, quando os carros freiam. Sei que estou indo visitar alguém que me importa, uma visita/appointment que me trará algo de importante: um diretor artístico de uma opera. Portanto, estou nervoso. Tenho, digamos, dois amigos no carro. Eles conversam entre si. A conversa é política. Não posso deixar de ouvir o que dizem e, portanto, “sentir” e me envolver com o que estão dizendo.

1- emoção com a opera que está tocando

2- atenção no trânsito

3- tensão com o encontro

4- prestando atenção às pessoas na rua, aos detalhes dos loucos e não loucos que atravessam a rua, aos “tipos” que me chamam atenção….

5- a conversa que rola no carro

6- desconforto físico, o cinto de segurança que me estrangula, misturado ao cachecol por causa do frio

7- olhando sempre no relógio preocupado com o horário

8- a opera no CD player está chegando a um clímax e eu subo o volume e me emociono mais: isso me traz lembranças de quando eu..(não sei mais, dirigi essa opera em, a, b, c ou d e com quem eu estava nessa época, entende as ramificações?). Ou meus pais me contando sobre essa opera em alemão ou inglês quando menino etc….

Ou, ainda, como falhei ou fui um sucesso e a casa vindo abaixo e o que eu podia ter melhorado….quando dirigi tal opera…

TANTAS COISAS TANTAS COISAS…

Marcelo Rubens Paiva: Há uns tempos, criticavam uma obra de arte que tivesse começo, meio e fim, “detalhes” que indicavam acomodação e incapacidade de inovação. Podia até ter começo, mas meio e fim, era o fim! A regra: não facilitar para o público. Se quisessem algo mastigado, nem azedo nem amargo, que comessem pizza em frente à TV, gênero inferior e vendido por natureza, dizia-se. O lance era complicar, para indicar o ilogismo da vida e da morte, o lance era confundir, para baixarmos a guarda da audiência, penetrar com um jab nos lapsos, conquistá-la por desvios ao dissecar o núcleo dos mitos e arquétipos; imagens do inconsciente coletivo.

GT: Eu sei, mas isso foi demolido pelos iconoclastas ou pelos desconstrutivistas. Eu fui um deles. Ou o último vírus nessa grave epidemia. E agora? Body Parts? Ainda? Ainda destruindo. Não. Reconstruindo.

João Carlos: O teatro, e você pode desdobrar isso, aprofundar o que te digo, pede engajamento, mesmo que seja o mais superficial, pois a pessoa, dentre todo o universo de peças em cartaz, escolhe uma, organiza sua agenda para também se apresentar publicamente, pactua um tempo de entrega,

Marcelo R Paiva: Um escritor tinha de fazer o curso de mitologia do Juanito Brandão e ter em mãos o dicionário de símbolos de Juan-Eduardo Cirlot. A arte buscava os personagens de sua origem, mas se afastava de seu formato e se inspirava no caos.

GT: Mas o que é o teatro ou esse Pânico do mundo ou essa lucidez avassaladora? Não será uma vontade louca de olhar essa foto e transformá-la numa cena teatral onde a primeira frase diz assim: “amanhã, acordarei melhor, todos acordarão melhor, mesmo sem rins e sem fígados, ou com meio rim, com parte do fígado. Se um “deus” nessa nossa incógnita (não é surpreendente eu estar dizendo isso?) eu jamais teria estado no lugar certo na hora certa. É isso não é? O que me fez estar aqui nesse momento da vida foram as circunstâncias. Eu beijo as calçadas por onde andei por elas terem me dado a oportunidade de ter andado, aprendido a viver the rough side of life muito cedo, mas as beijo. Por isso, Saint Genet. Por isso, sai tão cedo de tudo, sempre saio cedo de tudo e não acredito em sucesso, não acredito nessa superficialidade de sucesso, uma vez que, colocado no CD player ….o Stravinski… “The rite of Spring” …com Leonard Bernstein regendo….e ensinando…., parece que o mundo pode, sim, ter um final feliz e em paz…..

Sim, Graças a tudo. Ellen Stewart está melhor agora, 10 da manhã de segunda nessa gélida New York. Pode piorar à tarde. Tudo me dá medo. São dias tensos. Mas já foi diferente? Quando leio, e com muito interesse, os comentários do Blog, e às vezes me irrito com o nível de agressão, penso em desistir.

Penso em cair fora e seguir os conselhos da Ellen: “escreva pra Teatro, Gerry, esqueça essa coisa de Blog”. Mas eu subo aqueles 67 degraus que me levam ao apartamento dela lá no 5º andar e penso nessa foto dos soldados e nas mortes e nas tantas explosões, e no fogo de uma lareira e na posse de Obama e nas economias falidas e nos seres humanos falidos porque é cão contra cão. Cão come cão!

E o teatro sempre foi o espelho disso: Hamlet, seu melhor expoente até hoje. Ah sim, o canibalismo verbal. Tem aqueles que amam chamá-lo de antropofagia. É que virou, digamos assim, “moda”, roubar e não devolver. Roubam vidas. Roubam identidades. Roubam-nos uma década. Uma década de inutilidades: e agora? Agora é remover o LIXO de nossos quintais. Praqueles que tem um quintal.

Gerald Thomas

582 Comments

Filed under Sem categoria

582 responses to “Pânico do Mundo?

  1. Garganta

    Cara Santanna,

    Analise também essa outra cena que eu preparei, por favor:

    Nos campos afastados, Rhett estava com fome e, então, foi caçar:

    Rhett( Garganta): ” Está bem ali, um animal gordo, feio e barulhento, alimenta-se da rasteira relva verde (CURIOSIDADE). Será um bisão? Será um mamute?…. Não, não acredito, você Scarlett (santanna)!.”

    FIM DE CENA.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  2. Garganta

    Caro Gerald,

    “Vivemos várias vidas. Não vivemos linearmente. Não pensamos linearmente. Daí a importância de Joyce, daí a importância de Pollock. Enquanto dirijo um carro, e no CD player estudo uma opera de Wagner, me emociono com uma ária qualquer, mas não perco o foco de PRA ONDE estou indo e o movimento dos carros. Tenho que frear, quando os carros freiam. Sei que estou indo visitar alguém que me importa, uma visita/appointment que me trará algo de importante: um diretor artístico de uma opera. Portanto, estou nervoso. Tenho, digamos, dois amigos no carro. Eles conversam entre si. A conversa é política. Não posso deixar de ouvir o que dizem e, portanto, “sentir” e me envolver com o que estão dizendo.

    1- emoção com a opera que está tocando

    2- atenção no trânsito

    3- tensão com o encontro

    4- prestando atenção às pessoas na rua, aos detalhes dos loucos e não loucos que atravessam a rua, aos “tipos” que me chamam atenção….

    5- a conversa que rola no carro

    6- desconforto físico, o cinto de segurança que me estrangula, misturado ao cachecol por causa do frio

    7- olhando sempre no relógio preocupado com o horário

    8- a opera no CD player está chegando a um clímax e eu subo o volume e me emociono mais: isso me traz lembranças de quando eu..(não sei mais, dirigi essa opera em, a, b, c ou d e com quem eu estava nessa época, entende as ramificações?). Ou meus pais me contando sobre essa opera em alemão ou inglês quando menino etc….” ( Gerald)

    Único, ou melhor, em inglês: “unique”. OK, Gerald, como prêmio eu não vou mais endereçar comentários zombeteiros para a sua pessoa ( neste post, claro).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  3. Garganta

    Caro Gerald,

    Eu não sei se você se referiu ao que eu escrevi ( mas eu fiquei realmente lisonjeado e encantado com o “parecido”).

    Juro que meu último comentário cá, foi depois de eu ler seu comentário( para mim, abusivamente elogioso). Juro mesmo! Abraços.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  4. Oi, Gt e pessoal.

    Garganta, vc poderia colocar uma cena comica assim:

    Scarlett: nunca mais passarei fome!

    (Voz de Lula em off): O Fome Zero fará com que os brasileiros comam três vezes por dias…

    Grã-fina: comer três vezes por dia? Mas eu vou virar uma bola!

  5. G: adorei saber que o MR paiva lê o blog. Adorei a idéia de vc colocar partes do Body aqui.

    Alguém falou em fazer novena para São tomás, então naõ se esqueça da oração:

    santo gerald que estás em nova iorque
    santificado seja o vosso teatro
    venha a nos as vossas colunas
    seja feita a vossa vontade em nova iorque, munich oou lonndon
    perdoai nosso anti-semitismo
    assim como nos perdoamos o vamp
    E nao nos deixei cair na tentação de ir ao blog do sergio rodrigues
    nem aceitar cargo no governo Lula
    oh man

  6. Sy

    hummm…fins comerciais…não matam a fome de ninguém e nem tiram o pânico de ninguém…aff…

  7. Garganta

    Caro Lúcio,

    Muito bom! Mas eu suspeito que o FOME ZERO ( nunca mais ouvi esse nome na mídia [ bolsa família agora, acredito) tenha sido criado com o intuito de matar os que têm fome( de um país de cidadãos); assim, os comandantes do PT poderiam ter mais comida. Eles são comilões!

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  8. Gerald.
    A foto me parece ser de soldados que guarnecem tanks.
    Estão todos descobertos.
    A maioria ainda com a cabeça baixa.
    Um deles se destaca e parece ter sido o orador.
    Estariam rezando em grupo pedindo para regressarem ainda com rins e fígados?
    Ou rezaram para fuder os fígados e rins dos que irão atacar!
    Se a arte imita a vida e a vida imita a arte este deve e pode ter sido o primeiro ato de uma peça que poderia se chamar: De qualquer modo estamos fudidos.Ou quem sabe :Help.Ou ainda:Mamãe eu quero mamar.A ordem dos nomes não altera o produto.O produto é a grande merda que vão fazer.Simplesmente matar.Matar semelhantes.
    Vou parar.Gosto de ser critico e como sabemos para honrar a profissão tenho que ser totalmente ignorante.Se começar a entender de arte vou querer ser autor e daí sim é que a vaca vai pro brejo.
    Autor de teatro tem que ser tolerante.Principalmente quando pensam que é Geni(joga pedra na Geni).Prefiro jogar as pedras.Permaneço critico.
    Critico de arte.

  9. gthomas

    Garganta: eu, pelo menos eu achei a cena….meio parecida com o Body Parts que estou escrevendo. Sera que tem espiao aqui nesse computer???

  10. Nina

    Santanna

    tens toda razão quanto ao sr. Ivo (o agressivo e mala sem alça)

    me desculpe…

    vamos ao post

  11. gthomas

    Assim comeca Body Parts

    I’m the right arm specialist.

    (silence. Very shy low other voice is heard)

    I’m the liver specialist.

    I guess we’re all here for a good reason.
    Can I count anyone here for this part?

    I’m a neurosurgeon …but only for the frontal lobe. I was kicked out of….

    Alright, no reason then. Fine. We’ve always done it unreasonably somehow. So, anyone here for deference?

    I’m a right arm specialist. Did a lot of good work during the Third Reich. Sorry it failed. I mean, the

  12. gthomas

    I mean, count on anyone?

  13. Garganta

    Cara Santanna,

    Analise essa outra cena ( posterior à surpresa de Rhett), por favor:

    À noite, depois da caçada, Rhett se sentiu feliz em não ter matado Scarlett, que mostrou a sua feiúra ( castigo da natureza). Ele ( um pouco chateado com a revelação da monstuosidade de Scarlett) deitado ao lado de uma meretriz adormecida, pensou:

    ” Essa p… que dorme comigo, vale mais do que cem Scarletts empilhadas. Scarlett, Scarlett… a mortalha que ela veste é por fora e por dentro( cara de repugnância).”

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  14. gthomas

    I thought that the ON wasn’t on today.

    Well, wrong. The On is ON.

  15. gthomas

    You mean to say it’s IN.
    Yes, that’s what I meant. IN,
    Very much IN.

  16. Nina

    “O mais urgente não me parece tanto defender uma cultura cuja existência jamais salvou um homem de ter fome e da preocupação de viver melhor, e sim extrair disso que se chama de cultura ideias cuja força viva seja idêntica à da fome.”

    isso é tão brilhante, tão extraordinariamente genial quanto impossível. A fome cobra. O preço é alto, chama-se cultura.
    Talvez vc, Gerald Thomas chegue muito perto disso, de ter idéias do tamanho da fome, mas prá poucos, prá quem entende, pra quem pode ver, ler, assistir e são tão poucos perto de todos. e ainda estes, nunca suficientes.

    Vou repetir meu comentário anterior, talvez ele se encaixe melhor aqui, bem melhor.

  17. Certo, GT! Teve bom!

    Pacheco, confira lá a participação decisiva do Cel. José Geraldo Oliveira:

    http://www.memoriaviva.com.br/ocruzeiro/

    Minas Hora a Hora

  18. Nina

    Neste fim-de-semana, sob o sol maravilhoso, estava lendo um autor chamado Alberto Morávia, italiano. Pois bem, Morávia tem um personagem em um livro, claramente psicopata, chamado Kurt (um oficial da SS). No livro Kurt, utilizando-se de seu poder, conduz um “experimento cultural” fazendo com que os prisioneiros judeus vivessem a trajédia de Édipo in realtà., Ou seja: o prisioneiro era levado a ter relações sexuais com sua mãe e matar seu pai na frente dos outros prisioneiros, como em uma “peça de teatro”. As pessoas são usadas e sacrificadas sem a mínima consideração pela humanidade do outro e sem culpa. As peças de teatro do sr. Kurt eram encenadas para o pelotão da SS.

    (O Mal Absoluto – Peça de Alberto Morávia)

    Chegando em casa fui pesquisar este autor com um amigo na Itália. Pois bem, Morávia nasceu em Roma (1907 a 1990), é um pilar da literatura italiana, escritor, jornalista, exilado po Mussoline, adotando posteriormente o pseudônimo de Alberto Pin Cherle.
    De família hebraica, em sua obra ele explorou a sexualidade humana, a alienação social e o existencialismo em voga na época.
    Foi um homem que viajou o mundo todo, um estrangeiro em qualquer lugar que estivesse, mesmo na Itália. E prá minha grande surpresa, trabalhou e foi amigo pessoal de Pier Paolo Passoline (um de meus gênios marcantes).

    Morávia fala do terror da guerra, sabe do que está falando, tem o “DNA” da guerra como disse Sandra uma vez. Assim como Thomas e assim como eu que não vivi nenhuma guerra.

    Esse teatrozinho perverso que ele descreve, é a barbárie. Existe, é humano.

    Em 1904, Freud escreveu: Tipos Psicológicos no palco. Ele diz que o espectador obtém prazer por meio da identificação com o(s) personagens, em uma espécie de função catártica, do que eu não posso ser nem fazer nem sentir, mas lá está o meu espelho.
    O herói não é louco, torna-se louco aos nossos olhos, como queremos vê-lo (e precisamos). Isso me lembra a última cena de Saló de Pasoline, onde todos nos tornamos perversos, por uma fração de segundos.

    Sim, definitivamente gênios:
    Pasolini
    Freud
    Gerald Thomas

    que marcam minha história, minha identidade, minha subjetividade e minha forma de estar no mundo EM SUAS OBRAS.

    Para quem se interessar por Morávia:
    http://it.wikipedia.org/wiki/Alberto_Moravia

  19. Nina

    Pacheco e Reinaldo

    tem recados prá vcs no post anterior

  20. Certo, GT! Teve bom!

    Pacheco, confira lá a participação decisiva do Cel. José Geraldo Oliveira:

    http://www.memoriaviva.com.br/ocruzeiro/

    Minas Hora a Hora

    MINAS HORA A HORA
    Reportagem de Fernando Richard e José Nicolau

    Dia 30 de março, 20h30m. O General Carlos Luís Guedes, comandante da IV Infantaria Divisionária, sediada em Belo Horizonte, reúne todo os seus comandados e comunica que se rebelara contra o Presidente João Goulart. Reúne-se, depois, com o General João de Faria e o Coronel Emílio Montenegro Filho, da FAB, além do General José Lopes Bragança, no comando da ID-4. Traçam um esquema.

    Dia 31 de março. 3h30m. A reunião continua. O General Bragança é incumbido de fazer a convocação dos civis para a revolução. O Governador Magalhães Pinto, no Palácio da Liberdade, declara que apóia e comanda o movimento.

    4 horas. Tem início a mobilização dos civis.

    7h30m. O Comandante da Base Aérea de Belo Horizonte, Coronel Afrânio da Silva Aguiar, é chamado ao Palácio da Liberdade pelo Governador Magalhães Pinto. O Chefe do Executivo mineiro expõe ao oficial os seus planos. Fala a respeito dos motivos que o levaram a tomar a decisão. Após conferência de uma hora, a portas fechada, o Coronel Afrânio dirige-se para a Base Aérea: tinha dado total apoio ao Governador.

    8h30m. O General Bragança vai ao comando da ID-4 e comunica ao General Guedes o andamento da mobilização de civis. No Palácio da Liberdade, o Governador Magalhães Pinto toma tôdas as providências com o Coronel José Geraldo de Oliveira, comandante da Polícia Militar, para que fôssem guarnecidos os pontos estratégicos do Estado. Tropas da PM se deslocam para as fronteiras.

    9h30m. O General Olímpio Mourão Filho, comandante da Quarta Região Militar, sediada em Juiz de Fora, telefona ao General Guedes. Conversam reservadamente. Nessa hora, o movimento revolucionário já é do conhecimento do povo. Uma violenta proclamação do General Guedes é lida em tôdas as rádios da capital mineira e de algumas cidades do Interior. Acusa Jango.

    10 horas. O General Guedes comunica-se com o Governador Adhemar de Barros pelo telefone. É a primeira vez, desde a deflagração do movimento, que o General conversa com o Governador paulista. No QG da ID-4, estão sendo montadas as instalações telefônicas que iriam ligar, diretamente, o Palácio da Liberdade, o comando do 12.º Regimento de Infantaria, a Polícia Militar, o Destacamento da Base Aérea, o CPOR e outras unidades militares.

    13 horas. No Palácio da Liberdade, o movimento é intenso. O Governador, até o momento, não havia aparecido de público. Chegam o Senador Milton Campos, o ex-Chanceler Afonso Arinos, assessôres do govêrno e o secretário da Fazenda, Deputado José Maria Alkmim. Trazem a notícia de que o Marechal Odilio Dennys se encontrava em Juiz de Fora articulando o movimento com o General Olímpio Mourão Filho. No Departamento de Instrução da Polícia Militar, mais de 500 jovens já se haviam alistado no chamado Exército Civil.

    13h30m. O Coronel Emílio Montenegro Filho, da FAB, é mandado a Barbacena, de avião, para entrar em contato com o brigadeiro-comandante da Escola Preparatória de Cadetes do Ar. Em sua companhia, segue o Jornalista Aloísio Cunha, que leva a gravação da proclamação do General Guedes.

    14 horas. Os dois enviados chegam a Barbacena. Conversam com o comandante da escola. Um filho do Deputado José Bonifácio prende o juiz de direito de Barbacena. Em Belo Horizonte, o movimento de automóveis aumenta nos postos de gasolina. O combustível fôra requisitado pelo govêrno.

    14h30m. Chega a Belo Horizonte o Deputado José Bonifácio, primeiro secretário da Câmara de Deputados. Anuncia a disposição do Congresso de instalar-se na Capital mineira. E diz que todos os deputados por Minas Gerais já haviam sido chamados.

    15 horas. Na Assembléia Legislativa, o deputado comunista Gomes Pimenta pede uma comissão para entender-se com as autoridades a fim de ser pôsto em liberdade o Deputado Sinval Bambirra, prêso na madrugada. A comissão foi formada, mas Bambirra não foi sôlto.

    16 horas. Aproximam-se de Juiz de Fora as tropas do 11.º Regimento de Infantaria, de São João del Rey, que começara a deslocar-se para aquela cidade aos primeiros minutos da madrugada. O General Guedes retorna ao QG da ID-4 após conferenciar, mais uma vez, com o Governador Magalhães Pinto. Outra reunião contou com a presença dos dois chefes mineiros da revolução e do Coronel José Geraldo de Oliveira, secretários de Estado Oswaldo Pierucetti (Interior), Roberto Resende (Agricultura) e José Maria Alkmim (Fazenda) e o Srs. Milton Campos e Afonso Arinos.

    17 horas. A Polícia Militar começa a ocupar a capital mineira. A Companhia Telefônica, o DCT, emprêsas de comunicações e redações de jornais e rádios foram tomadas pela PM.

    19 horas. Aumenta o número de adesões de civis ao movimento revolucionário. As inscrições são feitas no Grupo Escolar Pandiá Calógeras. Todos usam no braço direito uma braçadeira verde-amarela com um triângulo no centro. É o símbolo mineiro do levante revolucionário.

    19h30m. O General Guedes solicita a cooperação de companhias construtoras para que enviem carrêtas pesadas: transporte de material até Juiz de Fora. Quinze carrêtas são colocadas à disposição do comandante da ID-4.

    20 horas. O Governador Magalhães Pinto fêz seu pronunciamento à Nação. Estava formada a Cadeia da Liberdade, que levou a todo o Brasil a palavra do líder mineiro. Governadores de outros Estados, como São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Espírito Santo, Guanabara, Goiás, Mato Grosso e Bahia, apenas esperavam a palavra do governador de Minas, para dar início ao movimento nas áreas de sua responsabilidade.

    20 h 30 m. Chega ao comando da ID-4, o Coronel Paulo Hildebrando de Campos Góes, comandante do 4.º Regimento de Obuses, sediado em Pouso Alegre. Procedia do Rio de Janeiro. Após rápido contato com o General Guedes, põe-se à disposição do comandante da ID-4.

    21 horas. Engenheiros se apresentam ao comando da ID-4 para as emergências que surgirem com o decorrer da crise militar. São especialistas em restauração de pontes e construções. Médicos dão conhecimento ao comando revolucionário de vários postos em Belo Horizonte.

    22 horas. Com exclusividade, a reportagem de “O Cruzeiro” consegue entrar na Base Aérea de Belo Horizonte e fotografa os praças e oficiais revoltosos. O comandante da guarnição só havia dado conhecimento da revolução aos oficiais. Mais tarde falaria ao resto do contingente. Indagado a qual comando estava subordinado, disse o Coronel Afrânio Aguiar que “seu único comandante era o Governador Magalhães Pinto”. Os oficiais mantinham-se calmos e aguardavam o desenrolar dos acontecimentos.

    22 h 30 m. Pelo telefone, o General Guedes é informado de que o Presidente João Goulart deseja um entendimento com o Governador Magalhães Pinto e os chefes militares de Minas Gerais. Afirma-se que o Sr. João Goulart chegou a propor uma mediação “para resolver o impasse surgido entre a administração federal e o govêrno mineiro”. O General Guedes se recusa a manter conversação com o Chefe da Nação. Idêntica é a atitude do Governador Magalhães Pinto.

    23 horas. Todo o dispositivo revolucionário se encontra em ação. O secretário da Agricultura de Minas, Sr. Roberto Resende, toma as providências necessárias a que não houvesse falta de gêneros nos dias seguintes. “Minas poderá resistir cem dias” – afirmou. Foi determinado o levantamento de todo o estoque de carne no Estado.

    24 horas. As poucas pessoas que se mantinham próximas ao Palácio da Liberdade se mostravam apreensivas com as notícias de que tropas do I Exército estavam marchando contra Minas Gerais. Entretanto, neste momento o Coronel José Guilherme anuncia que o Governador Magalhães Pinto havia recebido um comunicado do General Amaury Kruel, dizendo que estava à frente do II Exército marchando contra o Estado da Guanabara. A alegria foi geral.

    Dia 1.º de abril. 1 h 15m. O Comandante da Base Aérea de Belo Horizonte fala, pelo telefone, com o Brigadeiro Francisco Teixeira, comandante da 3.ª Zona Aérea, e comunica a sua condição de rebelado. É imediatamente exonerado, juntamente com o subcomandante, Major Nelson Santiago. Não acata a decisão. Reúne a tropa, dá ciência de sua condição e liberdade de ação para os que não quiserem aderir. Tôda a tropa se mantém com o comandante destituído. O Coronel Afrânio Aguiar, então, toma medidas de segurança.

    8 horas. No QG da ID-4, a satisfação é geral. O General Guedes recebe dez pilotos civis que se colocam à disposição para qualquer eventualidade. Várias companhias de aviação põem suas aeronaves a serviço do Governador Magalhães Pinto.

    8 h 30 m. Pela primeira vez, desde o início do movimento, o Governador Magalhães Pinto deixa o Palácio da Liberdade. Visita várias unidades rebeladas. Vai ao Centro de Recrutamento, onde é recebido entusiàsticamente. Depois, dirige-se ao Departamento de Instrução da Polícia Militar e ao 12.º Regimento de Infantaria. Por último, visita a Base Aérea de Belo Horizonte.

    12 h 30 m. Num contato com os repórteres de “O Cruzeiro”, o Governador Magalhães Pinto declara que “foi diminuído o prazo que se esperava para a vitória final”. O prazo inicial era de dez dias.

    14 horas. No Palácio da Liberdade, o Governador Magalhães Pinto continua reunido com o seu secretariado. O Secretário do Interior, Oswaldo Pierucetti, articulador civil da revolução, faz vários contatos com São Paulo, Guanabara e outros pontos do País. As notícias continuam a chegar, sempre animadoras. Os chefes revolucionários aumentam a sua euforia. O prazo, de que falou o Governador Magalhães Pinto, encurta ainda mais. Para todos, a coisa mais certa é que as fôrças democráticas consigam dominar o País dentro de mais algumas horas. Os chefes militares conferenciam. De repente, as ligações telefônicas com Brasília são cortadas. Não se fala mais com a Capital do País. Há uma notícia, logo desmentida, que preocupa o chefe do Executivo mineiro: é a de que o Palácio Guanabara está cercado e de que havia sido cometido um atentado contra o Governador Carlos Lacerda.

    15 horas. O Governador de Minas Gerais deixa o Palácio da Liberdade para passar em revista as tropas da Polícia Militar que, em oito ônibus, deixam Belo Horizonte com destino a Juiz de Fora e várias outras cidades do interior do Estado. É aclamado pela multidão que se reúne em frente à sede do Executivo mineiro.

    15 h 15 m. Quando regressava ao Palácio, as rádios comunicam a adesão do I Exército. Aos gritos de “Terminou a revolução!” e “Vitória!” a multidão carrega em delírio o Governador Magalhães Pinto. Nas ruas centrais da cidade, a população lança papéis picados do alto dos edifícios. É a comemoração da vitória. Milhares de pessoas subiam a Avenida João Pinheiro com destino ao Palácio da Liberdade cantando “Minas Gerais” e o Hino Nacional. O Governador Magalhães Pinto, entretanto, preocupava ainda com as notícias de que havia resistência no Rio Grande do Sul, embora estivesse certo de que a sua luta pela democracia tinha sido coroada de êxito e, pràticamente, chegara ao fim.

    20 horas. Através de uma cadeia de rádio e televisão, o Governador Magalhães Pinto, no Palácio da Liberdade, faz sua primeira proclamação como chefe da revolução de 72 horas que abalou o Brasil.

    O Cruzeiro on line

  21. Garganta

    Que desagradável: meus comentários estão subindo ( ainda não havia acontecido de um modo tão subidor).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  22. Garganta

    Parecem balões de hélio ( meus comentários). O céu é o post do Gerald ( ultrapuxa-saquismo)

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  23. Nina

    Esse texto seu merece uma atenção maior, está cheio de entrelinhas.
    Tenho que trabalhar. Volto depois. Me instigou algumas idéias….

    bj Thomas

  24. carlos sena

    DEIXO ESSE MUNDO COM MEU DEUS , FICO MAL SE COMEÇO A ANALISAR E PENSAR NO QUE ESTA ROLANDO, MELHOR É EU CUIDAR DA MINHA VIDA QUE JÁ ESTAREI AJUDANDO MUDAS PESSOAS NELE .
    FIQUE COM DEUS ,NÃO O DA GUERRA MAS O DA PAZ ….

  25. carlos sena

    DEIXO ESSE MUNDO COM MEU DEUS , FICO MAL SE COMEÇO A ANALISAR E PENSAR NO QUE ESTA ROLANDO, MELHOR É EU CUIDAR DA MINHA VIDA QUE JÁ ESTAREI AJUDANDO MUDAS PESSOAS NELE .
    FIQUE COM DEUS ,NÃO O DA GUERRA MAS O DA PAZ ….

  26. Nina.

    Bom conselho te mandou o nosso amigo Targino Silva.

    A visão do Pacheco é realmente parcial.
    Própria e só dele.
    O Pacheco só teve dois amigos assassinados estupidamente pela esquerda comunista que queria implantar uma ditadura no Brasil
    Coitado do Pacheco. Acredita tanto no que defendeu que nem viu a ditadura que ele insiste em chamar de regime de exceção.
    O Pacheco estava no Rio Grande do Sul e participou de um dia no qual o Brizola convidou os marinheiros a se rebelarem e abandonarem o navio. O Pacheco estava embarcado o destróier Baependi e estupefato viu a brigada gaucha invadir o cais e se deitarem em posição de tiro em frente ao navio.O Oficial da Marinha daquela localidade embarcou com sua família e todos saíram das terras governadas por Brizola.Quase houve uma carnificina.
    Depois, muito depois o Brizola na Rádio Mayrink Veiga no Rio de Janeiro continuou a ladainha que os marinheiros deveriam assassinar os oficiais.Para tanto promoveram uma sessão de cinema na Cinelandia e exibiram o filme russo :Encouraçado Potenkin.
    Mais uma vez o Pacheco não entendia porra nenhuma.
    O Pacheco sabe sim de muita coisa. Sabe até do que não pode e não deve falar.
    Sabe da merda que os mesmos que nos governam agora queriam para o Brasil no passado.
    E por saber não sabendo ou sabendo sem saber é que ele se tornou meu amigo.
    Minha guerra é com o fogo que me derrete e derrete a bailarina. Do nosso derretimento viramos um coração.
    Então Nina escute o Targino. O conselho dele é bom para todos.Procure e acharás.
    Desculpe o Pacheco e saiba que ele te admira. Apesar de saber de teu conhecimento de um só lado da história.
    Ele te manda uma dica. Procure saber direito quem foi Fleury Paranhos e também Mariel Mariscot.
    Pesquise por quem e porque eles matavam. Quem os protegia e quem os criou.
    E saiba que o Ivo Veiga é pessoa muito legal e de nome tradicional no Exercito.
    Se ele foi infeliz em um comentário já se desculpou. Nem era preciso.
    Soldadinho de chumbo (ou Pacheco se preferir).

  27. O povo está sem identidade, endereço sem rumo. Falta cultura, falta fé, falta tudo. Há muito tempo atras existia confiança no próximo, hoje é dificl saber em quem devemos confiar. Acho eu que falta DEUS no coração de todos. É uma pena que estamos em situação como esta. Mas penso que ainda confio no próximo e tenho certeza se voltamos e se entender tudo vai dar certo. Abraço a todos.

  28. gthomas

    Celso
    “falta cultura a essa falta de cultura!”
    e esta ficando cada vez mais TRIVIAL
    se prepare.
    daqui a pouco eh so celular pra celular
    LOVE
    G

  29. gthomas

    Carlos Sena

    Nao temos como nao participar. Desculpe mas ainda estamos na ATIVA

  30. gthomas

    ABSURDO DEIXAREM O MADOFF EM LIBERDADE

    Madoff to Remain Free on Bail With New Restrictions

    A federal judge on Monday rejected the prosecution’s request
    to revoke Bernard L. Madoff’s bail and send him to jail.
    Instead, the financier, who is accused of running a huge
    Ponzi scheme, will remain under house arrest in his luxury
    apartment on Manhattan’s Upper East Side, guarded by private
    security guards paid for by his wife.

  31. Nina.
    A cultura é o único bem que o homem tem.
    Se não salvou o homem de ter fome,
    indicou-lhe o caminho para matar a fome.
    O problema é que não basta
    matar a fome tem que comer o fígado dos
    outros, beber o sangue dos inocentes e
    expor os seus dejetos na rua.

    Nina.
    Não entendo voce.
    Existe muita literatura na praça sobre 64.
    A visão do Pacheco é parcial.
    Procure alguem que teve um parente desaparecido,
    que não tinha nada a ver com o pato e pagou a conta.
    A o golpe de 64 tem muito a ver com a guerra fria.
    Pra chegar no golpe de 64 primeiro, voce tem que estudar
    a conjuntura mundial da época. desde Juscelino,
    Jânio Quadros, João Goulart até o golpe e depois
    seguir ate o AI-5 e a abertura política.
    Os documentos do golpe estão sob sigilo por mais 60 anos.
    Os efeitos dos golpes, permanecem até hoje, a violência
    a miséria e impunidade de políticos pros.
    São 20 anos de chumbo, chumbo grosso,
    derretido, com diz o soldadinho de chumbo.
    15:28

  32. gthomas

    Lucio
    So dei um exemplo

    nao posso, por lei, publicar uma peca inedita pela internet: serei processado ate o pescoco (em frances)
    LOVE
    G

  33. Lucio Jr.

    Excelente teu comentário-reportagem.

    Será de muita valia para a Nina que anda pesquisando o assunto.
    Podemos juntar pedaços com o comentário do Soldadinho de chumbo.
    E acrescentar ainda que os oficiais revoltosos não aceitassem Jango porque e principalmente o caminho de Jango era apontado por Brizola seu parente. Era outra época e outros pensamentos.Havia divisão nas Forças Armadas.
    A maioria dos cursos era dada nos USA. Comunista era bicho-papão(ainda são).
    Quem partiu para a luta armada atacando seus semelhantes foi à esquerda.
    O que as forças armadas podiam fazer?Assistir de camarote a balburdia e a bagunça e as matanças?
    Deixar que eles (comunistas tomassem o poder na marra?
    Porra, onde está que um General desejou ser ditador?Apontem o nome e eu me calo neste assunto. Não confundam Anita Garibaldi co balde de Gari.
    Está bem e bom para alguns. Ótimo que seja assim.Cada povo tem o governo que merece.Temos lula.Excelente.Salve o lula.
    Veja quanta sabedoria. Hoje no café da manhã ele descobriu a pólvora.Disse para quem quis ouvir que judeus e o Hamas podem viver tranquilamente.Grande sabedoria.Salve o lula.Acho melhor o Oba ma ficar atento.De repente o lula aparece na posse e rouba o show.
    Quem duvidar que duvide.
    Eu não duvido de mais nada.
    Obrigado.
    Pacheco.

  34. Aninomyous

    Essa lembra um AC DC…

    😛

  35. santanna

    Garganta,

    Não entendi. O Rhett beija (referência à cena anterior) bisões?
    Providencia urgente óculos pra ele.

  36. juliano

    Li que o Brasil já possui mais de 50 milhoes de lares com internet, fora os cybers que proporcionaram acesso aos mais carentes. O brasileiro é o povo que mais utiliza internet por hora ano. A internet já é um instrumento de massa, talvez, só perca pra televisão. Na internet é mais dificil haver monopolio, haver uma só verdade, como na televisão aberta. Aqui vc pode dizer coisas impensaveis pra tv aberta, vc quase não encontra Gerald Thomaz na tv aberta ou no rádio, raras vezes. As agressões, os nazistas, os covardes, o anonimato é o preço a pagar por essa liberdade, não desista gerald!

  37. Pacheco.
    Gerald.

    I listened today that the deceased already pass of nine hundred. Being half crianças.PUTA THAT IT GIVE BIRTH.

    It is not time to stop.

    Boot the mouth in trombone.

    Assopre with force.

    So high that NY has waked up. That the sleep of the unjust ones has waked up because the right ones already do not sleep.

    It uses your ways and resources. Theater, blog what it will be.

    The person is for what she is born (I read and I liked this phrase)

    You Thomas was born to be Gerald.

    Either.

    Nor that for in such a way you have that to show bunda again.

    Or it shows the front that we know has people that it appreciates.

    If they want you to foder. First fuck them.

    OF NOT STOP

    Geraldar already is day to day part of many.

    As I am geraldando now.

    Love.

    Pacheco.

  38. Nina

    Targino,

    é tão delicado nas suas palavras, obrigada… pe difícil encontrar gente gentil

    Sim, a literatura já está lida, quer pessoas. Não importa se a visão é parcial, contanto que tenham alguma visão com mais alcance que a minha. Tenho só 35 anos, prá dita falta muito. Chumbo grosso? quero é mais…

    Sr. Celso,

    talvez eu entenda o seu falta deus, como falta um pai, falta uma Lei (interna)
    Nesse sentido concordo.
    Se estiver falando de religião, vomito.

    Vamos as citações, elas são importantes: (ah… cultura)

    “Manter uma honestidade social comum e experienciar um adequado sentimento de culpa e responsabilidade moral nas relações com outras pessoas defendem a capacidade de manter funções básicas do laço social civilizatório. Pelo contrário, uma desonestidade geral nas relações humanas e a falta de preocupação e responsabilidades em todas as trocas humanas indicam ausência ou deterioração das funções civilizatórias.
    Sobre a cultura, a dita moral civilizatória, não é um bem, pq não é de todos. Não aplaca a fome, só a engana. Somos bárbaros de berço. Talvez aplaque a tua fome, a minha, por algum tempo. Mas não aplaca a fome de seres como o oficial Kurt, do meu post acima. E ele está entre nós, e ele somos nós.” Otto Kernberg

    Aquelas personalidades ou sociedades ditas anormais, sofrem por sua anormalidade, e por ela, fazem sofrer a sociedade (Schneider)
    Uma variação funcional em relação à personalidade normal, em nada revelaria sobre o que é patológico. Pathos nos diz, Freud nos diz, que o anormal não existe. Acredito nisso.

    Não falta cultura. Não há cultura que baste a bestialidade. Só estamos chegando a essa dura conclusão que infelizmente mexe com nossa ferida mais aberta: a narcísica.

  39. Nina

    Esse é sem dúvida o tipo de texto que eu gosto do GT.
    Um dos melhores.

    Parabéns!

  40. Gerald.

    Celular aqui em Belmonte é complicado. Tem hora que funciona e hora que não.

    Faço uso de molecular.

    È mais rápido e não falha.
    Funciona da seguinte maneira.
    Chamo um moleque e passo a mensagem. Ele vai e regressa se houver resposta.Ganha um real e estamos resolvidos.
    Brincadeira a parte. Chegando a casa vou checar e havendo chance te ligo.Estou de férias e deixo o celular encostado.
    Fiz entradas que estão perdidas ai por cima.
    Obrigado por teres chamado.
    Love.

    Pacheco.

  41. Targino Silva.
    Repriso tuas palavras para a Nina:

    Nina.
    Não entendo voce.
    Existe muita literatura na praça sobre 64.
    A visão do Pacheco é parcial.
    Procure alguem que teve um parente desaparecido,
    que não tinha nada a ver com o pato e pagou a conta.
    A o golpe de 64 tem muito a ver com a guerra fria.
    Pra chegar no golpe de 64 primeiro, voce tem que estudar
    a conjuntura mundial da época. desde Juscelino,
    Jânio Quadros, João Goulart até o golpe e depois
    seguir ate o AI-5 e a abertura política.
    Os documentos do golpe estão sob sigilo por mais 60 anos.
    Os efeitos dos golpes, permanecem até hoje, a violência
    a miséria e impunidade de políticos pros.
    São 20 anos de chumbo, chumbo grosso,
    derretido, com diz o soldadinho de chumbo.
    15:28
    E digo:
    Targino.
    Não consigo te entender em certos comentários.
    Existe muita literatura parcial na praça. Concordo.
    A tua visão Targino é imparcial?
    Desaparecidos existem e existiram dos dois lados.
    Que golpe falas?O dos comunas?Dos que aplaudiam o paredon do Fidel?
    È necessário que haja sigilo.
    Foi negociada anistia e atendidas às exigências dos contrários.
    Deixe a Nina andar sozinha. Ela tem 35 anos e sabe encontrar seu caminho.Pediu apenas colaboração e não orientação.
    E o Soldadinho de chumbo vai bem obrigado. A idéia foi tua quando me chamaste de rei dos disfarces.
    Portanto derreto o chumbo com prazer.
    E fico menos babão.
    Abraços.
    Pacheco.

  42. Ana

    É. É uma “tentativa” de hedonismo. Fracassada. Então fica-se no meio a meio. Ninguém vai pra lado algum. Ninguém, decididamente, faz nada. É tudo circustancial. Como a sua ida ao diretor de Ópera.
    Será mesmo?
    Sempre me levanto da cama me pergutando se não peço demais, quando penso e peço um mundo que, pelo menos, faça sentido…

  43. Garganta

    Caro Vampiro,

    Eu comentei o seguinte no blog do jornalista Reinaldo Azevedo:

    “Caro Reinaldo,

    ‘…que Israel já tinha perdido a guerra de propaganda.’

    Será que essa não é a pior derrota? Agora grupos terroristas têm “bons” argumentos para persuadir as pessoas, obtendo novos recrutamentos e investimentos. A meu ver, a ação de Israel foi impensada. Entendo que Obama ao assumir talvez seja presenteado com uma bomba.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.”

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  44. Não caia fora deste Blog, Gerald, por favor. Não o faça!!!
    Dei a cara à tapas – sou judia. “Bateram” fundo, forte; pesado.

    Lembrei-me, por vários motivos, de Pirandello e … “Seis personagens à procura de um autor ” …

    Um abraço, Gerald!
    Um abraço, “genio Gerald”!

    Susan judia (17.48hs.)

  45. Ana

    Digo: ninguém vai para lado algum: nem social (mundo e todas as suas inteções sociais e culturais), e ninguém consegue viver verdadeiramente para si mesmo e seus prazeres, suas vontades e objetivos. Isso é uma ilusão. Essa coisa de achar que se conseguiu algo, aquele algo mesmo que se queria.

    É uma loucura. Esse meio a meio sem sentido. Tudo feito nas coxas. Como são feitos os filhos do mundo: nas coxas. Sem compromisso social, cultural, e muito menos pessoal.

  46. Ana

    Aliás, tái: pensar o mundo é algo que, definitivamente, te coloca muito longe de qualquer coisa que, mesmo ilusória, pudesse te fazer feliz. É como descobrir que a paixão não passa de química…

  47. Garganta

    Caro Gerald,

    Há uma música que por vezes lembro, se eu leio notícias de guerra ( ou monstruosidade):

    “Pensem nas crianças
    Mudas telepáticas
    Pensem nas meninas
    Cegas inexatas
    Pensem nas mulheres
    Rotas alteradas
    Pensem nas feridas
    Como rosas cálidas
    Mas, oh, não se esqueçam
    Da rosa da rosa
    Da rosa de Hiroshima
    A rosa hereditária
    A rosa radioativa
    Estúpida e inválida
    A rosa com cirrose
    A anti-rosa atômica
    Sem cor sem perfume
    Sem rosa sem nada” ( ROSA DE HIROSHIMA, não sei se é o Vinícius de Moraes o autor[ se eu decobrir, eu publico])

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  48. Renato

    Às vezes me assusta mais o engajamento do que o alheamento.

    O alheamento pode ser cruel, por funcionar dentro de uma lógica de exclusão, do tipo “se não me incomoda, pra quê me preocupar”. É a indiferença pelo problema do outro, ou a superespecialização – “eu sou o cara do fígado, o que acontece no baço não é da minha conta”.

    Já o engajamento carrega sempre o perigo do totalitarismo que, honestamente, me assusta muito mais. As piores barbaridades foram cometidas tendo por trás as mais singelas intenções. E o pior é que até as sociedades mais avançadas, por vezes flertam com um certo “totalitarismo bem intencionado”. São as tais soluções abrangentes, cujo combustível é o famoso “eu sei o que é melhor pra você”.

  49. gthomas

    de fato, Renato, nao tem nada pior do que “eu sei o que eh melhor pra vc”.

    Pacheco: deixei recado no seu celular

  50. Gerald,

    Alguém o chamou, aqui, de “águia”. Não me lembro exatamente quando foi, mas, “parece-me” que tinha um certo propósito zombeteiro e gratuito.

    Você é realmente uma águia – aquela que … enxerga loooonge, tudo aquilo que muitos de nós … apenas .. “vemos”!

    Congratulations, Mr. Thomaz!
    Susan judia

  51. Nina

    que legal… fui até ali e voltei

    e tá tudo fora de ordem de novo, esquizofrênicos diálogos

    IG… QUE VERGONHA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  52. Nina ( IndiGnada com o IG)

    assim num dá

    “Eu não espero pelo dia
    Em que todos
    Os homens concordem
    Apenas sei de diversas
    Harmonias bonitas
    Possíveis sem juízo final…

    Alguma coisa
    Está fora da ordem
    Fora da nova ordem
    Mundial…”

    num dá..
    fui

    bjs

  53. gthomas

    Nina – eu sempre concordo com vc e te adoro!

    mas porque a bronca com o IG?

  54. Nina ( IndiGnada com o IG)

    pq os comentários entram fora de ordem Gerald, e isso se torna um diálogo completamente esquizofrênico e cansativo

    im out

    entendeu?

  55. gthomas

    Nina, o IG ja reconheceu o problema. Quase todos os servidores tem esse problema.

    Ou melhor, estao tendo

  56. gthomas

    Vc esta out?
    Caramba!
    nao quero entender.
    estou na Ellen, cuidando dela.

  57. Nina ( IndiGnada com o IG)

    Soldadinho de chumbo

    quem decide se a opinião do pacheco interessa ou não sou eu não vc.

    Pacheco, quer falar fala, não quer não fala, tá bem?
    Eu gostaria de ouvir. Nem me interessa tua posição política, não´é este o contexto do meu trabalho.
    Isso vale pra vcs todos que estão me enrolando com esse papo de cal…

    que calvário minha nossa senhora das mulheres desesperadas por conhecimento de dita-dura….

    out do ig Gerald….
    bj

  58. Nina

    beijo a todos
    tenho que ir
    até mais tarde

  59. gthomas

    Pacheco:

    Manda ver nas listas! OTIMO.

    Obrigado pelo termo “geraldiar”

    ou no gerundio (nao estariam a nos entender em Portugal)

    LOVE
    G

  60. So.

    Sabemos que nada sabemos,acreditamos? ou nao acreditamos ?O individualismo estar corupto.

  61. Carlos

    Se levarmos em consideração as teorias de Kondratiev até que, acerca da crise econômica, não há motivos para total pessimismo xD.

    Já que somos obrigados a viver no Capitalismo – sistema que se consagrou mesmo impondo todos esses sacrifícios – podemos nos consolar com o fato de que crises como as dos anos 30 e essa que veremos se aprofundar daqui pra frente marcam o fim das ondas estruturais declinantes…

    Claro que só serão beneficiados os que sobreviverem à destruição massiva de forças produtivas – cidades, máquinas e populações – que as caracterizaram até hoje xD,

    Boa sorte a todos – afinal, Kondratiev pode ter errado….

  62. Aninomyous

    Muitas vezes é assim mesmo, as guerras, brigas, lutas, desavenças, sentimentos ruins, etc. tornam as pessoas brutas, insensíveis, indiferentes, ou pior as deixando agressivas, condissionando a natureza ao besta fera, ao estado de torpor da criatura sanguinolenta…é preciso pausar, inspirar fundo, brecar a natureza e ir contra ela, mesmo que a princípio soe falso, o kra ‘faça tipo’, banque o ridículo, mas é que ao atravessar a tênue fronteira entre a lucidez e a loucura não há mais caminho senão tentar a volta….tomara que encontrem, vençam, conquistem e convençam, porque de odio e loucura estúpida o mundo já está cheio….tem tanta gente assassina nas ruas quanto poluição correndo nos rios…pra não dizer outra coisa.
    Abraço

  63. Aninomyous

    Errata: condicionando a natureza da pessoa à agressividade, que é uma forma de ‘defesa’ dos frageis e fracos…conseguir ser firme sem dissipar energia com odio ou agressividade é a verdadeira forma de ser guerreiro, e eu ia dizer que tem tanta gente pagando de assassino nas ruas quanto bosta flutuando no Tiete, mas achei pesado, em um mundo de guerras sem possibilidade de negociação, qualquer demonstração deste tipo já é uma imensa demonstração de força…falou! 😉

  64. gthomas

    TOM O’HORGAN, do La MaMa, original diretor de “Hair”, grande inovador do teatro, morre aos 83 anos, na Florida. Ontem.

    Tom O’Horgan, Groundbreaking Director of Superstar, Hair and More, Has Died
    By Kenneth Jones
    12 Jan 2009

    Tom O’Horgan
    photo by Aubrey Reuben

    Tom O’Horgan, the Drama Desk Award-winning, Tony-nominated director who brought a downtown ethic to his Broadway projects, including the original Broadway productions of Hair and Jesus Christ Superstar, died in his sleep Jan. 11 at his home in Venice, FL, his caregivers Marc and Julia Cohen announced.

    He had suffered from Alzheimer’s disease in recent years. He was 84 years old.

    Mr. O’Horgan was a composer, singer, actor, director and musician who directed many productions for Café La Mama, the downtown Manhattan institution that embraced experimental and non-commercial works. In his Playbill bio for the original Broadway run of Jesus Christ Superstar, which he directed and “conceived for the stage,” he said he “was able to blend all aspects of the theatre without letting any part become secondary to the others.” In directing Off-Broadway’s Tom Paine and Futz!, he “was also able to approach the direction he would like to see the theatre head towards — the Greek and Renaissance concept of actor/musician/dancer.”

    Broadway experienced his mission when he directed Hair, “the American tribal love rock musical,” which landed on The Great White Way with a major splash in April 1968. His Broadway production of Hair was a revised version of the musical by Galt MacDermot, Gerome Ragni and James Rado, following the groundbreaking show’s 1967 bow at The Public Theater.

    Mr. O’Horgan won Drama Desk Awards as Outstanding Director for 1971’s Lenny (for which he also composed music) and 1969’s Futz! (he also directed and composed the score of its film version).

    In 1969 he was nominated for a Tony Award for Best Direction of a Musical for Hair.

    In 1968 he took home the Drama Desk’s Vernon Rice-Drama Desk Award for his direction of Paul Foster’s Tom Paine, which was conceived for the La Mama troupe.

    In the early 1970s Mr. O’Horgan was a major name on Broadway, challenging the establishment and making money for it at the same time. At one point, he had four Broadway projects on the boards: He was director of Hair, Jesus Christ Superstar, Lenny and Inner City. His other Broadway directing credits, according to Internet Broadway Database, include the musical Dude, the plays The Leaf People and I Won’t Dance, the revival of the Friml musical The Three Musketeers (1984) and a project called Senator Joe, a 1989 musical about Sen. Joseph McCarthy (for which he wrote the music) that never officially opened.

    Mr. O’Horgan also directed the film version of Eugene Ionesco’s Rhinoceros starring Zero Mostel, Gene Wilder and Karen Black.

    Even after his commercial heyday, Mr. O’Horgan reportedly directed readings Off-Off-Broadway, or hosted workshops and concerts in his spacious loft.

    The New York Times reported in 2007 that he left New York City — and his 840 Broadway loft, site of many a salon and starry party — for good. His health was declining. The paper reported that he said he saw The Public Theater’s 2007 concert of Hair at the Delacorte Theater in Central Park, but that he didn’t remember it. That production, which he was not associated with, returned to the park in 2008 and is moving to Broadway this spring.

    Perry Kroeger, an actor in Mr. O’Horgan’s 1977 revival of Hair told the Times in 2007 that the director “was waiting patiently for [New York City theatre] to return to its normal state,” seemingly, a state where experimentation was embraced, and homogeneity rejected.

    Ben Vereen, who starred in Mr. O’Horgan’s Hair and Superstar, said in 2007 that shows like Spring Awakening were possible because of the ground that Mr. O’Horgan broke.

    Vereen told the Times, “I see a show like Spring Awakening, and I say, ‘Oh, that’s Tom O’Horgan,’ but no one stands up and says ‘thank you.'”

    Mr. Vereen is expected to be part of the celebration of Mr. O’Horgan’s life later this year.

    A Chicago native, Mr. O’Horgan received numerous honors in recent years including an Honorary Doctorate from De Paul University and a Lifetime Achievement Award from the Innovative Theater Awards.

  65. Aninomyous

    Discordo que as coisas devam ser destas formas, que os caminhos sejam sempre repetidos, como aquela afirmação, de que com a idade a gente pode tomar decisões diferentes das mesmas coisas que já tenhamos vivido, por que não experimentar algo novo? já viram o dramalhão e que o prejuíso é maior na guerra, na recessão e fome por criar um gargalo no dinheiro e estancar o progresso em nome da falta de ousadia diante das adversidades, por que não tentar a inteligência uma vez na história da humanidade para variar? …? por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?…por que?… … … …

  66. Atarefado

    “Sem música para decorar, tempo é só a monotonia de prazos de entregas e contas à pagar.”

    Zappa

    Cultura não enche o buxo de quase ninguém, mas sem ela a vida se tornaria insuportável…

  67. Nina.
    Ja tem bastante material para voce formar opinião.
    A principio, todos nos apoiamos o golpe.
    Mas quando vimos que os homens não queriam deixar
    o poder, inventavam inimigos, jogavam bombas em jornais
    para acusar os comunistas e permanecer no poder, o Brasil
    começou a reagir contra o golpe exigindo ao retorno a
    democracia. O Gal. Geisel chegou a declarar, eu vi num
    documentário, ser contra eleições diretas.
    Por que? Porque nas indiretas ele punha quem ele queria.
    Era voto de cabresto. A reação popular transformou o
    Brasil, numa democracia, nunca antes vista na historia do Brasil.
    A prova disso é a internet.
    Aqui fala o Pacheco, fala o Targino, fala todo mundo.
    A Lei so nos cobra responsabilidade.

  68. Ricardo Francisco

    Caríssimo GT. Fico pensando em um grand finale!!!
    Você,ocidental Germano-americano(será que está correto???),travestido de tupiniquim…será sua mea culpa???, trancafiado em uma ilha deserta..por vontade própria..seria seu suicídio???, ou então por uma revolta popular do povo sulamericano(será que está correto???),…Ah!!! com a compania daquele bestialóide..Diogo Mainardi…acendendo velas pretas para o Paulo Francis.Você com seus pensamentos desconexos…isso é marca registrada de um intelectualóide???, ele, coitado…comentar fato acontecido…acho que só ele e meia dúzia de bastardos acreditam que isso seja jornalismo..ou qualquer coisa que possa parecer.

  69. Reinaldo Pedroso

    12/01/2009 – 20:45

    Enviado por: Reinaldo Pedroso

    12/01/2009 – 12:08
    Reinaldo (…)
    Não está certo colocar cal nisso, (…)

    Nina
    “Deu ruído”, eu te explicarei.
    Reinaldo

  70. Nina

    Ricardo Francisco

    traduza por favor

  71. Garganta

    Caro Gerald,

    Retomando a sua analogia automotiva, eu assisti ( agora mesmo) um filme, a meu ver, excelente: “Encurralado( Duel)”.

    Quantas analogias fiz, Jesus!. Parecia um duelo entre o anão nietzschiano( David Mann), de um lado; e, de outro, um caminhoneiro de instintos liberados( não sei se um além-do-homem [ não sei nem se é esse o termo mais adequado para empregar no lugar de super-homem]).

    Eis as cenas mais interessantes, no meu entender:

    Eu gostei do pacato David, meio que por obrigação moral, ajudando as criançinhas; mas sem sucesso. Por outro lado, o caminhoneiro com a força do caminhão, obtém exito.

    Tem duas outras: na primeira o caminhoneiro destroi a jaula de serpentes e aranhas da velhinha; na outra, ele faz os outros dois velhinhos, que David tinha solicitado ajuda, fugirem.

    Eu, como bem disse,escrevi isso em razão da sua ótima analogia ( eu realmente me encantei). Também notei essas suas pertinentes palavras:

    “Eu sei, mas isso foi demolido pelos iconoclastas ou pelos desconstrutivistas. Eu fui um deles. Ou o último vírus nessa grave epidemia. E agora? Body Parts? Ainda? Ainda destruindo. Não. Reconstruindo.”

    No filme dirigido por Spielberg, o caminhão furioso e aniquilador é destruido junto ao carro, que pertence ao regrado David. Daí eu notei que o filme “Duel” se passa num deserto, uma estrada sem vida. Será que se o nosso mundo estiver cheio de gente morta ( que adora a novela favorita; ou shows da Madonna), é possível reconstruir algo?

    Eu, assim como muitos, vejo o nazismo, fascismo e etc. como uma busca de retornar para uma idade clássica ( conservadorismo puro, como vemos pela arte apreciada no III Reich). O nazismo, fascismo (talvez eu possa incluir o comunismo) cairam, se machucaram e, acredito, morreram. Pergunto-me: não é bem fundada a afirmação de que qualquer tentativa de reconstruir um mundo mais linear dê errado, em razão dos desastres anteriores?

    Por isso tudo, eu acredito que devemos regar esse deserto ( chega de um mundo reg(r)ado (relembrando, você, Gerald) a “A Favorita” e Madonna. Temos por obrigação, como parte do mundo( pois existimos), educar e revigorar a cultura. Assim, talvez seja possível reconstruir o mundo ( talvez seja o primeiro tijolo).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  72. Paulo do ponto G.

    A little boy in Aberdeen, Scotland, was disciplined by his mother, who used to say to him when he
    was naughty, ’Now, God won’t like that.’ And when he was particularly unruly or disobedient, she
    would say, ’God will be angry.’
    Usually these admonitions were sufficient, but one night when she had prunes for his dessert at
    supper, he rebelled. He refused to finish the prunes on his plate. She pleaded, she coaxed. Finally
    she said, ’Now, God won’t like this. God doesn’t like little boys who refuse to finish all their prunes.’
    But the little fellow was quite unmoved. She went on further to say, ’God will be angry.’ But for some
    reason or other the little boy stubbornly refused to take the last two prunes which lay on his plate…
    dark blue, wrinkled tokens of his rebellion.
    ’Well,’ said the mother, ’you must now go to bed. You have been a very naughty boy, and God is
    angry, really angry.’
    So she packed him upstairs and put him to bed. No sooner had she come down than a violent
    thunderstorm broke out. The lightning was more vivid than usual. The thunder clumped up and
    down the sky with shattering reverberations. The suddenly angry wind threw handfuls of rain against
    the windows. It was a most violent storm, and she thought her little son would be terrified and that
    she should go up and comfort him. Quietly she opened his bedroom door, expecting to find him
    whimpering in fear, perhaps with the covers pulled over his head. But to her surprise he was not in
    bed at all; he had gone to the window. With his face pressed against the window pane, she heard
    him mutter, ’My, my, such a fuss to make over two prunes!’

  73. Paulo do ponto G.

    Cohen, aged eighty-six, had lived through beatings in Polish pogroms, concentration camps in
    Germany, and dozens of other anti-Semitic calamities.
    ’Ah, Lord!’ he prayed, sitting in the synagogue. ’Isn’t it true that we are your chosen people?’
    And from the heavens boomed a voice, ’Yes, Cohen, the Jews are my chosen people!’
    ’Well, then,’ wailed the old man, ’isn’t it time you chose somebody else?’

  74. Paulo do ponto G.

    A little boy leaned over and asked his mother, ’What is a substitute?’
    ’Well, for example, son, if you threw your baseball through the window and broke it, and we didn’t
    have another real pane, we could put a piece of cardboard in the window… that is what we call a
    substitute.’
    When the substitute minister had finished preaching that morning, the little boy leaned over and
    said, ’Mother, this sure is not a substitute… he is a real pain!’

  75. Garganta

    ERRATA ( DO MEU ÚLTIMO COMENTÁRIO):

    “Por isso tudo, eu acredito que devemos regar esse deserto ( chega de um mundo reg(r)ado [relembrando, você, Gerald] a “A Favorita” e Madonna). Temos por obrigação, como parte do mundo( pois existimos), educar as pessoas e revigorar a cultura.”

    PS: devia fazer outras emendas, mas essa é a mais necessária.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  76. Nina

    Definitivamente. Pensei, reli, licoisas antigas que guardo particulamete escritas por Gerald Thomas, mas este texto é tão essencialmente necessário agora, como reler o Mal Estar na Civilização de Freud. Agora.

    Preciso dialogar com ele (o texto) para me descapturar de suas entranhas.

    _________________________________________________

    GT
    “Antes de retornar à cultura, observo que o mundo tem fome, e que ele não se preocupa com a cultura; e que é apenas de maneira artificial que se quer dirigir para a cultura pensamentos que estão voltados unicamente para a fome.
    O mais urgente não me parece tanto defender uma cultura cuja existência jamais salvou um homem de ter fome e da preocupação de viver melhor, e sim extrair disso que se chama de cultura ideias cuja força viva seja idêntica à da fome.”

    Isso é simplesmente genial. Me responde a 6 longos meses de estudo sobre o mal-Estar de Freud. É tão brilhante que só ele, se estivesse vivo poderia escrever, ou chegar a isso. Sim a fome. A fome é enorme, não importa o tempo. Quanto mais tempo passa mais dívida de fome. Preço a pagar. Dívidas eternas… civilizatórias…Nos últimos dois capítulos do Mal-estar o inimigo não é mais a libido, ma a destrutividade (fonte do sentimento de culpa). O que diz GT nesse texto? a mesmíssima coisa, mais de 100 anos depois, VIVEMOS isso.

    GT:
    “Vivemos várias vidas. Não vivemos linearmente. Não pensamos linearmente. Daí a importância de Joyce”

    E o fluxo de consiência tem algo de inconsciente, a não ser a livre-associação de idéias? Quero dizer, que merda de várias vidas vivemos se não a nossa, quando o lá fora está tão distante e pode ser medido pelo som do ipod… sim pode. Faz muito tempo que não ando na rua sem ouvir música no mais alto volume, já fui quase atropelada 3 vezes, por estar distante. Que porra de pulsão de morte move meu fluxo joyciano? Já não sabemos mais. Autômatos. pedaços de corpos. Autômatos como bonecos de Farnese de Andrade. Faz quanto tempo que morri?

    GT
    “E o teatro sempre foi o espelho disso: Hamlet, seu melhor expoente até hoje. Ah sim, o canibalismo verbal. Tem aqueles que amam chamá-lo de antropofagia. É que virou, digamos assim, “moda”, roubar e não devolver. Roubam vidas. Roubam identidades.”
    Freud analisa Hamlet dizendo: “O Herói não é psicopata, mas somente se torna psicopata no decorrer da ação da peça”. que conflito seu personagem espelha? O que se dá de identificatório de nós em Hamlet.

    O ator é um espelho da nossa catárse contida.
    A barbárie é o ato de nossa fome insaciável.
    A culpa, nossa herança, isso quando não é coisa pior que culpa, como por exemplo uma culpa deformada, ou uma não culpa.

    BRILHANTE TEXTO GERALD T.
    BRILHANTE!

    O “mal”, diz Freud em o Mal-Estar, é num começo aquilo pelo qual a pessoa é ameaçada com a perda do amor…
    Eu acredito nisso
    E no “mal radical de Kant” também.

    E no amor.

    Boa noite a todos
    (Pacheco tô de male con te)

  77. Luciana

    Na vida real ,como no mundo virtual, também tem espaços patológicos, onde pessoas vivem vidas paralelas à sua vida normal de bom marido, bom trabalhador, bom amigo.Ah a vida é tão complexa, não é linear e podemos nos perder ,hoje em dia , com toda essa complexidade que vem como avalanche de estimulos, velocidades vertiginosas de tendências e idéias.O mundo se desdobrou em outros mundos.Será que tem algum lugar para fugir de tudo isso

  78. Nina

    12/01/2009 – 19:33
    Enviado por: targinosilva

    Targino querido.
    Se fosse isso que eu quisesse saber procuraria num livro.
    O que preciso não cabe aqui, por isso dei um e-mail pessoal.
    O artigo é completamente impessoal, sossegue, nem te conheço.

    Do pacheco já estou de mal, com vc não tenho tanta intimidade, mas visto sua insistencia no assunto, me interessaria muito não ficar de mal de vc.

    Obrigada
    Abraço

  79. Luciana

    Sei que não dá para se alienar de tudo o que acontece no mundo, por mais que se queira fugir de tudo isso.Não dá.Hoje em dia é impossível.Mas tem pessoas que vivem muito vezes alienadas de si mesmas.Não sei qual o mecanismo do desencadear de tantos conflitos entre os seres humanos.Talvez tudo isso seja o reflexo desta alienação de si mesmo.No final, todos nós somos culpados e responsáveis por tudo o que está acontecendo.Temos a escolha, o caminho da selvageria, do tribalismo ou o caminho da compreensão e da continuação desta compreensão.

  80. Luciana

    Compreensão de sabermos que somos imperfeitos, que podemos errar, acertar, fantasiar, imaginar tudo o que queremos.Isso não quer dizer vamos sair por aí colocando tudo em prática.Algumas pessoas ,infelizmente, não sabem a diferença da realidade e do mundo imaginário.Esses são ,no meu parco entender, os psicopatas, os tiranos.Os sonhadores e fantasiosos ingênuos não fazem mal a ninguém.Quem sabe o mundo seria melhor com pessoas assim sonhadoras ,românticas , fantasiosas que quando falam saem flores, passarinhos , arco íris somente.

  81. Garganta

    Caro Gerald,

    “porque somente os GRANDES BANCOS lucram no BR?”( Gerald)

    Não quero fazer papel de denunciador quixotesco, mas acredito que isso ocorra no mundo. É só dar uma crise de créditos( talvez seja a maior de todos os tempos), que tem-se uma ameaça da Terra desaparecer, Jesus!

    PS: No Brasil, isso é mais evidente, claro.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  82. ……………………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………………..
    …………………………………………………………………………………………………………….
    ……………………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………………
    ………………………………………………….bom,………………………………………………..
    …………………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………………já,………………………………………………
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ……………………………………………………que,………………………………………….
    ………………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………………isso…………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ……………………………………………………aquí,………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………..
    …………………………………………………….virô,………………………………………..
    …………………………………………………………………………………………………….
    ………………………………………………o juquirí……mesmo……………………….
    …………………………………………………………………………………………………….
    …………………………………………………….então,……………………………………
    ……………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………………………………vãmo,..lá.!!……………………………….
    ………………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ……..”..tómo un bãnho di LUA,….pãn pãn pã pã pãnn,………………..
    ……………………………………………………………………………………………………..
    ………………………………………………..fico brãnca como a néve,………….

    …………………..pãn pãn pã pã pãnn,……………………………………………..

    …………………………………………………sí u LUAR é meu amigo,…………

    …………………pãn pãn pã pã pãnn,……………………………………………..

    ………………………………………………………censurá ninguém,..
    …………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………..sí atrévi.”….!!!
    ………………………………………………………………………………………………….
    …………………………………………………………………………………………………….
    …………..ou seis preférem que eu vólte prá,……………………………….
    ……………………………………………………………………..maísa..?……………….
    ……………………………………………………………………………………………………..
    ………………………………………………………………………………………………………

  83. Sue (Contagem regressiva...para o COMECO da Mudanca)

    Gerald Querido…..

    Continuo te admirando na distancia….

    LINDO LINDO texto….

    **A Foto – tambem sugere COMEMORACAO , comemoracao…nao pela vitoria de uma batalha , e sim comemoracao desses soldados da FOTO ainda estarem VIVOS , com vida….

    Enfim…triste cruel mas real….

    Voce escreve , faz analogias…com NIMGUEM….mais uma vez MAGNIFICO….

    E quando voce **exemplifica**
    ****Vivemos várias vidas. Não vivemos linearmente. Não pensamos linearmente. Enquanto dirijo um carro, e no CD player estudo uma opera de Wagner, me emociono com uma ária qualquer, mas não perco o foco de PRA ONDE estou indo e o movimento dos carros. Tenho que frear, quando os carros freiam. Sei que estou indo visitar alguém que me importa, uma visita/appointment que me trará algo de importante: um diretor artístico de uma opera. Portanto, estou nervoso. Tenho, digamos, dois amigos no carro. Eles conversam entre si. A conversa é política. Não posso deixar de ouvir o que dizem e, portanto, “sentir” e me envolver com o que estão dizendo.

    1- emoção com a opera que está tocando

    2- atenção no trânsito

    3- tensão com o encontro

    4- prestando atenção às pessoas na rua, aos detalhes dos loucos e não loucos que atravessam a rua, aos “tipos” que me chamam atenção….

    5- a conversa que rola no carro

    6- desconforto físico, o cinto de segurança que me estrangula, misturado ao cachecol por causa do frio

    7- olhando sempre no relógio preocupado com o horário

    8- a opera no CD player está chegando a um clímax e eu subo o volume e me emociono mais: isso me traz lembranças de quando eu..(não sei mais, dirigi essa opera em, a, b, c ou d e com quem eu estava nessa época, entende as ramificações?). Ou meus pais me contando sobre essa opera em alemão ou inglês quando menino etc….

    Ou, ainda, como falhei ou fui um sucesso e a casa vindo abaixo e o que eu podia ter melhorado….quando dirigi tal opera…

    TANTAS COISAS TANTAS COISAS…

    *******

    E isso ai vivemos, fazemos MIL COISAS , mas so percebemos quando alguem magnifico como VOCE para e escreve sobre….

    Voce em especial vejo que sua mente…Brain , nao para nao para nunca…esta sempre fazendo mil coisas a MIL por hora….

    Mas enfim…ESCREVE VAI ESCREVE para o Teatro…sobre os **Baraks ou Baracks** , mas nao abandone o Blog…voce pode e faz tudo junto MAGNIFICAMENTE….

    Pois se sua peca/opera nao for para os Palcos de New York , como poderei contempla-la….

    Continue a fazer tudo…MAGNIFICAMENTE e fazer o bem !!!

    Beijos

    Sue

    PS Que bom que **nossa** Ellen esta melhor…..

    Fui…caminho de casa ainda eh longo….

  84. Tene Cheba

    Infinito texto, maravilhoso, infinita esperança, infinito ser, infinita sobriedade, enfim o meteoro nos tornarão iguais, enfim os dinossauros, soberbos, viverão, e os rios jamais secarão.
    Mate-me com carinho.Explode a minha vontade, abra, calabra, cadê minha granada? Mate-me, morra, porra,. eu não digo verdades, eu sou, o menos amor, eu sou a falta de tudo, mais que tudo.Mate- me com ardor. Sim, mil poemas, dez poemas,um poema apena, me mantém, sóbrio e orgulhoso,um poema apenas,desvia, todos os mísseis, um poema apenas, não traduz, todas as bombas,todas as Misericórdias.Um poema apenas, me diz, mas não me dissolve.Grande poema, grande plenitude, grande poder, um poder apenas,não me traduz Jamais, jamais gostei, da grande translação da Terra.

  85. Garganta

    Caro Gerald,

    “…eu subo aqueles 67 degraus que me levam ao apartamento dela lá no 5º andar e penso nessa foto dos soldados e nas mortes e nas tantas explosões, e no fogo de uma lareira e na posse de Obama e nas economias falidas e nos seres humanos falidos porque é cão contra cão. Cão come cão!” (Gerald)

    Quero beber tranqüilamente ( avive mais o sentido de segurança nesta palavra também), pelo menos um pouco, dessa fonte. Por favor, por que você não faz uma lista de seus filmes favoritos?

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  86. gthomas

    Nina e Sue, super obrigado

    estou aqui com a Ellen e esta dificil de escrever mais

  87. Paulo do ponto G.

    Dez coisas que levei anos para aprender
    ( Luís Fernando Veríssimo)

    1. Uma pessoa que é boa com você, mas grosseira com o garçom, não pode ser uma boa pessoa.(Esta é muito importante. Preste atenção. Nunca falha).
    2. As pessoas que querem compartilhar as visões religiosas delas com você, quase nunca querem que você compartilhe as suas com elas.
    3. Ninguém liga se você não sabe dançar. Levante e dance.
    4. A força mais destrutiva do universo é a fofoca.
    5. Não confunda nunca sua carreira com sua vida.
    6. Jamais, sob quaisquer circunstâncias, tome um remédio para dormir e um laxante na mesma noite.
    7. Se você tivesse que identificar, em uma palavra, a razão pela qual a raça humana ainda não atingiu (e nunca atingirá) todo o seu potencial, essa palavra seria “reuniões”.
    8. Há uma linha muito tênue entre “hobby” e “doença mental”.
    9. Seus amigos de verdade amam você de qualquer jeito.
    10. Nunca tenha medo de tentar algo novo. Lembre-se de que um amador solitário construiu a Arca. Um grande grupo de profissionais construiu o Titanic.

    Quero, um dia, poder dizer às pessoas que nada foi em vão… que o AMOR existe, que vale a pena se doar às amizades a às pessoas, que a vida é bela sim, e que eu sempre dei o melhor de mim… e que valeu a pena!!!

  88. Tene Cheba

    Tantas coisas importantes, tantos mundos pequenos, tantas mentes vazias, tantos seres inquietos, tantos desertos, tantos Saaras, na minha trilha, tantas paredes ,encostei, tantas balas vieram, tantos corações, tantos, tantas mentes,tantas verdades, um ponto de vista, sem perspectiva.Tantas balas disparadas, tanto sigma e omega, tanta gama e beta, tanto decaimento, tantos neutrinos, tantos neutrons, tantas granadas, tanta razão, tanta gente morta, tanta gente Viva, a Emoção.Muito pròtons, muito neutrons, muita gente sem gente,

  89. gthomas

    Fabio
    sinceramente nao entendo porque vc nao consegue ou nao quer comentar mais um texto meu como fazia antigamente. So entra aqui pra que mesmo? Pra cantar musicas? Nao entendo a tua falta de tempo. Nao entendo. E o texto? E o conreudo de texto?

    Tudo isso porque vc mesmo nao conseguiu me provar porque o teu amor pelo Paulo Henrique Amorim era, sei la o que? E porque eu te perguntei que, se o governo Lula era tao tao tao fantastico assim como vc afirmava, porque a existencia de um MST a essas alturas

    e…porque o LULA, lider dos trabalhadores, pobres e oprimidos ainda nao fez a tal reforma agraria???? Hein???

    porque somente os GRANDES BANCOS lucram no BR?

    eh por isso que vc canta musiquinhas no meu blog?

    porque eh fanzoca do PHA ?

    e do Dantas?

  90. Nina.
    Mil perdões.
    Não queria melindrar voce.
    Eu carrego comigo um ditado antigo que aprendi com
    a minha vó.
    Eu sou de quem me quer.
    Não corro atrás de ninguem
    Não guardo ressentimento.
    Boa sorte.
    Bye, bye.

  91. Tene Cheba

    Grandes Humanos, grandes seres, grandes inimigos, grandes terras, grande solidão.Meu nariz é grande, minhas orelhas são coladas, mas meus semblantes, são espessos, meui tino continua igual. Tantas bombas, tantos mísseis, tantas crianças se foram.

  92. gthomas

    eh uma birra que rola entre Fabio e eu…
    ja explico assim que puder….

    tenho que tomar conta da MaMa aqui

  93. Rômulo B. Pereira

    “Os utopianos formam vários grupos dos prazeres que declaram verdadeiros, relacionando uns à alma, outros ao corpo. À alma pertencem a inteligência e a alegria que nasce da contemplação da verdade, bem como a doce lembrançade uma vida bem vivida e a firme esperança de um bem por vir. Eles dividem em duas espécies os prazeres do corpo. A primeira compreende a satisfação evidente, certa, que inunda os sentidos, como acontece primeiramente quando se renovam os elementos dos quais se alimenta nosso calor vital, restaurados pela comida e a bebida, e também quando se evacua tudo o que nosso corpo contém em excesso. Esse prazer nos é proporcionado quando liberamos os intestinos dos excrementos, ou quando engendramos filhos, ou quando aliviamos pruridos, esfregando-nos, coçando-nos a pele.
    Ás vezes, porém, há um prazer que nada oferece daquilo que nossos membros necessitam, nada retira do que lhes incomoda. Ele tem uma força secreta, e no entanto manifesta, que comove, encanta e seduz: tal é o efeito da música.”

    A Utopia – Tomás Morus

    Este Wagner é universal e era disto que estava falando no meu primeiro post (Ipods, N95…). Cultura!

  94. Garganta

    Caro Gerald,

    Se você entender que isso é zombaria minha, censure:

    “……………………………………………..Gérald..!……………………………………………….
    …………………………………………………………………………………………………………….
    ……………………………Comecei a ler teu texto,….ok,………..?!…
    ………………………………………..mas lá pela metade
    ………………………………….quase que minha RETINA,…..
    …………………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………………descóla……!!!……………..
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ………………………………………Teu texto tá parecendo
    ……………………………………………….um samba do
    …………………………………………………….. criollo
    …………………………………………………….DOIDO…!!!

    “(fabio)

    Isso está engraçado!

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  95. Vou beber no copo do Tene Cheba.
    Falar com as mentes vazias,
    rastejar no seu deserto,
    esquivar das balas perdidas,
    me vestir de chumbo para fugir
    dos raios gama, beta, alfa,
    impossível fugir dos neutrinos.
    Vou fugir dos mortos,
    encontrar gente viva que
    queira falar comigo.
    Gente de bom humor, de boa índole,
    que não sabe mentir, que
    sabe cantar, sabe aplaudir
    sabe vaiar, sabe agradecer.

  96. Tene Cheba

    Eu sou o lixo.Nunca fui ao Líbano, nunca visitei seus Montes.Mas meu tesão, é por Portugual,lá tem montes, montes de Montes.A França, não me atraí tanto.
    Gerald Thomas,. que lindo texto.Impossível evitar você.

  97. Rômulo B. Pereira

    “Com efeito, ao prazer de comer está associada a fome, mas não num pé de igualdade. A dor é mais violenta e mais duradoura, pois nasce antes do prazer e, quando morre, o prazer morre ao mesmo tempo.
    Eles acham portanto que não se deve dar grande importância aos prazeres desse gênero, a não ser na medida em que estão ligados à necessidade. No entanto encontram alegria neles, e agradecem à generosidade da natureza, nossa mãe, de ter posto, para seus filhos, atrativo e encanto nas funções que eles devem cumprir regularmente. Como seria triste a vida se, como certas doenças que nos visitam raramente, a cotidiana doença da fome e da sede só fosse curável à força de venenos e drogas amargas!

    Em troca, os utopianos têm em alta estima a beleza, força, a agilidade, vendo nelas verdadeiros dons da natureza, feitos para nos alegrar. Os prazeres que entram pelos olhos, pelas narinas, qua natureza reservou ao uso exclusivo do home, já que nenhuma outra espécie viva percebe a beleza do mundo, nem se sensibiliza pelo encanto dos odores que indicam a presença dos alimentos, nem distingue entre os sons os intervalos de que resultam acordes justos e harmoniosos, todos esses prazeres são por eles buscados como agradáveis condimentos da vida…”

    “…Quando eles nos ouviram falar das letras e da ciência dos gregos – pois não puderam ter grande estima pelos latinos, exceto por seus historiadores e poetas -, demonstraram um zelo admirável em quere aprofundá-las, ajudados por nossas explicações.”

    “…com efeito, as descobertas da medicina figuram como as partes mais belas e úteis daquela filosofia com a qual eles penetram os segredos da natureza, o que lhes dá alegrias admiráveis e lhes vale o favor de seu autor, o operário de todas as coisa. Este , agindo como fazem todos os operários, pensam eles, expôs a máquinado mundo a fim de que fosse contemplada pelo homem, o único ser capaz de comprendê-la; ele prefirirá portanto um espectador atento e interessa, que admire a sua obra, a um que permanece passivo como um animal e ignora esse grande espetáculo.”

    Para você, Maria Elizabeth Bueno de Godoy.
    Mulher, historiadora brilhante e linda!

    Acreditemos, pois ainda existe esperança!!!

  98. ……………………………………………..Gérald..!……………………………………………….
    …………………………………………………………………………………………………………….
    ……………………………Comecei a ler teu texto,….ok,………..?!…
    ………………………………………..mas lá pela metade
    ………………………………….quase que minha RETINA,…..
    …………………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………………descóla……!!!……………..
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ………………………………………Teu texto tá parecendo
    ……………………………………………….um samba do
    …………………………………………………….. criollo
    …………………………………………………….DOIDO…!!!
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ……………………………………Não dá prá comentá…!!!…
    ………………………………….por que tá dando VERTIGEM…!!
    ……………………………………………………………………………………………………….
    …aí,….vem o outro,..copiando o teu PRÓPRIO TEXTO,…aqui
    ……………………nos coments,…………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………….
    …..aí,..vem o pacheco falando da ditadura que não foi ditadura
    ……………………………………………………………………………………………………..
    ..aí,…vem o otrô,..falando que ESSE é teu mélhor TEXTO….!!!
    ……………………………………………………………………………………………………..
    ………………………………….pelamordedeus,…né…!!!…………………………
    …………………………………………………………………………………………………….
    …………………………………só me restô,…..CANTA,………
    ………………………………………..CELY CAMPELO….!!…………..
    …………………………………………………………………………………………………….
    ………………………………………………….óra..!!………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………..

  99. Luciana

    Targino Silva, Achei interessante este teu ditado.Concordo contigo em parte.Esse negócio de ficar atrás de alguém é muita perda de tempo mesmo.Não concordo ,no entanto, que somos de quem nos quer , penso que devemos procurar alguém que o gostar seja recíproco.Não dá para ficar com alguém que não se gosta.E ninguém ´deve amar alguém por obrigação.Agora não vejo nada de errado nas tentativas, um dia a pessoa acerta e encontra alguém que o gostar seja recíproco.Se não gosta da outra pessoa que gosta de você e mesmo assim fica com ela , não acho isso muito honesto.Mas não sou dona da verdade.Eu prefiro ficar sozinha do que ficar com alguém por medo de ficar sozinha.Acho que esta história de ficar com alguém por medo da solidão nunca termina bem.Mas quem não se apaixonou pela pessoa errada.E depois com o tempo se dá conta do tempo perdido.Atire a primeira pedra quem nunca passou por isso.

  100. ……………………………………………….Gérald..ll……………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………………
    ..Quanto a minha 2ª parte da TÉSE,………………………………………………..
    …………………………………………………………..é prá ser por
    ……………………………………………………………………………………………………….
    …………………………………………….E-MAIL,…………OK??
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ………………..Mas você MANDÔ EU TÊ ESQUECÊ,………….né….!
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ………Eu tava com éla prontinha no dia 8 de janeiro…………………..
    ……………………………………………………………………………………………………
    …………..mas se deu aquele pití,……………..via e-mail………………….
    …………………………………………………..então,……………………………………
    …………………………..eu guardei..!!!…………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………..

  101. …………………………………………..Gérald lll…………………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………………
    ..E eu não tô com birra nenhuma ,…não,………foi você que me deu
    ………………………………………………..ESPORRO
    ……………………………………..sem motivo,….nenhum…!!!
    …………………………………………………………………………………………………………….

  102. Rômulo B. Pereira

    “The histories of civilization, religion and philosophy improve and progress as they advance from their beginnings in the East and reach their peak in modern (that is to say, Hegel’s) times. By contrast, art reaches its peak in Greece. The modern period is treated as a period of artistic decline.”

    Acho que está na hora de reciclar o mundo!

  103. gthomas

    Zombaria eh saudavel

    Ofensa nao

    entao passa, como uva passa.

    Ta tudo certo Mr Throat.

    LOVE
    G
    ainda cuidando aqui…

  104. Luciana

    Targino Silva

    O amor é livre nunca uma prisão.
    Não dá aprisionar o amor numa gaiola porque o amor é um som que é livre como uma gaivota que é livre como o som.

  105. Tene Cheba

    Mulheres de burca, mulheres sem desejo.Mulheres famintas, mulheres santas, apedrejadas, mulheres infáliveis.Mulheres de burca, mulheres desnudas.Mulheres que param, mulheres destinadas.Procriam seus seus, não gozam sem dor, mulheres de Gaza, mulheres de rua, mulheres sem casa, mulheres nuas,mulheres sem pedras, mulheres sem filhos, que paril você, mulheres sem burcas, sem maçãs, sem serpentes.Mulheres tocadas, sem paraísos,mulheres de Osama, mulheres exclusivas,camelos sem sede, mulheres sem praias, sem bundas, sem olhos,sem lábios, sem mel, mulheres inundadas, minha máxima dor, meu mínimo olhar, seus beijos estuprados, sua falsa emoção.Mulheres sem Burca, Mulheres com Burca.

  106. Luciana

    Não dá para aprisionar o amor numa gaiola porque o amor é um som que é livre como uma gaivota e o amor é uma gaivota que é livre como o som.

    Tem um ditado atual que diz, Enquanto não aparece a pessoa certa fico com a errada.Também não concordo com esse ditado, acho que devemos ficar com as pessoas certas, e elas podem ser infinitas.Mas nunca com pessoas erradas.

  107. Gustavo

    Mas não vale jogar o lixo na Somália!!!! Depois aumenta a “pirataria” e a culpa é de quem????

  108. gthomas

    Tene Cheba
    eu sempre me comovo com voce

  109. Lilian

    Putz!!!!!!!!!

    Perto desses caras o Gerald ficou ainda mais romãntico!!!!!! ( risos)
    dois cientistas da arte!!! adorei essa conversa… nossa… nossa…
    arquétipos, mito ( configuração primeira de uma idéia), hermeneutica… isso tudo me lembrou DO UNDO REDOO da grande e vivíssima Louise Borgeouis… quem são esses caras Gerald?????????

  110. Lilian

    OBS: Eu não gosto dessa história do comentário ficar no lugar errado.

  111. Lilian

    O Blog está mentindo meu horário ,,,
    são 02:26 agora! e não 1:13… o blog está atrasado!

  112. Tene Cheba

    Gerald Thomas, você sempre me comove, você não merece as suas dores.Gosto muito te ler, Magistral Ser Humano, Notável Dramaturgo.

  113. Tene Cheba

    Targino, você é muito generoso.Grande Amigo, Grande Ser.

  114. santanna

    Reinaldo,

    Vi aqui no blog que vc é também da área de Design.
    Olha que legal:

    Respostas de Charles Eames, 1972.

    – O design é uma expressão de arte?
    C.E. : Prefiro dizer que design é a expressão de um propósito.
    Mais tarde ele pode, se for bom o suficiente, ser julgado como arte.

    – Quais são os limites do design?
    C. E.: Quais são os limites dos problemas*?
    (* problemas aos quais o design pode trazer uma solução)

    beijo

  115. Lilian

    Eu que brochei!!!
    fiquei esperando pra levar Bronca!!!!!!!!!

  116. Luciana

    Mulheres com burca, Mulheres sem burca, todas são mulheres , mesmo apedrejadas, mesmo estupradas, mesmo violadas em todos os sentidos, mulheres com burca que na verdade não tem burca, mulheres sem burcas que na verdade tem burca, mulheres que dão o amor, mulheres mesmo com burca dão vida à vida, mulheres de rua, mulheres sozinhas, são mulheres como todas, mulheres cegas, mulheres aprisionadas, mulheres meninas em botão, mulheres flores, mulheres que choram o amor que não apareceu, mulheres velhas, mulheres avós,mães e filhas, mulheres simplesmente mulheres que no coração do mundo serão rosas na lembrança do jardim de todos nós.

  117. Lilian

    Como é que é Gerald!!!
    Agora eu vou ficar sem dormir, imaginando oq vc ía falar…?
    ha! neimmm…. que saco!

  118. Lilian

    Papo chatíssimo esse! MAS ótimo texto! enfim! se não vai mais dizer…
    Boa noite!

  119. santanna

    Para Luciana,

    Em agradecimento ao lindo texto sobre as mulheres:

    Para ser grande, sê inteira:
    nada teu exagera ou exclui.
    Sê toda em cada coisa.
    Põe quanto és
    No mínimo que fazes.
    Assim em cada lago a lua toda
    Brilha, porque alta vive.

    Fernando Pessoa

  120. gthomas

    Como assim, Gustavo (FL) ? Lixo na Somalia?
    Didn’t get it….

    please explain

    Lilian: ja volto. Serio. Ja volto

  121. gthomas

    Lilian, peloamordedeus
    essa coisa de comentario fora da hora eh a coisa mais velha comentada aqui no BLOG

    Todo mundo so fala disso….

    ta chatissimo

    eu ia ate falar sobre outra coisa mas brochei

  122. gthomas

    nao se trata de bronca mas fica esse bla bla bla de horario e ninguem fala mais nada alem disso

  123. gthomas

    Ora, seja criativa

    Ou Ipatinga nao tem o que contribuir com o MUNDO

    ou vc ainda esta em Berlin?

  124. gthomas

    DA FOLHA de TERCA

    JOÃO PEREIRA COUTINHO

    Sem mudar as palavras
    A luta em curso é uma luta nova, entre Israel e Irã, que só está nos seus primeiros passos

    INEVITÁVEL: ISRAEL é sempre um sucesso de bilheteria. Na passada semana, eu poderia ter escolhido outro tema qualquer. Poderia ter escolhido, por exemplo, o que sucedeu no Congo: uma guerra brutal que ceifou 1 milhão de vidas. E que, já depois do cessar-fogo, continua a matar: uma média de 30 mil por mês. Essa guerra mundial africana já fez entre 3 a 6 milhões de mortos.
    Mas o mundo não quer saber do Congo para nada. Não há judeus no Congo. Curioso: uma catástrofe sem precedentes está a suceder em África e o mundo está com os olhos postos em Gaza.
    É por isso que regresso ao meu artigo da semana passada, que praticamente rebentou com o meu e-mail e com o Painel do Leitor desta Folha.
    Não respondo aos insultos e aos elogios, que chegaram em partes iguais. Ignoro os primeiros, agradeço os segundos. Mas gostaria de responder a críticas racionais, articuladas por pessoas racionais. E a principal crítica que me foi dirigida lida com a parte da história que eu, alegadamente, teria ignorado: eu começava a minha narrativa em 1967 porque esse é o ano da ocupação de Gaza e da Cisjordânia.
    Alguns leitores disseram que eu esquecia o que sucedera antes, ou seja, o “roubo”, pelos judeus, de terra árabe em 1948. Alguns leitores tiveram mesmo a gentileza de me enviar um artigo de Robert Fisk, publicado na Folha (edição de 31/ 12/ 2008), em que o jornalista britânico afirmara com ironia: as populações de Gaza nem sempre viveram em Gaza. Verdade que uma crônica de jornal não é uma tese de doutorado. Eu sei, porque já escrevi ambas.
    Mas mesmo no espaço limitado de uma crônica, eu pensava que os meus críticos jamais comprariam a propaganda antissemita que faz dos judeus de 1948 puros extraterrestres que desceram da nave espacial para ocupar a Palestina e expulsar os árabes lá presentes.
    Uma mentira infame. Para começar, a presença judaica na região foi permanente ao longo dos séculos, mesmo depois da destruição do Templo em 70 d.C. E, para ficarmos na história moderna, a maciça imigração de judeus para a Palestina a partir de 1880, altura em que muitos abandonaram a Europa e a Rússia e compraram legalmente terras na região, bastaria para desfazer a primeira mentira: a mentira dos extraterrestres. A criação do Estado de Israel expressa essa presença multissecular. Mas seria o fim da Primeira Guerra, e a consequente desagregação do Império Otomano, que tornaria Israel possível: se árabes e judeus coexistiam na Palestina, um plano de partição, supervisionado pelas Nações Unidas, propunha-se garantir a ambos os povos dois Estados independentes. E se a Transjordânia ocupava já 80% do Mandato Palestino, árabes e israelenses partilhariam a terra estante.
    Fatalmente, os árabes mostraram-se incapazes de aceitar a existência do Estado judaico e, logo em 1948, iniciariam uma guerra de extermínio que está na origem do problema dos refugiados palestinos. Robert Fisk tem razão quando afirma que os habitantes de Gaza nem sempre viveram em Gaza. O que Fisk esquece, ou propositadamente ignora, é a responsabilidade árabe na criação do problema dos refugiados. Como esquece, ou ignora, que em 1948 Israel receberia 600 mil judeus expulsos ou perseguidos pelos países árabes. A grande diferença é que Israel recebeu os seus refugiados e os países árabes ignoraram-nos. Até hoje.
    A tragédia corrente no Oriente Médio não é explicável sem esse primordial antissemitismo árabe, no qual teve papel de destaque o mufti de Jerusalém, Al Husseini (um amigo pessoal do regime nazista). Foi esse antissemitismo crescente que condenou a região a uma guerra sem fim. Mas a tragédia também não é explicável sem um pormenor final.
    Nos relatos habituais, o conflito em Gaza tem sido retratado com as lentes do passado: uma luta entre Israel e os palestinos, em que Israel se recusa a aceitar a solução dos dois Estados. Não vale a pena perder um minuto de tempo a relembrar a oferta de Ehud Barak em Camp David (que Arafat recusou) ou o pormenor, insignificante, de que o Hamas se recusa a aceitar a existência de judeus na Palestina, tal como está na sua Constituição.
    Fico-me pelo básico: a luta em curso é uma luta nova, não velha; tal como sucedeu em 2006, no sul do Líbano, é uma luta entre Israel e o Irã que ainda só está nos primeiros passos. Minha tentação era terminar, dizendo: quem viver, verá. Mas, se o Irã chegar à bomba nuclear, o mais certo é no futuro já não restar nada para ver.

  125. gthomas

    DA FOLHA

    CARLOS HEITOR CONY

    Um pouco de história
    RIO DE JANEIRO – Golda Meir, lendária primeira-ministra de Israel, por ocasião de uma das crises no Oriente Médio, declarou textualmente: “Prefiro receber mensagens de protesto do que mensagens de condolências”. Ela foi sacrificada após a Guerra do Yom Kipur, em 1973, quando tropas do Egito, aproveitando o dia santificado dos judeus, pela primeira vez chegaram perto de vencer Israel. Golda foi acusada de negligência, o país não podia sofrer aquela surpresa.
    Mais tarde, o presidente Anwar Sadat, do Egito, foi a Israel, numa viagem que estarreceu egípcios, israelenses e o resto do mundo. Os dois países assinaram um acordo de paz no Cairo. Em 1978, ganhou o Prêmio Nobel da Paz, partilhado com Menahem Begin, primeiro-ministro de Israel. Pouco depois, Sadat seria assassinado por um fanático egípcio.
    Na gestão Clinton, em 1993, os Estados Unidos promoveram um encontro cordial entre Iasser Arafat, considerado o terrorista-mor, e Yitzhak Rabin. Apertaram-se as mãos num acordo de paz. Ganharam também o Nobel da Paz no ano seguinte. Rabin foi assassinado por um israelense.
    Bem ou mal, a situação mudou um pouco. Arafat reconheceu Israel, abriu uma dissidência na antiga OLP, que se dividiu em dois grupos mais ou menos antagônicos: o Fatah e o Hamas.
    O primeiro grupo ainda pode ser o núcleo de um futuro Estado palestino, apoiado pelos EUA e talvez por Israel. O Hamas, que ocupa atualmente a faixa de Gaza, continua sua política de agredir Israel, recebendo em troca a invasão desproporcional que está sofrendo.
    É a batalha de uma guerra que já dura 60 anos. E em que os dois lados perderão: os palestinos com seus mortos; Israel com a sua imagem política mais uma vez prejudicada.

  126. Límerson

    É horrível ter menos de 30 anos hoje. E pior seria ter menos de 20 anos. Não vejo estruturas para crescer nem para produzir. Na verdade vejo, mas elas são tão turvas… e agora principalmente, tão dispersivas, desconcentrantes e ainda assim desconcertantes.
    E a produção teatral desta geração está tão vinculada a esta desconstrução requentada, Gerald. Eu que estou nesta geração, e não me relaciono nada bem com ela, no momento, observo como se estivesse de fora, inseguro em estar dentro pois é a própria insegurança. segurança… acho que nada disso é tão cabível assim.
    Cuide bem dela, G.

  127. Reinaldo Pedroso

    “Só um conselho de quem simpatiza muito com vc: diga, não revide. Só vale a pena de vez em quando.”

    Tá, Nina.
    Beijo,
    Reinaldo

  128. Cristina

    Tempo. Tempo. Tempo. Que tempo é este? Hedonismo seria a busca do bem pessoal, se o bem pessoal prepondera em detrimento da razão e do bem coletivo quer dizer que a humanidade está louca, ela olha apenas para o seu umbigo de lipoaspiração.
    Sexta feira passada dei a volta de barco na Ilhabela, um passeio que faz com que a gente constate que o ser humano não olha para os lados, apenas para o seu umbigo. Mandei a foto do lugar onde moro visto do mar para o Gerald, pode publicar no blog se quiserem, a casa fica no meio da Mata, quase não dá para ver, senti orgulho e tristeza, alguns vizinhos meus construíram casas que vistas da costeira são horrorosas, as casas não combinam com o em torno, casas paulistanas, casa de arquiteto umbiguista, arquitetinho de merda. O pior que as pessoas que constroem estas casas não são hedonistas, se fossem procurariam o seu belo platônico, tornariam a natureza mais bela. As escarpas do lado selvagem da Ilha, onde o ser humano quase não chega, são belíssimas, o enfeiamento não tem nada a ver com hedonismo. O hedonismo é anti-produtivo. Conheço as pessoas que estão enfeiando as costeiras, com certeza não são hedonistas, são malucas. O problema é que atualmente o dinheiro não tem o menor refinamento.

  129. gthomas

    É horrível ter menos de 30 anos hoje.

    GT- Por que?

    L – E pior seria ter menos de 20 anos. Não vejo estruturas para crescer nem para produzir.

    GT – Sempre se acha isso em todas as epocas em todas as eras.

    L -Na verdade vejo, mas elas são tão turvas… e agora principalmente, tão dispersivas, desconcentrantes e ainda assim desconcertantes.

    GT- Imagine uma decada como a de 90 onde so havia a reciclagem mesmo! tudo era RETRO isso , RETRO aquilo, uma chatisse pura. Ate o Kobain meteu um tiro na boca.

    L-E a produção teatral desta geração está tão vinculada a esta desconstrução requentada, Gerald. Eu que estou nesta geração,

    GT- Ninguem precisa ser UM CONFORMISTA PELOAMORDEDEUS!!!

    L- e não me relaciono nada bem com ela, no momento, observo como se estivesse de fora, inseguro em estar dentro pois é a própria insegurança. segurança… acho que nada disso é tão cabível assim.
    Cuide bem dela, G.

    GT- Nao cabe a mim ser paternalista e sim ARREBENTAR COMIGO MESMO E, PORTANTO COM AQUELES QUE ME ASSISTEM E QUE SE ASSUSTAM COM AQUILO QUE VEEM
    LOVE
    G

  130. Cristina

    A patologia na internet é a cura para a hipocrisia, é a cura para a loucura. É muito melhor ser louco por inteiro que um louco disfarçado de cordeirinho. Não é para se irritar com as agressões, não é para vestir a carapuça do agressor, palavras não ferem, quando desprovidas de sentido. Eu acho, apenas pela convivência neste blog, que o Gerald se irrita com a própria agressividade, tem necessidade de falar sobre violência para domar o seu leão interior.
    Foi a primeira vez que dei a volta na ilha, mas meu marido conhecia tudo. Ele ficou triste, estão acabando com a natureza que é um bem coletivo, e substituindo por prédios feios, paredões de concreto. Precisamos colocar um freio neste cre$cimento econômico. Não há crise econômica na Ilhabela, a crise é moral, mas individualmente não estou em crise, tenho orgulho de mim, tenho orgulho do que faço, tenho orgulho do lugar onde moro, mas não tenho orgulho dos meus semelhantes, minha crise é com o resto do mundo.

  131. Cristina

    Para saber mais sobre o regime militar é melhor falar com os alienados, aqueles que nem queriam saber de política. Essencialmente o regime militar foi ruim para o Brasil, parte da nossa violência é oriunda da organização militar do Estado. O comunista engajado era tão despótico quanto o militar, e para os alienados os militares eram melhores, pelo menos defendiam a propriedade privada do perigo comunista pela via democrática. Com o tempo os militares perderam o controle das forças de repressão, mais ou menos como acontece hoje em dia, não há controle das polícias brasileiras. Presenciei uma escalada crescente de violência urbana junto com deterioração do meio ambiente, sabe se lá que mutação aconteceu, mas o fato é que a raça humana está degenerando, pelo menos no Brasil, é inacreditável a quantidade de gente feia. Na década de 70, em pleno regime militar, São Paulo era a cidade que mais crescia em todo mundo, hoje é uma cidade com péssima qualidade de vida, poluída, congestionada e violenta.

  132. Reinaldo Pedroso

    Oi, Santanna.
    Conversarei contigo sobre Design com mais tempo, tá bom?
    Beijo,
    Reinaldo

  133. Cristina

    Concordo com o Fábio, a conversa do Gerald com o João Carlos do Espírito Santo e Marcelo Rubens Paiva está um samba do crioulo doido. Depois de escrever o texto sobre a ocupação das costeiras ilhabelenses continuei minha leitura de Ecce Homo do Nietzsche, e ele escreve ”supondo que, pondo meus pés fora de casa, eu encontrasse, em vez da calma e aristocrática Turim, uma cidadezinha provinciana alemã: meu instinto teria de se trancar, para evitar a entrada de tudo aquilo que costuma vir deste mundinho chão e covarde e nos perseguir. Ou supondo que eu encontrasse a metrópole alemã, esse vício construído, onde nada crsce, onde qualquer coisa que seja, boa ou má, se açoitou. Não teria eu de me transformar em ouriço por causa dela? …Porém ter espinhos é um desperdício, um luxo duplo,inclusive, quando se é livre para não ter espinhos, mas sim mãos abertas …”. É possível até conversar com o Nietzsche de maneira linear. Eu acho que o meu pensamento é linear, minha conversa tem começo, meio e fim.

  134. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 06:41

    Enviado por: Reinaldo Pedroso

    11/01/2009 – 17:12
    Enviado por: Jose Pacheco Filho
    “Nina.
    Pretendo colocar uma pá de cal em 64.(…)

    Nina
    Na suposição de estar clara a minha ideologia política de esquerda, e vejo que enganei-me, o que escrevi pareceu uma sugestão linear. Tentei ser claro na segunda resposta no post anterior, mas acho que não consegui. Por isso, aqui vai mais uma tentativa.

    “Que tal uma demão de cal bem branca nos túmulos dos mortos?” >>> Que tal uma demão de cal bem branca nos túmulos dos “subversivos” mortos, homenageando-os? (Tipo, reconhecendo o valor do “inimigo”.)
    “Que tal uma demão de cal bem densa sobre a lista dos desaparecidos?” >>> Que tal uma demão de cal bem densa tornando ilegível a lista de “subversivos” desaparecidos? (Tipo, isso não aconteceu.)
    Abraço,
    Reinaldo

  135. Reinaldo Pedroso

    Neto
    Partindo de uma letra brilhante como “Rosa de Hiroshima”, escreveste um comentário emocionante.
    Quem não tem capacidade para tal, simplesmente transcreve.
    Essa é a diferença entre o talentoso e o boastful.
    Abraço,
    Reinaldo

  136. KY

    Terminado o ano e já comecando novo ano,mas o “Modus Operandi” não muda,até parece padrão “ISO”,os negócios em primeiro.

    OAB-MA quer apuração de denúncias sobre comércio de sentenças no Judiciário maranhense.

    São Luís (MA), 12/01/2009 – A Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil do Maranhão (OAB-MA) está ingressando com uma representação na Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), pedindo a instauração de procedimentos para a rigorosa apuração das denúncias feitas pelo desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão, Antonio Fernando Bayma Araújo, que apontam o comércio de sentenças no Judiciário maranhense. A representação foi assinada pelo presidente da OAB-MA, José Caldas Gois.
    È claro que nos sabemos,que todos são INOCENTES,assim como todos sabemos, que o CNJ,não é um órgão corporativista.

    França,Espanha,Itália e México,estão fazendo uma profunda modificação, no poder judiciario,e todas por iniciativas dos próprios governos.

    Já aqui!?????????

  137. Reinaldo Pedroso

    Gerald
    Não deverias ter comprado aquele chocolate para a Mama.
    Reinaldo

  138. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 03:09
    Enviado por: gthomas
    “Ora, seja criativa
    Ou Ipatinga nao tem o que contribuir com o MUNDO.(…)

    Isso! Isso! E Itaquaquecetuba!
    Reinaldo

  139. Gilsön

    Na metade eu desisti de ler começou com a guerra e depois virou conversa no carro???Tem q complicar para dizer q sabe tudo é sempre assim,igual professor de facudade,só ele entende o exercicio q vc nunca usa na pratica!!!Pseudointelectubostas é sempre anssim!!!!!

  140. Reinaldo Pedroso

    Boastful…Boastful… Adoro essa palavra.
    Reinaldo

  141. Reinaldo Pedroso

    “Deixar pra lá”, é desdenhar, desvalorizar..
    “Pá de cal em 64”, é vã tentativa de encobrir a história.
    Reinaldo

  142. Marcia Costa

    Não possuo grandes conhecimentos de filosofia. Prefiro Jung à Freud. Gostei das citações do blog, em especial a destacada pelo “Garganta”.
    Quando você citou o nome do seu novo trabalho – Body Parts – a imagem que veio à minha mente foram pedaços de pessoas espalhados por vários cantos do planeta – restos de guerras, de amores não correspondidos, de acidentes. Nós mesmos nos fazemos em pedaços diante da dor posto que é difícil conservar a “razão” e o “bem comum” diante de tanta miséria humana.

  143. Ekran

    Body parts = num carro, “body” é a carcaça na qual estão as portas, o assoalho e o teto do carro. Peças desse modulo são todas compostas em aço laminado, chapas cortadas e prensadas para ter a forma de uma porta, de um capô, de um teto, e todas recebem solda para se manterem unidas como uma peça unica. A transformação do ferro arrancado do subsolo em aço numa usina com fornos de altissima temperatura, depois esses lingotes de aço são torcidos e laminados para resultarem em chapas, para depois serem cortados por prensas de varias toneladas que arrancam sua forma original e lhes deformam, tornando reconhecivel o “body” do veiculo no qual os robôs de uma linha de montagem farão soldas em pontos milimetricamente precisos…eis o trabalho para gestar um “body”.

  144. Nina

    12/01/2009 – 23:18
    Enviado por: targinosilva

    Bom dia Targi!

    melindrar?
    tem certeza que usou a palavra correta?
    me melindrar?

    o que me melindraria (olha que palavra bonita), não passa nem perto do que vc disse.
    Me melindra o cal sobre os vivos.
    Isso vale prá vc também Pachecão!

    Desisiti de vcs… falem da vida, das coisas lindas, do amor e das flores, prá não dizer que eu não falei das flores, falem delas também…..
    Eu gosto de gérberas…

    Tô de bem dos dois.

    bjs

  145. Nina

    Fábio,

    sou tua fãn lembra?
    te adoro, vc me dá paralisia facial de tanto rir, assim eu nem preciso colocar botox

    mas

    vc tá chato
    desculpa a sinceridade…

    alguém já te disse que quem faz regime fica chato?
    é verdade
    pare já com isso….

    beijos (brincadeirinha tá)

  146. Nina

    Reinaldo,

    vc entendeu de novo… que coisa…
    acho que nos entendemos.

    agora podemos conversar? por exemplo, sobre o texto do GT?
    que achou dele?

    bj

  147. Nina

    Cristina Bela

    não querendo ser intrometida, chata ou insistente.

    manda essa foto prá mim pelo amor de deus!
    sabe que este ano vou morar na praia, só não sei onde.
    e sabe que tenho inveja de vc.
    manda vai…
    Nynnah.nina@gmail.com

  148. Ekran

    Saiu hoje na Folha:

    JOÃO PEREIRA COUTINHO

    Sem mudar as palavras

    A luta em curso é uma luta nova, entre Israel e Irã, que só está nos seus primeiros passos

    INEVITÁVEL: ISRAEL é sempre um sucesso de bilheteria. Na passada semana, eu poderia ter escolhido outro tema qualquer. Poderia ter escolhido, por exemplo, o que sucedeu no Congo: uma guerra brutal que ceifou 1 milhão de vidas. E que, já depois do cessar-fogo, continua a matar: uma média de 30 mil por mês. Essa guerra mundial africana já fez entre 3 a 6 milhões de mortos.

    Mas o mundo não quer saber do Congo para nada. Não há judeus no Congo. Curioso: uma catástrofe sem precedentes está a suceder em África e o mundo está com os olhos postos em Gaza.

    É por isso que regresso ao meu artigo da semana passada, que praticamente rebentou com o meu e-mail e com o Painel do Leitor desta Folha.

    (integra no site do Folha, segue link)
    http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq1301200916.htm

  149. Nina

    Ontem Obama falou em Guantanamo.
    yes
    we
    can
    !

  150. Ekran

    Uma conversa entre executivos do Citi com mais de 30 anos cada um…”traduzida” pelo NYTimes…dá para entender onde começou a bolha no EUA …

    Parsing Rubin: The Exit Memo

    In business, few forms of communication reveal more than the goodbye letter, at least if properly parsed. So it is with Robert Rubin’s notice of retirement from Citigroup.

    Rubin: Dear Vikram: As we discussed, after a great deal of thought, I have decided to retire …

    Translation: I am not being pushed. I’m going on my own accord.

    Rubin: … as Senior Counselor at Citigroup effective January 9th …

    Translation: I’m sorry that doesn’t give you much time to start your search process for another senior counselor.

    Rubin: … and not stand for re-election to the board at the next annual meeting.

    Translation: I’m cutting the whole relationship, not just my mysterious role in management.

    Rubin: I will continue to do all that I can to help you during my remaining time on the board and beyond.

    Translation: Sorry, but at this point, the most helpful thing I can do for you is keep my distance.

    Rubin: Let me begin by stressing that I have great respect for you and the job you have been doing in addressing the most difficult financial markets since the 1930s and, in that context, Citi’s complicated challenges. You quickly put together a strong management team and, more broadly, you have made and continue to make tough decisions on expenses, asset dispositions, equity infusions, the future strategic direction of the company and in many other areas.

    Translation: I was right to champion your rise to chief executive.

    Rubin: Citi continues to have a very special franchise, with many strong assets and many terrific people. There is still a great deal to do, but I have great confidence that Citi will meet the long-term challenges ahead.

    Translation: The whole is lesser than the parts.

    Rubin: When I joined Citi in 1999, the company had two C.E.O.’s and faced many strategic and structural challenges.

    Translation: I was brought in to referee between Sandy Weill and John Reed.

    Rubin: From the beginning, my role, by being advisory, allowed me to act as a sounding board and adviser for the C.E.O.’s, senior management, and others, on managerial, personnel, strategic and structural issues, and on major acquisitions like Schroeders and Banamex.

    Translation: You know, your basic Wise Man stuff.

    (na integra em: http://dealbook.blogs.nytimes.com/2009/01/12/parsing-rubin-the-exit-memo/)

  151. Sier, o bom

    OGGI IL CUORE DELL’UMANINTÀ BATTE A GAZA

    Para romper o muro de silêncio,
    para exprimir o nosso dissenso
    diante da agressão desproporcional
    contra uma população civil,

    Manifestações em solidariedade ao povo palestino.

    A quem dissemina o ódio,
    o medo e a guerra,
    e a divisão,
    repondemos:
    Hoje Gaza representa a humanidade,
    na sua diferença,
    no seu ser comum.
    Hoje o coração da humanidade bate em Gaza.

    http://www.globalproject.info

    (Versão)

  152. Ekran

    Minha ultima contribuição matinal é o Bush last press conference (editado em 7 minutos):
    http://link.brightcove.com/services/link/bcpid988327350/bclid1037705321/bctid6983581001

    O que dizer?
    Esse cara foi o “king of the world”?
    OMG!

  153. O Vampiro de Curitiba

    Bom dia, meus amores!
    Estou de volta à Curitiba.
    Estou ainda refletindo sobre o texto do Gerald. Posso adiantar que discordo profundamente do Joâo Carlos do Espírito Santo. Aliás, ele está muito mais para Espírito Santo do que pra João Carlos…

  154. O Vampiro de Curitiba

    Uma imagem vale mais que mil palavras?
    Essa imagem acima vale, com certeza. Ela representa VIDA, mesmo que no campo da morte. Maravilhosa! Que todos nós possamos compartilhar de sensações que estes homens compartilham. Estão tão próximos da morte e tão mais vivos do que qualquer um de nós!

  155. ………………………………………………Oi,..NINA,…?!……………………………………….
    ……………………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………….Tudo bem contigo,..?………..
    ………………………………………..tava com saudade de você,..
    …………………………………………………..também…!!!
    ……………………………………………………………………………………….
    ………………………………..Como está a tua tése..???….Tá acabando..?
    ………………………………………………………………………………………………………….

  156. O Vampiro de Curitiba

    Pelo jeito o Sier deve ser proprietário de algum poço de petroleo. Nunca ví alguém defender com tanta ênfase as ditaduras do Irã e da Siria.

  157. samuel samuca

    O texto do portuga, Pereira Coutinho, é, como sempre uma grande bosta …

    Que incrível como as pessoas sucumbem diante de um texto bem escrito …

    Repare … algo bem escrito, pode ser também uma bosta …

    Esse é o caso …

    Curioso o sentido de humanidade do cara …

    Reclama que ninguém denunciou o Congo ou Darfur … Certo está o nosso colega de além-mar …

    Mas …. nem ele denunciou nada … Agora aparece como paladino das causas justas …

    Em seu site ele parece dedicado a malhar o Saramago, fato para o qual não tô nem aí …. e a elogiar o fato das mulheres brasileiras terem feito bem a Portugal, com suas minissaias e corpos esculturais …

    Pode alguém levar a sério uma pessoa assim … Um escritor assim!!!

    Tenha paciência!!!

  158. samuel samuca

    ô Vamp, você sempre perde uma grande oportunidade de ficar calado …

    A frase a seguir – sua – é deprimente : “Que todos nós possamos compartilhar de sensações que estes homens compartilham. Estão tão próximos da morte e tão mais vivos do que qualquer um de nós!”

    Compartilhar a alegria daqueles caras depois de ter matado gente? … Tá certo, Vamp!

    Tô fora!

    Deixo essas bizarrices pra gente como você!

  159. olá gerald,
    só para avisar que coloquei o seu texto em meu blog,
    com os créditos e tal.
    grande abraço

  160. samuel samuca

    E quem garante que naquela foto eles não estão se regozijando de ter matado gente, ter estuprado mulheres …

    As pessoas gostam de finais felizes, mesmo artificiais …

    O Vamp quer ver algo de humanidade naquela foto bizarra … Pois bem, que faça bom proveito.

    Eu vejo o seguinte:

    O que está comandando o abraço festivo pra mim está dizendo:

    “Vamos lá! Vamos arrebentar com aqueles filhos da puta!!! Sem prisioneiros! Arregaça tudo!!!”

  161. O Vampiro de Curitiba

    Samuca, o Coutinho está coberto de razão: Milhões estão morrendo na África, porque não se fala nada a respeito? Me explique!!! Será por que (é separado, sim) quando morrem africanos o preço do petróleo não se altera????
    Tem muita gente apoiando o Hamas, ou por ignorância ou por canalhice. Samuca, espero que você seja apenas ignorante.

  162. Nina

    “Que tal uma demão de cal bem branca nos túmulos dos mortos?” >>> Que tal uma demão de cal bem branca nos túmulos dos “subversivos” mortos, homenageando-os? (Tipo, reconhecendo o valor do “inimigo”.)
    “Que tal uma demão de cal bem densa sobre a lista dos desaparecidos?” >>> Que tal uma demão de cal bem densa tornando ilegível a lista de “subversivos” desaparecidos? (Tipo, isso não aconteceu.)
    Abraço,
    Reinaldo

    Sendo assim, sr. Reinaldo

    vai me ajudar ou não?

  163. samuel samuca

    Ainda sobre a foto …

    Que romântico!!!!

    Que lindo!!!

    Por falar nisso, cadê a Sandra???

    Que lindo!!! Aqueles caras, todos vestidos de verde, fedendo a chulé, uma inhaca só … Que lindo e maravilhoso!!!

    Olha só … eles estão se abraçando, estão cantando. Oh, meu deus! Que cena maravilhosa!!!!

    Porra … vamos falar sério!!!

    Vamp e GT vocês realmente viram algo transcedental naquela foto? Algo dignificante??

    Porra!!!!

    Espantoso!!!

  164. Nina

    Oi Fábio

    já cabei
    e já comecei otra

    hehehehehehe
    Vida louca vidaaaaaaaaaaaaaa
    vida breve
    já que eu não posso te levaaaaaar
    quero que vc me leeeve!

    hehehe

  165. Ekran

    Sorry, Guys.

    Postei o artigo do João Pereira que o Gerald já havia colocado na integra…

  166. gthomas

    Cezar: ta otimo
    LOVE
    G

  167. gthomas

    Vamp, por que discordas???? Why?
    Warum?

  168. samuel samuca

    Vamp, deixa de ler o Azevedo, seu messias informativo …

    Você entra na dele …

    Ou seja, tua mentalidade é tão rasteira e básica que você só vê preto no branco …

    No teu pensamento, quem critica Israel está a favor do Hamas …

    Só vê preto no branco … esquece que entre um e outro …

    Onde você aprendeu isso?? Foi na esquerda?? Ou foi com o homem do chapéu???

  169. samuel samuca

    Como eu disse, o Coutinho também não falou nada sobre a África ….

  170. Ricardo Francisco

    Nina, o que eu quiz dizer é que GT e Diogo Mainardi são farinha do mesmo saco, produtos de um meio que eles teimam em dizer que está cheio de defeitos, mas que no fundo exaltam. De forma definitiva…ambos são muito ruinzinhos. É isso!!

  171. O Vampiro de Curitiba

    Ahh, bem lembrado, Samuca. Eu estava há 5 dias praticamente sem internet, vou ver o que o mestre Reinaldo tem escrito.
    Sei lá, eu sou assim estranho: Enquanto você tem como mestre o Ahmadinejad, eu tenho o Gerald, o Reinaldo… Shalom!!!

  172. Nina

    13/01/2009 – 11:20
    Enviado por: O Vampiro de Curitiba

    Vamp querido, devo discordar veementemente…

    Essa foto mostra alienação total.
    Lavagem cerebral.
    Somando todos não dá um ser humano.

    Horrível

  173. samuel samuca

    Eu tô é de saco cheio dos puxa-sacos de Israel …

    Tô de saco cheio por que sei que esses conservadores cristãos, os reaças, etc., só defendem Israel pra marcar posição e para se diferenciar da esquerda, a outra banda podre, que apóia os palestinos e o Hamas …

    Se você entrar em um site sionista de verdade e ver o que eles pensam dos cristãos … Isso mesmo, eles veem como possível ameaça no futuro a Israel precisamente quem?? O cristianismo! Isso mesmo!!

    Qual a prova dessa desconfiança?

    Sarah Palin e sua igreja Christ for Jews são um exemplo … só um … existem muitos outros …

  174. Nina

    Vampinho,
    desculpe de novo
    ter como mestre esse tal de Reinaldo é de dar azia em sal eno….

    eca

  175. samuel samuca

    Como eu disse, o Vamp é um cara de vê só preto no branco …

    Vem citar lá o cara do Irã …

    Ou seja, você é de baixo nível … está de bom tamanho pro Reinaldo, mas tenho minhas dúvidas se para o GT …

    Ou seja, já que você gosta de acusar, rotular e classificar os outros quando eles te criticam … ou seja, quando falam a verdade sobre as bobagens que você diz … bom proveito … Azevedo é realmente o seu lugar!!!

  176. Esse lance de vida linear realmente foi uma boa, a gente tá sempre fazendo coisas pela metade e resgatando tempos depois ou não, vivendo várias vidas, fazendo tudo ao mesmo tempo…

  177. samuel samuca

    Que engraçado, quem lê aqui as besteiras que o Vamp diz … acha que ele é o judeu na parada …

    Curioso é que eu é que sou um dos poucos judeus que estão por aqui …

    É esse puxa-saquismo que eu não aguento!!!

  178. O Vampiro de Curitiba

    É isso aí, gente! Vamos queimar os judeus, os cristãos, os reaças, a Sara Palin, etc. ! Só Samuel Samuca Salva!!!!

  179. samuel samuca

    O Vamp é tão falseta que até o shalom ele proferiu … Espantoso!!!

    Vai ser puxa-saco assim lá na casa do homem do chapéu!!!

  180. samuel samuca

    Vamp,

    Quem está falando em queimar é você …

    Não projete em mim seus desejos reprimidos ou sentimentos bizarros …

    Quem está a favor da guerra e de bombas é você …

    Desde o primeiro momento dessa discussão estúpida, me posicionei contra a matança de crianças …

    Ao contrário de você … que vê numa foto de homens sem banho … uma grande lição de vida …

    Por favor, Vamp, procure um psicanalista …

  181. Nina

    Eita Samuel Samucão

    calma calma rapaz…

    vo te mandar uma musiquinha de ninar, pro seu coraçãozinho esquentar um pouco…
    (pior que eu ADORO essa música)

    The night was black, was no use holding back,
    ‘Cause I had to see, was someone
    watching me.
    In the mist, dark figures move and twist,
    Was all this for real, or just some kind of hell.
    666 the number of the beast.
    Hell and fire was spawned to be released.

    666 the one for you and me.

    I’m coming back, I will return,
    And I’ll possess your body and I’ll make you burn.
    I have the fire, I have the force.
    I have the power to make my evil take it’s course.

  182. sol -sampã

    Bom dia a todos.Antes de comentar ouvirei Stravinsky.WAML

  183. Ler o seu post antes de postar no meu blog qualquer texto me faz pensar horas e desistir de tudo. Tornarei me um cidadão pacato, passivo e paspalho. Daí ter esse comportamento “covarde”. Sendo eu um ser inquieto pela própria natureza. Isso já dá um certo pânico.
    Porém minutos depois volto num paragráfo do seu post. E digo: -” Jamais desistir “.

    I love you too G.

    A foto acima me passa tanta coisa. Lógico que é teatral.

  184. gthomas

    Sandra! Apareca por favor!!!!!
    LOVE
    G

  185. O Vampiro de Curitiba

    A Sandríssima havia comentado que ficaria uns dias sem Internet.
    Deve estar passeando com o chefe e as crianças.

  186. Límerson

    É horrível ter menos de 30 anos hoje.

    GT- Por que?

    L- A mesma resposta repetida em todas as eras: vivência. Pior seria ter menos de 20 anos.

    GT- Sempre se acha isso em todas as epocas em todas as eras.

    L- …seria ter menos de 20 anos. Em todas as gerações foi horrível…

    GT- Imagine uma decada como a de 90 onde so havia a reciclagem mesmo! tudo era RETRO isso , RETRO aquilo, uma chatisse pura. Ate o Kobain meteu um tiro na boca.

    L-E a produção teatral desta geração está tão vinculada a esta desconstrução requentada, Gerald. Eu que estou nesta geração,

    GT- Ninguem precisa ser UM CONFORMISTA PELOAMORDEDEUS!!!

    L- eu preciso é sair do brasil.e não me relaciono nada bem com ela, no momento, observo como se estivesse de fora, inseguro em estar dentro pois é a própria insegurança. segurança…

    GT- Nao cabe a mim ser paternalista e sim ARREBENTAR COMIGO MESMO E, PORTANTO COM AQUELES QUE ME ASSISTEM E QUE SE ASSUSTAM COM AQUILO QUE VEEM

    L- Cuide bem dela, a MaMa, não a geração. com a minha geração eu venho arrebentando, de longe e de perto.
    LOVE
    L

  187. Oi, GT e pessoal.

    Fábiu, Fabitchu grilu: vc me comparou com o Goebells……………e o encenador com o …………….Hitler?………….E a Leni Riefensthal é sua cineasta preferida?

  188. samuel samuca

    Nina, eu me amarro nessa música também …

    Principalmente, os solos de Adrian Smith e Dave Murray … mas o baixo de Harris também é fenomenal …

    Esqueci de dizer ao Vamp que sim tenho mestres: Hendrix,. Clapton, Beck, Blackmore ….

  189. gthomas

    “As Forças da Defesa de Israel, incluindo infantaria, tanques, engenheiros, artilharia e inteligência, continuaram operando contra a infra-estrutura terrorista do Hamas ao longo da faixa de Gaza durante a noite”, informou, em comunicado, o Exército.

    Durante as operações da noite e da madrugada desta terça-feira, um soldado israelense foi ferido com gravidade, enquanto outro sofreu ferimentos de intensidade moderada e seis, de proporções leves.

    A nota do Exército israelense detalha que, entre os cerca de 60 alvos atacados, estão um hotel “no qual os terroristas se agrupavam para atacar as forças israelenses”, dez plataformas de lançamento de foguetes, 15 túneis para o contrabando com o Egito, 15 patrulhas de milicianos, sete armazéns de armas e uma instalação para a fabricação de armamento na casa de um membro do Hamas.

    Fora isso, vários “outros alvos foram atacados de modo a ajudar as forças terrestres”, segundo o boletim militar. “Durante a noite, aproximadamente 30 terroristas foram atingidos”, diz a nota militar, que acrescenta que um grupo de milicianos disparou contra as forças israelenses do pátio de uma mesquita e que os soldados responderam a tiros.

  190. Garganta

    Caro Vampiro,

    “Uma imagem vale mais que mil palavras?
    Essa imagem acima vale, com certeza. Ela representa VIDA, mesmo que no campo da morte. Maravilhosa! Que todos nós possamos compartilhar de sensações que estes homens compartilham. “( Vampiro)

    Você está que nem Israel: dando motivos para todo mundo te condenar( apesar de ser um país democrático e Ocidental [ou pessoa]).

    Qual foi o suposto raciocínio que levou o senhor, Vampiro, a acreditar na vida em imagens de guerra ( destruição)? Esses homens se reunindo para matar( NEM SABEM REALMENTE O PORQUÊ), e representam vida? Como isso? Que absurdo!

    Eu quero compartilhar sensações de vida: passear no parque, conhecer culturas diferentes, ler e etc., nada de mirar uma arma na cabeça de alguém. Muhammad Ali, que é humano de verdade, um homem que, em defesa da vida, não matou quem não conhecia. A biografia desse boxeador, sim!, é um exemplo. Esses muleques que matam ( entende, acabam com a vida de um semelhante!) são perversos( de pervertido, pois não somos naturalmente assassinos). Ok, acreditam defender o seu país ( bonito), mas matam, matam e matam. Para quê? Interresses de políticos corruptos e povo estúpido ( ou livre na estupidez), ou interesses em melhorar o Oriente Médio?

    Eu já fiz a minha escolha. Meu lado, diferente do seu, é o humano. Portanto, censuro os terroristas( no sentido dos que causam terror) israelenses e palestinos.

    PS: Fico ao lado ( nos alpes) das figuras do jornalista iraquiano que chutou George Bush, e de Ali, que, como sabemos, denunciou a loucura de Bush. Ambos emblemas da insensatez vergonhosa do presidente norte-americano.

    Eis talvez o último nocaute do campeão de todos os tempos:

    ( note que Alan Greenspan também é homenageado, segundo a jornalista, por trazer prosperidade. A História, sim!, julgará( parafraseando um ditador).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  191. samuel samuca

    Já que a galera puxa-saco gosta de citar o Coutinho e o Azevedo como referência de idéias …

    E nem judeus eles são …

    Bom, eu vou de Gideon Levy (publicado no Hareetz):

    All those who support the war also support the horror.
    Gideon Levy

    There are some who want it both ways. To kill and destroy indiscriminately and also to come out looking good, with a clean conscience. To go ahead with war crimes without any sense of the heavy guilt that should accompany them. It takes some nerve. Anyone who justifies this war also justifies all its crimes. Anyone who preaches for this war and believes in the justness of the mass killing it is inflicting has no right whatsoever to speak about morality and humaneness.

    É certo está o Levy … quem fala em nome da guerra e da matança não tem autoridade pra falar de moralidade e humanidade …

  192. gthomas

    Acho que, se der tempo, comento aqui a ulima PRESS CONFERENCE DE BUSH , ONTEM

    UMA DAS COISAS MAIS PATETICAS JA VISTAS

    MAIS QUE NIXON

    MAIS QUE QQ COISA…

    DIFICIL DESCREVER UM CARA DERROTADO E SEMI ANALFABETO: “HELICOPTER DRIVERS” ELE FALOU

    E OS ANCORAS (they are called PILOTS Mr president)

    um cara que nao sabe falar a propria lingua: uma loucura

    seu maior Disappointment? Nao ter achado Armas de Destruicao em Massa no Iraque!!!

    Ele ainda tem the guts de dizer isso!

    eh que loucura!!!

    Sobre Obama: Eles tratam ele com RESPEITO (querendo dizer: eles nao me tratam com respeito)

    e falou sobre o furacao Katrina: sobre como ir la pra New Orleans foi desastroso pra ele…etc

  193. gthomas

    Especialmente aquele MISSION ACCOMPLISHED quando ele mesmo pousou naquele porta avioes….no inicio da INVASAO contra o Iraque….

    que delirio de loucura

    agora esta a um passo de ser processado por crimes em Haia, Holanda e torturas em Guantanamo.

  194. Garganta

    ERRATA( meu último comentário):

    “…moleques…”

    Apesar de que eu entendo que muleques dá uma entonação de desprezo maior.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  195. Nina

    Samuca, então..

    vamos te acalmar..
    falemos sobre isso
    Gosta do Clapton? eu AMO!
    gosta do Type?

    It’s time,
    Time for me to let you know.
    Ain’t no crime,
    No crime to let your feelings show.
    I can’t stand it.
    You’re fooling around, I can’t stand it.
    You’re running around, I can’t stand it.
    You’re fooling around with my heart.

  196. Renato

    Bush está desesperadamente tentando salvar o legado de sua presidência. Também assisti à conferência e a coisa beirava o patético. Desisti. Havia programas humorísticos mais interessantes no mesmo horário – o timming de piada do Bush é péssimo. Certamente foi um dos mais despreparados presidentes que os EUA já tiveram (claro que não apenas por causa das piadas…).

    Gerald, o que você acha do Tom Stoppard?

  197. Ekran

    O Bush estava completamente fora de si, perdido, desarticulado, sem pauta definida, tipico do “ultimo apaga a luz”. Apagaram ele, ficou as cegas diante da imprensa que jantou ele com todo gosto. As expressões de rosto, os gestos com o corpo e as mãos, desamparado, um “bobo da corte” fazendo o rito de passagem para o novo-rei que ainda nem está no trono. Bush Jr parecia se desculpar com o pai, onipresente, na fala dele que justificava os erros e até culpava a pressão da midia por ações de defesa nacional após o 9/11. Uma cena que vai entrar para a historia e que precisa virar filme, texto teatral, minissérie de TV, enfim, ser eternizada como a “a QUEDA” de alguem que queria desesperadamente uma guerra para chamar de sua e um pais que lhe tornaria eterno.

    Foi constrangedor.

  198. Nina

    Samuca

    E Paradise Lost????

  199. Ekran

    E se rolar um tribunal de guerra, que duvido, espero que Guantanamo seja posta na conta que lhe será atribuida. Rumsfeld e cia juntos, todos lunaticos, tentaram reeditar uma guerra fria e colocaram o mundo na defensiva, um baita retrocesso para as democracias no ocidente que embarcaram nessa onda. Toda a politica externa dos EUA sucateada com praticas de guerra preventiva e uma histeria enorme nos noticiarios de TV, uma epidemia midiatica que infectou o sistema imunologico das relações internacionais.

    Obama terá um “corpo doente” para resgatar os EUA como liderança e exemplo de democracia (até nisso o Bush Jr tentou dramatizar na fala dele, lembrando aos jornalistas que “ainda falam bem dos EUA”) e outros corpos espalhados pelo mundo com o aval dos EUA.

    Se o Obama não mudar isso, sei não…essa crise economica evolui para uma coisa pior, mais permanente, um “cisma” do Ocidente com blocos rivais e politicas antagonicas, militarizados, armados no discurso e na pratica, fomentando guerrilhas urbanas, milicias, a desconfiança generalizada.

    Por tudo isso, they MUST change with Obama!

    (já existe uma marca de sapatos BUSH, não sei em qual país.
    Esse é o simbolo desse governo, um sapato na cara pra ter vergonha na cara)

  200. Nina

    Olha só Samuca:

    A cerimônia da posse de Obama:

    Presentes:
    Shakira, Stevie Wonder, James Taylor e Bono Vox (selecionei só os que eu gosto). Entremeando as performances musicais

    A tradicional prece da cerimônia será feita por Gene Robinson, primeiro homossexual consagrado bispo episcopal. Aparentemente, a escolha foi feita em contraposição à do pastor evangélico Rick Warren, que fará a prece da cerimônia de posse. A seleção de Warren, um opositor do casamento entre pessoas do mesmo sexo, foi fortemente criticada por ativistas dos direitos dos gays.

    O tema de Obama, uma mensagem de inclusão, se estende à seleção de artistas de vários gêneros musicais. Country, gospel, jazz, rock, pop e hip-hop estão representados. “Já passa da hora de estarmos todos juntos”, declarou o cantor Garth Brooks.

  201. Nina

    Tendeu Samuca????????

  202. sol -sampã

    Não posso acreditar que Israel, o top de linha em armamento e tecnologia de guerra precise matar tantos civis prá desmontar bases terroristas numa área do tamanho de Copacabana.Óbviamente que não.

  203. Sue ( Preocupada...)

    Querido Gerald,

    Obrigada pela *atualizacao* das noticias….ando trabalhando tanto , masi etc etc…que nao tem sobrado tempo para muita coisa !!

    Beijos

  204. Garganta

    Caro Vampiro,

    Eis a música que representa a foto acima( será que os soldados cantavam ela na reunião da vergonha?):

    “When leaves have fallen and skies turned into grey
    The night keeps on closing in on the day
    A nightingale sings his song of farewell
    You better hide for her freezing hell

    On cold wings she’s coming
    You better keep moving
    For warmth, you’ll be longing
    Come on just feel it
    Don’t you see it?
    You better believe

    When she embraces your heart turns to stone
    She comes at night when you are all alone
    And when she whispers your blood shall run cold
    You better hide before she finds you

    Whenever she is raging
    She takes all life away
    Haven’t you seen?
    Haven’t you seen?
    The ruins of our world
    Whenever she is raging
    She takes all life away
    Haven’t you seen?
    Haven’t you seen?
    The ruins of our world

    She covers the earth with a breathtaking cloak
    The sun awakes and melts it away
    The world now opens its eyes and sees
    The dawning of a new day

    On cold wings she’s coming
    You better keep moving
    For warmth, you’ll be longing
    Come on just feel it
    Don’t you see it?
    You better believe

    Whenever she is raging
    She takes all life away
    Haven’t you seen?
    Haven’t you seen?
    The ruins of our world
    Whenever she is raging
    She takes all life away
    Haven’t you seen?
    Haven’t you seen?
    The ruins our world”( Within Temptation, ICE QUEEN)

    O clipe também:

    PS: As almas das criançinhas de cabeças esmagadas agradecem a minha denúncia. De nada, crianças.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  205. juliano

    Bush na sua ultima coletiva defendeu alguns metodos de interrogatorios utilizados contra os presos do Iraque, ou seja, defendeu abertamente a tortura. Além de culpar Clinton pela situação da economia, no qual ficou oito anos endividando o pais com suas guerras estupidas. Entrega um pais quebrado economicamente, com duas guerras, com mais de um trilhão de deficit, com um antiamericanismo crescente no mundo e ainda joga a culpa dos outros. Que os EUA esqueçam Bush e voltem a ser a terra da liberdade e dos direitos civis….

  206. Vi o Gerald ali em cima criticando o Bush pelo desconhecimento da própria línga…
    sem querer defender o homem das armas químicas mas
    no Brasil então estamos todos fodidos!
    a começar pelo melhor presidente que tivemos

  207. Explicações que devo o blog.
    1) Quem chamou o Gerald de águia fui eu. Não com zombaria.E ele sabe porque assim foi chamado.
    2) Quando menciono pá de cal estou fazendo referência ao meu comportamento. Só pretendo retomar o assunto ditadura ou dita lá o que tenha sido se o Gerald lançar um comentário ou um escrito para ser por nós debatido referente ao tema.
    3) Respeito à opinião de todo participante. As que vou de encontro ao que dizem é usando do meu direito de questionar o autor.Afinal para que estamos aqui comentando.Para falar sozinho eu já me basto.Para dialogar por óbvio tenho que concordar ou discordar de outro participante.
    4) Desde o inicio marquei posição condenando a morte estúpida de pessoas vitima de bombas e guerras não me importando sobre qualquer pretexto que fosse o motivo de tais guerras ou bombas existirem.
    5) Não me julgo sequer no direito de negar conversar com outro participante. Se tenho evitado este ou aquela foi em razão de atendimento ao pedido deles próprios que primeiro manifestaram desagrado comigo.
    6) Uso e abuso de entradas com diverso Nicks. Não vejo mal algum nesta postura considerando o cuidado que tenho em jamais dar a mínima chance de ferir ou menosprezar ninguém.Se Ito for necessário eu entro com o meu nome completo.
    7) Estamos todos os sujeitos a moderação o que significa de antemão que todos concordamos em termos nossos comentários excluídos se assim for vontade e seleção do moderador.
    8) Não procuro agradar ninguém por agradar. A todos que eu manifesto apoio e gratidão podem estar certos de que são desejos enviados com sinceridades.
    9) O acima vale para os que porventura eu venha a tentar criticar. Sempre numa boa.
    10) Eu gosto de blog. Tu gostas de blog.Nós gostamos de blog.
    Vamos, portanto blogar e fazer amor e não a guerra.
    Vamos simplesmente GERALDIAR.

    LOVE GERAL.

    Obrigado.

    Pacheco ( ou Soldadinho de chumbo,Papai Noel,Abacate,Dr. Watson.Holmes;Critico de arte,Pato Donald,Gepeto,Pateta,Baianinho folgado,E outros dos quais nem me lembro).
    Por isto sempre manifestei meu contentamento e usei o que o Gerald colocou no cão de Kepler:- O que vocês estão vendo não é exatamente o que vocês estão vendo. O que vocês não estão vendo é exatamente o que vocês estão vendo
    Legal não?

  208. Nina

    defendeu?

    onde está isso Juliano?

    Obrigada

  209. Gerald.

    Vejo reportagem no televisor mostrando que um professor causou perda de um dos dedos da mão de uma jovem. Foi no Rio de Janeiro.
    Prendeu a mão da criança tentando evitar sua saída de aula para ir ao banheiro.
    O professor (a besta, o bosta, o merda, o filho da puta) é branco.
    A menina é negra.
    Besta igual a este professor existem em todo o mundo.
    Falemos também disto. Sabes bem o porque minha revolta é total.A merda da falsa e hipócrita mensagem que no Brasil não tem racismo.
    Puta que pariu bem alto e grande.
    Eu enfrento (e como) racismo diariamente.
    Somos sim com raras exceções nas quais me incluo um PIS racista. Só temos vergonha é de admitir.
    Obrigado.
    Pacheco.

  210. Nina

    Agora estão acusando Israel de estar usando armas proibidas, que causam problemas respiratórios.

    Pergunta filosófica: que tipo de arma não queima e nem causa problema respiratório?

    Tô achando que quem vai se dar muito bem com essa guerra é o Egito.

    E a mídia de merda, como por exemplo a capa de uma revista de circulação nacional mostrando um “massacre” cruel em Gaza, vai se f* depois disso tudo passado. Vamos ver quem vai manter essa mídia…. $$$$$$

    mídia do Inferno.

  211. Targino Silva.
    Tem um comentário teu ai por cima quase perfeito.
    Só a parte do General Geisel está truncada. Se desejar o Ivo Veiga(trabalhou com o General) poderá te explicar a razão do militar ser contra as diretas.
    Realmente alguns militares desejavam segurar mais um tempo o controle. Não por ambições pessoais ou por idéias ditatoriais.Lembro-te que éramos governados por uma junta durante o ai 5 e depois quando por presidentes este era escolhido e portanto acompanhado por outros oficiais de iguais patentes nas três armas.Entregar o poder sempre quiseram.O problema era entregar pra quem?Vários grupos de aproveitadores (sempre são os políticos) já se engalfinhavam pela primazia de dirigir a nação. O Alemão fez das tripas coração para dar continuidade e cortou na própria carne sempre respeitando o que jurou defender.A constituição.E os militares até hoje tem isto em mente.A constituição.Ou você pensa porque é que o lula pinta e borda.Faz e desfaz na maior cara de pau! A constituição meu amigo. A constituição. Neste caso por incrível que possa parecer garantindo e protegendo o mal. Manda quem pode e obedece quem tem juízo. E o lula está lá.
    Quando o Duda Mendonça admitiu ter recebido dólares no exterior para a campanha do lula paz e amor a canalhada tremeu nas bases. A oposição deixou passar e o resultado ainda estamos por ver o final.Infelizmente.Com o Collor pegaram o boi( o recibo do Fiat) com o lula deixaram passar a boiada.E salve os reis do gado.Já foram o Brizola e o Jango no Uruguai e agora são os renans calheiros e cuequeiros ou maleiros ou ainda mensaleiros da vida aqui no Brasil mesmo.Esta ditadura teve heróis e mártires.Ficaram os que dela se aproveitaram e ainda se aproveitam.Ficaram os filhos da puta.E te garanto que nenhum é militar.
    Estou sendo parcial?Vocês não querem pá de cal!

    Obrigado.
    Pacheco.

    Abraços Targino.
    Obrigado.
    Pacheco.

  212. A Nina esta dizendo que está de mal comigo.
    Não estou de mal com a Nina.

    OK Nina vamos nos amar de mal.
    Ou de mal nos amar.
    Tu ai.
    Eu aqui.
    Entre nós o teclado.
    Entre nós um sentimento.
    Ódio e amor andam junto.
    Do mal só se sai para o bem.
    Sairemos.
    O tempo nos levará.

    Sucessos em teu trabalho.
    Papai Noel não falha e vai sim atender teus desejos.

    Abraços.

    Pacheco.

  213. Aninomyous.

    Bom te ler novamente.Estive ausente por estar sendo visitado em Belmonte por meus netos.
    Estive babando e babão como definiu com certeza o nosso amigo Targino Silva.

    Babão de felicidades.
    Acredite.Não conheço babozeira melhor.

    Abraços anino.

    Pacheco.

  214. Amigos (as).
    Cada um olha e interpreta a foto dos soldados fazendo um juízo diferente.
    Uns imaginam isto e outros aquilo.
    Temos de nos lembrar que eles também são humanos. Se fizeram soldados na vida.Por amor a profissão e alguns até por necessidade.
    Foram treinados para matar e matarão. Fazem o trabalho sujo que tem de fazer.
    Contudo também são pais e filhos. Maridos e irmãos.Amam e sofrem igual ao que matam ou por quem serão mortos.
    São, portanto também vitimas da guerra. Mesmo os que voltam realmente jamais voltam ao que eram ou como eram.Voltam ou aleijados ou meio dementes.
    Portanto não são necessariamente culpados.
    Culpados são aqueles que os mandam matar ou morrer.
    Porque se um soldado graduado manda em outro soldado. No tope está quem manda em todos os soldados.
    E quem escolhe um homem para tope é o povo.
    Nós somos povo.
    Então somos culpados?

    Obrigado.
    Pacheco.

  215. André M.

    Como está o Rincón gaúcho?

    Agradeço teus votos e retribuo.

    Gerald ando como sempre.

    Abraços.

    Pacheco

  216. André M.

    Prezado Gerald

    Gostaria de iniciar te desejando um 2009 próspero (extensivo aos leitores do blog).

    Esse teu comentário de ontem está muito nilista. Muito Schopenhauer, muito Nietzsche, fico até com medo que hora dessas apareça a notícia do teu suicídio.

    Porém, na minha modesta e iletrada opinião, acredito que sim, o fim está próximo, sempre esteve e está cada vez mais, e o que nos resta é nos entregar com apego aos nossos desejos, sejam eles de prazeres, de conquistas ou de compartilhamento. Alias, não existe tempo mais propício para que nos entreguemos de corpo e alma aos nossos designios. Afinal, estamos fadados ao fim, então, que deixemos nos levar.

    Enfim, acho que ao invês de entrarmos em pânico, devemos nos desassombrar. É o pânico que permite que coisas como estas que estão acontecendo na faixa de gaza continuem ocorrendo.

    Sem entrar nos méritos políticos-culturais-históricos do estabelecimento de Israel, sempre acreditei que uma solução armada está mais revestida de interesses políticos econômicos do que na real necessidade de agressão mútua.

    Encerro por aqui, é assunto delicado demais. Apenas demonstra o quanto somos idiotas.

    Saudações cordiais

  217. juliano

    Na realidade Bush desmentiu as torturas, mas defendeu os metodos de interrogatorios agressivos. Olha todos nós sabemos como se dão esses metodos de interrogatorio, constante pressão psicologica, deixar pessoas sem dormir, ameaças,etc. Fora que Guantanamo não permite aos seus presos um julgamento justo. Respeito a opinião dos que defendem Bush,mas na minha opinião já vai tarde!

  218. Ekran

    Ah, Hillary, vôcê e o Bush filho, que dupla!
    Hilarios!

    Se aquele salão oval falasse…
    – – – – –
    13/01/2009 – 13h00
    “EUA não podem resolver todos os problemas do mundo”, diz Hillary Clinton

    da Folha Online

    Atualizado às 14h03.

    A senadora Hillary Clinton, escolhida pelo presidente eleito Barack Obama para secretária de Estado, afirmou nesta terça-feira que os Estados Unidos não podem resolver todos os problemas do mundo sozinhos e afirmou que vai tentar melhorar a imagem americana no cenário internacional com uma mistura inteligente do poder da diplomacia e da defesa.

    “Os EUA não podem resolver sozinhos os problemas mais urgentes do mundo e o mundo não pode resolvê-los sem os EUA”, disse Hillary, acrescentando que quer reforçar as alianças dos EUA com outras nações.

    Em sabatina no Senado para confirmar sua nomeação ao principal cargo da diplomacia americana, a ex-rival de Obama afirmou que os EUA –e o mundo– enfrentam grandes ameaças.

    “A ameaça da mudança climática, das doenças pandêmicas, do risco nuclear, dos ataques em Gaza, da cólera no Zimbábue, os piratas que se moldaram aos tempos modernos na África”, listou Hillary, que repetiu diversas vezes durante o discurso inicial a importância de os EUA ajudarem no desenvolvimento mundial. “O nosso poder e o nosso status nos deram uma grande responsabilidade humanitária”.

    Hillary começou a se preparar para a audiência há vários dias, estudando as respostas que dará a perguntas que podem minar sua confirmação no cargo, como as sobre os negócios de seu marido, Bill Clinton, no Oriente Médio que pode parecer um conflito ético.

    Contudo, os democratas estão tão confiantes que Hillary será confirmada ao cargo que só programaram um dia de audiência.

    No discurso inicial, Hillary destacou ainda que a nova administração fará “todos os esforços” para alcançar a paz entre israelenses e palestinos e afirmou que o conflito amplia as tensões em todo Oriente Médio.

    No 18º dia consecutivo da grande ofensiva militar israelense contra alvos do movimento islâmico radical Hamas na faixa de Gaza, ao menos 900 palestinos foram mortos. Obama preferiu ficar longe das negociações de um cessar-fogo e disse que os EUA tem apenas um presidente por vez.

    Renovação

    Hillary disse também que vai renovar a potência dos EUA através de uma diplomacia que fortaleça a segurança, faça progredir os interesses americanos e reflita os valores do país.

    “Nós precisamos usar o que tem sido chamado de “poder inteligente”, [usar] todas as ferramentas disponíveis. Com “poder inteligente”, a diplomacia estará na vanguarda da política externa”, disse Hillary, se referindo ao termo utilizado pelos americanos para indicar a desmilitarização da política externa dos EUA, uma das principais expectativas de mudança com a saída do presidente George W. Bush e a chegada de Obama.

    A ex-primeira-dama afirmou também que as ameaças do século 21 “não podem ser contidas por fronteiras ou grandes distâncias” –um argumento muito utilizado por Obama– e que a lição dos últimos 20 anos pe de que o mundo deve agir junto contra os problemas e para tal os EUa precisam ter mais amigos e menos inimigos.

    “Nós [Hillary e Obama] acreditamos que a política externa deve se basear em fatos e evidências e não em emoções”, disse Hillary, em uma crítica indireta à política externa militarista de Bush.

    “Política externa precisa se basear no casamento de princípios e pragmatismo, não ideologia rígida”, disse Hillary.

    Assim, a ex-primeira-dama prometeu aos senadores levar um pensamento mais progressista e uma “diplomacia sustentável” ao Departamento, “pressionando onde necessário, mas fazendo parcerias com ONGs, setor privado e comunidade internacional, usando tecnologia moderna e valorizando os negociadores que podem nos ajudar”.

    “Diplomacia é trabalho duro, mas quando se trabalha duro podemos alcançar resultados”, disse Hillary, que defendeu a ampliação dos recursos federais destinados ao Departamento de Estado e a Agência Americana de Desenvolvimento Internacional.

    Com agências internacionais

  219. Nina

    Sim Julianao, entendi, mas aonde leu isso?

    Thanks

  220. Nina

    Pacheco, se eu não estivesse de mal de vc, diria que seu comentário foi lindo…

  221. Aninomyous

    😛 Humm…Pizza em frente à TV…essa é de salivar…muito da hora meu!, o hedonismo é o prazer? tudo a ver! logo o prazer é sim uma coisa excepcional, não so podemos como devemos usar isso em nosso favor, tentar separar a razão da emoção, a compulsão da repressão, liberdade da libertinagem…adestrando o corpo, literalmente, como fazemos com os cães, ao acertar não lhes jogamos um agrado? por que nos privarmos disto? nosso corpo ‘quer’ se emocionar, busca o prazer compulsoriamente e se permitirmos cai numa infinita libertinagem, mas o prazer superior é o verdadeiro prazer, o mais estável e que pode se extender até o fim da vida sem cair em desilusões, doenças ou as outras armadilhas da vida comum dos que não pensam, … ser anônimo não tem prazer algum exceto pela satisfação de fazer o que vc deseja da forma mais impessoal possível, diferente do reles prazer de um covarde que usa lugares ermos ou becos escuros para a clandestinidade…em outras palavras, tipo Epicuro, o prazer moral, espiritual são muito superiores, mas também o prazer físico na dose certa são elementos do conjunto body parts que chamamos de vida, nosso espirito tem 7 focos no corpo…os 5 sentidos, a voz e o sexo…saber educar, refinar e elevar estes focos ao espírito é dinamizar e elevar ao último grau exponente dos pináculos do êxtase…fazer diversas coisas ao mesmo tempo pode gerar um intenso prazer, quando não estressa, vc cria tempos paralelos os quais vc mantém intersecções, e tipo um Multiplexador vc vai pegando 1 tempo de cada coisa, mas na mente Demultiplexando, ou seja, é mesmo a sensação de ver tudo correndo em tempo real sem perdas, porque muitas vezes estas coisas estão mesmo tranquilas e vc não precisa dos centesimos de segundo, nem de destrinchar formulas…hedonismo? sim por que não? eu sou egoista…mas isso é só um elemento e não o todo, isso é o ‘agrado’ que eu jogo no meu ‘condicionamento’ físico…

  222. Aninomyous

    Tipo assim, não é esse elemento o problema, mas sim a falta do todo preenchida por esses detalhes, o que seria o valor da contemplação sem o labor do esforço nas virtudes? o verdadeiro prazer…o que seria ouvir uma música se não houvesse o músico que teve esse labor, essa virtude? apreciar…etc. etc. etc.

  223. Paulo do ponto G.

    Thirty nuns arrived in purgatory. ’Now girls,’ said the angel in charge. ’I want every one of you who
    was ever sexually involved in any kind of relationship on the earth to stand up – and remember, no
    fibbing. I have ways of checking up on you.’
    Sheepishly twenty-nine of the nuns stood up, but the thirtieth remained seated.
    The angel nodded and put in a phone call to the devil. ’Satan,’ he said, ’I’m sending down thirty nuns
    to you – and I advise you to be particularly careful of one. She’s stone deaf!’

  224. Aninomyous

    Não é chamando a Humanidade de burra, mas esse é o momento da mudança, há dois ‘irmãosinhos’ na humanidade, um é o ‘hedonista’ no sentido exposto, o que promove o crime, as distorções, o atraso ou estagnação…o outro é que precisa da mudança, é o mais novo, chamado ‘sociedade’, o civil na forma ‘comum’ sem ‘comunismo’, aí está o ponto onde é preciso aproveitar o desequilíbrio do primeiro para colocar ele no seu lugar, sem demagogia, a possibilidade de o mundo se tornar estável e humano, e de as distorções serem minimizadas tornando possível um progresso e uma estabilidade nunca antes experimentados, abolindo de vez os padrões medievais e da era dos bárbaros…porém se a sociedade, autoridades, etc. se calarem para permitir infinitamente que o ‘primeiro’ ponto de vista seja mais uma vez perpetrado, então a sociedade talvez esteja mesmo em vias de abortar-se, não haverão muito mais chances de chegar lá…senão a razão e a inteligencia, sem a prudência e a razão serem impostos, a humanidade será cativa e escrava eterna de seus elementos mais crueis e impiedosos até o fim de suas expectativas…sem demagogia…mesmo, logico que é uma reflexão isso.

  225. ………………………Lúcio flávio jr….(…o passageiro da ÃNTAgonia..)..
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ……………………………………Querido Lucio flávio,….
    …………………………………………………..nãão,..
    ………………………………………………..comparei
    …………………………………………………..VOCÊ
    ………………………………………………………ao
    ………………………………………………..GOOBELS…!
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ………………………………………Comparei você a uma
    …………………………………………………. ANTA,..
    ………………………………………………..mesmo,…
    ………………………………………………que chêga
    …………………………………………prô GOOBELS,…
    ………………………(.como se ele fôsse a rede globo,…..hoje)

    …………………………………e propõe a ele assistir
    …………………………………………….o filme
    ………………………………” O GRANDE DITADOR..”
    …………………………………..de um tal chaplin..!!
    ……………………………………………………………………………………………………….
    …………………………………………..isso é uma
    ………………………………………….. “analogia..”,…
    ……………………………………………..entende,..
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………………..GOOBELS = GLOBO
    ………………………………………………………………………………
    …………ESTATIZAR A GLOBO = GOOBELS assistir o chaplin
    ………………………………………………………………………………………………………..
    …………………………………….CONSEGUIU..???
    ………………………………………….ou não..?
    ……………………………………….se,…………. não
    ………………………………………………………………………………………………………..
    …………..Agóra,………só com a ajuda dos,…….. “universitários..”…!
    ………………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………………………………………………………………..

  226. Aninomyous

    O que provoca pânico mesmo é que se antes o problema era isolado, de algum Faraó, Imperador, Rei ou coisa do tipo, atualmente isso se tornou como um câncer, e dentro da sociedade existem diversas celulas menores promovendo isso, e enquanto a sociedade cresce se equiparando às tiranias em força, ao mesmo tempo se degrada e degenera corroida por dentro e corrompida em si mesma…o pânico é não haverem mais culpados a serem apontados, e nem poder de escolhas para qual lado…se as nações se constituem nas suas leis e elas são desacreditadas, então os tiranos e os aproveitadores logo se destacarão e terão o apoio que necessitam…pânico sim, porque uma criança mimada e delinquente ainda sobrevive e é cômica, mas quando isso chega à adolescência e à vida adulta, o fim é certo, e todos conhecem….prisão, cativeiro, falta de liberdade, ou morte, anulação, estagnação, nulidade….

    Mudando de assunto,…qual é o assunto mesmo??? 🙂

  227. Sue ( Preocupada...)

    Sr Pacheco,

    Belas e Sabias palavras…

    13/01/2009 – 16:11

    Enviado por: Jose Pacheco Filho

    Realmente nao somos NIMGUEM , nao podemos JULGAR nimguem…

    Por isso sempr falo UMA GUERRA nunca tem vencedores !!! TODOS PERDEM !!!

    Beijos

  228. Nina

    Anino

    O problema nunca foi isolado.
    Talvez algumas pessoas se isolem dele, não acha?

  229. Nina

    fábio, fábio…

    obrigada pelo sorriso aeróbico nas bochechas que não precisarão do botox de hoje

  230. Nina

    13/01/2009 – 16:50

    Enviado por: Aninomyous

    Tipo assim, não é esse elemento o problema, mas sim a falta do todo preenchida por esses detalhes, o que seria o valor da contemplação sem o labor do esforço nas virtudes? o verdadeiro prazer…o que seria ouvir uma música se não houvesse o músico que teve esse labor, essa virtude? apreciar…etc. etc. etc.

    Anino

    se conhece o PATROPI?

  231. Ela foi sacrificada após a Guerra do Yom Kipur, em 1973, quando tropas do Egito, aproveitando o dia santificado dos judeus, pela primeira vez chegaram perto de vencer Israel. Golda foi acusada de negligência, o país não podia sofrer aquela surpresa.

    Eu nunca fui a Israel mas já ouvi dizer que no dia santificado para tudo em Israel.
    Cochilou o cachimbo cai.
    Livra-te dos males que eu te livrarei, faça a sua parte que eu faço a minha,
    reprisava a minha vó como sendo palavras de Jesus Cristo.

    Mesmo sendo católica, apostólica, romana, era filha de italianos,
    sempre dizia: Deus ajuda quem cedo madruga.

    Se a minha vida depende mim, como me ensinou
    a minha vó, no fundo ela me ensinou a ser ateu.

    Foi so questão de tempo, juntar A com B.
    Se esse pessoal, árabes e judeus pararem para pensar,
    eles vão fazer da Palestina um novo Éden.

  232. Aninomyous

    Oi Nina…Patropi? não exatamente, quem é o Patropi? aquele que foi aluno da Escolinha do Prof. Raimundo?

  233. Nina

    o próprio Anino

  234. Nina

    muito bom Targino, muito bom!

  235. Pacheco.
    Eu quero a pa de cal.
    Nunca fui a favor de rever a lei da anistia.
    Não vivo de vingança, não sou judeu (me perdoem os judeus).
    É uma pagina virada da nossa historia.
    Vamos nos prevenir para não mais acontecer.
    Um abraço de um brasileiro que ama a sua terra e o seu povo.

  236. Nina

    a única coisa que a minha vó me ensinou pq ela já me dizia é:

    quem não tem colírio usa óculos escuros

    e meu v^então, caipira, falava: abre teu ôio minha fia!

    Não sei mas os dois estavam querendo dizer alguma coisa… at´´e hj não entendi.. o que eu sei é que tô indo pruma água cheia de cloro agorinha mesmo… e uso óculos de uma poderosa marca americana… hehehehe os únicos que não embassam e não entram água…

    … e quem não tem visão bate a cara contra o muro!

    fui
    beijos
    té manhã

  237. Aninomyous

    Ah, sim! sou fan dele, ‘parece que não sei, entende?’ hehehehehe 😛

    Depende do ponto de vista, se o problema é isolado ou se as pessoas se isolam dos problemas, porque o problema somente pode ser isolado quando vc consegue se isolar dele, ou então o problema seria comum…o problema se torna isolado quando por exemplo ‘ah, isso é problema do Imperador’, ou ‘isso é problema do fulano com cicrano’….mas na verdade o problema se torna mais comum quando o problema não se resolve e se torna a solução dos problemas, aí quem está fora do problema é quem acaba tendo problemas…né?…chega num ponto em que os problemas mandam na sociedade, os problemas mandam nas leis, os problemas mandam nas prioridades, eles se tornam soluções…e o problema sobra pra quem não é do problemmmmmmaaaaaa…puxa, isso foi um record, vou ficar o resto da semana sem falar ‘problema.’

  238. Se os EUA não podem resolver os problemas do mundo
    tambem não devem piorar.
    Muito ajuda quem não atrapalha.

  239. Aninomyous

    “Minha vó já me dizia pra eu sair sem me molhar, mas a chuva é minha amiga e eu não vou me resfriar”
    Beijos.

  240. Nina

    Anino…

    adorei!

    😉

  241. Se não for viver para ter prazer,
    Pra que viver?
    Qual o sentido da vida?
    Carregar a cruz de Jesus Cristo?
    To fora.
    Eu trabalho pra que?
    Pra tomar meu cafezinho com queijinho mineiro,
    comer mamão, melão, abacaxi e de noite fazer pipi.

  242. santanna

    Enviado por: Reinaldo Pedroso
    Oi, Santanna.
    Conversarei contigo sobre Design com mais tempo, tá bom?
    Beijo,
    Reinaldo

    Reinaldo,
    Tá bom! beijo

  243. Reinaldo Pedroso

    Targino
    Concordo, só o prazer justifica a vida.
    E mais, tudo, absolutamente tudo que fazemos visa ganho.
    Reinaldo

  244. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 18:28
    Enviado por: targinosilva
    “Pacheco.
    Eu quero a pa de cal.
    Nunca fui a favor de rever a lei da anistia.
    Não vivo de vingança, não sou judeu (me perdoem os judeus).
    É uma pagina virada da nossa historia.
    Vamos nos prevenir para não mais acontecer.
    Um abraço de um brasileiro que ama a sua terra e o seu povo.”

    Os judeus vivem de vingança?
    A “Revolução Redentora de 64” é simplesmente uma página virada, tipo os posts anteriores deste blog? “Deixar pra lá” o que dissemos/fizemos neles?
    Como nos prevenirmos das merdas históricas soterrando-as com pás(paz!) de cal?
    Nojo,
    Reinaldo

  245. Reinaldo Pedroso

    “Nada prova nada” é uma frase vazia.
    Reinaldo

  246. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 17:46
    Enviado por: Sue ( Preocupada…)
    “Sr Pacheco,
    Belas e Sabias palavras…(…)
    Realmente nao somos NIMGUEM , nao podemos JULGAR nimguem…(…)

    Eu não sou “ninguém”.
    Se não fizéssemos julgamentos sempre, a todo instante, não estaríamos aqui, vivos.
    Reinaldo

  247. Reinaldo Pedroso

    Pacheco
    Quando e onde o Ivo Veiga pediu desculpas?
    Reinaldo

  248. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 15:14
    Enviado por: Jose Pacheco Filho
    “Gerald.(…)
    Besta igual a este professor existem em todo o mundo.
    Falemos também disto. Sabes bem o porque minha revolta é total.A merda da falsa e hipócrita mensagem que no Brasil não tem racismo.
    Puta que pariu bem alto e grande.
    Eu enfrento (e como) racismo diariamente.
    Somos sim com raras exceções nas quais me incluo um PIS racista. Só temos vergonha é de admitir.
    Obrigado.
    Pacheco.”

    “Deixa isso pra lá”, “põe uma pá de cal” em cima.
    Reinaldo

  249. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 11:33
    Enviado por Nina
    “Sendo assim, sr. Reinaldo
    vai me ajudar ou não?”

    “sr.”, não, Nina.
    Eu estava distante do “front”, moro no interior do Rio Grande do Sul. Mas, posso relatar “micro” situações emblemáticas.
    Reinaldo

  250. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 09:25
    Enviado por: Nina
    “Reinaldo,
    (…) por exemplo, sobre o texto do GT?
    que achou dele?”

    “Pera”, vou ler.
    Reinaldo

  251. Oi, GT e pessoal.

    Garganta, agora que vc já leu Platão pode ler Deleuze e inverter o plantonismo.

    Fabitchu, fabitch……………….não dá………………………..para esconder……………..vc é o capitão bandeira, vc deu bandeira………………………vc comparou o blog ao terceiro ráich! …………………me manda sua tese…………………….censurar ninguém se a tese………………………não fique choramingando depois, hein? Vá, deixe a anta ver sua tese………..é teatro?

  252. Oi, so um esclarecimento:

    nada prova nada pode ser ceticismo neopositivista. Acho que o G oscila entre o ceticismo e o desespero romãntico.

    O negócio é que nada prova quase nada pois não conhecemos a coisa em si. Conhecemos muitas construções culturais mas do mais importante nos é que temos de construir sentido. E o sentido e´falho, é criado por nossos sentidos e nossa mente. ASs cores nao existem no real, sao criadas pela nossa mente da forma como vemos. Os animais nao veem as mesmas cores e a cor depende da luz, da frequencia da luz. O sagrado é provado pelo irracional da fé, do dogma inquestionável.

    Nada prova nada é relativismo tb. e isso é bom. Por que o princípio de identidade está enfermo. Prefiro angustias verdadeiras a um mundo das ideais que me aprisiona num devir.

  253. Paulo do ponto G.

    ’Rabbi Jacobs, I need fifty dollars to get out of debt,’ sobbed Gottlieb. ’I keep praying to
    God to help, but he has not sent it!’
    ’Don’t lose faith,’ said the rabbi. ’Keep praying.’
    After Gottlieb left his house, the rabbi felt sorry for him. ’I don’t make much money’ he thought, ’but
    that poor man needs it. I will give him twenty-five dollars out of my own pocket.’
    A week later, the rabbi stopped Gottlieb and said, ’Here God sent this to you!’
    Back in his home, Gottlieb bowed his head, ’Thank you, Lord!’ he said, ’But next time you send
    money, don’t send it through Rabbi Jacobs – that crook kept half of it!’

  254. Tene Cheba

    É díficil brigar com os textos que Gerald Thomas escreve, é como escutar Mozart, e depois querer compor uma partitura, impossível. Ou mesmo em suas peças, Circos de Rins e Fígados, uma pintura, tentar a equivalência. Isto, talvez provoque em certos nós, o tamanho dos nós aos quais estamos atados, o chão da mediocridade, o piso áspero em que rastejamos. Temos sempre que atirar as lamas que produzimos para apagar o brilho das estrelas que nos mantém mínimos. Não enxergar o tamanho deste texto, eu até entendo , agora, desdenhar dele, é muito pobre, é muita inveja de Mozart.

  255. gthomas

    NAO ADIANTA O BARRETAO SER PUXA SACO DO LULA

    EM HOLLYWOOD MERDA NAO ENTRA! (QUER DIZER, ENTRA MUITA MERDA SIM, MAS NAO POR INFLUENCIA DOS ANOEZIINHOS LATINO AMERICANOS)

    13/01/2009 – 18h43
    Brasil fica fora da pré-lista de nove filmes estrangeiros que concorrem ao Oscar
    Da Redação
    A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood acabou de divulgar a pré-lista de nove concorrentes ao Oscar de melhor filme em língua estrangeira. Segundo o comunicado, 65 filmes haviam se qualificado para a disputa. Inclusive “Última Parada: 174”, de Bruno Barreto, que acabou ficando de fora nesta primeira peneira.

    O italiano “Gomorra”, outro título bem cotado, também não foi pré-selecionado. Por outro lado, confirma-se a preferência por “Waltz With Bashir”, de Ari Folman, que venceu o Globo de Ouro na mesma categoria.

  256. gthomas

    O Documentario do Padilha era comovente: Sobre esse mesmo tema! Mas Padilha eh Padilha…..esse cla, deus me livre.

  257. Luciana

    Sou masoquista porque sinto um enjôo toda vez que leio alguns comentários.E continuo entrando e lendo.Toda vez que deixo isso aqui tenho que tomar um remédio para estomago.Não me tornei viciada em drogas (com os comentários tãopra cima)porque não tenho temperamento , a única coisa que consumo são algumas xìcaras de café, uma vez ou outra algumas taças de vinho, umas latinhas de cerveja , prefiro a cerveja preta.Geladinha é uma delícia.Mas não exagero.Dizem que cria barriga e tenho que manter a forma dentro do possível.Bem, não gosto de ver pessoas tão inteligentes , sensíveis e tão pessimistas e que não vêem saída para os seres humanos,gente, vocês devem ter algum contrato com psiquiatras ou laboratórios farmaceuticos.Estou desconfiada.Mas não adianta, sou muito positiva e otimista.Alguns comentários são muito carinhosos, alegres apesar de tudo me divirto muito.Isto aqui está muito bizarro.

  258. Paulo do ponto G.

    Returning after a lengthy absence to his family’s spot on the beach, the youngster found them
    preparing to leave.
    ’Come along,’ said the mother, ’we are going to a restaurant for a good dinner.’
    ’I am not hungry,’ said the boy. ’I have eaten seven ice cream cones and three frankfurters.’
    ’Where on earth did you get seven ice cream cones and three frankfurters?’ asked his astounded
    mother. ’You didn’t have any money.’
    ’I didn’t need money. I just wandered all around the beach crying as if I was lost.’

  259. Valéria

    Maravilhosa escolha, Gerald, colocar Artaud neste momento!

    Da foto do abraço, fiquei me lembrando de um romance que ainda não li, mas que me chamou a atenção – entre outras coisas – por causa de um trecho em destaque ( o autor é David Grossman, israelense):
    ” … e novamante, como sempre, contra sua vontade, contra suas decisões e tudo o que sabia sobre este mundo e suas criaturas e sobre a vida que não é vida, novamente brotaram nele rebentos frescos de esperança (…) E nós todos rezamos por uma coisa: que conclua toda a sua vida sem saber nada a respeito da guerra. O senhor entende, Herr Neigel? Pedimos tão pouco: que seja possível que uma pessoa neste mundo viva toda a sua vida, do começa ao fim, e nada saiba sobre a guerra”

    E todos deveriam ver o documentário do Padilha, é MARAVILHOSO (Ônibus 174), falo isso há tempos, este trabalho é maravilhoso.

    E maravilhosa também é sua peça Um circo de rins e fígado, Gerald; caramba, um dia eu me empolgo e escrevo loucuras sobre ela!

    Do nada que sei, dou meu palpite alpiste sobre o texto do Kamel: acho que “escolha consciente” é um pouco demais… a vitória do Hamas ser o que o povo queria… se é um povo que consegue PENSAR, analisar etc, ok… mas há um povo assim lá nesta fábrica de homens e crianças-bombas?
    Publicidade e frases fortes têm força… um horror…. levantar a auto-estima de um povo a qualquer preço.. já vimos esta história…

    Então, num paralelo paupérrimo, podemos dizer que todos querem e aprovam esta merda que o Lula continua a fazer só porque ele ganhou a eleição ou por causa de um tal i bope???

    Sei lá, acho que escolha consciente é um pouco pesado nesta altura do campeonato…

    Glorinha, obrigada pelo carinho.
    bjim
    Valéria

  260. Rômulo B. Pereira

    Pede para o Henry Sobel fazer o depósito!

  261. Tene Cheba

    “Cão que come cão”, mas que barbaridade gente, não, assim não dá para ser cristão, eu ri muito.

  262. gthomas

    ARTIGO DE ALI KAMEL, DO GLOBO

    Gaza

    Ali Kamel

    Eu acredito em eleições. E acredito que o povo sempre tem a capacidade de julgar o que considera bom para si. Isso não quer dizer que o povo acerte sempre: não são poucas as vezes em que a decisão mostra-se errada no futuro. Não importa, no momento em que comparece às urnas, certo ou errado, o povo é responsável por suas escolhas.
    Por que essa conversa? Porque isso não me sai da mente quando vejo, chocado, os bombardeios em Gaza. Em 2006, houve eleições para escolha do primeiro-ministro palestino. Era um contexto em que os EUA clamavam pela democratização do mundo árabe. Quando o Hamas saiu-se vitorioso, muita gente, diante dos lamentos dos americanos, riu, dizendo algo assim: “Ora, não queriam democracia? Agora o povo vota, escolhe o Hamas e os EUA lamentam? Então democracia só vale quando ganham os aliados?” Na época, escrevi que a simples presença do Hamas nas eleições mostrava que aquilo não era uma democracia: porque democracia não é o regime em que todas as tendências disputam o voto; democracia é o regime em que todas as tendências que aceitam a democracia disputam o voto. Como o Hamas prega uma teocracia, um sistema político que o aceita como legítimo aspirante ao poder não pode ser chamado de democracia. Seja como for, tendo sido democráticas ou não, aquelas eleições expressaram a vontade do povo: observadores internacionais atestaram que o pleito transcorreu sem fraudes.
    E o que pregava o Hamas na campanha de 2006? Antes, para entender o linguajar, é importante lembrar que o Hamas não aceita a existência do Estado de Israel, chamado de “Entidade Sionista”. Assim, quando se refere à “Palestina”, o Hamas engloba tudo, inclusive Israel. Destaco aqui três pontos do programa eleitoral (na disputa, o grupo deu-se o nome de “Mudança e Reforma”): “A Palestina é uma terra árabe e muçulmana”; “O povo palestino ainda está em processo de libertação nacional e tem o direito de usar todos os meios para alcançar esse objetivo, inclusive a luta armada”; “Entre outras coisas, nosso programa defende a ‘Resistência’ e o reforço de seu papel para resistir à Ocupação e alcançar a liberação. A ‘Mudança e Reforma’ vai também construir um cidadão palestino orgulhoso de sua religião, terra, liberdade e dignidade; e que, por elas, esteja pronto para o sacrifício.”

    Deu para entender? O Hamas propôs um programa segundo o qual não há lugar para judeus na “Palestina”, o uso da luta armada deve ser reforçado para se livrar deles, e os cidadãos comuns devem estar preparados para se sacrificar (morrer) pela religião, pela terra, pela liberdade e pela dignidade.

    Havia alternativa? Sim, apesar da ambiguidade eterna, o Fatah do presidente Mahmoud Abbas (e, antes, de Yasser Arafat), na mesma eleição, pregava a saída de Israel dos territórios ocupados em 1967, a criação de um Estado Palestino com sua capital em Jerusalém e uma solução para os refugiados de 1948 com base em resoluções da ONU, uma agenda que só parece moderada porque é comparada à do Hamas. Embora estimulasse e declarasse legítima a resistência à ocupação, a novos assentamentos judaicos e à construção do muro de proteção que Israel ergue entre a Cisjordânia e seu território, o Fatah declarava expressamente: “Quando o imortal presidente Arafat anunciou em 1988 a decisão do Conselho Nacional Palestino, reunido naquele ano, de adotar a ‘solução histórica’, que se baseia no estabelecimento de um Estado independente Palestino lado a lado com Israel, ele estava de fato declarando que o povo palestino e suas lideranças tinham adotado a paz como uma opção estratégica.”

    E qual foi a decisão dos palestinos? Num sistema eleitoral que adota o voto distrital misto, o Hamas ganhou tanto no voto proporcional quanto nos distritos, abocanhando 74 dos 132 assentos do Parlamento. Ou seja, diante do desgaste de 40 anos do Fatah, e das denúncias de corrupção que pairavam sobre o movimento, os palestinos deixaram a paz de lado e optaram pela promessa de pureza divina e dos foguetes do Hamas. Meses depois, uma luta interna feroz entre os dois grupos teve lugar e resultou numa divisão territorial: o Fatah ficou com a Cisjordânia, onde a situação é de calma, e o Hamas ficou com Gaza, de onde continuou pregando o programa aprovado pelos eleitores: enfrentamento armado, mesmo tendo consciência do que isso acarretaria,

    Diante disso, dá para dizer que os palestinos de Gaza são inocentes vítimas do jugo do Hamas e de uma reação desproporcional dos israelenses?

    Olha, eu deploro a guerra, lamento profundamente a morte de tanta gente, especialmente de crianças, vítimas de uma guerra de adultos. Vejo as bombas, e fico prostrado, temendo que o bom senso nunca chegue. Mas isso não me impede de ver que a guerra, com suas consequências, foi uma escolha consciente também dos palestinos de Gaza. Retratá-los como despossuídos de todo poder de influir em seus destinos não é mais uma verdade desde 2006.

    Parecerá sempre simplificação qualquer coisa que se diga num espaço tão curto, em que é preciso deixar de lado as raízes desse conflito e a trama tão complicada que distribuiu culpa e vítimas por todos os lados. Mas não consigo terminar este artigo sem dizer: para que haja paz, os dois lados têm de ceder em questões tidas como inegociáveis, o apelo às armas tem de ser abandonado, o Estado Palestino deve ser criado ao lado de Israel, cujo direito a existir não deve ser questionado. Se isso acontecer, muitos árabes e israelenses daquela região não se amarão, terão antipatias mútuas, mas viverão lado a lado.

    Utopia?

    ALI KAMEL é jornalista

  263. gthomas

    Tene, obrigado pelo teu email (troco do meu)….
    Lindo…querido, lindo, obrigado.
    LOVE
    G

  264. Tene Cheba

    Eu fui preso porque Cuba me mandou dólares, no aeroporto. Este arquivo, também será aberto? Claro que não Zequinha.

  265. O Vampiro de Curitiba

    Ali Kamel, como o próprio nome sugere, é árabe.
    Nem tudo está perdido!

  266. Tene Cheba

    Gerald Thomas, eu que agradeço a sua generosidade.

    Grandes Abraços.

  267. Rômulo B. Pereira

    Me vetaram? Vou repetir: Tomou papudo! Vampiro Brasileiro…Ahahahaha!

  268. Rômulo B. Pereira

    Não acredito que vc fez isso GT? Este tipo de altruísmo não vai ajudar em nada.

  269. Tene Cheba

    Não creio que a análise do Ali Kamel, transmita toda a verdade.O Muro por exemplo, tem muito dos seus trechos em áreas palestinas.Faixa de Gaza é o cú do mundo, com mil perdões, os israelenses, sem afetações, alimentam aquele campo de horror.Israel inverte a dura história do seu povo.Hamas não é o mocinho da estória, lógico, mas os seus mísseis beiram ao ridículo.Aquele ato, foi o mesmo que chutar um cão morto, não vejo muito sentido em arrasar terras arrasadas.Só pode ser lobby da associação dos pedreiros palestinos junto ao governo de Israel.Brincadeira, mas Israel me deixa tonto, torto, amargo.
    Israel poderia ter produzido a vitória do Fatah, por exemplo.
    Não, não é bem assim.

    Bom, quero deixar bem claro, que não sou contra a existência de Israel, ao contrário, não sou negacionista,(absurdo dos absurdos), mas não vou pautar a minha existência concordando com assimetrias tão evidentes.

    E na água, não vai moringa?Vamos combinar.

  270. santanna

    “Eu acredito em eleições. E acredito que o povo sempre tem a capacidade de julgar o que considera bom para si. Isso não quer dizer que o povo acerte sempre: não são poucas as vezes em que a decisão mostra-se errada no futuro. Não importa, no momento em que comparece às urnas, certo ou errado, o povo é responsável por suas escolhas.
    ……..
    Diante disso, dá para dizer que os palestinos de Gaza são inocentes vítimas do jugo do Hamas e de uma reação desproporcional dos israelenses?”
    Ali Kamel

    O próprio Ali Kamel admite que a reação dos israelense é desproporcional.
    Então os palestinos de Gaza também escolheram, no momento das urnas, os desatinos que Israel ainda estava por cometer?
    É cada uma…

    Mais do que guerras, o que espanta são as bobagens que são ditas. Principalmente as que têm o respaldo de certas “posições” alcançadas na vida!

  271. santanna

    … dos israelenses*

  272. Tene Cheba

    Ali Kamel não fala dos assentamentos promovidos pelo atual governo israelense, não menciona Sheeba.Israel recentemente, bombardeou a Síria, pontualmente e liquidou a gênesis de um protótipo nuclear sírio.Correto, não precisamos de mais bombas, basta, mas terão que devolver Golan.Três prestigiados escritores israelenses, em carta aberta, condenaram os ataques.Tem gente no Hamas que entrega o ouro para os israelenses, fonte Gustavo Chacra, posso inferir que outras opções poderiam ser aplicadas.

  273. santanna

    “Do nada que sei, …
    se é um povo que consegue PENSAR, analisar etc, ok… mas há um povo assim lá nesta fábrica de homens e crianças-bombas?”
    Valéria, 23:34

    Querida, parece que quem não consegue pensar é vc.
    É melhor vc ir lixar as unhas.

  274. Luciana

    Não dá para negar o talento e o jeito único de ver o mundo do GT, o seu jeito vertiginoso, instigante, que nos faz sair da nossa vida banal e se deparar com nossas mazelas, com nosso lado escuro.Mesmo com nossas resistências ,muitas vezes, à nossa realidade mais profunda, diante de tantas fugas, tantas ilusões que criamos para nos desviar do que não conseguimos ver em nós mesmos , as peças (que são verdadeiras pinturas ) nos revelam caminhos, desdobramentos que no início não podemos captar, que depois vamos entendendo pouco à pouco tudo de forma a nos conduzir á enigmas que tentamos decifrar.Nunca gostei muito de ouvir Wagner , por causa dos boatos dele ter sido antisemita, mas agora sob a influência tomei coragem e o escutei, quanto tempo perdido, ele é sublime.Até me interessei em ler livros sobre teatro, me aprofundar um pouco mais nesse meio de expressão .É uma expressão que engloba todas as outras expressões.E muito mais vivo que o cinema.Impossível ficar sem consumir tudo isso,impossível e um privilégio de poder estar em contato com alguém tão genial.

  275. Rômulo B. Pereira

    A história está sendo reescrita (ou re-escrota? Escrota mesmo!).
    Perseguidos passam a perseguidores – sem alguém que os persiga (nocivo). Interessante, porém triste! Começo a imaginar que o muro (Berlim? Nem pensar!) estava sendo construído e arquitetado com outra finalidade. Será que a invasão não estava pronta faz algum tempo? Será, será, será… Mas o que será mesmo? Fico imaginando que este triste muro de concreto, poderia ter sido usado em causa (muito mais) nobre. Mais digno, por assim dizer. Talvez… concreto para casas que os palestinos não tinham. Se tinham – prq mais pareciam com favelas brasileiras – não têm mais; Talvez… ruas asfaltadas para os carros que mais parecem saídos de uma ilha no caribe (Que saudade do Hemingway e seus morritos!); Talvez… um bom sistema de saneamento e energia (Faltam velas de cera). Talvez, talvez, talvez…
    É lógico que este tipo de atitude humanista (melhor seria… Humanitária – com H maiúsculo) não seria obrigação dos dominadores alçados ao título de superpotência tão precocemente (precocemente?!), mas se olharmos atentamente para os acontecimentos e
    voltarmos ao passado dos romanos, veremos – antes de se tornarem uma potência religiosa pós-Constantino – que por onde passaram, deixaram um legado transformador que seria admirado pela maioria dos dominados! Artifício muito usado (A La caralho) pelo Tio Sam em países do Caribe e Ásia (vide: Granada, Panamá (antes e pós Noriega), Colômbia, Korea e o próprio Japão). A pergunta que não quer calar: Como o mundo verá o povo de Israel pós-ataques? Não podemos acusar, culpar ou responsabilizar todos os judeus. It’s wrong! Mas é fato que, todos responderam igualmente. A maioria é injusta, cruel e sempre burra!

    Quiz show: Quem apertará o botão primeiro?

    1 – Índia (Quer o corpo de Jesus enterrado na Cachemira).

    2- Paquistão (Não quer entregar a “Cachemira” enrolada no corpo de Jesus).

    3- China (Que não entende como a sua produção industrial – escrava – caiu tanto).

    4- Rússia (Querem arrancar os olhos de todos os Ucranianos por não pagar a conta do gás – Sem gás, sem Euros).

    5- Franceses (Sem gás, sem banho – ainda bem que não é verão na Europa).

    6- Ingleses (Agora os ingleses têm um bom motivo para acabar com todos os franceses!)

    7- USA (Não sabem que botão apertar).

    8- Israel (Sabem que botão apertar, mas não se decidiram em quem jogar!).

    P.s: Que saudade do Enéas!

    Boa noite,

    R.

  276. Rômulo B. Pereira

    “Não podemos acusar, culpar ou responsabilizar todos os judeus. It’s wrong! Mas é fato que, todos responderam* igualmente. A maioria é injusta, cruel e sempre burra!”

    *responderão…

    abs,

    R.

  277. santanna

    … israelenses*

  278. Luciana

    Será que o ser humano hoje em dia não anda meio intolerante, não anda sem senso de humor, onde tudo tem que ser reto, sem nuanças, sem inovação, eis meu questionamento, ao simples desvio já atiram pedras, massacram …enquanto na calada da noite, crianças, pessoas são destituídas do que é mais sagrado num ser humano, sua dignidade.Crianças sem escolas, abandonadas perambulando pelas ruas, crianças abusadas, crianças já sem lar, sem amor.E nos detemos em pequenos detalhes mesquinhos, guerras estão em todas as partes só que de formas diferentes, crianças privadas de estudarem pelo simples fato de vivem em favelas , de não terem um livro, mas elas têm uma tv.Vivemos num mundo que o que prevalece não é a verdade, não é o real, é o virtual, até as guerras se tornam virtuais, distantes, nos tornamos insensíveis diante de tantas imagens inimagináveis e macabras, nos vemos de repente como seres selvagens seja de que lado for, nos tornamos seres sem rosto, sem coração , sem alma.Perdemos a noção do outro, nos detemos somente no nosso ego, numa linha que nos divide do outro com a tentativa de preservar o quê…Nosso corpo, nossar roupas, nossas ilusões de sermos maiores do que somos, será que estamos bem sendo assim tão superficiais…Quanta insensibilidade, embaixo do nosso nariz crianças abandonadas, sem terem o direito de estudarem, não , não consigo entender esse mundo, simplesmente não consigo, uns criando conflitos, outros querendo ver o circo pegar fogo, sim, não tem jeito , nós temos em parte de culpa nisso tudo, culpa de sermos omissos das coisas distorcidas, das mentiras que engolimos todos os dias, onde vidas não valem nada e ainda mais vidas que não pediram para nascer, e nascem para o nosso terror, mais vidas abandonadas e com isso também nos abandonamos, tornamos esse planeta num deserto, árido sem cor, quando vamos ver que não é através da briga, de intrigas, de manipulações que vamos ser algo que preste neste mundo,mas tenho esperanças porque ainda existem pessoas que lutam por um mundo melhor, mais livre e não autoritário, um mundo onde todos podem desenvolver suas potencialidades em medo, que possam ,enfim, evoluir.

  279. Tene Cheba

    Não podemos esquecer também que a Palestina nunca existiu, e se existiram as terras de Israel também, habitavam por lá cerca de 500 mil judeus, entre muitos palestinos, mais numerosos. Israel foi criado e a Palestina também, o território israelense era muito menor do que o atual, bota menor nisto.O problema foram os egipcios, sírios e jordanianos, que estouraram o estado palestino ao tentarem, invadirem juntos, simultaneamente o pequeno estado de Israel, primeira surra, depois se seguiram mais duas derrotas.Bom, mais quem perdeu a guerra foram os palestinos, quem perdeu tudo, foram os palestinos.Os outros não, estão numa muito boa.Mas o tempo passou, e poupança Bamerindus continua numa boa.Nossa, como eu estou ficando velho.Mas com o tamanho daquele muro eu iria montar uma lorjinha e iria vender spray para pixadores, o slogam; não se exploda, pixe.Aquela água do Rio Jordão deve ser boa prá caralho, que sede imensa eu tenho.

  280. Luciana

    Será que não é a intolerância que ocasiona todas esses problemas, será que temos que voltar a sermos de novo animais somente, será que vamos suportar viver sem emoção, sem sensibilidade, Quem será que tem que abrir os olhos, quem….E nos detemos em tão pouco, ninguém mais pode ser livre, digo livre no bom sentido,não agressões com o simples intuíto de deixar o outro mal, se sentindo deprecidado.Será que isso não gera mais e mais conflitos, porque ninguém gosta de ser depreciadoe porque no íntimo cada pessoa se sente também merecedor de usufruir da vida, de estar inserido no burburinho dos acontecimentos e ao mesmo perdemos tempo com guerras, com competições sujas muitas vezes não saudáveis, não consigo entender as pessoas, não consigo entender esse mecanismo perverso de deixam pessoas na marginalidade, não consigo entender pessoas com frios corações, perguto-me o que essas pessoas querem sendo assim , qual a finalidade delas, só dinheiro, será….e o resto que se exploda…será que um dia todos não irão também para os ares de uma forma ou outra, não deixarão seus corpos apodrecendo aqui, seus bens, seus títulos, não existirão mais e quanto tempo perdemos para depois chegar no final e vermos que não passamos somente de um corpo , de uma alma errante neste mundo confuso, ridículo muitas vezes e mesmo que de tempos em tempos sejam nublados em alguns momentos sentimos a grandeza de tudo isso, a grandeza de que somos só pó neste universo, que não somos deuses,somos seres humanos frageis, imperfeitos, inseguros a ponto de destituir o outro do que tem direito, que é sua vida.

  281. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 21:11
    Enviado por: Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 15:14
    Enviado por: Jose Pacheco Filho
    “Gerald.(…)
    Besta igual a este professor existem em todo o mundo.
    Falemos também disto. Sabes bem o porque minha revolta é total.A merda da falsa e hipócrita mensagem que no Brasil não tem racismo.
    Puta que pariu bem alto e grande.
    Eu enfrento (e como) racismo diariamente.
    Somos sim com raras exceções nas quais me incluo um PIS racista. Só temos vergonha é de admitir.
    Obrigado.
    Pacheco.”

    “Deixa isso pra lá”, “põe uma pá de cal” em cima.
    Reinaldo

    Em tempo: és negro?

  282. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 16:38
    Enviado por: Nina
    “Pacheco, se eu não estivesse de mal de vc, diria que seu comentário foi lindo…”

    Ãh? Qual comentário, Nina?
    Reinaldo

  283. juliano

    O Hamas não ganhou as eleições por unanimidade, não teve 100% dos votos nas eleições legislativas. Que papo é esse que o povo é responsavel por suas escolhas?Democracia não é ditadura da maioria não. Então todo mundo é responsavel por qualquer bobagem que o Lula faça? Ressalte-se que o Hamas tomou o poder em gaza e iliminou literalmente a oposição, ninguem em Gaza pode discordar do Hamas, portanto, não sabemos se realmente o povo de Gaza apoia incondicionalmente o Hamas. Pelo entendimento do Ali Kamel o povo americano é repsonsavel pelas lambanças do Bush e tal, o povo ingles é responsavel pelos ataques no metrô porque o Blair ajudou invadir o Iraque. Que tipo de responsbailidade coletiva é essa? Discordo totalmente da opinião do Ali Kamel.

  284. Cristina

    Creio que o conteúdo dos cinemas e das TVs se mistura tanto com nossas vidas que nos fim achamos que a TV é a nossa realidade, ou é a realidade. A gente foca pensando que vida é enterteinment. O hedonismo, no mau sentido, é maior na TV, é maior na propaganda de produtos, veiculada nas TVs. Na vida real há muito mais consumismo que hedonismo. Não podemos confundir promiscuidade com hedonismo, o promíscuo não sente prazer. Pelo menos no Brasil não há fome e há uma preocupação com a cultura, ou melhor com a falta de cultura, nunca em tempo algum o dinheiro foi tão inculto. E também há uma falta de noção no pessoal que faz cultura, noção até da semântica das palavras.

  285. Ekran

    Gaza, fiel a sua propria historia de povos conquistadores e conquistados…um mundo antigo que emana em pleno seculo XXI…a historia se repete.

    …………………
    Gaza’s ancient history uncovered

    Gradually walls, homes, and the outlines of alleyways emerged from the sand.

    These were the bones of the ancient Greek city of Antidon. And they were testimony to the extraordinary richness of Gaza’s past.

    Not only the Greeks passed this way. The Pharaohs of ancient Egypt, the Persians, the Romans, the Crusaders, the Turks, the British and many others left their mark on Gaza.

    It has been described as one of the world’s oldest living cities.

    But if the proposed new museum is built it will reveal a recurring pattern of invasion and conquest, long periods of occupation by foreign armies, and their eventual withdrawal

    http://news.bbc.co.uk/2/hi/middle_east/4365440.stm

  286. Nina

    13/01/2009 – 21:25
    Enviado por: Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 11:33
    Enviado por Nina
    “Sendo assim, sr. Reinaldo
    vai me ajudar ou não?”

    “sr.”, não, Nina.
    Eu estava distante do “front”, moro no interior do Rio Grande do Sul. Mas, posso relatar “micro” situações emblemáticas.
    Reinaldo

    REINALDO (SEM SR.)
    INSISTO. NÃO QUERO SABER ISSO, DE FRONT. TALVEZ SUAS MICRO SITUAÇÕES….. TE DIGO O QUE PRECISO SABER, MAS NÃO AQUI. ME ESCREVA.
    OBRIGADA

    Ah… adorei a pá de cal
    Mas não fala assim com o Pachecão ele é gente finésima. e sabe bem sobre questão racial.
    Guarde seu arsenal de ironia prá alguém mais mala e mais agressivo que por graça de nossa senhora aparecida e jesus de nazaré e buda e hatre krishna parece ter sumido…

    Abç

  287. Comentário da Luciana:
    “será que temos que voltar a sermos de novo animais somente, será que vamos suportar viver sem emoção, sem sensibilidade”

    Quando é que deixamos de ser animais?

  288. Nina

    Perfeito Cristina

    hedonismo não é promiscuidade.
    o promiscuo não sente prazer

    não dá tempo, tem que TER de novo. e rápido

    perfeito

  289. Ekran

    Mais pérolas de Hillary Rodham Clinton, querendo ser Hillary “smart” Clinton. Que o mundo a aguarde!

    . . .
    “Temos de usar o “smart power”, que é pegar todas as ferramentas à nossa disposição -diplomáticas, econômicas, militares, políticas, legais e culturais- e escolher a melhor para cada situação”

    “Precisamos de uma estratégia de “smart power” no Oriente Médio que promova a segurança de Israel e as aspirações legítimas dos palestinos
    Não se pode negociar com o Hamas até que ele renuncie à violência e reconheça Israel”

  290. Garganta

    Caro Lúcio Jr,

    Ainda falta muito para eu terminar Platão. Mas obrigado pela dica.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  291. Vera Cardoni

    beijo Gerald. LOVE.

  292. Ekran

    Gerald,

    A Ellen Stewart ainda mantém esse blog?
    http://lamamaetc.blogspot.com/

  293. Nina

    Henrique

    não seja tão literal!
    Não foi isso que ela quis dizer, vc entendeu, vai!

    Vamos ser um pouco mais amorosos uns com os outros?
    Que tal?

    Eu entendi vc tbém Henrique, e concordo, mas desencana que a vida engana meu amigo….

    bjs

  294. Luciana

    Henrique, Não sei o que somos na verdade, acho que o que escrevi foi no ímpeto da emoção de ver tudo o que me rodeia.Não me detive nos detalhes, aliás não sou nenhuma doutora em filosofia.Acho que me equivoquei em dizer que desta forma que o mundo está voltaremos a ser novamente somente animais, guiados exclusivamente pelos instintos mais básicos de sobrevivência.Mas teu questionamento me fez pensar e constato que os animais mesmo não fazem tanto estrago no planeta como nós seres humanos.Somos, de uma certa forma, praga a destruir tudo.Os bichinhos, ditos irracionais, estão somente na deles, não estragam , não mexem com o ecosistema, com a natureza a ponto de por em risco aí todos os animais incluse nós.

  295. Garganta

    Caro Vampiro,

    Estava pensando em fazer uma peça teatral a respeito da obra “As Nuvens”, de Aristófanes. Em razão de suas palavras favoráveis à foto da vergonha, eu lhe guardei o papel de Fidípedes, que é o filho de Estrepsíades( na parte que reproduzi, eu faço esse personagem). Fidípedes, como sabemos, está alucinado por estudar filosofia demais.

    Eis o texto, de Aristófanes, que tem tudo a ver com o seu ocidentalismo radical, Vampiro:


    (…)ESTREPSÍADES( Garganta):
    Pois então, por Zeus, trate de andar a cavalo! Que para mim é melhor sustentar uma quadriga de cavalos do que apanhar e ser moído de pancadas…

    FIDÍPEDES (Vampiro):
    Volto ao ponto em que você me cortou a palavra. E antes vou dizer-lhe o seguinte: quando eu era criança, você me batia?

    ESTREPSÍADES( Garganta):
    Sim, porque tinha boas intenções e cuidados por você.

    FIDÍPEDES( Vampiro):
    Então diga-me: não é justo que eu tenha boas intenções e, da mesma forma, lhe bata, já que ‘ter boas intenções’ é ‘bater’? Pois como é que o seu corpo deve sair ileso dos golpes e o meu não? E, no entanto, bem que eu nasci livre… ‘As crianças choram e pensas que um pai não deve chorar?’ Mas você dirá que se considera esse ato como próprio das crianças, e eu responderei que os ‘ Velhos são duas vezes crianças’ e que é natural que os velhos chorem mais do que os jovens, tanto quanto é menos razoável que cometam erros…

    ESTREPSÍADES( Garganta):
    Mas em lugar algum se admite que o pai sofra esse ultraje!

    FIDÍPEDES( Vampiro):
    Acaso quem estabeleceu essa lei pela primeira vez foi não foi um homem como você e eu, que persuadiu aos antigos com suas palavras? Então é menos razoável que eu, de meu lado, para o futuro estabeleça uma nova lei para os filhos: que, por sua vez, batam nos pais? Todas as pancadas costumávamos receber antes de ser estabelecida essa lei, nós deixamos passar e lhes damos grátis para serem espancados… Mas observe como os galos e todos esses outros animais se vingam dos seus pais. Ora, em que diferem de nós, senão porque não redigem decretos?

    ESTREPSÍADES:
    Já que você imita galos em tudo, por que não come esterco e não dorme num poleiro?(…)”
    ( OS PENSADORES, p.227,1972, v.2[Sócrates])

    Santo Aristófanes confirma: você, Vampiro, é mais louco que o Batman. Soldados israelitas matam centenas de crianças ( até agora nada se provou sobre um suposto nobre motivo), e o senhor acredita ser justíssima a ‘legítima defesa’ de Israel. O que é uma esposa sem marido e filhos; ou, quem sabe, uma criança de crânio espatifado para o Vampiro? Eis a resposta:

    “Uma imagem vale mais que mil palavras?
    Essa imagem acima vale, com certeza. Ela representa VIDA, mesmo que no campo da morte. Maravilhosa! Que todos nós possamos compartilhar de sensações que estes homens compartilham. Estão tão próximos da morte e tão mais vivos do que qualquer um de nós!” ( Vampiro)

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  296. Garganta

    Caro Vampiro,

    Depende dos critérios. Talvez os seus entendam assim.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  297. Aninomyous

    Discordo deste ponto de vista simplista, eu responderia diferente, deixamos de ser animais quando não nos entregamos às emoções, nem aos estímulos, situações, quando planejamos o que queremos fazer para a semana seguinte, o mês seguinte, o ano seguinte, quando vemos a história que ocorreu a milhares de anos antes e podemos prever o que ocorrerá em milhões de anos adiante, é muito simplista se incluir nos animais, somos muito mais se quisermos, mas se usarmos isso tudo para ‘sermos animais’ somente conseguiremos ser inferiores a eles.
    Abraços.

  298. gthomas

    Ekran
    O blog do la MaMa eh feito (escrito) por um numero diverso de pessoas. Nao a Ellen propriamente. Como vc ve, nao esta atualizado (ou talvez esteja). Vou perguntar pra Beverly ou pra Mia, que sao as pessoas que cuidam dessa area la no teatro

  299. Que Ellen melhore e que o mundo melhore junto!

    Outro dia, lendo uma repostagem da Revista Época me deparei com uma verdade. Se a gente acha que a população está cada vez mais inculta, desinteressada com os problemas mundiais e sociais, imagine então a geração internet, celular, ipod? São adolescentes antenadíssimos, com pensamento rápido e com muita facilidade de adaptação, dizia o escrior de um novo livro que fala sobre esses cidadãozinhos de grande alcance, mas com pequenas e rasas ideias… Não exercitam a crítica, nem tampouco olham para a história. Simplesmente passam o dia querendo saber o que está se passado com o amigo, ou com o outro internauta que acabou de conhecer. Tem o mundo aos seus olhos, mas só querem saber do seu próprio mundo….

    Que eles possam olhar para o mundo assim como Ellen, vc e tantos outros que vc conhece tão de perto…mesmo que através de seus eletrovícios se dediquem a pensar numa diferente forma de interação eletromundial, que predomine a paz, a relação, o respeito, as artes e a vida.

    Força amigo.

    Estou por aqui.

    Sempre.

  300. oh que lindo lugar é o nosso querido Brasil cada vez mais rico sInto-me a pessoa mais feliz do mundo vendo DAQUI VIA SATELITE as crianças da Gaza serem mortas POR INDEFESIOS SOLDADOS , PROTEGIDOS POR TANQUES INDEFESOS E BLINDADOS OH COMO SAO BONDOSOS E PIEDOSOS OS HOMENS DE FARDAS SEJA DE QUE PAIS FOREM SINTO VONTADE DE SEXO COM TODOS e….HOJE MUITO FELIZ com a compra do governo do meu pais adiquirindo o lindo e refrigerado banco, o banco VOTORANTIM oh como precisamos desse banco nosso querido Brasil jamais seria o nosso querido brasil do meu querido amigo presidente LULA sem esses 50% do banco votorantim tim tim plim plim OH SEAKSEPEARE OH SARAMAGO COM SUA ESCRITA FACIL COM SUA MANEIRA GENIAL DE ESCREVER UMA OBRA ONDE O PINTOR EXISTE DE FORMA TAO SIMPLES E CLARO QUE NEM É PRECISO LER O LIVRO…DEPOIS DA PAGINA DOIS que lindo ser brasileira DESCENDENTE DIRETA DOS LINDOS E BONDOSOS PORTUGUESES oh oh oh que lindo isso , QUE HERANÇA GENITICA FAVORÁVEL TUDO ISSO E MAIS ISSO TOME ISSO E MAIS ISSO OH OH GOD YES YES YES OH GOD YES YES YES OH GOD YES YES YES YES YES YES YE YES
    YEESSSSSSSSSSSSSS.
    E NUNCA SE ESQUEÇAM RELIGIOSOS COMO EU DE PLANTAO: QUANDO FOREM REZAR VEJA UM FILME PORNO:
    VAO OUVIR FALR EM DEUS O TEMPO TODO NAO SE ARREPENDERAO ……………..

  301. Ekran

    Gerald,

    o seu “body parts” me fez pensar em Peter Weiss, The Investigation, segue um excerto do Canto IX: THE BUNKERBLOCK

    http://language.home.sprynet.com/theatdex/weiss.htm

    WITNESS 8:

    I was sentenced 30 times
    to a cell so small
    that you couldn’t lie down in it
    That meant
    hard labour all day
    and at night the cell

    JUDGE:

    What was the reason for this sentence

    WITNESS 8:

    I queued up twice at mess call

    JUDGE:

    Where were these cells located

    WITNESS 8:

    At the end of the cellar passageway
    in Block Eleven
    There were four such cells

    JUDGE:

    How large was a cell

    WITNESS 8:

    It was three feet square
    and slightly over six feet high

    JUDGE:

    Did it have a window

    WITNESS 8:

    No
    There was only an airhole high up in the corner.
    This was an inch and a half square
    It ran through the wall and was covered
    with a perforated metal disc
    on the outside

    JUDGE:

    And the door

    WITNESS 8:

    You had to creep in
    through a 2 foot hatch in the floor
    It was made of hard wood
    Behind it was an iron gate
    which was bolted

    JUDGE:

    Were you alone in the cell

    WITNESS 8:

    At first I was alone
    During the last week
    there were 4 of us

    JUDGE:

    Were there prisoners
    who stayed day and night
    in these cells

    (na integra em http://language.home.sprynet.com/theatdex/weiss.htm)

  302. Ekran

    (e tem esse trecho que me chama mais a atenção)

    JUDGE:

    For what reason
    was this man sentenced

    WITNESS 8:

    He had attempted to escape
    Before he was taken to the cell
    he had to march before the prisoners
    at evening roll call
    He had a sign tied around him
    with the notice
    HURRAH I’VE COME HOME AGAIN
    He had to shout these words loudly
    and beat in time with a stick
    on a drum
    The prisoner Bruno Graf spent
    the longest time in one of these cells
    that I know about
    Criminal Officer Schlage
    sometimes stood before his door
    when he was shouting
    and I heard
    him call back
    why don’t you die
    Graf died only after a month

    JUDGE:

    Defendant Schlage
    Did you let prisoners
    go hungry in the cells

    DEFENDANT 14:

    Your Honour
    I want to bring this to your attention
    I was only the jailer in Block Eleven
    I received my orders from my superiors
    and I had to obey them
    I am not the one
    who was responsible
    for what happened in the bunker
    it was the Criminal Officer

    JUDGE:

    Who gave the prisoners food

    DEFENDANT 14:

    The prisoners in charge did this

    JUDGE:

    Who opened the cells

    DEFENDANT 14:

    That was also the duty
    of the prisoners in charge
    We overseers
    were only supposed
    to open the outer gates
    when the Political Department came

    JUDGE:

    Did prisoners
    die in these cells

    DEFENDANT 14:

    Quite possibly
    I can’t remember

  303. Garganta

    Caro Vampiro,

    Música dos adoradores da foto acima( você por acaso):

    “WAIT AND BLEED/ SLIPKNOT

    I’ve felt the air rise up in me
    Kneel down to clear the stone of leaves
    I wonder out where you can see
    Inside my shell i wait and bleed.

    I’ve felt the air rise up in me
    Kneel down to clear the stone of leaves
    I wonder out where you can see
    Inside my shell i wait and bleed

    Goodbye!

    I wipe it off the tile, the light is brighter this time
    Everything is truly blasphemy
    My eyes are red and gold, the hair is standing straight up
    This is not the way i pictured me
    I can’t control my shakes!
    How the hell did i get here?
    Something about this is so very wrong
    I have to laugh out loud, i wish i didn’t like this
    Is it a dream or a memory?

    I’ve felt the air rise up in me
    Kneel down to clear the stone of leaves
    I wonder out where you can see
    Inside my shell i wait and bleed

    Get out of my way ’cause i don’t need this!
    Why didn’t I try this!
    But I’m a victim-manchurian candidate

    I-HAVE-SINNED-BY-JUST
    Making my mind up and taking your breath away!

    I’ve felt the air rise up in me
    Kneel down to clear the stone of leaves
    I wonder out where you can see
    Inside my shell i wait and bleed

    I’ve felt the air rise up in me
    Kneel down to clear the stone of leaves
    I wonder out where you can see
    Inside my shell i wait and bleed

    Goodbye!

    You haven’t learned a thing
    I haven’t changed a thing
    The flesh was in my bones
    The pain is always free

    You haven’t learned a THING!
    I haven’t changed a THING!
    The flesh was in my BONES!
    The pain is always FREE!

    I’ve felt the air rise up in me
    Kneel down to clear the stone of leaves
    I wonder out where you can see
    Inside my shell i wait and bleed

    I’ve felt the air rise up in me
    Kneel down to clear the stone of leaves
    I wonder out where you can see
    Inside my shell i wait and bleed

    And it waits for you!!!….”

    O vídeo, claro:

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  304. Nina

    Anino

    somos diferentes dos outras animais, apenas pela aquisição da linguagem e pelo sexo feito para prazer e não procriação.

    só.

    embora algumas espécies de macacos pratiquem sexo por prazer

  305. O Vampiro de Curitiba

    Garganta, mas na nossa tragédia aqui no Blog, me parece que é você que sempre apanha, não? Os papéis estão invertidos.

  306. Nina

    dizem..

    mas isso não é uma informação científica
    que os gatos também

    vou perguntar pro meu, pena que ele é castrado, acho que não conseguirá me responder, de qualquer forma ele é bem espertinho…ah moleque danado

  307. O Vampiro de Curitiba

    Nina, o ser humano se diferencia dos demais animais por ser o único que se ruboriza. Ou o único que deseja negar o que é. Ou ainda o único que tem consciência de seu fim.

  308. Nina

    Ah… Vamp

    ontem era o Samuca hj é o Garganta…
    já ouviu aquela música: e se eles querem meu sangue terão o meu sangue só no fim, só quando eu estiver morto, só assim..

    quem mandou falar que aquela merda de foto representa vida, viu?
    tá de castigo no alho por um mês.

    bj
    bom dia!

  309. Nina

    Vamp, se num sabe..

    eu me “ruborizo” a cada 5 segundos
    e isso me entrega a todo tempo

    já falei a té com a analista sobre isso
    mas não tem jeito
    acontece até quando eu estou sozinha com meus pensamentos…

  310. Nina e Vamp tomando café da manhã

    gostei da sua definição de ser humano
    mas prefiro (e fico) com a minha…

  311. Garganta

    Cara Nina,

    A sua música:

    “Kiss me
    Out of the bearded barly nightly
    Beside the green green grass
    Swing swing (swing swing)
    Swing the spinning step
    You wear those shoes and
    I will wear that dress.

    Owow….

    Kiss me
    Beneath the milky twilight
    Lead me
    Out on the moonlit floor,
    Lift your open hand
    Strike up the band and
    Make the fireflies dance
    Silver moon sparkling.
    So, kiss me.

    Kiss me (kiss me)
    Down by the broken tree house
    Swing me (swing me)
    Upon it’s hanging tire,
    Bring bring (bring bring)
    Bring your flowerhat
    We’ll take the trail marked on your
    Father’s map

    Owow….

    Kiss me
    Beneath the milky twilight
    Lead me
    Out on the moonlit floor,
    Lift your open hand
    Strike up the band and
    Make the fireflies dance
    Silver moon sparkling.
    So, kiss me.

    Kiss me
    Beneath the milky twilight
    Lead me
    Out on the moonlit floor,
    Lift your open hand
    Strike up the band and
    Make the fireflies dance
    Silver moon sparkling.
    So, kiss me.
    So, kiss me.
    So, kiss me.
    So, kiss me!”( KISS ME/ SIXPENCE NONE THE RICHER)

    O vídeo:

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  312. Nina e Vamp tomando café da manhã

    PARA O VAMP:

    Dizem que guardam bom lugar pra mim no céu
    Logo que eu for pro beleléu.
    A minha vida só eu sei como guiar
    Pois ninguém vai me ouvir se eu chorar.
    Mas enquanto o sol puder arder
    Não vou querer meus olhos escurecer

    Pois se eles querem meu sangue
    Verão o meu sangue só no fim.
    E se eles querem meu corpo
    Só se eu estiver morto, só assim.

    Meus inimigos tentam sempre me ver mal,
    Mas minha força é como o fogo do Sol.
    Pois quando pensam que eu já estou vencido
    É que meu ódio não conhece o perigo.
    Mas enquanto o Sol puder brilhar
    Eu vou querer a minha chance de olhar.

    E eu vou lutar pra ter as coisas que eu desejo.
    Não sei do medo, amor, pra mim não tem preço
    Serei mais livre quando não for mais que osso,
    Do que vivendo com a corda no pescoço.
    Mas enquanto o Sol no céu estiver
    Eu vou fechar meus olhos quando quiser.

  313. santanna

    Nina,
    De quem é a música?

  314. Luciana

    Nino,

    Você falou em planejamento,progresso , interesses comuns e evoluir culturalmente, acho que em algumas coisas concordo contigo, mas não podemos esquecer que cada pessoa é um ser único e que reage de forma diferente na vida, não pdemos colocar todas as pessoas na mesma forma e não cuidar da individualidade de cada um, não estamos no séc XX e muita coisa já vou descoberto na área comportamental.Hoje em dia não comporta mais agir de forma autoritária,impor um padrão rígido, uma disciplina que tornem somente pessoas seguidoras e não cidadãos conscientes, Nino,desculpe, mas isso já era.

  315. Luciana

    Nino , nos animais também tem fragmento da consciência divina porque tudo é divino, a natureza, os animais,etc,etc.E além de tudo para chegarmos no estágio humano um dia também fomos uma ameba , bem que alguns ainda não deixaram de sê-lo.

  316. Aninomyous

    Nãaaaaao meu! é o seguinte, os animau também fala, a gente é qui nãu intendi…a diferença é exatamente diferente, porque nós não estamos nunca no presente, sempre estamos no passado ou no futuro, os bicho fica tudo no presente bicho…eles tudo percebe coisas que nós não percebemos, porém nós viajamos na maionese em termos de passado e de futuro, o Homem domina o fogo, conduz a água, voa com matéria bruta, corre também, temos muito mais que a linguagem, temos a linguagem de computador, que se traduz em som, imagem e movimentos…o Homem não é jamais um animal porque seu corpo é animal, afinal o Homem embora mamífero ele não é bicho porque está separado da realidade e dentro de sua mente, vagando entre passado e futuro constantemente e tendo meros flashes da realidade presente, pode observar, enquanto diferentemente os bichos estão tudo no presente atual constantemente, bicho…heheheheheheeeeeeeeeeee… 😛

  317. Luciana

    Nino,

    Nós como os animais somos o resultado de milhares de anos de mudanças, de adpatação no meio em que surgimos.Então,concluo, que todos nós e animais somos resultado desta faísca, desta explosão cósmica divina.

  318. Luciana

    Nino

    Além de termos nossa própria individualidade, identidade e nossa história de vida temos também dentro de nós o ladrão, o coelho, a cobra, a prostituta, o passarinho, Jesus, o ditador, o analfabeto, o gênio, a árvore , o universo todo dentro de nós.Nino, engraçado que estou te achando extramamente simplista.

  319. Londrina

    Vampiro.
    Gostei muito do seu comentário das 12.11hs. Nunca tinha pensado nisso.
    Estou meio afastada do blog. por falta de tempo e pqe cansei da guerra.
    Não vejo a hora que tudo isso acabe pra gente falar de coisas mais leves.
    Beijos.

  320. Aninomyous

    Não teve uma experiência lá onde os macacos deram um pau em universitários, algo tipo o Genius, com uma sequência que aparecia e deveria ser repetida? pois é…básicamente a diferença é essa, Humano é um ser dotado de uma mente abstrata que o separa da realidade comum, Animal é um ser que vive basicamente na realidade comum do momento presente no instante corrente…

  321. Aninomyous

    O Homem tem um fragmento da consciência divina, todos os outros animais são apenas animais.

  322. Ekran

    Bushismos:

    “I’m the decider, and I decide what is best. And what’s best is for Don Rumsfeld to remain as the secretary of defense.”—Washington, D.C., April 18, 2006

    “See, in my line of work you got to keep repeating things over and over and over again for the truth to sink in, to kind of catapult the propaganda.”—Greece, N.Y., May 24, 2005

    “It’s important for us to explain to our nation that life is important. It’s not only life of babies, but it’s life of children living in, you know, the dark dungeons of the Internet.”—Arlington Heights, Ill., Oct. 24, 2000

    “One of the great things about books is sometimes there are some fantastic pictures.”—U.S. News & World Report, Jan. 3, 2000

    “You know, when I campaigned here in 2000, I said, I want to be a war president. No president wants to be a war president, but I am one.”—Des Moines, Iowa, Oct. 26, 2006

    “They misunderestimated me.”—Bentonville, Ark., Nov. 6, 2000

    http://www.slate.com/id/2208132/

  323. Aninomyous

    Zóia só esse link…se o Kra não é Homem, podes crer que é inferior aos animais, porque um macaco pode superar ele se for pensar por aí…veja: http://animaiscultura.blogspot.com/2008/10/chimpanzs-superam-universitrios-em.html

  324. Luciana

    Desde que o mundo é mundo sempre houve matança, guerras, luta pela sobrevivência, correto.Só que hoje as armas são mais poderosas podem dizimar com cidades numa fração de segundos ou podem fazer com que o planeta vire pó.Uma coisa eram as armas rudimentares dos nossos antepassados, hoje em dia já temos uma bagagem de conhecimento para sabermos que não é mais por aí.

  325. Aninomyous

    As crianças, como dito no link, estão mais proximas dos animais, elas não abstraem e estão mais no presente porque suas memorias estão totalmente focadas nisso enquanto aprendem…seria mesmo uma boa explicação para o fracasso humano das guerras, se dizer como o cão…mas não vale, o homem com sua inteligência ainda pode torna-lo um fiel companheiro adestrado…inclusive é isso que eu dizia láaaa atrás, ontem, neste mesmo espaço, a inteligência deve vencer as guerras e o Homem buscar esse caminho do planejamento, progresso, interesses comuns e evoluir culturalmente.

  326. Valéria

    Gostei do modo como escreveu sobre a nossa não-linearidade, Gerald, esta nossa loucotidiana sincronicidade em muitos níveis e densidades! E é engraçado ler como este nosso processo é rico em meandros!

    Sim, Joyce… aliás, tô lendo “Exilados” por causa de vc, Gerald, nem sabia que ele tinha esta peça. E dá pra ver sua paixão por Ibsen. Eu também quando o li fiquei apaixonada e procurei ler tudo o que podia dele, mas ainda faltam alguns trabalhos.

    E sobre a não- linearidade, percebo isso em peças do Tchekhov, este homem maravilhoso: pra mim um dos poucos autores do século XIX que não vinham com moral e julgamento. E eu amo seus contos!

    inté

  327. Luciana

    Estou lendo o livro crianças indigo paralelo a outros livros e estou achando bem interessante sobre o que escrevem sobre estas crianças, ali diz o seguinte:

    Uma criança indigo é aquela que apresenta um conjunto de características psicológicas incomuns e um padrão de comportamento anda não classificado pela ciência.Esse tipo de comportamento faz com que todos os que interagem com elas (principalmente seus pais) tenham de se adaptar a circunstâncias diferentes e a um tipo específico de criação.Ignorar essas características é obrigar essa nova vida a crescer em um ambiente instável e insatisfatório.

    As dez características mais comuns das crianças indigo:

    Elas nascem, sentem-se (e agem) como nobres.
    Acreditam “merecer estar neste mundo” e se surpreendem
    quando outras pessoas não pensam da mesma maneira.
    Não tem problemas com auto-estima.Costumam dizer com frequência aos pais “quem são”.
    Têm dificuldades em lidar com autoridades absolutas(sem explicação ou possibilidade de questionamento.)
    Recusam-se a desempenhar teterminadas tarefas.Esperar em uma fila, por exemplo, é algo difícil para elas.
    Frustram-se com sistemas ou tarefas que seguem rotinas ou rituais repetitivos em que não possam usar a criatividade.
    Costumam identificar maneiras mais eficazes de fazer as coisas tanto em casa quanto na escola, o que as torna verdadeiras “destruidoras de sistemas”(não se adaptam a qualquer tipo de convenção”
    Parecem não se relacionar bem com pessoa alguma que não seja igual a elas.Se não encontram ninguém com quem possam compartilhar suas idéias e opiniões fecham-se e sentem-se incompreendidas.A escola normalmente é uma experiência difícil para elas em termos sociais.
    Não respondem a técnicas de disciplina associada à culpa(“espere só até seu pai chegar em casa e ver o que você fez”)
    Não têm vergonha ou problemas em expressar suas necessidades.

  328. Luciana

    Nino é abreviatura de Aninomyous.

  329. Luciana

    Nina não era você.Mas você é muito criativa, suas idéias fluem , como dizem por aí desce redondo.

  330. Cristina

    Será que a crise vai chegar na Ilhabela após o verão? Tempo de verão não é tempo de depressão.
    Artaud está falando da cultura da TV, a foto dos soldados se abraçando parece midiática, não sei se os soldados são reais ou são soldados de faz de conta. E o nosso inconsciente acaba confundindo o mundo real com o mundo de faz de conta, não sabemos mais distinguir o que é verdade e o que é ilusão dos meios de comunicações.

  331. Cristina

    O animal tem emoção e sensibilidade, nós é que estamos perdendo a emoção de tanto bombardeio dos meios de comunicações. Perdendo o contato com a intuição, com a natureza, deixamos de ser animais, para ser algum tipo de mutação, talvez estejamos virando máquinas, quer dizer, somos piores, somos escravos das máquinas, elas nos estão dominando.

  332. Luciana

    Nina, que bom que você amou, é que realmente estou te achando, mesmo não te conhecendo pessoalmente, alguém muito inteligente, hipermoderna, rebelde ao seu modo,criativa, tudo de bom, nunca deixe de ser assim.

  333. Luciana

    Nina você é o Anino, não acredito.O Anino me parece alguém rígido, autoritário ao contrário de você.E acredito que você, Nina, seja alguém independente.

  334. Nina

    eu não fui literal
    matança existe desde que o homem é homem, ou bicho, sei lá (também não sou doutor em filosofia)

  335. Garganta

    Cara Nina,

    Ai, ai, ai… vai dizer que não gosta da música “KISS ME”? Ok…

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  336. Luciana

    Nina você se diz Emo, mais emotiva, acho pessoas assim muito sensíveis apesar de poderem se tornar chatas muitas vezes.Eu diria que já sou mais equilibrada, sou emotiva, sou confusa, sou pateta, sou chata, sou alegre, otimista, pessimista, lúdica, melancólica , triste ,eufórica,aberta às pessoas que são receptivas,livres,sensíveis, não autoritárias, pessoas holísticas ou então me fecho,sou , não fui, todos nós somos até morrer.

  337. Luciana

    O cara mais underground que conheço é o diabo que no inferno toca cover das canções celestiais com sua banda formada só por anjos decaídos a platéia pega fogo quando rolam os festivais.
    Z.Baleiro.

  338. Nina e Vamp tomando café da manhã

    LUCIANA

    É
    NINAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    COM A

    SOU FÊMEA

  339. Nina e Vamp tomando café da manhã

    Caro garganta…

    Kiss me? não prá vc

    Minha música é um uivo, não uma música…..
    prá vc querido: e sem beijo

    A VIDA É SWEET
    LOBÃO

    Com a mesma falta de vergonha na cara eu procurava alento no
    Seu último vestígio, no território, da sua presença
    Impregnando tudo tudo que
    Eu não posso, nem quero, deixar que me abandone
    Não posso, nem quero, deixar que me abandone
    Não posso, nem quero, deixar que me abandone não
    Com a mesma falta de vergonha na cara eu procurava alento no
    Seu último vestígio, no território, da sua presença
    Impregnando tudo tudo que
    Eu não posso, nem quero, deixar que me abandone
    Não posso, nem quero, deixar que me abandone
    Não posso, nem quero, deixar que me abandone não
    São novamente quatro horas, eu ouço lixo no futuro
    No presente que tritura, as sirenes que se atrasam
    Pra salvar atropelados que morreram, que fugiam
    Que nasciam, que perderam, que viveram tão depressa,
    Tão depressa, tão depressa
    São novamente quatro horas, eu ouço lixo no futuro
    No presente que tritura, as sirenes que se atrasam
    Pra salvar atropelados que morreram, que fugiam
    Que nasciam, que perderam, que viveram depressa, depressa demais
    A vida é doce, depressa demais.
    A vida é doce, depressa demais.
    A vida é doce, depressa demais.
    E de repente o telefone toca e é você
    Do outro lado me ligando, devolvendo minha insônia
    Minhas bobagens, pra me lembrar que eu fui a coisa mais brega
    Que pousou na tua sopa. Me perdoa daquela expressão pré-fabricada
    De tédio, tão canastrona que nunca funcionou nem funciona
    E de repente o telefone toca e é você
    Do outro lado me ligando, devolvendo minha insônia
    Minhas bobagens, pra me lembrar que eu fui a coisa mais brega
    Que pousou na tua sopa. Me perdoa daquela expressão pré-fabricada
    De tédio, tão canastrona que nunca funcionou nem funciona
    Me perdoa,
    Me perdoa, a vida é doce,
    Me perdoa, me perdoa, me perdoa…
    São novamente quatro horas, eu ouço lixo no futuro
    No presente que tritura, as sirenes que se atrasam
    Pra salvar atropelados que morreram, que fugiam
    Que nasciam, que perderam, que viveram tão depressa,
    Tão depressa,
    São novamente quatro horas, eu ouço lixo no futuro
    No presente que tritura, as sirenes que se atrasam
    Pra salvar atropelados que morreram, que fugiam
    Que nasciam, que perderam, que viveram depressa, depressa de mais
    A vida é doce, depressa demais…
    A vida é doce, depressa demais…
    A vida é doce, depressa demais…
    A vida é doce, depressa demais…

  340. Nina e Vamp tomando café da manhã

    Santanna

    a música do Vamp?
    Cidade Negra.

  341. Garganta

    Cara Nina,

    Vamos fazer essa cena (uma ótima linguagem corporal, a meu ver):

    Eu faço o papel do rapaz e você o da moça( rs).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  342. Sei que amanhã quando eu morrer.
    Os meus amigos vão dizer.
    Que eu tinha um bom coração.
    Alguns até irão chorar, e querer me homenagear.
    Fazendo de ouro um violão.
    Mas depois que o tempo passar.
    Sei que ninguém vai se lembrar.
    Que eu fui embora.
    Por isto é que digo assim.
    Se alguém quiser fazer por mim.
    Que faça agora.
    Me de as flores em vida.
    Um carinho, a mão amiga.
    Para livrar os meus males.
    Depois. que eu me chamar saudades.
    Não preciso de vaidades.
    Quero preces e nada mais.
    Fim.

    Esta composição é do já falecido Nelson Cavaquinho. Foi composta entre bares no Jardim América no Rio de Janeiro.Tive a honra de tomar cachaça pura e cantarolar em muitas noites e tardes com ele e outros bons e honestos malandros do citado bairro.Isto quando malandro era malandro mesmo.
    E considero o injustiçado Nelson um dos maiores artistas do Brasil.
    Infelizmente ou será felizmente, o Nelson era baixo, feio, semi-alfabetizado e defecava e andava se ia aparecer na televisão ou não. Seu negócio era tomar umas e outras e cantar até de graça se tivesse ou não ouvintes.
    Depois da morte do Nelson, Tito Madi comecei a escutar o BB King e arrumei novo ídolo.
    Obrigado.
    Pacheco.

  343. Nina e Vamp tomando café da manhã

    Luciana

    dentro de mim só tem órgãos em bom estado (tô vendendo), bala de cocô que eu acabei de comer com coca-cola gelada e uma velha alma (ou inconsciente)… eu prefiro alma pq assim tbém posso vender pro capeta.

    Eu vou, eu vou vender a minha van
    Eu vou, eu vou vender a minha van
    Eu vou, eu vou vender a minha, vender a minha van, minha vã filosofia.

    mais nadinha

  344. Nina e Vamp tomando café da manhã

    Luciana

    sou rígida
    sou antiga
    sou já era
    sou conservadora
    sou alheia ao progresso
    sou cavernosa
    sou agnóstica
    sou emo

  345. Nina e Vamp tomando café da manhã

    Estou confusa

    eu sou Nina, ou Nino?
    O Anino é o Nino ou é a Nina
    ou Anina?

    ?
    vou tomar um Rivotril

    Anino, vc sou eu?

  346. O Vampiro de Curitiba

    Londrina, tô com saudades!
    Beijos!

  347. Senhor Reinaldo Pedroso.
    O senhor disse a dias passados que não queria conversa com o Ivo Veiga e com o Pacheco. Chamou ainda os dois de belicistas.Isto tudo no escuro sem ao menos considerar ou deixar margem para uma possível mudança.
    Não falo pelo senhor Ivo Veiga.
    Falo pelo Pacheco.
    Uma vez que foi o senhor quem teve a iniciativa de dizer que não queria conversar com o Pacheco, pode ficar mandando recados que todos serão inúteis.
    O velho é teimoso e torrão. As vezes fica babão quando está com os netos.
    Mas leva a sério tudo que escuta. Para mexer com o velho marinheiro tem que ter classe como tem o Targino Silva e o Fábio PIPIPI.
    Você entrou chutando o pau da barraca e querendo dar uma de melhor que os outros.
    Então deixa como está.
    A propósito o velho tem sangue alemão e é de mãe cabocla. Indiretamente é um produto que veio ao mundo e encontrou bagunça causada pela merda do Hitler.Seu pai (alemão)foi expulso do Brasil antes mesmo do velho nascer.Um cidadão português o registrou e também deu no pé.Um brasileiro o criou como pai e por isto o velho é quase internacional.
    Ele é branco dos que depois de uma praia fica vermelho igual um camarão. Ou então depois que ele toma umas cervejas.
    Ele não é preto como perguntas, mas a segunda mulher dele é.
    Satisfeito.
    Falta dizer que ele é um grande amigo.
    E todos do mundo animado riem e brincam com ele.
    Acho que se você desse um tempo para nós não seria tão pedante como aparenta.
    Quac Quac
    Donald

  348. Nina e Vamp tomando café da manhã

    Luciana
    obrigada por chamar minhas idéias de algo digo, alcoólico.
    Adorei
    tudo sem super-ego
    AMEI

    Garganta, lembrei de outra prá vc:

    Minha garganta estranha quando não te vejo, me dá um desejo doido de gritar…
    Minha garganta arranha a tinta e os azulejos, do seu quarto da cozinha da sala de estar…

  349. Nina.

    De mal com o Pacheco!

    E ele imaginando que eu poderia te levar a navegar e cantarolar pelos canais.

    Não nos canais de Veneza.
    Nos canais de Belmonte que ão mais lindos.

    Beijos.

    O Pato Donald mandou um recado para o teu amigo Reinaldo Perigoso ops quero dizer Reinaldo Pedroso.

    Gondoleiro de veneza.

  350. Nina e Vamp acabando de tomar café da manhã

    e só prá fechar nosso cafezinho de hj Vamp, outra pérola, do não menos genial Zeca Baleiro:

    Jesus no cyber café do inferno
    (Zeca Baleiro)

    Pedro
    deves-me trinta
    o diabo não é tão feio
    assim como se pinta

  351. O Vampiro de Curitiba

    Nina, você colou uma música do Lobão. Adoro ele.
    No http://www.geraldthomas.com tem um vídeo com o Gerald entrevistando o Lobão, vale a pena.

  352. Nina e Vamp acabando de tomar café da manhã

    Vamp

    já vi essa entrevista milhoes de vezes
    em dez conversei com o Lobo e ele me disse que passa aqui as vezes
    também AMO esse cara, se não tem idéia

  353. Nina e Vamp acabando de tomar café da manhã

    outro dia escrevi sobre ele aqui, uma coisa enorme, mas se tava de férias na praia…

    bjs

  354. Não gosto e nem estou preparado para fazer grandes e profundas interpretações disto ou daquilo.
    Par mim o que nos diferencia de outros animais semelhantes ou parecidos conosco ( quase todos ) está no fato de que nós usamos papel higiênico.
    E jogamos em sacos a nossa limpeza de merda. Este saco plástico vai para o lixão e lá é rasgada por infelizes a procura de alimentos.
    E de algum modo a merda nos retorna.
    Quem fecha os olhos e ouvidos não percebe, mas somos uma merda de animal.
    Só não admitimos.
    Quer mais merda do que o professor que decepou um dedo de uma aluna querendo impedi-la de provavelmente ir defecar por estar assistindo um animal dando uma merda de aula?
    Quer falar de árabes e judeus!Ótimo.
    Fale dos que vivem em perfeita paz e harmonia no Rio de Janeiro.
    Dominam o comercio de lojas no centro do Rio. Todos se a amam e respeitam.Só lutam pelos fregueses e assim mesmo com educação.
    Quem faz a guerra não é o povo.
    São os merdas que nos governam. Tipo Bush que é como bucho (de gado) que para ser digerido tem que ser preparado com muita limpeza e juntado a melhorias de outros ingredientes no prato.Dá pra comer mas é indigesto.
    Obrigado.
    Pacheco.

  355. Nina.

    Os cientistas brasileiros sabem mais do que estes tais que estão estudando a macacada de gene longo e curto.

    Ao menos o povo sabe disto e mais ha muito tempo.

    Por isto devem ter inventado o:- Macaco velho não mete a mão em cumbuca.

    E ainda o:

    -Cada macaco no seu galho.

    Falando nisto vou para o meu.

    Obrigado.

    Fui.

    Pacheco.
    Obrigado por tentar suavizar com o Reinaldo. Infelizmente ele fez uma opção e assim por mim vai ficar.
    Só abro exceção para mulheres. Principalmente quando tentam ficar de mal comigo. Adorei. Desde longo tempo não lia ou escutava o ficar de mal com alguém.
    Beijos. Do gondoleiro que foi criado hoje em tua homenagem.

  356. Gerald.
    Seguindo tua orientação acessei o Fitna movies.
    Já o aviso de cenas chocantes por vir me incomodou.
    Revivi o passado quando assisti ao vivo pela TV o ataque do segundo avião que atingiu as torre.
    Depois a filmagem da queda e uma mulher e os dizeres de stay calm, stay calm foram demais. Desliguei.
    Sei que tua revolta é maior que a minha. Sei que devemos procurar tirar lições do passado.Mas também sei que estou puto da vida com esta merda de guerra e com tudo de maldade que passamos.
    E sem saber o quanto ainda terá de ver pela frente.
    Algo me diz que este ataque na torre foi permitido e que o dedo do Bush está nesta editoria. Pode ser fantasia mas eu creio que o filho da pua deixou acontecer e poderia ter evitado.
    Por estas e outra é que cada dia estou mais propenso a seguir o pensamento do Targino. Falta pouco para que eu me declare ateu.
    Ou então verei Deus?
    Toda merda eu já vi. Inclusive o que mostra este vídeo.
    Estarei perto da luz?
    Vou mergulhar na escuridão?
    Quem sabe?

    Fui de verdade por hoje.

    Pacheco.

  357. Nina (ainda falando dos macacos, dos homens e dos animais)

    Queria tanto que Freud, o tal neurologista que inventou a psicanálise estivesse vivo prá ver e dizer sobre isso:

    (tem muito a ver com o texto do Thomas)

    14/01/2009 – 14h59
    Gene presente em macacos e humanos condiciona comportamento social, diz estudo

    da Efe, em Madri

    As variações genéticas no gene que transporta serotonina, crucial na regulação das emoções e presente em macacos e em humanos, modelam o comportamento social. A descoberta da Duke University (EUA), publicada na revista “PLoS One”, pode contribuir para criar um novo modelo para estudar o autismo, o transtorno de ansiedade social e a esquizofrenia.

    Os humanos e os macacos são os únicos membros da família primata que têm este traço genético, que influencia nos transtornos experimentados no âmbito das recompensas sociais. Para chegar a esta conclusão, os cientistas estudaram o comportamento e a ansiedade social em dois grupos de macacos que apresentavam variações no gene transportador da serotonina.

    Eles já sabiam que existem duas versões do gene nos humanos: longa e curta, que podem se repetir no par de cromossomos ou aparecerem combinadas. Aquelas pessoas que têm um gene de cada tipo sofrem uma maior incidência do transtorno da ansiedade social e de outros comportamentos.

    Na experiência com o macaco rhesus (divididos em dois grupos com gene longo e gene longo e gene longo e gene curto), a presença da versão curta do gene influenciou na hora de os animais correrem riscos quando enfrentavam um estímulo social: eles apresentavam um estado emocional medroso e eram reticentes a se arriscarem.

    O primeiro teste consistiu em mostrar aos animais imagens de rostos de macacos conhecidos de diferentes status social (esta espécie vive em sociedades despóticas e usa comportamentos dominantes ou submissos para expressar sua categoria social).

    Os primatas com uma cópia do gene curto dedicaram menos tempo a olhar as imagens, foram menos propensos a desenvolverem um comportamento social arriscado e a observarem aquelas imagens nas quais apareciam macacos de status alto.

    Esses animais tiveram um maior diâmetro de pupila quando olhavam para os animais poderosos da comunidade, um sinal que indica uma alta excitação. Em outro teste, eles também escolhiam a opção segura de uma quantidade de suco ao invés de se arriscarem para conseguir uma porção maior.

    Nos estudos realizados com humanos se observou que as pessoas com a versão curta do gene têm, com frequência, amígdalas cerebrais (que detectam as ameaças do ambiente) hiperativas.

    Segundo os pesquisadores, a variação genética na serotonina contribui para moldar o comportamento dos macacos por meio das recompensas e dos castigos. (AIAIAIAIAIAIA!!!!!!!!!!!!!!)

    Como estas variações só ocorrem no ser humano e nos macacos, os cientistas propõem usar estes animais para estudar o que ocorre no cérebro das pessoas, algo que poderia lançar luz em transtornos como o autismo, a ansiedade social e a esquizofrenia. (+ MUITOS AIS!!!)

  358. O Vampiro de Curitiba

    Mudando de assunto, será que a casa cai???

    Para PF, Protógenes vazou infomações da Satiagraha

    De Daniel Roncaglia no site Consultor Jurídico:

    A investigação da Polícia Federal sobre o vazamento de informações da Operação Satiagraha revela que o delegado Protógenes Queiroz privatizou e terceirizou os trabalhos de inteligência para prender o banqueiro Daniel Dantas.

    Em seu relatório, o delegado Amaro Vieira Ferreira, que preside o inquérito, aponta quais foram os jornalistas da TV Globo que filmaram e editaram a reunião em que intermediários do banqueiro supostamente tentam subornar um delegado da PF. Ferreira também apresenta a fontes suspeitas de informar a repórter Andrea Michael, da Folha de S.Paulo, sobre a investigação contra Dantas.

    Além dos jornalistas da Globo, Protógenes teria mobilizado para o trabalho policial a equipe do detetive particular Eloy de Lacerda (especialista em grampos ilegais) e do empresário Luís Roberto Demarco (especialista nas tramas de Daniel Dantas), segundo divulgou o jornal Valor, atribuindo a informação ao Palácio do Planalto.

    Segundo o delegado Amaro Ferreira, foi Protógenes Queiroz quem antecipou ao produtor da TV Globo, Robinson Braios Cerântula, a informação da prisão de Dantas, do ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta, e do investidor Naji Nahas.

    Com a informação, Cerântula, que trabalha exclusivamente para o repórter César Tralli, conseguiu filmar Celso Pitta sendo preso de pijama. Outro membro da equipe comandada por Tralli é o cinegrafista Willian José dos Santos.

    A confirmação de que os dois funcionários da Globo é que filmaram o suposto suborno e que as cenas foram editadas surgiu com a descoberta de que Protógenes guardou para si provas armazenadas em um pen drive. O dispositivo foi encontrado em um dos dez endereços em que o delegado foi procurado.

    No pen drive há arquivos criptografados, registros de arquivos apagados e áudios que, aparentemente, não foram juntados aos autos. Há no equipamento cerca de 450 áudios.”

    PS. do Vamp: Quem tem PT, tem medo!!!

  359. gthomas

    OLHEM COMO EH A PROPAGANDA

    OLHEM COMO EH A PROPAGANDA

    VEJAM ESSE VIDEO MANDADO PELA HARUMI

    http://video.google.com/videoplay?docid=3369102968312745410

  360. gthomas

    ASSIM SE OPERA NO MUNDO TERRORISTA

    ASSISTA O VIDEO

    http://video.google.com/videoplay?docid=3369102968312745410

  361. Nina (ainda falando dos macacos, dos homens e dos animais)

    Isso pq vc não viu a capa da (será que eu falo?) Isto é aqui no Brasil….Gerald

    mídia…
    quero ver depois d guerra

  362. Nina (ainda falando dos macacos, dos homens e dos animais)

    vi o vídeo

    For the lord
    your God

    percebo

  363. Luciana

    Acho que o processo criativo muitas vezes não é linear apesar do resultado poder ter início, meio e fim ou não.Pelo que vejo de artistas sinto que são pessoas que recebem muitos estímulos externos, sempre conectados com o que acontece ao seu redor,têm muitas informações de si e o processo criativo é tudo isso entrando em choque até resultar em uma obra de arte.E uma obra de arte pode na sua época não ser entendido, o artista gênio sempre está na frente.

  364. Nina

    Estava vendo outro vídeo no mesmo endereço, que prefiro não deixar…

    “Freedom go to hell” é o título

    estou indo
    boa noite a todos

    bjs

  365. Nina

    Não posso ir sem deixar de dizer
    O trio cubano Orishas está no Brasil e vai se apresentar em SP dia 27/01.
    Estarei lá, com certeza…

    Vem Vamp?

    agora sim, bjs

  366. O Vampiro de Curitiba

    Assistiram o vídeo que o Gerald colocou?
    Estes são os “coitadinhos”, os “oprimidos”,os heróis indefesos com quem Lula quer conversar. Estes dementes querem destruir não apenas Israel, mas todo o mundo ocidental.
    Por que os canalhas que os defendem não vão viver nesses países?
    Quem são os monstros, os judeus ou estes covardes assassinos?
    Escolha seu lado, caro leitor. Que mundo você que para seus filhos, seus netos?

  367. Nina

    Num consigo ir..

    Vamp, o Lula deu asilo político prum italiano hj (não vou comentar), um tal que a França não quis (não vou comentar)

    Vc viu isso?

    amanhã VOU comentar isso a fundo……………………

  368. Aninomyous

    Heheheheheeeeee, êita! eu sou Aninomyous, nenhum outro nick eu utilizo em minhas postagens, a Sandra e outras já me chamaram de Anino, mas foram elas, eu não assino diferente de Aninomyous, e a questão se eu sou Nina, somente seria isso e responderia Nina se tivesse dupla personalidade (ou pior, múltiplas personalidades) e não me lembrasse desses lapsos, porém como não ocorreu nenhum lapso de tempo dentro de minhas atividades e eu tenho certeza de que físicamente eu sempre estive ‘aqui’ eu afirmo sem sombra de dúvidas que não sou Nina.
    Beijos 😉

  369. Aninomyous

    Esse vídeo fala por sí só…espero que seja uma distorção do Islam e não a verdade sobre ele, porque é odioso e tirano…esta propaganda é política e não religiosa, imposta e ameaçadora, não há Deus e nem revelação alguma, somente incitações humanas para que vc faça isso ou faça aquilo por eles, que como se falassem com uma criancinha querem ser tomados por Deus, mas claramente por tomadas de posição políticok partidárias…
    … quem age assim pode no final estar mesmo é se condenando! sei, sei…vão dizer ‘que meda’, mas nem eu vou aqui querer falar por Deus em lhes contrariar mas tenho experiências pessoais de coisas que me levam a dizer que morte levará a todos aqui, os bons e maus, os que temem e os que desdenham, os que creem e os ceticos…mas uma coisa mesmo não está dentro desta dualidade, é que o Deus verdadeiro não está submetido a isso, e nem poderão impor isso a Ele no final, não precisa que vc faça nada disto com os outros por Ele e pelo contrário, se vc usa a vida que Ele fez para seus jogos políticos e tomando parte na morte de semelhantes que não lhe ameaçavam, então vc estará agredindo Ele, e quem não é capaz de entender o que é agredir a Deus não tem mesmo porque respeitar a vida dos outros, nem a própria, e nem tem medo de nada, porém um castigo mesmo é cruel, se Deus negar o kra, então ele primeiro será jogado para dentro do Inferno, cujo nome já fala por sí proprio, tal qual aquele filme lá…eu diria até que podem ser continuidades de repente…vida de odio, assassinatos, morte, inferno.

  370. Aninomyous

    E sob um ponto de vista não religioso? política incitando guerra.

  371. Aninomyous

    Vou além, do ponto de vista prático e materialista, eles são tão superiores às religiões quanto as armas de fogo são superiores às palavras…mas se esquecem que as armas são materias às quais qualquer idiota usa e as palavras são verbos os quais somente os sábios reconhecem.

  372. Oi, Gt, Vamp e pessoal:

    Sou a favor do Battisti ficar aqui mesmo. Não é que a França não o quis: Mitterrand deu sua palavra e governos conservadores voltaram atrás.

    Entregar ele para o neo-fascista Berlusconi cantar vitória? Não aprendemos nada com Olga Benário? Ele não é criminoso comum, uma das vítimas tb está recebendo indenizações….

  373. O Vampiro de Curitiba

    Depois da covarde entrega dos pugilistas cubanos ao Tirano Castro, depois do ridículo papel do Brasil em querer conversar com terroristas do Hamas, mais uma vergonha para o Brasil:

    “Caso Battisti: Itália reage e convoca embaixador do País

    AE – Agencia Estado
    Tamanho do texto? A A A A
    ROMA – O Ministério das Relações Exteriores da Itália convocou hoje o embaixador do Brasil na Itália para explicações, após Brasília defender uma decisão que dá status de refugiado político a um ex-radical italiano, Cesare Battisti, condenado à revelia por matar quatro pessoas na época da militância armada de esquerda na Itália (anos 1970). Battisti é considerado um “terrorista” pelo governo italiano. Ele nega ter cometido os assassinatos.

    Um comunicado da chancelaria italiana disse que o embaixador brasileiro na Itália, Adhemar Gabriel Bahadian, se reuniu hoje com o secretário-geral da chancelaria da Itália, Giampiero Massolo, a pedido do ministro das Relações Exteriores da Itália, Franco Frattini, para expressar “perplexidade” com a decisão do governo brasileiro.

    Massolo também disse ao embaixador brasileiro que “os parlamentares, a opinião pública e as famílias das vítimas estão indignadas” com a decisão do Brasil. O ministro da Justiça do Brasil, Tarso Genro, defendeu em São Paulo a decisão de dar asilo a Battisti. As informações são da Dow Jones.”

  374. Rômulo B. Pereira

    30/12/2008 – 15:24

    Enviado por: Rômulo Bittencourt Pereira

    Acho q a humanidade encontra-se numa encruzilhada: Estamos em pleno século 21 enfrentando (ainda) guerras por motivos religiosos tal e qual se fazia no período das cruzadas. Na verdade a sociedade “high tech” dos Ipods, N95, notebooks e etc… ainda encontra-se dividida. O acesso ao conforto e a tecnologia da (DES) informação é privilégio de alguns, tal e qual era na época de Fausto! E prq Fausto? Prq Fausto queria ser Deus! E desafiar Deus (EGO) só foi possível através dos livros, textos em hebráico e grego que uma pessoa da elite (dita) formal teria naquela época. Afinal, o que isso tem haver com o assunto que estamos tratando? O conhecimento é luz nas trevas da ignorância, nos afasta da fé, porém nos tira da bestialidade: resultado que nos fez avançar na escala evolucionária!

    Vamos dividir o conhecimento e humanizar o mundo!

    Viva Goethe e que vivam os ideais gregos!

    Feliz ano novo p/ todos!

    30/12/2008 – 15:26

    Enviado por: gthomas

    Eh, Romulo> fala-se de um tal Nostradamus e em 2012…..
    e que….(frase acaba ai….)

    30/12/2008 – 15:27

    Enviado por: gthomas

    Dificil querer humanizar o mundo quando estao todos de ouvidos tapados por um iPod ou um inao Pod….

    30/12/2008 – 15:28

    Enviado por: gthomas

    Ivo: Dachau ja seria bom pra ele ou, quem sabe, Bangu mesmo!
    ===================================================
    GThomas,

    Esta foi a minha primeira participação no seu blog. O primeiro post no seu blog é como o primeiro sutiã: A gente nunca esquece!

    Não creio q o vídeo represente todo o povo mulçumano. Na verdade, acho até que representa uma fração diminuta, covarde, alterada e doente do povo destas plagas do oriente. Acho que Ipods, Iphones e outros apetrechos eletrônicos do tipo “gadget” são muito eficientes em alterar a realidade… Já falei este tantão no post acima. Não quero me repetir!
    Na verdade (que repetitivo), o que quero dizer (novamente) é que a maioria não é só burra. A maioria é frágil! Prq? Prq permite todo o tipo de propaganda política sem distinção. Me lembra mto qdo os nazistas jogaram panfletos sobre Londres durante a segunda guerra mundial. Uma forma de minar o moral do povo inglês, da mesma forma que, os israelenses recentemente fizeram ao invadir Gaza. E só jogaram panfletos prq os palestinos não tem os tais “gadgets”, pois se tivessem teriam recebido através de
    e-mail no celular (3G é d+).

    Não ao ISLAMISMO! Não ao NAZISMO! Não ao FACISMO, FRANQUISMO, SALAZARISMO, SIONISMO e tantos outros ISMOS!

    Se devo enxergar este vídeo com um tom profético e apocalíptico, eu teria que aceitar que as centúrias de Nostradamus com previsões para 2012 são menos proféticas que os Protocolos!

    Vamos parar de hipocrisia!

    Parabéns Aninomyous e Garganta pela dissidência heróica!

  375. Tene Cheba

    Nesse mundo de Deus você não deve ter lado, não deve ter uma face apenas, como o prisma que decompõe a luz, suas arestas e faces que são múltiplas assim deveria ser o Ser, não tentar refletir sua imagem nas águas turvas do lago opaco. Tudo é muito cristalino, quando montamos as nossas verdades, sem pontos, sem vistas, sem fugas, perspectivas desenhadas, olhares iludidos, realidades completamente traduzidas, jamais, nem na minha máxima insanidade mental, colocarei o nome do meu Filho de Adolf Hitler, nem de Osama ou Stálin, eu sou maior que a minha hipocrisia.

  376. Sonya

    Primeiramente G.T. ja gostei do seu jeito de apresentar a realidade nua e crua. Sou de SC mas moro em SP atualmente.
    Tenho somente lido seu blog esporadicamente, agora estou postando pela 1ª vez (não pensei q fosse tão facil!).

    Esse papo de guerra pra lá e pra cá sempre foi a maior idiotice do stupid white man e agora ate em nome da religião inventaram!
    Esse povo ta se acabando, o homem literalmente ta acabando consigo mesmo,com a especie. O problema nem é o odio pq isso é um efeito, e sim a incapacidade de expressar a insatisfação por meio de armas e ai surge bombas e tudo mais.
    Todo mundo faz o maior barulho por terras do vizinho!!
    Isso é vergonhoso, r-i-d-i-c-u-l-o!
    Qdo o homem vai aprender a ser inteligente, a ter consciencia q não domina nada???
    Politicos e sacerdotes devem ser banidos, lançados num foguete e…tchauzinho!
    Pq eles estão controlando robos, e não orientando vidas!!

    Terrivelmente lamentavel…

  377. Tene Cheba

    Lula é menor que a sua hipocrisia, o Senhor Presidente, não vê a crise que vai demolindo o seu fantástico governo.A demissão nas empresas é na base do rodo.Mas pior do que Lula é o Tarso, e pior que este é a reforma caricatural que a caricatura da verdade fez em sua principal fachada, o rosto.Esse italiano que matou quatro e foi absolvido pelo grande ministro Tarso Genro e, com Luiz Greenhalgh advogando, meus caros, nem se despejarem toda a produção de cal da Votorantim nas vergonhas deste governo, o mundo ficará constrangido.Mundo não, parte do mundo, parte não, a fração milionésima deste.Desde 64, a produção do cal vem aumentando, notadamente nesses últimos aninhos.
    Abraços Pacheco e Ivo.

  378. gthomas

    Romulo

    Obvio que o video NAO representa TODO o povo muculmano. Peloamordedeus ou maome, ou o Alah, ou mesmo o Jardim de Alah que divide Ipanema do Leblon, ai no Brasil..no Rio…

    nesse momento, estou com meu advogado aqui em NY, que se converteu ao islamismo na epoca em que todos os negros fizeram isso por seguirem o Malcolm X…..

    Putamerda: eu falo de TERRORISTAS e nao do povo islamico que eh tao pacifico quanto qualquer outro: os cristaos podem ser violentos, tao violentos quanto esses que vemos nas lutas de todos os dias ou nas Inquisicoes ou Mesmo no proprio Libano em 82 ou as EMBOSCADAS CULTURAIS podem ser ainda mais CRUEIS do que as RELIGIOSAS – olhem o que aconteceu entre BOSNIA, Croacia e SERVIA (ANTES TUDO YUGOSLAVIA)

    OU….(votando ao assunto fanatismo religioso): protestantes podem ser crueis, monstros podem ser mansos, uma manga jogada do 12 andar pode MATAR uma crianca mais do que um Paralelepipedo se esse for simplesmente jogado a 2 cm da cabeca de um MONSTRO FANATICO religioso!

    FANATISMO EH UMA MERDA

    SEJA DE QUAL EXPOENTE FOR

    EH COMPULSAO

    SO ENXERGA UMA COISA

    NAO COMPREENDE A DIALETICA

    NAO TEM ESPACO PRO ESPACO

    NAO TEM LUGAR PRA NADA QUE NAO SEJA AQUELA VISEIRA DE CAVALO E ESSE…..INFELIZMENTE VEM A SER O PROBLEMA

    NAO SOMOS CAVALOS

    SOMOS SERES

    H U

    MA

    NOS

  379. Tene Cheba

    Assisti ao vídeo integralmente.Primeiramente peço desculpas antecipadas pelo que irei comentar, em partes.Minha intenção, honestamente não é a de aumentar a ferida, ou o abismo que nos impede de amar ao próximo, principalmente os que estão do lado de lá.
    “Defenda a nossa liberdade”. Então a defenderei.Não meus queridos, nem todas cores estão presentes neste quadro, tenho que ter fôlego e permanecer sereno, é duro nadar com toda essa turbulência.

  380. gthomas

    Alias, me tomar por alguem que queira ESTERIOTIPAR qualquer povo ou qualquer Raca (com cedilha) ou quaquer coisa ja, em si, eh um insulto! Pombas! Pesquise. Veja quem eu sou e o que fiz ou ando fazendo pelo mundo. Voce me acha na Wikipedia ou (putz, que saco! juro, que saco! depois desse documentario que estao fazendo aqui a meu respeito, ainda ter que me justificar?

    nao, esquece…..

    esquece

    meu website eh conhecido

    quem quiser saber
    sabe
    e quem nao quiser
    que

    ABRA OS OLHOS BEM FECHADOS!!!!

  381. Tene Cheba

    Devemos separar o joio do trigo, devemos sim.O documentário, não mostra em nenhum momento que mulçumanos não estão ali. Mostra o lado radical da religião do Profeta. Continuando, não cita que milhares de judeus residem no Irã, que participam do parlamento.Não cita que o islamismo prega o respeito aos judeus e cristãos, por Isaías e Jesus, ambos profetas também.
    O que se mostra? Tudo o que eu não quero ver.O que se mostra? Nenhum discurso da ortodoxia de Israel.O que se mostra?O que se mostra? Todos os fundamentalista.O que se nota? Todos os mulçumanos são fundamentalistas.Não gente o buraco é mais embaixo.Aquela menina falando do judeu, entre outras cenas, foi uma covardia.Eu defendo a invasão do Iraque, com todo o horror, aquele horror tinha que terminar, eu defendo a invasão do Afeganistão, aquele horror tem que terminar.Mas quem criou o Hamas?Quem adubou a sua semente?Não, o buraco é mais embaixo.Senti muitas dores neste vídeo, dores confusas, dores infiéis ao meu pensamento.Mas quantas palestinas este vídeo não construiu?

  382. Ekran

    20 de janeiro está chegando…

    On January 20th, an African-American family will take occupancy of the White House. The incoming President’s father was Kenyan, his mother a Kansan. The future First Lady’s great-great-grandfather Jim Robinson worked as a slave on the Friendfield Plantation, in Georgetown, South Carolina, and is thought to be buried there in an unmarked grave. The election of Barack Hussein Obama represents the culmination of the processes predicted by Representative White, forces that accelerated with the rise, in 1955, of the Second Reconstruction––the civil-rights movement––and the election and the appointment thereafter of hundreds of African-Americans to public office. It is cause not for self-congratulation but for celebration nonetheless. There are many things that the Inauguration of Barack Obama will not mean—the complete eradication of racial prejudice; the disappearance of injustices of history still made manifest in the everyday statistics of employment, education, and incarceration––but it can only instill in the American people a sense of possibility and progress.

    http://www.newyorker.com/talk/comment/2009/01/12/090112taco_talk_remnick

  383. Rômulo B. Pereira

    GT,

    O tesão com que vc apresentou o link é que me deixou boquiaberto. Nada contra, porém tinha que manifestar a minha opinião sobre o vídeo. Radicalismo é uma coisa idiota, venha de onde vier. Seja desses mujahedins de araque, ortodoxos sionistas de bosta ou carolinhas de titica. Pra mim, são uma coisa só: Merda!

    Um dos maiores exemplos de radicalismo religioso:
    Cruzada Albigense.

    Sou católico e avesso a radicalismo!

  384. Ivo Veiga

    Gerald, tinha prometido a mim mesmo, ler mas não mais participar do blog, mas diante do que acabo de ler, enviado pelo Sr.Romulo, não posso deixar passar em branco, como de um texto longo(meu)com seu comentário:30/12/2008 – 15:28

    Enviado por: gthomas

    Ivo: Dachau ja seria bom pra ele ou, quem sabe, Bangu mesmo!
    ===================================================
    Ou seja prá quem não leu a íntegra do comentário, com seu aparte, fica parecendo que o Sr. Gerald Thomas é nazista, tanto é que usa roupa preta(SS) com a manga da camisa dobrada(para esconder a suástica) então palavras pinçadas aqui e alí dão margem a dúvidas e má interpretação dos fatos. Quero me solidarizar com Gerald Thomas, que nunca foi e jamais será Obergruppenfüehrer. Quanto a questão de Israel que teve um terço de sua população na Europa exterminada, pergunto qual povo passou por esse tipo de massacre nos últimos 100 anos. Portanto a autodefesa é mais que uma necessidade um direito divino e os soldados da foto que são de Israel estão apenas cumprindo com seu dever. Aliás, como já disse aqui em ocasião anterior, os que são contra e se não fosse povos que se autodefenderam, como USA, Inglaterra,URSS,Brasil e outros, hoje seriam mão de obra escrava, trabalhando enquanto desse e sendo eliminados quando não mais necessários sob a égide de
    “ARBEIT MACHT FREI”
    Abraço
    Ivo

  385. Tene Cheba

    “Matarei minha Irmã ou a minha Mãe”, quem vai matar?Eu, aquele que professa a sua fé? Quem muitilará as meninas?Eu, aquele que professa a sua fé? Quem apedrejará as adúlteras?Eu, quem professa a sua fé? Quem afogará os gays?Eu, aquele que professa a sua fé? Precisamos diferenciar mais e compilar menos? Mas este vídeo doeu muito.

  386. Rômulo B. Pereira

    Tene,

    tive a mesma sensação.
    Esse vídeo é totalmente esteriotipado.

  387. Ivo Veiga

    Como complemento li escrito por alguém que não me lembro, que a foto dos soldados lembrava “chulé”, pois é mas se minha vida estivesse em perigo iminente eu prefereria a defesa desses com cheiro de chulé do que outros que perfumados estivessem.
    Ivo

  388. Ivo Veiga

    Dito isso, me retiro para voltar????
    Abraço a todos
    Ivo

  389. Rômulo B. Pereira

    É impressionante como as pessoas esquecem a participação dos EUA na construção deste esteriótipo. Ninguém, eu disse ninguém, lembra que a CIA treinou todos eles! Vai dizer que Israel não sabia? Por que não se manifestaram? Eu acho que o momento não é de acusar, porém, temos que esclarecer estas incongruências para tentar algum futuro para este planetinha sofrido.

  390. gthomas

    Ivo

    Deixa que eu traduza pros leigos, ja que estou um pouco mais calmo:

    Obergruppenfüehrer. Lider de Alto Escalao da Gestapo ou SS

    e Arbeit Macht Frei eh a inscrita em Metal sobre o portao que visitei varias vezes (onde 8 membros de minha familia esta exterminada, dentro de um cinzeiro) em AUSCHWITZ, Polonia, perto de Katovice, perto das minas de sal.

    Agora- nao quero fazer parte da industria do Holocausto e portanto abomino o Eli Wiesel

    Mas abomino muito mais a industria do ANTI holocausro

    Obrigado, Ivo

  391. Tene Cheba

    O ocidente é puro, suas águas são límpidas, suas montanhas tem o ar puro, pisam em seus asfaltos brancos, banham-se nos oceanos que sempre transportaram a liberdade, pelo 0800 ligam para Darfur, ligam sempre como ligam, para a Somália frqequentemente, para a Palestina, prá lá de trinta anos.Defendam a liberdade, só o Iraque me interessou.Ah!, Afeganistão também, xiii esqueci do Tibete, nem me fale da Sèrvia e seu lindo Kosovo, nem me fale dos curdos,nem me fale de Alá, tudo que é ruim, deve ser abortado, tudo que é bom, se não tem barbas grandes, cabelos curtos e não falar complicado, deve ser apropriado, Jerusalém é nossa, com uma Igreja, mesquita e muro, manda no mundo, com tudo isto, não vamos reparti-la. A dor pode estar no choro, na vergonha, no biquini de Ipanema, ou na burca de Cabul, mas a dor sempre estará presente, essa é a nossa vocação apedrejar.

  392. Rômulo B. Pereira

    31/12/2008 – 13:34

    Enviado por: Rômulo Bittencourt Pereira

    Amigo GThomas,

    Dachau, bem, foi um horror (de piada)!

    Abs,

    R.

    ===================================================

    14/01/2009 – 22:17

    Enviado por: Ivo Veiga

    Gerald, tinha prometido a mim mesmo, ler mas não mais participar do blog, mas diante do que acabo de ler, enviado pelo Sr.Romulo, não posso deixar passar em branco, como de um texto longo(meu)com seu comentário:30/12/2008 – 15:28

    Enviado por: gthomas

    Ivo: Dachau ja seria bom pra ele ou, quem sabe, Bangu mesmo!
    ===================================================
    Ou seja prá quem não leu a íntegra do comentário, com seu aparte, fica parecendo que o Sr. Gerald Thomas é nazista, tanto é que usa roupa preta(SS) com a manga da camisa dobrada(para esconder a suástica) então palavras pinçadas aqui e alí dão margem a dúvidas e má interpretação dos fatos. Quero me solidarizar com Gerald Thomas, que nunca foi e jamais será Obergruppenfüehrer. Quanto a questão de Israel que teve um terço de sua população na Europa exterminada, pergunto qual povo passou por esse tipo de massacre nos últimos 100 anos. Portanto a autodefesa é mais que uma necessidade um direito divino e os soldados da foto que são de Israel estão apenas cumprindo com seu dever. Aliás, como já disse aqui em ocasião anterior, os que são contra e se não fosse povos que se autodefenderam, como USA, Inglaterra,URSS,Brasil e outros, hoje seriam mão de obra escrava, trabalhando enquanto desse e sendo eliminados quando não mais necessários sob a égide de
    “ARBEIT MACHT FREI”
    Abraço
    Ivo

    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    Prezado Ivo,

    Que bom que vc voltou a dar a sua opinião, pois tenho certeza de que participar somente na coxia é anti-democrático (com hífen?) e não faz o seu estilo. O GT não foi acusado de nada! Nunca acusei o GT de ser um híbrido SIO-NAZI-FACISTA! O GT têm posições! Eu tenho as minhas! Estamos em um ambiente democrático de discussão. Discordar é saudável!
    Não preciso pegar uma Bíblia e esfregar na cara do GT para provar que as minhas posições são certas. Assim como ele, não precisa pegar a Torá e dar na minha cabeça! Não sei se ele é agnóstico, ateu, gnóstico, maniqueísta, zoroastrista, magista ou magicista – muçulmano sei que não é, porém, tenho o direito de discordar e manifestar o que penso. Esta é a finalidade do blog!
    Quanto a Dachau… Eu não comecei a piada (pelo menos, me pareceu uma piada de mau gosto). O revide no campo das idéias é melhor do que aqueles feitos em Gaza, Balcãs ou Bangu I, II, III… ou nos anos de chumbo dos governos militares, que vc deve conhecer melhor do que eu!

    Abs,

    R.

  393. Valéria

    eu acho incrível como ainda vem gente aqui só pra agredir o Gerald…
    e logo aqui que tem espaço pro espaço…

    “Não tem espaço pro espaço” é ÓTIMO.

    Pacheco, vc é um fofo. Pena que não leio muito os comenta´rios, não tô com este tempo todo. Mas fica aqui minha simpatia pela sua forma de escrever. Ao Tene e ao Ivo tb.
    vOU DORMIR!

  394. Rômulo B. Pereira

    GT,

    Desculpe o mal entendido, mas não vou deixar de ser incisivo quando achar necessário. Ser incisivo mtas vezes enriquece o blog!

    Sinceramente,

    Rômulo

  395. Rômulo B. Pereira

    Sr.Ivo (2),

    O comentário que gerou o aparte, foi reproduzido (na íntegra) no dia de hj ás 19:38. Aqueles q não tiveram a oportunidade, verão que não foi nenhum ataque a honra, crença ou qualquer coisa parecida.

    abs,

    R.

  396. Valéria

    e não estou me referindo a ninguém em particular! É que de vez em quando há umas agressões que… Aí eu fico imaginando este povo numa guerra, como seria? Se aqui tá todo mundo em “paz”… Que fique cada um com suas “opiniães” e com o somatório das opiniões dos outros, se não deixa de ser encontro e passa a ser … sei lá, opopinião ah ha ha hah

  397. Rômulo B. Pereira

    Valéria,

    Concordo.

  398. Rômulo B. Pereira

    Estou me sentindo a própria “Maria Madalena”. Apedrejada por todos os lados!

  399. santanna

    Tenho lido sempre os comentários por esses dias, e penso que a questão não é tanto a de tomar partido de um lado ou de outro, a reflexão é tão sómente a capacidade de cada um de nós de se solidarizar e se importar com a dor de outro(s) sere(s) humano(s).

    Pode parecer “simplista”, mas no fundo o que realmente importa é isso.

    Por acaso alguém aqui acha realmente que qq pessoa, qq que seja, em qq parte do mundo, merece estar em sua casa ou em seu trabalho, ou na rua, e receber uma bomba, foguete, sei lá, na cabeça?

  400. Tene Cheba

    Não se sinta assim Rômulo, a Valéria deve estar se referindo as agressões covardes, que eu já li por aqui, nojento, e Gerald Thomas publicava.A moçada aqui é ótima.

    Afinal, quem não tiver pecado que atire a primeira pedra, ou tijolo, ou bloco de concreto maciço, mas não mais que uma, ou um, ando lendo muito Gerald Thomas, olha só o estilo.

  401. gthomas

    Nao se trata tanto de ter pecado ou nao. Nem se trata de comentarios tampouco. Quando a Harumi me mandou o link do video hoje a tarde eu vi um trecho. Eu estava na correria de sempre aqui por NY (hoje foi um dia punk como os ultimos…..enfim) (normal), e via fone notei nos emails da Harumi a seguinte pergunta: “vc viu o final?” “vc viu o final?”

    ate que nao aguentei e – de um canto escondido do apt da Ellen, liguei pra ela, Harumi e perguntei: o que tem no final? “Um horror, um horror”. E tive que desligar.

    Resumido: Vcs ai no Brasil discutem e se arrastam, mandam Ministro (eta demagogia populista de merda) pra “mediar” a crise entre Israelenses e Palestinos (obvio que o cara nao chegou nem perto )…..Enfim, o Brasil eh um pais que se ARRASTA ha decadas, ha seculos, mas NUNCA CHEGA LA.

    EH O PAIS DO POBRE COITADO,
    EH O PAIS QUE ODEIA O VENCEDOR

    EH O PAIS QUE DETESTA O (assim chamado) “IMPERIALISTA” mas consome produtos importados dos poros ate o CHUI (Marilena inclusa), eh um pais que acaricia o PERDEDOR, eh um pais que tem ODIO do resto do mundo que ATROPELA a econonomia globalizada como (ate a India esta fazendo, Coreia do Sul, por exemplo….) eh o tal Gigante adormecido que DISCUTE mesmo e AMBICIONA MESMO eh a PORRA DA NOVELINHA DAS 8, DAS 9, DAS 10, DAS 11, DAS 12, DAS 13, DAS 14, DAS 15 E QUE SOLTA MARCOS VALERIOS,E QUE SOLTA AS CUECAS E QUE SOLTA TUDO QUE EH MALANDRO

    PORQUE NAO TEM UM
    OU DOIS
    OU TRES
    QUE NAO SEJAM

    CORRUPTOS

    E ISSO JA VEM
    DA MERDA DE PORTUGAL
    COM SUA PREGUICA
    E SUA DESVANTAGEM CEREBRAL EM
    RELACAO AO ESPANHOIS
    E ACABOU

    E NOS?

    NOS ARRISCAMOS A VIDA
    E VIVEMOS O MUNDO

    E VCS ASSISTEM TUDO ATRAVES DE UM FILTRO

    E NO ENTANTO ACHAM QUE SABEM

    NAO SABEM
    NAO SABEM DE PORRA NENHUMA

    NADA

    NADA DE PORRA NENHUMA!

    desculpem o desabafo de alguem que ficou 21 um dias enfiado em GROUND ZERO

    e estou pouco me FODENDO para o que vcs levantam no GOOGLE (invencao nossa) ou no YouTube (invenvao nossa) ou pela internet (invencao nossa) ou pro que esta certo ou errado (INVENCAO TRIVIALIZADA por Arao, enquanto seu irmao
    Moises

    ficou 40 dias
    e

    40 noites
    no topo
    do monte sinai

    aguardando

    Godot

    e derrubou algumas tabuas
    mas sobraram 20

    Grouxo Marx roubou 5
    e Mel Brooks roubou mais 5

    e SOBRARAM 10

    e agora volto a tomar conta da minha MaMa

    Gerald Thomas

  402. Pra voce, Luciana, com todo afeto.

    Às vezes eu começo a pensar,
    o mundo começa a rodar,
    eu fujo de mim.

    Procuro um lugar distante,
    que abrigue uma bela amante
    Porque aqui a solidão é sem fim.

    Divago ao leu do pensamento,
    mas quando volto ao meu momento,
    estou pensando em ti.

    De novo gira mundo,
    o silencio, aqui, é profundo,
    não ouço sequer a tua voz.

    Talvez até morrestes;
    ou quem sabe, ja esquecestes
    o que houve entre nos.

    Targino Silva.

  403. santanna

    Ixe!!!
    Depois dessas palavras de GT… amanhã, aliás hoje mais tarde, o pau vai quebrar!!

  404. Pacheco.
    Eu brigo muito com o meu filho (no terreno das idéias).
    Um dia ele me disse. Sabe por que brigamos?
    Porque somos iguais.
    Aquilo me encheu de orgulho.
    Serve para nos dois.

  405. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 09:25
    Enviado por: Nina
    “Reinaldo,
    (…) por exemplo, sobre o texto do GT?
    que achou dele?”

    O Gerald é um perigo no trânsito.
    Reinaldo

  406. Reinaldo Pedroso

    13/01/2009 – 01:47
    Enviado por: santanna
    “Reinaldo,
    Respostas de Charles Eames, 1972.
    – O design é uma expressão de arte?
    C.E. : Prefiro dizer que design é a expressão de um propósito.
    Mais tarde ele pode, se for bom o suficiente, ser julgado como arte.”

    Santanna
    Tudo tem um propósito.
    Em uma tentativa pretensiosamente didático/pedagógica conscientemente compartimentada, digo que a Arte dirige-se à afetividade. Já o Design, às necessidades objetivas de informação(Design Gráfico) e de uso(Design Industrial).
    Beijo,
    Reinaldo

    P.S.- Segue…

  407. Sr. Thomas.
    Sabe por que vocês inventam tudo.
    Por que vocês têm uma motivação para inventar.
    A guerra. Nos não.
    Se o senhor for procurar vai encontrar muita coisa boa que criada aqui, o BCG, o avião, o dirigível,
    a maquina de escrever, a chapa do pulmão, a urna eletrônica, a fotografia, o Bina, a radiotransmição,
    o soro antiofídico, a bicicleta ( Leônidas da Silva), o samba, o trio elétrico, a bolsa família, a mulata,
    a cachaça, o pãozinho de queijo, o fio dental e a rapadura.

  408. Reinaldo Pedroso

    15/01/2009 – 01:05
    Enviado por: gthomas
    “Nao se trata tanto de ter pecado ou nao. (…) #! &! {! M! #! X! §! @! %! $! }! @! P! §! ¬! 4! (…) desculpem o desabafo (…)

    Tá te sentindo melhor, Gerald?
    Reinaldo

  409. Reinaldo Pedroso

    14/01/2009 – 15:21
    Enviado por: Gondoleiro veneziano.
    “Nina. (…)
    O Pato Donald mandou um recado para o teu amigo Reinaldo Perigoso ops quero dizer Reinaldo Pedroso.”

    O que é isso?
    Reinaldo

  410. Reinaldo Pedroso

    14/01/2009 – 15:51
    Enviado por: Jose Pacheco Filho
    “Nina. (…)
    Obrigado por tentar suavizar com o Reinaldo. Infelizmente ele fez uma opção e assim por mim vai ficar.”

    O que é isso? “Indiretas já!”
    Reinaldo

  411. gthomas

    ME PERGUNTO SE A FOLHA TEM ALGUMA DIVIDA COM O MOBRAL OU SE O TRADUTOR NAO SOUBE LER AS ENTRELINHAS OU QUAL EH…..AFINAL, ESSE CARA ESCREVE COISAS QUE UM INFANTO DE, DIGAMOS 5 (nao, perdao) 3 anos de idade pode escrever: ah, eh isso: Esse eh a tal contrapartida social aos dementes (mesmo entre jornalistas)

    Leiam

    KENNETH MAXWELL

    O novo presidente dos EUA
    QUANDO BARACK Obama tomar posse, na próxima terça-feira, 20 de janeiro, isso marcará um momento histórico para os Estados Unidos. Ele é negro, afinal.
    O novo presidente comandará uma elite ainda dominada por brancos, em um país que até há relativamente pouco tempo ainda estava submetido à segregação judicial no sul e no qual a discriminação racial era um poderoso elemento no norte. É verdade que Barack Obama não teve de sofrer sob esses fardos e restrições. Sua infância foi passada no Havaí, e o Havaí é um caso muito especial. Ainda que não seja um “paraíso racial”, é, de toda maneira, uma sociedade multirracial.
    Alguns pontos notáveis sobre Barack Obama, no momento de sua posse. O novo presidente será mais sensível às preocupações dos negros e das minorias. Precisará equilibrar esse aspecto e o apoio dos democratas no Congresso. A ampla coalizão que o levou ao poder não é muito disciplinada, especialmente no Senado. Existem muitos indivíduos que podem considerar que se opor a Obama atende aos seus interesses políticos. Ele precisará restaurar certa medida de confiança, e não apenas nos setores financeiro e de negócios. Terá, acima de tudo, de restabelecer a esperança quanto ao futuro.
    Os Estados Unidos continuam a ser uma potência mundial. Seu poderio foi severamente distorcido pela invasão ao Iraque, promovida pelo governo que está se encerrando. Extrair os Estados Unidos do atoleiro iraquiano não será fácil, mas é necessário fazê-lo. A guerra no Afeganistão ganhará importância. O Irã representará um grande desafio. Mas crises podem ocorrer subitamente; por exemplo, no Paquistão.
    A invasão israelense à faixa de Gaza criou novos fatos concretos que serão difíceis de contornar. O apoio norte-americano a Israel vem se mantendo firme, mas o novo governo terá de considerar as consequências mais amplas desse apoio.
    Na América Latina, o papel dos Estados Unidos se reduziu muito. Cinquenta anos depois da revolução, Cuba continua comunista. O México está em guerra interna contra os traficantes de drogas. A Colômbia está debatendo a possibilidade de um terceiro mandato para o presidente Uribe. A Venezuela continuará a causar problemas. Nesse contexto, e a despeito dos revezes do ano passado, o Brasil se manteve estável e assertivo. Dois aspectos da equação norte-americana são dignos de nota. Barack Obama terá muito com que se preocupar a partir de 20 de janeiro, mas é verdadeiramente notável que em 2009 um negro seja presidente dos Estados Unidos.

    KENNETH MAXWELL escreve às quintas-feiras nesta coluna.

    OBS minha GT: por seguidas semanas eu leio esse cara escrever: ” Obama terá muito com que se preocupar a partir de 20 de janeiro, mas é verdadeiramente notável que em 2009 um negro seja presidente dos Estados Unidos.”
    Meu deus! Que inteligencia abundante para um articulista! Estou pasmo!

  412. gthomas

    Ainda sobre o artigo de cima

    “Ele é negro, afinal.”

    JURA? Nao havia notado. Voto aqui e participei da campanha por um ano. Mas obrigado por me chamar atencao. Ate esse momento, juro que nao havia notado a cor de sua pele.

    Incrivel

  413. Luciana

    Targino Silva

    Aqui são 06:34am . Foi bom ter começado o dia lendo sua poesia.Muito bonita.Obrigada.

  414. Cristina

    Li na internet que a ONU vai processar Israel e o Hamas por crimes de guerra. Israel não tinha o direito de atacar o Líbano e a Faixa de Gaza, se o país não parar pode ser obrigado a extinguir o seu exército sob pena de intervenção militar. Barack Hussein Obama agora está quieto, mas pode jogar duro com Israel, e o país dos sonhos dos judeus perder a ação na Justiça. Outro que pode ser processado por crime de guerra é George W. Bush, mentiu para o povo americano, uma mentira muito pior que a do boquete do Clinton, a invasão do Iraque não era necessária, aumentou o terror no mundo. Ao invés dos líderes palestinos buscarem dinheiro para reconstruir a Faixa de Gaza jogam foguetes em Israel que mataram 3 pessoas em 7 anos, os palestinos são piores porque são burros e ineficientes, não conseguem se unir para administrar o país, não conseguem arranjar dinheiro para organizar minimamente uma comunidade, A política é uma merda! Políticos de merda, cidadãos de merda.
    Guerra não tem nada a ver com religião, tem a ver com o DNA. A guerra é biológica. Depois aprofundo melhor está idéia. Andei fazendo uma pesquisa, meus antepassados mais próximos estavam no Brasil quando as guerras na Europa explodiram o velho continente. Não tenho memória de guerras. Os donos da Life, a cadela alemã que resolveu morar na minha casa, acham que ela pode ter algum antepassado que viveu na guerra, seu medo de barulho é anormal, ela intui que vai acontecer algo após o barulho, que o mundo vai cair na sua cabeça, corre para debaixo de qualquer coisa. Talvez a alegria do brasileiro tenha a ver com o fato de não vivenciarmos guerras. Toda a nossa diplomacia, toda a nossa política externa é voltada para a paz.

  415. Cristina

    Desde 1990 que sei quem é Gerald Thomas, sei que ele é amigo do Philip Glass. Francamente, estou sendo sincera, tem coisa que é escrita que considero babaquice. Como diria Paulinho da Viola: “Não sou o passado, o passado vive em mim.” Você é o Gerald presente. Você é o Gerald que escreveu um artigo que parece um samba do crioulo doido e que está postado para a gente ler e cada um faz a sua interpretação, não é preciso conhecer Gerald para ler Gerald.
    Gerald quer botar o dedo na ferida do brasileiro, mas é o brasileiro que bota o dedo na ferida dele, e ele estrebucha e diz que vai parar de escrever, mas não pode parar de escrever, precisa ofender os brasileiros, mas não quer ser ofendido … e tem o cordão das puxa-sacos …
    Este blog é MUITO ENGRAÇADO, é engraçado o Gerald assumir a nacionalidade americana e desdenhar a brasileira. Seria melhor fazer teatro em Berlim, seria melhor compreendido, os brasileiros não entendem a simbologia do Gerald, nossa simbologia é outra. A pessoa muito intelectualizada entende o Gerald, mas francamente Gerald, é babaquice cultivar o passado que vive dentro da gente de modo ressentido, sem perdoar, querendo ver pessoas na cadeia.
    Nós, brasileiros, não temos traumas de guerras em nosso DNA. Temos a memória do regime militar que não foi de todo ruim, melhor que os comunistas.

  416. Cristina

    Eu diria que o puritanismo impera em detrimento da razão e da busca do bem comum. No Brasil há a irracional guerra das drogas que causa traumas no morador das favelas cariocas. Quem paga a polícia que traumatiza o morador da favela? É o bacana de Ipanema. O favelado fica com ódio do bacana de Ipanema, um ódio justificado pela absurda violência da polícia. As origens da violência da polícia estão no DNA, o ser humano é sádico. Nós não temos memórias de guerras, mas temos memória de uma violenta escravidão. Da escravidão devo ter memória no DNA, tenho horror a qualquer tipo de escravidão, tanto o ser escrava como o escravizar.

  417. Cristina

    O puritano diz que o causador da guerra das drogas é o hedonista que sustenta o tráfico. O hedonista usa algumas drogas proibidas pelos puritanos para aumentar o seu prazer, e como ele busca seu próprio bem tem tendência a se alienar da política. A política faz mal para a saúde. A política faz mal para a cabeça. O político não está interessado no bem comum, ele é egoísta. EGOÍSMO É DIFERENTE DE HEDONISMO. A satisfação do ego não visa o prazer e o bem estar.
    Artaud estava se referindo à destruição generalizada da guerra, pensei que fosse a atual, o mundo não tem mais fome.

  418. juliano

    Acho que esse terrorista italiano tem de ir pra cadeia que é o seu lugar, mas engraçado essa indignação das autoridades italianas. O Banqueiro Cassola deu um golpe de bilhões de dolares no Brasil e teve sua extradição negada pelos italianos, sendo preso só quando pisou em Monaco. Se a Italia está tão a favor d ajustiça porque não entrgeou Cassola?Muita demagogia.

  419. Ekran

    gostei, Gerald!
    Ficamos reciclando essa m..da toda e não saimos do lugar.

    ………….
    15/01/2009 – 01:05
    Enviado por: gthomas

    “e estou pouco me FODENDO para o que vcs levantam no GOOGLE (invencao nossa) ou no YouTube (invenvao nossa) ou pela internet (invencao nossa) ou pro que esta certo ou errado “

  420. Ekran

    É isso: estamos filtrados, ferrados, fechados, numa cela que carinhosamente chamamos de casa. E nossos olhos são a tela do computador, e nem sentimos mais o cheiro e o gosto das coisas…

    ……………….
    15/01/2009 – 01:05
    Enviado por: gthomas
    “E VCS ASSISTEM TUDO ATRAVES DE UM FILTRO

    E NO ENTANTO ACHAM QUE SABEM

    NAO SABEM
    NAO SABEM DE PORRA NENHUMA

    NADA

    NADA DE PORRA NENHUMA!”

  421. Ekran

    Não tem ninguem, não sobrou ninguem, terra arrasada !
    Corrompemos a alma ao abrir os olhos … nem abrimos os olhos.

    tomamos a pilula azul da “Matrix” e “deixa a vida me levar”
    …………
    15/01/2009 – 01:05
    Enviado por: gthomas

    “PORQUE NAO TEM UM
    OU DOIS
    OU TRES
    QUE NAO SEJAM

    CORRUPTOS”

  422. GT
    sobre o seu desabafo:
    disse que o Brasil é o país que solta Marcos Valérios
    fico pensando o que está dizendo agora Reinaldo Azevedo sobre (aquele que está linkado ali em cima no seu blog)
    algo como da última vez na operação “solta-e-agarra”
    “Tudo bem, ele sabe o que está fazendo, é um homem com total ciência da complexidade do seu cargo.” Referindo-se ao Gilmar Mendes

  423. Nina

    Rio 18, bom dia!

    me enviou dois vídeos, não consigo ver aonde estou, só a noite…
    de qualquer forma, seja lá o que for
    muito obrigada

    mas.. pq eu?

  424. Nina

    Vamp,

    não recebi ainda a informação que preciso prá comentar o caso do italiano, do Lula e do Tarso…

    mas não esqueci. isso não passará em branco hj

  425. Nina

    Pessoas,

    Estou péssima.
    Minha cabeça parece que tem um tanque do exército iraquiano.
    Não dormi direiro.
    E tenho que ouvir essas mesmas coisas de umas 17 pessoas pela manhã.

    Portanto, hj só falo de amor.
    O que me inquieta hoje.

    Amor é o nome que se dá
    Quando se percebe o olhar alheio
    Alheio a tudo que não for
    Aquilo que está dentro do teu seio
    Porque seio é o alimento
    E ao mesmo tempo a fonte para o desbloqueio
    E desbloqueio é quando aquele tal vazio
    Se transforma em amor que veio

    Bom dia a todos

  426. Nina

    Pacheco (ainda estou de mal)

    Não estou pegando leve ou coisa parecida com o Reinaldo Pedroso não. Estou sendo sincera. Reinaldo é muito inteligente, tem o que dizer, me parece interessante. O proble dele (seu Reinaldo), é que só fica respondendo a outros coments (já disse isso a ele também.)

    MAIS DIALÉTICA (Disse Gerald Thomas aí em cima em algum lugar)

    Agora, não posso compartilhar com a ofensiva armada que ele sofreu da parte do rsr. Ivo (o agressivo) (e mala sem alça). Isso foi a coisa mais covarde que eu vi por aqui entre gente do bem (considero o sr. Ivo gente do bem, diferente dessas Noemis loucas que entram dão um tiro no pé e desaparecem).

    Sendo assim, me posicionei, só isso.

    Beijão Pachecão.
    E que seu café se tranforme em cal… hehehehe (tÔ pichando uma praga nocê)

  427. O Vampiro de Curitiba

    Nina, colei um texto a respeito do terrorista italiano aí em cima.

  428. Nina

    15/01/2009 – 08:20
    Enviado por: juliano

    Julianao, muita calma nesse momento.
    Não sei se o cara é terrorista.
    NÃO acredite na mídia de merda

    calma…

  429. O Vampiro de Curitiba

    O Gerald disse tudo o que eu queria ter dito.
    Eu chamo essa atitude bananeira de “Sindrome do Ressentido”.
    Pau neles, Gerald!

  430. Nina

    15/01/2009 – 07:04
    Enviado por: Cristina

    Cris Bela
    Sabe que adoro seus comentários.
    E vc particularmente me lembra uma amiga chamada Sandra, coreógrafa de Curitiba, isso já faz com que a transferência seja boa.
    Mas não concordo com vc neste comentário.
    Que o cordão dos puxa-sacos cada vez aumenta mais, não tenho dúvida. Gente vazia ou precisando de análise urgente. Mas isso é problema do Gerald Thomas, não nosso.

    Existe uma diferença grande entre odiar os brasileiros, ou a cultura, ou a burrice, ou se considerar americano, ou Alemão ou seja a merda que for, e ser um estrangeiro em qualquer lugar.
    A problemática de estrangeiridade está presente nos textos e em toda obra de Gerald Thomas. É nitidamente um homem sem lugar no mundo, e ao mesmo tempo, por uma porra de uma inteligência fora do comum (genialidade mesmo), parece conhecer todos os lugares do mundo. É simples: conhece o cerne do desamparo, e vive nele e dele. É a coisa mais cruel e difícil de se fazer, prá poucos, prá estrutura forte.
    O Estrangeiro, é aquele que não odeia nem ama lugar nenhum, é aquele que procura o seu lugar e pouco acha, e se desespera, e se desespera, e no caso de Gerald, transforma fome de desespero em palavras, em arte. Arte não tem pátria, nem lugar, a não ser dentro de nós mesmos.
    Examine com atenção a história desse cara. A história inteira…. é uma trajédia, mas que se transformou em arte. Sublimação? Genialidade? Acha que não tem um preço Cristina? Acha mesmo?

    Não elogionada gratuitamente, não sou fã de Gerald Thomas, admiro incondicionalmente sua obra, sua capacidade de digerir o mundo e de digerir sua estrangereidade neste mundo.

    Nunca vi uma guerra, nasci bem depois da ditadura brasileira. Sou brasileira, paulista e não sou judia.
    Entendo plenamente a linguagem desse cara: estrangeiro, judeu, que viveu guerras e extermínios particulares.
    Está NO MEU DNA, como queira chamar.
    Por que sou
    HU
    MA
    NA

    e o que ele diz, me faz sentido, me chama, me chama, me chama…

    E minha formação identitária, aos 18 anos, se deu por uma marca eterna feita por uma peça que assisti desse sr. Gerald Thomas, aqui mesmo no Brasil.
    Uma brasileira qualquer (pq não sou ninguém), marcada profunda e eternamente por um diretor-autor estrangeiro, que vc diz odiar o brasil.
    Não.
    Não é verdade.

    Mas te adoro Cris Bela, e vc sabe disso.

    Bj

  431. Nina

    Vamp, antes de vc colar o texto, eu já tinha te alertado, ontem a tarde, procure lá em cima

    bj

  432. Cristina

    Algumas tarefas, como guiar automóvel, fazemos mecanicamente. Concordo com Marcelo Rubens Paiva, houve um tempo em que a moda era complicar, a complicação do teatro faz a pessoas deixarem de ir ao teatro. Não vejo em Gerald Thomas um iconoclasta, ele mesmo faz questão de ser ícone cultural, curte os ídolos. O brasileiro não é ressentido, ele até tem aversão ao passado, há pessoas ressentidas no Brasil, mas o ressentimento não faz parte do nosso caráter, nem a vingança, somos invejosos e preguiçosos.

  433. Oi, Gerald e pessoal.

    Poxa, Gerald, tá nevando muito aí? Porque no Rio é verão e estamos quase achando o caminho das ìndias. A Globo está abrindo o terceiro olho e todos estão de sari, todos estão hippies. Drinques sabor de hibisco (flores!) bombarão no verão carioca e há sol e dias lindos…O BBB 9 tem dois senhores de sessenta anos. A vida começa aos sessenta! Por que não encarceram o Zé Celso numa cela de vrido?

    Agora poderemos ler tb e ver palestras sobre romances policiais com o guerrilheiro (ex) Cesare Battisti! Nós o protegemos, Miterrand o sacaneou! Somos mais que Miterrand, que veja só que bonito…

    E outra: no se eu fosse vc 2, tony ramos se depila. Dizem que a cena é dez! Gerald, Gerald, o David George falou que vc é brasileiro, é nosso…

  434. Nina

    sou ressentida, sou vingativa, sou apegadíssima ao passado

    não generalize caráter por favor Cris….

    não generalize nada

  435. Cristina

    Nina,

    Não acho o Gerald um gênio da palavra, na realidade o texto dele é bem confuso e pouco didático, e às vezes a informação não é verdadeira, nada a ver com iconoclastia. Se ele quer destruir o mito do brasileiro tem que ir por outro caminho. Não disse que o Gerald odeia o Brasil, eu só acho que ele cultiva o ressentimento contra alemão, brasileiro, e afirma demais uma nacionalidade americana que não é a dele.

  436. J.Barros

    Tenho lido esse blog algumas vezes, e notei que tem um participante de nome Pacheco que se diz “milico” aposentado e fica defendendo a ditadura recente no Brasil, só faltaou pedir outra dose maior.
    Quero adiantar que não defendo e nem nuca defendi a luta armamda da esquerda de merda no Brasil, mais convenhamos a direita tambem foi de merda e com força desproporcional, me faz lembrar agora a desproporcionalidade das forças de Israel em Gaza – parece que ninguem aprendeu nada com o holocausto, Israel vem cometendo genocidio a muito tempo quer uma solução final para o povo palestino, ou seja a morte, foram bons alunos do “adolfinho” – Não ha lugar para conviver com os palestinos parece que só ha lugar para judeu o resto é resto mesmo, quanto preconceito! isso ainda vai dar em uma grande merda, não vai sobrar nada para ninguem.
    Falei nisso por causa dos comentários do tal de Pacheco e outros que ficam justificando tamanha despropocionalidade, sei que o terrorismo é a coisa mais nojenta do mundo moderno, mais Israel e EUA estão fabricando cada dia mais terroristas.
    É so falta vir algum milico moderado dizer “TORTURE COM MODERAÇÃO, POIS PODE PROVOCAR DANOS À SAÚDE”

  437. Nina

    vamos zerar… na voz do Paulinho Moska:

    “Coisas que a gente se esquece de dizer
    Frases que o vento vem as vezes me lembrar
    Coisas que ficaram muito tempo por dizer
    Na canção do vento não se cansam de voar”

    é só isso que eu tenho a dizer sobre o assunto Cris.
    bj

  438. Garganta

    ERRATA( meu último comentário):

    “Vamos fazer esse vídeo…”

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  439. Nina

    GUANTANAMO

    Os Americanos estão acordando para Guantanamo….
    O problema é que talvez estejam achando aquilo “um mal necessário” (Vamp?)

    “Guantánamo é um símbolo da arrogância da administração Bush e do seu fracasso em entender e lidar com os a guerra contra o terrorismo de maneira realista. É o símbolo para a comunidade internacional do desrespeito do governo americano, que se acha simplesmente acima da lei”, afirma Paul Chevigny, especialista em direitos humanos da Universidade de Nova York (NYU).

    PUNIÇÃO:

    Barack Obama precisa do apoio dos republicanos para aprovar medidas polêmicas para salvar a economia e não vai arriscar perdê-los para mexer em fantasmas do passado, mais importante do que julgar os culpados é promover uma mudança real.

    A contradição está nos EUA defenderem os mais altos valores dos direitos humanos e ao mesmo tempo utilizar a tática de afogar alguém até quase a morte em interrogatório”, critica Josefina Salomon, porta-voz do Programa de combate ao Terrorismo da Anistia Internacional.

    Nesta quarta-feira (14), pela primeira vez, uma oficial de cúpula do governo admitiu em entrevista ao “Washington Post” que um prisioneiro de Guantánamo foi TORTURADO. A confissão deve ampliar a pressão internacional sobre as táticas utilizadas no centro de detenção mas dificilmente afetará Bush, que deixa a Casa Branca –e o debate sobre tortura– no próximo dia 20.

    MEU MEDO:

    A população americana começa a perceber o que acontece em Guantánamo e prevê um fim próximo não apenas para a prisão, mas para o uso legalizado da tortura pelo governo americano. Contudo, Chevigny diz:

    “Eu temo que a maioria dos americanos pensa que o mau tratamento aos prisioneiros é uma consequência inevitável da guerra contra o terrorismo e aceita”

    EU TAMBÉM TEMO..

    Mas a comunidade internacional não está disposta a ceder. Joanne Mariner, diretora do Programa Antiterrorismo da Human Rights Watch, conta que a organização já pediu uma comissão de inquérito para julgar os crimes cometidos não apenas em Guantánamo, mas em outras prisões secretas.

    ASSIM ESPERO.

  440. Nina

    Cris,

    eu acho que o Gerald Thomas é um gênio, também da palavra.

    Detesto didatismos, em todos os sentidos.

    bj

  441. Ekran

    Cristina,

    QUEM é que tem essa memória citada no seu comentario?
    EU não, e conheço muita gente que não.
    Não guardo boas memorias do regime militar.

    E isso (a memoria desses 20 anos de lobotomia politica no Brasil) diz muito sobre o que se pensa na hora de teclar e fazer uma critica.

    ENTAO, que tal uma auto-critica antes de fazer a critica?

    …..
    15/01/2009 – 07:04
    Enviado por: Cristina

    “Temos a memória do regime militar que não foi de todo ruim, melhor que os comunistas.”

  442. Ekran

    E temos ressentimentos sim, ou será que uma nação de negros que não se reconhecem como tal não indica isso?

    Olha, o Gerald tem tocado em feridas que nós, especialmente nós do Brasil, evitamos sequer pensar. Então, toda essa polemica em torno dele é o sinal de que ele está no caminho certo, provocando nossa massa cinzenta a mexer com o nosso corpo e levantar a bunda da poltrona e fazer algo além de ler e teclar.

    Cada dia que passa eu admiro mais e mais essa vocação dele rumo ao tragico, sem ser fatalista. É uma aposta radical na humanidade.

    Por isso ele é alguem essencial para entendermos os dias em que vivemos.

  443. Nina

    Ekran

    perfeito
    mas essa aposta tem um preço.
    eu tenho medo por ela

    perfeito! aplausos meus (bem baixinho pq minha cabeça tá zunindo)

    Abç

  444. Garganta

    Caros,

    Quanto stress nesse blog, Jesus!

    Gerald, Vampiro e demais exaltados, vocês precisam curtir esse som, com churrasco( picanha para os mais frescos) e mulheres ( ou rapazes) bonitas (os):

    Eis a letra ( COHAB CITY/Negritude Junior):

    “Tô chegando na Cohab
    Pra curtir minha galera

    Dar um abraço nos amigos
    E um beijinho em minha cinderela

    Netinho, também tô chegando
    (Querido, Waguinho)
    Não vou te deixar sozinho
    Tô levando o Nenê, Ari, Feijão,
    Claudinho e o Fabinho
    Pede pro Lino me levar o sax

    Que a festa vai rolar até tarde
    E avisa o Chambourcy
    Que tem Danone à vontade
    Vai ficar legal, pagode na Cohab, no maior astral

    Bem em frente a lanchonete
    Sambando e fazendo um grande carnaval ”

    PS: Infelizmente os palestinos em Gaza não têm o mesmo direito de curtir suas vidas ( ainda há canalhas[ bem sabemos quem são as figuras cá no blog], que apoiam a opressão sobre o povo palestino. Vergonhoso!).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  445. Cristina

    Ekran, eu não tenho memória de guerra. Muitas pessoas têm parentes que viveram nas guerras e a história é contada de geração para geração. Os meus antepassados não viveram guerras, no Brasil nunca existiu economia de guerra, nosso país nunca foi invadido de maneira violenta, no máximo um regime militar que se opunha aos comunistas invejosos.

    Nina, não dá mesmo para conversar sobre o conteúdo do Gerald, nós vamos acabar brigando e vou acabar chamando o seu amado de iconoclastinha de merda. Ele teria que meter o pau na mulher brasileira, esta sim egoísta e nada hedonista.

  446. Sier, o bom

    Caro Gerald,

    Há alguns anos – não sei a pretexto de quê – alguns jornais publicaram uma foto sua com as nádegas de fora.

    Ocorre-me agora, querido Gerald, que aquelas nádegas são perfeitas para um genocida.

  447. Cristina

    O brasileiro pode ter um ressentimento individual, mas não é coletivo. O negro brasileiro não é ressentido como o americano, nem de longe tem o mesmo ressentimento.

  448. samuel samuca

    Ave maria, Gerald … você é um pilha de nervos …

    Nossa, que palavras duras contra o Brasil … Coitadinho do Brasil …

    Mas falando sério …

    Muito exagerado da sua parte certas coisas … País de pobres e derrotados? Não creio!

    Tem muita gente de sucesso aqui …

    Novela das 8, 9, 10 … também não vejo … mas lembro que você adora o Faustão … o principal divulgador dessas porcarias de novelas …

    País de corruptos? Políticos sim … mas esqueceu daquele monte de gente que devolve o dinheiro que acha em banheiros e outros lugares …

    Muito exagerado!!!

    Pais que detesta imperialismo … Ai, ai, ai … Você tá dialogando só com a esquerda, meu caro!!! E com o que há de pior nela. Calma, veja bem as ruas … as pessoas adoram os EUA …

    Produtos importados do norte ao Chuí??? Muitos produtos da China, você quer dizer …

    Dando um desconto que você tá nervosinho … pra seu conhecimento a indústria nacional atende bem o mercado nacional …

    Tá muito estressadinho, Gerald! Tome maracujina …

  449. samuel samuca

    Gerald,

    O problema é que você acha que conhece mais que a maioria e está na crista da onda … mas eu digo também …

    Você não conhece nem metade das coisas do mundo, por mais que viaje, conheça gente e um monte de merdas mais …

    O seu texto, os seus faniquitos, esse trauma permanente com o Ground Zero … essas bobagens todas mostra claramente uma coisa ….

    Que você é uma pessoa imatura …

    Não sei se você tem filhos … parece que não …

    Pessoas que não tem filhos, que não se preocupam realmente pela continuidade de sua linhagem …

    são evidentemente mais destemidas, arriscam mais … mas também nunca crescem totalmente …

    Sempre mantém um ar jovial permanente, uma puerilidade constante que levam até o final da vida …

    Pois eu te digo uma coisa: eu conheço sim de muita coisa, principalmente como cuidar, dar de comer e educar meus filhos …

    Pra mim isso vale mais que 1.000 peças de teatro, mil viagens ou mil faniquitos estressadinhos …

  450. Garganta

    ERRATA( meu último comentário):

    Retiro a palavra “canalhas” e troco por: insensíveis.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  451. samuel samuca

    As pessoas … Gerald e outros aqui … tão empenhados em abrir feridas, reclamar, ter faniquitos estressadinhos …

    esquecem que o melhor é viver e ficar em paz …

    Ficam cavando na lama até achar merda …

    Pra quê isso? Pra dizer de boca cheia que não é mais um na multidão …

    É … só são uns coitados infelizes …

    que encontram todo dia um motivo pra espernear e reclamar do mundo …

  452. Garganta

    Que irritante!

    Meus comentários são que nem balões hélio.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  453. samuel samuca

    Gerald, se você for mudar o mundo com seus faniquitos …

    dou todo o apoio …

    Mas não creio … O mundo muda lentamente em muitas coisas …

    E geralmente que muda o mundo é quem não reclama demais …

    Quem reclama demais acaba por erguer seus proprio Guantanamos … dentro da cabeça …

    tortura diária por ser brasileiro, tortura por que o presidente é analfa … se tortura por que há corrupção … se tortura por que há isso e aquilo …

    ave maria, que espírito masoquista esse …

  454. samuel samuca

    Boa vida pra vocês ….

    Não reclamem demais … ninguém prospera achando que tudo no mundo é ruim …

    Adeus e boa sorte! Vou cuidar do meu money, pois o leitinho das crianças não pode faltar …

    Goodbye 4ever!!!!

  455. Nina

    Pronto Vamp.

    Lula fez uma merda, o cara, o tal do Cesare Battisti é um terrorista

    un terrorista
    il problema è che non significa nulla quello che succede
    se si ha un passato meglio affrontarlo, oppure affrontarlo per difenderlo questo passato
    spesso invecie non si ha una assunzione di responsabilità di quello che si è fatto, non basta dire lo feci per ideale
    ma serve essere sempre presenti a quello che siamo, se noi non ci assumiamo le responsabiltò del nostro passato, tutto è “sbagliato” in partenza, anche se lo stato è come il nostro governato da lobby etccc (il nano malefico delle tv)
    lui e altri no, non lo fanno, infangando ideali etcc

    http://it.wikipedia.org/wiki/Cesare_Battisti

  456. Nina

    Ainda sobre o comentário da Cristina:

    IMPORTANTE SE INFORMAR QUE:

    Gerald Thomas é um ICONE do teatro brasileiro tambem e trabalhou ou trabalha com os maiores atores brasileiros e suas pecas sao vistas por dezenas de milhares de pessoas (Como o Circo de Rns e Fígados, que estava aqui outro dia)

  457. Cristina. amore mio, eu te amo.
    Bravo! Bravo!
    Voce á a nossa Anita Garibaldi,
    a nossa guerreira.
    Não deixe a peteca cair.

    Eu poderia ter passaporte italiano ou português.
    Eu não quero.
    Quero chegar na Europa e bater no balcão o meu
    passaporte tupiniquim.
    A Espanha vai ter que me engolir.

    Eu prefiro viver no Xingu,
    não meio dos índios xavantes,
    Comer tapioca, dançar o Guaru,
    andar peladão, que viver em Israel,
    bater a cabeça no muro das lamentações
    e depois jogar bombas nas crianças palestinas.
    Os xavantes são mais civilizados.

  458. Ekran

    Cristina,

    ainda mantenho minha convicção sobre os ressentimentos no Brasil (especialmente os de etnia negra) e sobre os males causados pela ditadura militar.

    E recomendo a auto-critica antes da critica, sempre.

    Corremos o risco de levar a serio demais nossas opiniões e não transforma-las em convicções e opções de vida.

    Suas opiniões parecem fortes, mas não me parecem convicções, como se ainda não tivessem passsado pelo crivo da vida, na qual crianças se transformam em adultos e meras opiniões são testadas à exaustão.

    Deveria apostar mais na auto-critica e ver o que sobra disso. Talvez, não muita coisa.

  459. Garganta

    Cara Nina,

    Não entendi bem o “obrigada’; mas de qualquer forma, eu digo : “de nada”.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  460. Nina

    Samuca

    é calro que o cara tá uma pilha de nervos, a mãe dele tá morrendo

    SERÁ QUE DÁ PRÁ PEGAR LEVE, AO MENOS RESPEITAR!
    QUE PORRA!

    Que merda.. não use essa palavra “faniquito”, vc pode mais e melhor.

    Vamos falar sobre música?
    Não me respondeu sobre o Type.

    Por favor mais amor e menos ódio hj nesse blog!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

  461. Samuca.
    Não se avexe.
    O sr. Thomas é mestre na provocação.
    Ele sabe o que faz,
    Alguem tem chacoalhar esse mundo
    mexer com os brios das pessoas.

  462. Nina

    Porra Samuca

    tô chateada MESMO com seus comentários…
    muito

    muito insensível pra um músico.

  463. Aninomyous

    Gerald, eu concordo com parte e discordo em parte…discordo que algum pobre coitado feito arao ou moises criou Deus, muito pelo contrário, Ele os retirou da miséria e escravidão…prometeu uma terra, mas justamente por causa de certos temperamentos e chiliques até Deus…bom, deixa pra lá…adoro eles todos porque Deus se fez revelar quando encontrou suas insignificancias…

    …voltando às insignificâncias…o Brasil? bom, eu não vou partir em defesa não…
    Abraços.

  464. Nina

    Targino

    sabe pq a Espanha, a PQP e a Itália quase não me deixou entrar?
    Pq sou mulher, estava sozinha e brasileira.
    Como muitas e como tantas que vão prá lá mostrar a BUNDA, que mostram aqui.
    Sabe o que um italiano me disse? vc vai pedir meu cartão de crédito e dizer que vai me deixar feliz?

    Sou adulta, tenho 2 faculdades, uma pós e fui casada com um italiano.
    Mas sou brasileira. E na merda do carnaval, a minha e a de todas brasileiras, sim A BUNDA é reverenciada aqui e ali e acolá.

    Não estou defendendo esse tratamento no exterior, estou dizendo: façam por merecer. Pq o preço todo mundo paga.

  465. Nina

    é como alguém algum dia disse..

    num país onde tudo é bunda, um HOMEM mostrar a bunda com sentido, leva processo.

    O BRASIL É UM CIRCO. de rins e fígados

  466. Aninomyous

    Desculpe novamente, eu não sou realmente religioso, mas vou tomar partido aqui, tanto não inventaram que não compreendem Deus até hoje, e olha que Ele chegou a se encarnar e vir pessoalmente falar com os caras e foi espancado, cospido, escarrado e morto, inclusive pelo tal império, que na epoca era o Romano, se eu acaricio um coitado é Ele que foi tão injustiçado por mim… já o imperio e as pessoas que se julgam superiores, que pra mim não cheiram e nem fedem, gosto de todos, digo, do lado bom de todos e discordo de todos, do que considero mal em todos, mas não odeio ninguém.
    Abraços

  467. Queridos colegas,

    Estive “fora do ar” por alguns dias – falta de tempo, realmente. Há uns dois atrás, apenas mencionei …. Luigi Pirandello e “Seis personagens à procura de um autor” porque “julguei” oportuno e cá tenho os meus motivos, digamos pessoais, para fazer êsse “gancho” com muitos comentários daqui e com o assunto em pauta.

    E, “parece-me”, cada um de nós, aqui se manifesta de acordo com os seus principios e “valores” filosófico- existenciais, profissionais, sociais, etc… etc… etc… Excelente! Exercitamos a nossa individualidade plenamente conscientes de que “vivemos em comunidade”, sim – portanto, estamos “interagindo”.

    “Cutucar feridas”, saná-las, ignorá-las ou mesmo observar suas cicatrizes fazem parte do “show da vida” – é essa sua dinamica, feliz ou infelizmente e ponto. Estamos “vivos”! Somos seres biológicos, em principio. Por isso mesmo temos “panico” (medaço!!!) de quaisquer “ameaças” que vislumbremos “no front”!

    Quanto à “fotografia” em tela … “vejo” militares se abraçando, se apoiando uns nos outros, numa espécie de manifestação silenciosa da “sua” dor, medo – panico no enfrentamento da sua “realidade imediata”!

    “Vejo” faces contraídas. “Parece-me”, ainda, que o soldado do meio está com a boca escancarada (urro; grito? brado da sua dor interior?) …

    Eu tenho medo. Acredito que todos nós tenhamos o “nosso panico de estimação”, em maior ou menor intensidade, principalmente em relação ao conflito Israel-Palestina e seus desdobramentos em escala mundial.

    “Sinto” ,ainda, que estamos tentando interpretar o laudo da biópsia desse “mal” presente. Estamos lutando bravamente para evitar a sua disseminação fatal. Tratamento intensivo, de “choque”, está sendo ministrado…. Prognóstico???

    Um abraço a todos!
    Susan judia

  468. Nina

    Anino,

    bom dia!
    ontem vc me deu um trabalhão prá saber se vc era eu ou eu era vc…. hehehehe

    que papo é esse de Ele veio, foi espancado,…

    tá tá eu respeito…

    papo mais esquisito…

    bjs

  469. gthomas

    SENHORA (ILHADA) CRISTINA

    ESSA, PROMETO, SERA A ULTIMA BOMBA,

    15/01/2009 – 07:04
    Enviado por: Cristina
    Desde 1990 que sei quem é Gerald Thomas

    _ GT- VC SABE COMO TODO MUNDO SABE: E POR QUE SUA (…) nao por nenhum outro motivo senao pelo meu trabalho em teatro: por causa de Eletra ComCreta? Carmem ComFiltro, Trilogia Kafka, Flash and Crash Days, Navio Fantasma? e 40 trabalhos de MINHA autoria (nao contando os Becketts e Heiner Muelles e as operas) que coloquei em palcos brasileiros…e
    e as POLEMICAS – termo de IMBECIL empregado quando nao quer refletir sobre aquilo que viu

    no meu pau cu.

    nas vozes e corpos de

    Fernanda Montenegro e Torres

    Nanini

    Ney Latorraca

    Tonia Carreiro

    Bete Coelho (que nasceu ali comigo )

    Luiz Damasceno. Vera Holtz. Marilia Gabriela. Magali, etc

    VOCE:, sei que ele é amigo do Philip Glass.

    GT- E do Haroldo de Campos (fui) e do Tom Ze e do Zuenir e do Reinaldo Azevedo e do Caca Diegues e de Caetano…e e e e e…

    Voce: Francamente, estou sendo sincera, tem coisa que é escrita que considero babaquice. Como diria Paulinho da Viola: “Não sou o passado, o passado vive em mim.” Você é o Gerald presente. Você é o Gerald que escreveu um artigo que parece um samba do crioulo doido e que está postado para a gente ler e cada um faz a sua interpretação, não é preciso conhecer Gerald para ler Gerald.
    Gerald quer botar o dedo na ferida do brasileiro, mas é o brasileiro que bota o dedo na ferida dele,

    GT- Eu escrevi um DESABAFO! e vou escrever OUTRO! Isso por causa de opnioes idiotas, algumas. Especiamente essas que insitem em se basear em fatos nao concretos, nao vividos, mas recolhidos, RETALHADOS DE JORNAIS E DE INFO IMPORTADA.
    TUDO SEMPRE EM SEGUNDA MAO

    VC VIVEM NUMA SEGUNDA PORTUGAL: EM SEGUNDA MAO!
    INVEJA MAL RESOLVIDA DO MUNDO.

    VOCE: e ele estrebucha e diz que vai parar de escrever, mas não pode parar de escrever, precisa ofender os brasileiros, mas não quer ser ofendido …

    GT- Ninguem me ofendeu. Pelo contrario (hair on the contrary), vcs se ofendem uns aos outros nesse blog e eu fico assistindo. Eh um circo sem rins e figados. So disse que vcs opinam sem EMBASAMENTO porque nao vivem no olho do furacao e nunca sentiram o gosto gelado da NEVE!

    VOCE:e tem o cordão das puxa-sacos …
    Este blog é MUITO ENGRAÇADO, é engraçado o Gerald assumir a nacionalidade americana e desdenhar a brasileira. Seria melhor fazer teatro em Berlim,

    GT- vai na minha bio e veja quanto teatro ja fiz na Alemanha, algum em Berlin (Munique eh mais interessante, Hamburgo tambem)…E sou cidadao americao e dai?

    VOCE: seria melhor compreendido, os brasileiros não entendem a simbologia do Gerald,

    GT- Tadinha da Critininha…da atestado de burrice: meus espetaculos estao LOTADOS no Br desde qye cheguei com 4 X Beckett em 1985 no Rio…. e de la ate hoje, bem, pesquise, idiota,
    Se voce nao entende, os maiores atores brasileiros e criticos entendem! Sorry cristinininha.

    VOCE: nossa simbologia é outra. A pessoa muito intelectualizada entende o Gerald, mas francamente Gerald, é babaquice cultivar o passado que vive dentro da gente de modo ressentido, sem perdoar, querendo ver pessoas na cadeia.

    GT – ???? Mesmo? Wow! Querer Marcos Valerio e Ze Dirceu na cadeia eh trauma de…guerra? ou civilidade?

    VOCE: Nós, brasileiros, não temos traumas de guerras em nosso DNA.

    GT- Porque sao Imbecis e aceitam TUDO APATICAMENTE. DESDE UMA INDEPENDECIA QUE NAO HOUVE ATE UMA LEI DA ABOLICAO DA ESCRAVATURA QUE NAO HOUVE: VIROU FAVELA E TRABALHAM COMO MISERAVEIS COM RARAS EXCESSOES ATE HOJE. NAO TEM UM PRESIDENTE NEGRO, COMO NOS. TEM UM FALSO METALURGICO DEMAGOGO no poder.

    VOCE: Temos a memória do regime militar que não foi de todo ruim, melhor que os comunistas.

    GT – Eh, voce tem memoria curta, por isso se ILHOU, isolda. Teu Tristao ja deve ter morrido e voce nao sabe, Liebestod nao existe.
    mas nem isso vc sabe o que eh.

  470. Vida monótona.

    Com a, comigo,
    debaixo do seu umbigo,
    eu sinto a solidão.

    Não sei porque gemer,
    Não sei porque foder.
    Que foda sem tesão.

    Meu amor.
    Voce me chamou para a briga,
    mas a briga não se deu.
    No abraço apertado,
    afrouxou, me jogou de lado,
    o Bráulio encolheu.

    Acordei de ressaca.
    Essa vida é um saco.
    So me resta ir trabalhar.

    Tomei um café amargo.
    Deixe uns trocados,
    e fui de bondão.
    Quem sabe, no meio amasso,
    o Bráulio esquece o fracasso
    e volta cheio de tesão.

  471. gthomas

    SENHORA (ILHADA) CRISTINA Ina Ina

    ESSA, PROMETO, SERA A ULTIMA BOMBA,

    15/01/2009 – 07:04
    Enviado por: Cristina
    Desde 1990 que sei quem é Gerald Thomas

    _ GT- VC SABE COMO TODO MUNDO SABE: E POR QUE SUA (…) nao por nenhum outro motivo senao pelo meu trabalho em teatro: por causa de Eletra ComCreta? Carmem ComFiltro, Trilogia Kafka, Flash and Crash Days, Navio Fantasma? e 40 trabalhos de MINHA autoria (nao contando os Becketts e Heiner Muelles e as operas) que coloquei em palcos brasileiros…e
    e as POLEMICAS – termo de IMBECIL empregado quando nao quer refletir sobre aquilo que viu

    no meu pau cu.

    nas vozes e corpos de

    Fernanda Montenegro e Torres

    Nanini

    Ney Latorraca

    Tonia Carreiro

    Bete Coelho (que nasceu ali comigo )

    Luiz Damasceno. Vera Holtz. Marilia Gabriela. Magali, etc

    VOCE:, sei que ele é amigo do Philip Glass.

    GT- E do Haroldo de Campos (fui) e do Tom Ze e do Zuenir e do Reinaldo Azevedo e do Caca Diegues e de Caetano…e e e e e…

    Voce: Francamente, estou sendo sincera, tem coisa que é escrita que considero babaquice. Como diria Paulinho da Viola: “Não sou o passado, o passado vive em mim.” Você é o Gerald presente. Você é o Gerald que escreveu um artigo que parece um samba do crioulo doido e que está postado para a gente ler e cada um faz a sua interpretação, não é preciso conhecer Gerald para ler Gerald.
    Gerald quer botar o dedo na ferida do brasileiro, mas é o brasileiro que bota o dedo na ferida dele,

    GT- Eu escrevi um DESABAFO! e vou escrever OUTRO! Isso por causa de opnioes idiotas, algumas. Especiamente essas que insitem em se basear em fatos nao concretos, nao vividos, mas recolhidos, RETALHADOS DE JORNAIS E DE INFO IMPORTADA.
    TUDO SEMPRE EM SEGUNDA MAO

    VC VIVEM NUMA SEGUNDA PORTUGAL: EM SEGUNDA MAO!
    INVEJA MAL RESOLVIDA DO MUNDO.

    VOCE: e ele estrebucha e diz que vai parar de escrever, mas não pode parar de escrever, precisa ofender os brasileiros, mas não quer ser ofendido …

    GT- Ninguem me ofendeu. Pelo contrario (hair on the contrary), vcs se ofendem uns aos outros nesse blog e eu fico assistindo. Eh um circo sem rins e figados. So disse que vcs opinam sem EMBASAMENTO porque nao vivem no olho do furacao e nunca sentiram o gosto gelado da NEVE!

    VOCE:e tem o cordão das puxa-sacos …
    Este blog é MUITO ENGRAÇADO, é engraçado o Gerald assumir a nacionalidade americana e desdenhar a brasileira. Seria melhor fazer teatro em Berlim,

    GT- vai na minha bio e veja quanto teatro ja fiz na Alemanha, algum em Berlin (Munique eh mais interessante, Hamburgo tambem)…E sou cidadao americao e dai?

    VOCE: seria melhor compreendido, os brasileiros não entendem a simbologia do Gerald,

    GT- Tadinha da Critininha…da atestado de burrice: meus espetaculos estao LOTADOS no Br desde qye cheguei com 4 X Beckett em 1985 no Rio…. e de la ate hoje, bem, pesquise, idiota,
    Se voce nao entende, os maiores atores brasileiros e criticos entendem! Sorry cristinininha.

    VOCE: nossa simbologia é outra. A pessoa muito intelectualizada entende o Gerald, mas francamente Gerald, é babaquice cultivar o passado que vive dentro da gente de modo ressentido, sem perdoar, querendo ver pessoas na cadeia.

    GT – ???? Mesmo? Wow! Querer Marcos Valerio e Ze Dirceu na cadeia eh trauma de…guerra? ou civilidade?

    VOCE: Nós, brasileiros, não temos traumas de guerras em nosso DNA.

    GT- Porque sao Imbecis e aceitam TUDO APATICAMENTE. DESDE UMA INDEPENDECIA QUE NAO HOUVE ATE UMA LEI DA ABOLICAO DA ESCRAVATURA QUE NAO HOUVE: VIROU FAVELA E TRABALHAM COMO MISERAVEIS COM RARAS EXCESSOES ATE HOJE. NAO TEM UM PRESIDENTE NEGRO, COMO NOS. TEM UM FALSO METALURGICO DEMAGOGO no poder.

    VOCE: Temos a memória do regime militar que não foi de todo ruim, melhor que os comunistas.

    GT – Eh, voce tem memoria curta, por isso se ILHOU, isolda. Teu Tristao ja deve ter morrido e voce nao sabe, Liebestod nao existe.
    mas nem isso vc sabe o que eh.

  472. gthomas

    ESQUECI DE MENCIONAR O SHOW DA GAL, SORRISO DO GATO DE ALICE, SIM O DO PEITO DE FORA QUE ME COLOCOI PRA DENTRO DO SEIO DA CULTURA

    ALEM DE HELIO OITICICA, OBVIO QUE CONHECI, ASSIM COMO ZIRALDO, AOS 13 ANOS

    TER DIRIGIDO A GAL FOI UMA TREMENDA HONRA.
    E NENHUMA CRITININHA, QUE NEM LIXO RECICLA, VAI TER DIREITO DE VOTO SOBRE ISSO

    MUDE-SE PRA ILHA DA MADEIRA OU PROS ACORES!

  473. Nina.
    Eu estive em 7 paises da Europa, incluindo Espanha e Itália.
    Não tive nenhum problema, apresentei toda a documentação
    exigida, nos consulados, inclusive imposto de renda.
    Tive pequenos contratempos na Espanha e na Itália,
    nada que me aborrecesse.

  474. Nina

    Garganta
    obrigada por fazer um sorriso tímido num rosto triste.
    Hoje não dá mais, não aguentei.
    Minha cabeça dói muito, estou enjoada, deve ser enxaqueca pois a luz me ofusca…. tudo aqui me dói hj.

    Deixo-me nas palavras do meu Zeca (Baleiro) de São Luís do Maranhão, outro estrangeiríssimo.

    Até outro dia…

    Piercing:
    Quando o homem inventou a roda
    logo Deus inventou o freio,
    um dia, um feio inventou a moda,
    e toda roda amou o feio

    Tire o seu piercing do caminho
    Que eu quero passar
    Quero passar com a minha dor

    Pra elevar minhas idéias não preciso de incenso
    Eu existo porque penso tenso por isso existo
    São sete as chagas de cristo
    São muitos os meus pecados
    Satanás condecorado na tv tem um programa
    Nunca mais a velha chama
    Nunca mais o céu do lado
    Disneylândia eldorado
    Vamos nós dançar na lama
    Bye bye adeus Gene Kelly
    Como santo me revele como sinto como passo
    Carne viva atrás da pele aqui vive-se à mingua
    Não tenho papas na língua
    Não trago padres na alma
    Minha pátria é minha íngua
    Me conheço como a palma da platéia calorosa
    Eu vi o calo na rosa eu vi a ferida aberta
    Eu tenho a palavra certa pra doutor não reclamar
    Mas a minha mente boquiaberta
    Precisa mesmo deserta
    Aprender aprender a soletrar

    Tire o seu piercing do caminho
    Que eu quero passar
    Quero passar com a minha dor

    Não me diga que me ama
    Não me queira não me afague
    Sentimento pegue e pague emoção compre em tablete
    Mastigue como chiclete jogue fora na sarjeta
    Compre um lote do futuro cheque para trinta dias
    Nosso plano de seguro cobre a sua carência
    Eu perdi o paraíso mas ganhei inteligência
    Demência, felicidade, propriedade privada
    Não se prive não se prove
    Dont’t tell me peace and love
    Tome logo um engov pra curar sua ressaca
    Da modernidade essa armadilha
    Matilha de cães raivosos e assustados
    O presente não devolve o troco do passado
    Sofrimento não é amargura
    Tristeza não é pecado
    Lugar de ser feliz não é supermercado

    Tire o seu piercing do caminho
    Que eu quero passar
    Quero passar com a minha dor

    O inferno é escuro não tem água encanada
    Não tem porta não tem muro
    Não tem porteiro na entrada
    E o céu será divino confortável condomínio
    Com anjos cantando hosanas nas alturas nas alturas
    Onde tudo é nobre e tudo tem nome
    Onde os cães só latem
    Pra enxotar a fome
    Todo mundo quer quer
    Quer subir na vida
    Se subir ladeira espere a descida
    Se na hora “h”o elevador parar
    No vigésimo quinto andar der aquele enguiço
    Sempre vai haver uma escada de serviço

    Tire o seu piercing do caminho
    Que eu quero passar
    Quero passar com a minha dor

    Todo mundo sabe tudo todo mundo fala
    Mas a língua do mudo ninguém quer estudá-la
    Quem não quer suar camisa não carrega mala
    Revólver que ninguém usa não dispara bala
    Casa grande faz fuxico
    Quem leva fama é a senzala
    Pra chegar na minha cama
    Tem que passar pela sala
    Quem não sabe dá bandeira
    Quem sabe que sabia cala
    Liga aí porta-bandeira não é mestre-sala
    E não se fala mais nisso
    Mais nisso não se fala
    E não se fala mais nisso
    Mais nisso não se fala
    E não se fala mais nisso
    Mais nisso não se fala
    E não se fala mais nisso
    Mais nisso não se fala

    Tire o seu piercing do caminho
    Que eu quero passar
    Quero passar com a minha dor
    Tire o seu piercing do caminho
    Que eu quero passar
    Quero passar com a minha dor

  475. Garganta

    Caro Gerald,

    “Porque sao Imbecis e aceitam TUDO APATICAMENTE. DESDE UMA INDEPENDECIA QUE NAO HOUVE ATE UMA LEI DA ABOLICAO DA ESCRAVATURA QUE NAO HOUVE: VIROU FAVELA E TRABALHAM COMO MISERAVEIS COM RARAS EXCESSOES ATE HOJE. NAO TEM UM PRESIDENTE NEGRO, COMO NOS. TEM UM FALSO METALURGICO DEMAGOGO no poder”( Gerald Thomas)

    Independência? Nos EUA, os pobres ( sem propriedade) têm uma vida muito superior por acaso ( a mesma pobreza, convenhamos)? Aqui há mais pobres, só isso. Os jardins em São Paulo tem um PIB per capita alto e pessoas educadas ( nada diferente dos consumistas norte-americanos).

    Vocês , norte-americanos, têm o seu nordeste, sabiam? Olha que beleza o México, que tem uma mão de obra barata ( bonito, né) para servir os EUA. A diferença é que os brasileiros não chutaram o balde com os nordestinos, que construiram São Paulo e etc. Somos superiores, temos menos arrogância. São Paulo elegeu Pitta ( descendente de escravos[de verdade]) muito antes do fanfarrão Obama, que tem tudo para se mostrar um Pitta americano ( como vemos pela compra de sua casa e envolvimentos políticos).

    Atitude de imbecil é querer juntar muito bromato à farinha na hora de preparar o pão. Não, nem pensar. O meu padeiro, que é de alto nível, sabe fazer um paozinho saudável e saboroso ( como a maioria das padarias brasileiras).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  476. Nina

    vc é homem targino

  477. Ronald.

    Lições de Adolf Hitler.

    Israel pede desculpas à ONU após atingir agência em Gaza; toda a ajuda enviada pega fogo
    Das agências internacionais
    Atualizada às 12h34

    Foguete de Israel atinge edifício no centro da Cidade de Gaza onde funcionam as sucursais da Reuters e de outros 15 veículos de comunicação

    Os ataques de Israel queimaram a ajuda humanitária que estava na agência da ONU para refugiados
    Pelo menos 4 disparos de artilharia israelense atingem hospital
    Bombardeios em Gaza matam três jogadores da seleção palestina
    Imprensa sofre ataque em Gaza
    Jihad Islâmica diz que Gaza resistirá mesmo que dure mil anos
    Israel amplia a ofensiva em Gaza
    Irã pede que militares de Israel desobedeçam ordens

    O ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, pediu desculpas nesta quinta-feira (15) ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, pelos disparos feitos contra instalações de ajuda humanitária da entidade internacional na faixa de Gaza, declarou Ban a jornalistas.

    A UNRWA (sigla em inglês da agência da ONU) disse que suas instalações, onde há cerca de 700 refugiados, foi atingida nesta quinta-feira duas vezes, e que três funcionários ficaram feridos. A ajuda humanitária que tinha entrado na faixa de Gaza nos últimos dias está pegando fogo, porque os depósitos da ONU onde o auxílio estava armazenado foram atingidos pelos bombardeios israelenses.

    “A comida que entrou em Gaza nos últimos dias está pegando fogo”, disse, em Gaza, o porta-voz da agência Adnan Abu Hasna, em declarações ao “Canal 10” da televisão de Israel.

    Christopher Gunness, outro porta-voz da UNRWA, disse após o ataque que a agência suspenderá a movimentação de veículos, mas sem interromper as operações.

    Este foi pelo o menos o terceiro ataque de Israel a uma instalação da ONU. Os outros dois ataques ocorreram nos dias 05 e 06/01, contra duas escolas que a UNRWA utilizava para abrigar refugiados. Quarenta e três pessoas morreram nos bombardeios.

    Em visita a Israel para tentar mediar um cessar-fogo, Ban disse ter protestado incisivamente junto a Barak, que pediu desculpas e disse se tratar de “um grave erro”. “Apresentei meu forte protesto e ultraje ao ministro da Defesa e à ministra de Relações Exteriores, e exigi uma plena explicação. O ministro da Defesa me disse que foi um grave erro e que levou isso muito a sério. Ele me garantiu que será dada atenção extra às instalações e funcionários da ONU, e que isso não irá se repetir”, afirmou Ban.

    “Creio que os elementos estão dados para que a violência cesse já. Chegou o momento de acabar com a violência e de mudarmos de forma fundamental a dinâmica em Gaza, retomando as negociações de paz para conseguir uma solução de dois Estados que é a única via para conseguir uma situação duradoura em Israel”, acrescentou.

    Uma grande coluna de fumaça branca, primeiro, e preta, depois, por causa do combustível queimado, era vista esta tarde sobre a região.

    Israel ataca hospital e complexo de mídia
    As forças israelenses aprofundaram a sua incursão na Cidade de Gaza, e os combates se intensificaram, ampliando a pressão sobre o Hamas num momento em que ambas as partes avaliam uma proposta de cessar-fogo. Os bombardeios da quinta-feira foram os mais violentos em três semanas de conflito.

    Ainda nesta quinta, na Cidade de Gaza, disparos da artilharia israelense atingiram o hospital Al Quds, administrado pelo Crescente Vermelho, a Cruz Vermelha do Oriente Médio.

    Um míssil ou foguete de Israel atingiu um edifício, no centro da Cidade de Gaza, onde funcionam as sucursais da Reuters e de vários outros meios de comunicação. Um correspondente de uma TV de Abu Dhabi ficou ferido.
    EXPLOSÃO ATINGE ÓRGÃOS DE IMPRENSA EM GAZA
    Uma explosão atingiu nesta quinta-feira um edifício onde funcionam a sucursal da Reuters e de vários outros veículos de comunicação na faixa de Gaza.

    Colegas disseram que um jornalista da TV de Abu Dhabi (Emirados Árabes) ficou ferido.

    Jornalistas da Reuters que trabalhavam na sucursal naquele momento disseram que um míssil ou foguete de Israel atingiu aparentemente o lado sul do 13º andar da Torre Al Shurouq, no centro da Cidade de Gaza.
    Leia mais
    De acordo com a Reuters, um porta-voz militar israelense conversou com funcionários da agência em Jerusalém pouco antes da explosão, para confirmar a localização da sucursal da agência em Gaza. A Reuters informou que havia fornecido ao Exército as coordenadas geográficas da sua sucursal no início da guerra, e em várias ocasiões recebeu garantias de que o local não seria alvejado.

    Depois da explosão, uma porta-voz militar disse estar se informando sobre o incidente. Ela declarou que as tropas israelenses trocavam tiros com o Hamas na cidade e que alguns guerrilheiros teriam ocupado um edifício da imprensa naquele bairro na noite de quarta-feira.

    Jornalistas da Reuters, no entanto, disseram não estar cientes da presença de militantes armados no prédio antes do ataque.
    Em outros ataques, pelo menos 15 palestinos morreram, e dezenas de moradores da Cidade de Gaza fugiram a pé.

    O ministério local da Saúde, controlado pelo Hamas, diz que pelo menos 1.055 palestinos já morreram na guerra. Uma entidade de direitos humanos afirmou que 670 eram civis. Nesse mesmo período, Israel teve 13 mortes – sendo 10 soldados, além de 3 civis atingidos por foguetes do Hamas. Ban disse que o número de mortos atingiu “um ponto intolerável”.

  478. Ronald.

    Cristina, cheirou demais, torrou os miolos.

  479. Garganta

    Caro Vampiro,

    Essa notícia prática é para você, que é o famoso “homem teórico( amante do socratismo, ocidentalismo e etc., né)”:

    http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,israel-bombardeia-sede-da-onu-na-faixa-de-gaza,307578,0.htm

    Claro, a guerra é contra o Hamas( finjo que acredito). Mas isso implica num: ” FODA-SE AS CRIANÇAS, MULHERES E HOMENS MORTOS NO GUETO DE GAZA”.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  480. Nina

    15/01/2009 – 12:23
    Enviado por: targinosilva

    o sr. Thomas é mestre na provocação… concordo mas não só ele, e não sempre…

    Que tal……………………………….. deixarmos o sr. Thomas em paz enquanto ele cuida pessoalmente de Elen Stwart?

    Vamos?
    Não custa tanto não é mesmo seres provocativos?

  481. Nina

    ah…
    complementando

    e ele não mestre SÓ na provocação….

  482. Garganta

    ERRATA ( meu último comentário):

    “FODAM-SE…”. Como dizem: “Maravilhosa essa fo.. quer dizer, errata.”

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  483. KY

    OAB discute venda de sentenças com a corrregedoria do TJ do Maranhão
    São Luis (MA), 14/01/2009 – O presidente da seccional maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MA), José Caldas Gois, recebeu a visita do corregedor-geral de Justiça do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Jamil Gedeon, que informou sobre as providências que estão sendo tomadas pela Corregedoria Geral de Justiça no tocante à apuração das denúncias do desembargador Bayma Araújo sobre o comércio de sentenças no Judiciário maranhense. Na oportunidade, ele prestou informações também sobre as medidas adotadas em relação ao fórum de Santa Luzia, alvo de depredação na semana passada.

    Mas a corregedoria sempre esteve lá, porque não tomou às medidas cabíveis antes do caso vir a público.
    Simples, caro cidadão é um órgão corporativista, cuja única finalidade é dar cobertura às quadrilhas da toga,quando flagrada pela Imprensa.
    Apontem uma única que tenha tomado medidas coercitivas, contra seus Onipotentes togados, sem que a única e verdadeira corregedoria IMPRENSA NACIONAL, tenha exigido.
    Todas elas só manifestam-se após a imprensa ESCRACHAR as PATIFARIAS.

    Magistrado pede união de forças contra ?banda podre? na justiça
    São Luis (MA), 14/01/2009 – O desembargador Antonio Fernando Bayma Araujo, decano do Tribunal de Justiça do Maranhão, disse hoje, em entrevista, que é necessário que as instituições que representam o Judiciário maranhense (Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil, Tribunal Regional Eleitoral, Associação dos Magistrados e o Tribunal de Justiça) unam forças para “expurgar a banda podre” da magistratura no estado. Na semana passada, Bayma Araujo denunciou que “nessas eleições teve juízes vendendo decisões” e que “chegou-se até a presenciar publicamente a parte [político] dizer na cara do juiz: ‘Devolva o meu dinheiro'”. “Só com a união da parte boa da magistratura é possível expurgar a banda podre do Judiciário do estado”, propôs Bayma.

  484. Ekran

    Gerald, é isso: Outra Portugal.
    Quem disse isso também foi o endiabrado (e essencial) Darcy Ribeiro. Ancoramos a nau portuguesa e aqui estamos!

    Inveja do mundo, ilhados, isolados…todos favelados, em guetos, seja no morro, seja nos condominios fechados.

    Pânico do mundo?
    Nem isso temos, temos muito medo de tudo e nos distanciamos com palavras e xingamentos contra quem nos tira o cômodo ligar de ilhas…

    Que maravilha esse fogo que emana dos palcos, dos dramaturgos, dessas forças antipodas que explodem na nossa cara e nos desafiam a sair do lugar comum, desafiando nosso senso comum.

    Genial!
    ……….
    15/01/2009 – 12:48
    Enviado por: gthomas

    VC VIVEM NUMA SEGUNDA PORTUGAL: EM SEGUNDA MAO!
    INVEJA MAL RESOLVIDA DO MUNDO

  485. Ekran

    E admiro essa força do Gerald em afirmar um trabalho dentro e fora dos palcos que tem uma vocação para desafiar o publico, a critica especializada e a “opinião publica”.

    É vulcânico, placas tectonicas de historia viva, de arte, de humanidades (no plural mesmo) que se atritam e clamam por uma expressão, uma verbalização, um tom que será executado no tempo de cada momento historico, e ele viveu vários e em varios lugares do mundo, nessa angustia cosmopolita.

    Tem um documentario do Jabor que mostra bem essa classe media-mediocrizada que somos, chama-se “Opinião Publica” e foi realizado no inicio dos anos 60 (eu acho) no Rio de Janeiro.
    É ainda atual e revela a imagem do que somos e nos recusamos a aceitar.

  486. Caro GT
    Todos aqui estão cansados de saber o quão vc é Famoso e Foda.
    Com todo respeito,
    mas que vaidade estupida essa de ficar falando que é amigo de fulano, que dirigiu peça lá na puta que pariu e etecetera

    bejomeliga!

  487. O Vampiro de Curitiba

    Susan Judia, que bom te ver aqui!

  488. A Lei Áurea, que libertou os negros, foi a mais linda que aconteceu no Império.
    A Princesa Isabel, trocou o seu reinado pela libertação dos negros.
    Não foi preciso haver uma guerra civil.
    A nossa divida com os negros estamos pagando paulatinamente.
    Aos poucos eles vão conquistando o seu lugar na sociedade.
    Comemos as comidas dos negros, dançamos as sua musicas.
    esposamos as suas mulheres.
    Se existe um pais de integração racial e religiosa,
    este pais, sem duvida, é o Brasil.
    Um sonho de muitas minorias segregadas em paises pobres e ricos
    mundo afora. Vamos melhorar muito mais no futuro.
    Eu não creio, dizem que Deus é brasileiro.
    Se for, é bom demais.

  489. O Jabor é como jabuticaba.
    So tem casca e coroço.

  490. O Vampiro de Curitiba

    Targino, politicamente, temos visões de mundo diametralmente opostas, mas gosto da maneira como você vê as coisas. Você não é do tipo ressentido. A esquerda, de um modo geral, é rancorosa, ressentida, invejosa. Ela não opta pelo “oprimido” porque quer “salvá-lo” (isso já seria absurdo), ela tem é ódio dos ricos, dos bem resolvidos. Não me parece ser o teu caso.

  491. Nina

    não exagera Vamp

    se ta falando de estudante da FFLCH de 1960

  492. Cristina

    Acabei de comer babaganoush, enchova grelhada, arroz, rúcula, alface e acelga com molho de tahine.
    Não responderei Gerald Thomas todai, mas tomorrou sem falta responderei, com calma.

  493. Nina

    jaboticaba ainda é azedinha Targino…

  494. Nina

    posso falar?
    siceramente
    do fundo da alma..

    DETESTO O JABOR

  495. ………………………………………………GENTÉN,…!!…………………………………………
    ……………………………………………………………………………………………………………..
    …………………………………………cuidado,..hein…!!……………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………………..
    …………………………………….O dramaturgo está com
    …………………………………………………….. a
    ……………………………………………. MACACA…!!!
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………….

  496. Nina

    Cris

    acabei de tomar soro, um sanduiche de queijo branco e 1 pêssego

    e to enjoada
    ou seja….

  497. O Vampiro de Curitiba

    Os comentários da Susan, do Ronald, do Pachecão e do Garganta estão entrando com uma hora de antecedência, aparecem lá em cima.

  498. ……………………………………………TARGINO..!!…………………………………………….
    …………………………………………………………………………………………………………….
    …………………………..Você tem análises tão boas de nóssa
    ……………………………………………. realidade,…………………………
    ……………………………………………………………………………………………………….
    …………………………………………aí,…de repente,..sê
    ……………………………………….me sai com éssa
    ……………………………………………………da
    …………………………………. “….Galinha Leopoldina….”,….
    ……………………………………………………que
    …………………………………………….. FUDDEU
    ……………………………………………. os negros de
    …………………………………………………..VÊZ..!!!
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ………………………………………Não te entendo..!!!…………………………………..
    ……………………………………………………………………………………………………….

  499. Nina

    Pacheco, se tái!
    danado
    te pichei uma mardição… pegô o se tem corpo fechado?

  500. Sue ( Preocupada...)

    Bom dia querido Gerald ,

    **Jesus apaga a Luz** – Daonde surgir essa **Cristina** (mais bem definido por voce Cretinina )…

    Essa mulher realmente uma recalcada que nao sabe o que escreve…ou simplesmente gosta de aparecer!!!

    Perca nao please o seu tempo com essas Criaturas, voce com certeza eh superior , magnifico a tudo isso….Como autor/escritor , diretor….Blogueiro….etc…Ser HUMANO , voce quando se **propoe** a fazer algo…com certeza faz MELHOR !!!

    A velha frase vale para para essa **mocinha** , ME DIGA COM QUEM ANDAS (quem sao seua amigos) QUE DIREI QUEM ES !!!

    E voce nao tem PUXA SACOS , e sim admiradores , amigos , pessoas que te respeitam pelo que voce eh , fez , faz , seu trabalho…sua vida !!! Ufa !!!

    Tenha um OTIMO DIA de Luz ….com muito amor , carinho e calor humano….

    Beijos

    Sue

    New York , lindo , nevando floquinhos branquinhos….
    Dia Bucolico…..bom para aconchego, um vinho/cafe quentinho,bolinhos de chuva/pipoca, bom programa ,boa cia….
    A Paisagem linda , ate disfarca os 17F (os – 6 C) que esta fazendo la fora….

    Fui voltando ao trabalho….

  501. Ekran

    Nina, tbem não curto o Jabor na versão “cronista da globo”, mas esse filme Opinião Publica é um bom documentario e recomendo, não conheço algo semelhante rodado no Brasil nos anos 60

  502. Nina

    Vamp

    não achei nenhum coment do Pacheco, nem aqui nem lá

  503. Nina

    Ekran…

    não gosto dele, nem do que ele escreve, nem dele na Globo.
    O pior é quando ele dá prá escrever sobre a mulher, a feminilidade ou coisas assim.
    Dá nojo.
    Acho que ele deveria se dedicar à auto-ajuda. (de si mesmo)

  504. gthomas

    Tarigino, te adoro,
    mas o Brasil eh um dos paises mais racistas que existem
    tenho uma filha negra no Rio
    nao me venha falar da beleza do nao racismo e do atendimento em hospitais
    e…
    vou ficando por aqui “paulatinamente” como vc diz….

    se vc acha que dancar suas musicas eh peculiar ao brasil, procure se informar sobre algo chamado JAZZ. ou BLUES, ou mesmo as origens do ROCK and ROLL

    ta ficando chato isso aqui

  505. Queridos colegas,

    O GT parece águia … porque “enxerga” aquilo que apenas “vemos”! Ele instiga ao raciocínio, é mestre nessa arte. A arte “desnuda” a humanidade, esqueceram-se? Regrinha básica, é essa, minha gente! Desnuda todos os nossos sentimentos – em todos os sentidos, ok?

    O GT nos força a pensar, raciocinar, refletir, etc… etc… Ele, inclusive, mexe nas feridas dele e nossas, percebem?

    “Parece-me” que aqui existe, sim, uma psicoterapia recíproca, ou melhor dizendo, coletiva. Cada um exuma e exorciza seus demonios como pode – e consegue!

    Na pior (ou melhor?) das hipóteses cada um de nós é “obrigado” a enxergar a si mesmo e aos outros.

    O GT passa um “recado”: MEXAM-SE!!! Cada um de nós assimila ou interpreta como quer. Ação e reação … é isso!

    Adoro esse blog! Amo vocês! Não faço parte de nenhum outro blog e mesmo aqui só entrei muito recentemente. Agora … “daqui ninguém me tira” (rs).

    Não vou contestar ou atualizar quem quer que seja com relação ao nosso Brasilzão! Amo o meu País; amo a “nossa gente multi-racial”, miscinegada até o último fio de cabelo.

    Gente batalhadora, sofrida e sonhadora, sim, por que não? Sonhar com um futuro melhor … Quem não “sonha”? “Fazer acontecer” já é outro “departamento” e nosso povo vem “tentando” … Quantos povos estão “tentando”? Todos, não?

    Conheço relativamente bem a nossa História e, se fôssemos “culpar alguém” pela nossa “pacificidade” … iria sobrar para o mundo inteiro – ou, pelo menos, boa parte dele (rs).

    Demais a mais, hoje não temos a necessidade de ser tão aguerridos – quando “precisamos mostrar serviço” ao longo da nossa História nós o fizemos. Nosso DNA é multi-facetado e o estudo e evolução dele requerem muita sabedoria e tato – diplomacia, enfim, na condução da questão.

    Não temos uma identidade ou cultura próprias. Sofremos um “processo de aculturação” de costumes, tradições, religiões, etc… etc…etc…

    Mas, se nos compararmos a esse “mundão de fora”, olhe … estou para lhes dizer que vivemos uma situação privilegiada – apesar dos pesares e não vou “nivelar por baixo”!

    Conheço boa parte do nosso País e sua gente. Idem, idem, com relação a muitas e muitas cidades européias e americanas. Já falei aqui, do “alto dos meus 50 anos”: somos pràticamente “iguais” em qualquer lugar do mundo, enquanto “seres humanos”.

    Traduzindo: temos as mesmas expectativas, anseios, projetos de vida, etc… etc… Todos nós temos “rins, fígados, cérebros” etc…

    Todos nós almejamos saúde, paz, educação, moradia, etc… etc…
    Todos nós, em maior ou menor escala, em todos os lugares do mundo, critica seu Governo e seu povo. Essa regra do “santo da casa não faz milagre” … “parece-me” é … universal. Feliz ou infelizmente – “simples assim”? “Parece” …

    Um abraço a todos!
    Susan judia

  506. Nina

    Sue.

    Gerald está num momento difícil, não vou falar por ele, pq ele não precisa.
    Mas Cristian não é uma cretina, pode ter sido no que disse, mal dito, desentendimento.
    Ela escreve aqui faz tempo, contribui bastante.
    Não concordei com o que ela disse, achei-a mal informada a respeito, mas vamos com calma. O autor pode ter se indignado, claro, é direito dele.
    Mas não é nosso direito chamar alguém de cretino, justamente pq esse alguém não ofendeu ninguem com esse tipo de palavra. Talvez o autor. Não vc. Pense nisso. Não julgue alguém por uma opinião equivocada, mas, educada.
    Pior é essas Noemis que entram chingando, com ódio, babacas de plantão, nazistas.
    Cristina, colocou a opinião dela, do jeito dela.
    Deixa o autor se defender, como ele acha que deve.

    Sem ódio aqui hj
    Amor, por favor
    não é hora

    Abç

  507. O Vampiro de Curitiba

    Garganta, eu sou um estudioso de Nietzsche exatamente por ele destruir o Socratismo, o Platonismo e o Cristianismo, base do desenvolvimento cultural do Ocidente. Agora, entre o Ocidente judaico-cristão e o obscurantismo-fanático-fundamentalista, eu fico com o bom e velho Ocidente. Assim como não sou fã número um do capitalismo, mas entre ele e a barbárie…

  508. Ronald.

    Pois bem.
    Acabei de acabar a primeira parte do vídeo que fiz aqui em Ilhabela, gravei praias, cachoeiras, sol se pondo no mar, comunidade de pescadores, barcos velejando, pessoas sorrindo, centro histórico, pássaros, realmente foi uma correria danada, tem feito poucos dias de sol aqui na ilha, então cada “bafinho” de sol que aparecia foi aproveitado ao máximo.
    Terminada a edição, tratei de fazer as trilhas sonoras, por eu não dispor de muitos recursos financeiros acabei fazendo todas as trilhas, meu software de edição de áudio permite isso, cara que trabalho, mas ficou legal, bem bacana por sinal, é um vídeo maIs contemplativo do que explicativo(a história da Ilha fica para a segunda parte), nesta primeira parte ele será assim, vou esperar algum retorno financeiro para voltar a investir no mesmo, provavelmente levarei uns dois anos para que fique do jeito que eu quero.
    Pois bem, trilha sonora montada, fiz as artes gráficas, textos com os nomes do lugares etc…, mas agora falta uma narrativa, algo que ilustre mais o sentimento de estar aqui, mas ai me ferrei, estou extremamente enojado com o que está acontecendo por aqui, a todo instante chegam turistas que nada tem a ver com o lugar, a sujeira dos lixos estão espalhadas por toda a parte, falta de respeito, bagunça generalizada, assaltos a pousadas e casas, minha vizinha foi assaltada com duas armas na cabeça, em algumas ruas o esgoto escorre pelas fossas, deixando as mesmas com um cheiro insuportável, agora alguns donos de pousada se apossaram das praias, e fazem o que querem e como querem em frente a suas propriedades, agora estão fechando o ascesso a cachoeiras, para cobrar entrada das pessoas que querem se banhar, ou seja, o que é do estado virou deles mesmo, a minha vizinha que foi assaltada ao querer fazer o boletim de ocorrência, escutou do delegado, ” por que vc vai fazer o boletim?”, ou seja, esta Ilhabela já era, está uma merda, literalmente, se alguem de vcs forem nadar por aqui, eu não aconselho, a não ser que vcs queiram encontrar com alguns pedaços das fezes que vcs soltaram no banheiro, enfim, deixarei meu vídeo sem narrativa, a não ser que eu invemte uma mentira para narrar, meus sentimentos não poderão estar no texto, que merda.

  509. Garganta

    Caro Vampiro,

    Eu acredito em você. No entanto, o Estado de Israel mata fundamentalistas e uma porção de pessoas inocentes. Para quê? Isso é favorável à vida? Ambos, Hamas e Estado de Israel, agem que nem assassinos. Eu condeno os dois.

    A leitura de Nietzsche a respeito da Filosofia, a meu ver, tem um tanto de exagero contra Sócrates, Platão e etc.( há outras leituras, além de Nietzsche). De fato, Nietzsche denunciou um cientificismo e etc. impregnado na Filosofia, digamos assim . Eu não posso falar mais, porque não tenho conhecimentos suficientes.

    Claro, mas o problema é saber se o Ocidente judaico-cristão não age com um obscurantismo-fanático-fundamentalista. Matar crianças sem motivo algum, no meu entender, é uma atitude tão perversa ( ou mais) como a do Hamas, que representa um povo miserável–preso– numa faixa de 40 km2. Eles, os políticos israelitas, têm intenções políticas, que são obscuras e individualistas; ou um nobre motivo?

    O que colocar no lugar do capitalismo(realmente há um discurso liberal e etc. hegemônico)? Eu entendo que um Estado repressor não é a solução. Todavia permitir que grupos particulares tomem conta da vida política e pública, me parece algo ruim ( é o que efetivamente acontece). Qual o capital das dez maiores empresas, bancos e etc. do mundo? A concentração de riqueza e poder são evidentes. A riqueza tem que ser repartida ( por mais comunista que isso pareça[ nem sou favorável a nada revolucionário para repartir, porque também não há condições]), ou esse bolo de pobreza e desigualdade tenderá a aumentar(convenhamos, algo perigoso).

    Há tanta coisa errada no mundo. Eu jamais teria uma solução. Talvez mais educação e cultura por parte do Estado.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  510. Nina

    desculpe
    pior são essas Noemis
    não pior é

  511. “Meninas” …

    Neve é linda … no cinema ou na TV. “Ao vivo e a cores” é um problemaço no dia-a-dia (rs)!!! Ok, nem por isso perde o seu “lado romantico”, não é mesmo? E é isso que “vale”!!!

    Caindo uma “chuvinha”, então … “Minha nossa” – vira gelo e aí tudo se complica mais e mais e muito mais …

    Beijão!
    Susan judia

  512. Ronald.

    errata:
    invente,

  513. Garganta

    Cara Cristina,

    “E justamente nesse momento onde escrevo uma peça chamada Body Parts (Pedaços de um Corpo).”( Gerald Thomas)

    Pago-lhe um almoço se você produzir uma frase que expresse melhor a realidade no mundo, Cristina. Frase genial.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  514. .Nina.

    Cerca i miei commenti.

    Troverete dove non sto essendo

    Dove non valuto comparire.

    Dove rivelo, nascondendolo.

    Non per freschezza.

    Per la necessità.

    Per evitare essere letto perchè non deve leggere e non sa per trovarlo quando sono nascosto.

    Complicato per spiegare, ma facile di essere capito.

    Capite?

    Un bacio grande di male.

    Pacheco.

  515. Ivo Veiga.
    Fico entristecido ao ler tua intenção de abandonar o blog. È teu direito.
    Peço que reconsideres pedido de amigos.
    Sei que não estou sozinho nesta vontade.
    Eu já tive esta intenção e acabei retornando. Este blog já faz parte do meu dia a dia.
    Sei que um elemento aqui o destratou de forma inconveniente, mas não acho que este detalhe possa nos privar dos teus comentários sempre coerentes e também elucidativos.
    Obrigado antecipado pela atenção que deres ao meu pedido.
    Obrigado.
    Pacheco.

  516. Garganta

    Caro Gerald,

    “Garganta, a minha peça se chamaria ‘Picadinho de Gerald.'”(Cristina)

    Pois é, Gerald, querem a sua cabeça… braços, mãos, pés… ( muitas risadas)!

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  517. Carta para o falecido compositor Nelson Cavaquinho.
    Querido e saudoso amigo.
    Ontem eu copiei a tua musica (não me lembrei do nome) e pretendendo te homenagear a enviei para ser publicada no blog do Gerald Thomas.
    Não sei se sabes o que é um blog e muito menos se sabes quem é o Gerald Thomas.
    Explico-te rapidamente. O Gerald é teatrólogo.Tipo de pessoa que nós gostaríamos que sentasse com nós lá no Jardim América e cantasse conosco.Isto te basta.Se descrevo mais eu complico.A ti e a mim.
    Blog é uma seção que uma turma de malucos (no bom sentido comentam o que o Gerald escreveu de tempos em tempos. Comenta pouco é verdade, mas comentam. Na maior parte dos comentários cada um fica querendo mostrar que sabe mais que os outros e ai é aquela merda. Ninguém se entende e alguns partem para a agressão verbal. Algo como balaio de gatos.
    Mas amigo o que eu quero-te dizer hoje é o seguinte.
    Quando eu escrevi e enviei ontem a tua musica eu pensei que ao menos alguém iria ler e comentar. Infelizmente nada.
    Eu lamento, mas vou repetir e esperar para ver se amanhã aparece algum comentário.
    Pode ser que daqui a pouco o Vampiro ou o Geral entrem com nova postagem e ai eu terei que repetir tudo amanhã.
    Então terei que dizer que tua urucubaca está também contigo ai no céu,
    Por falar em céu me diga. Existe mesmo este falado céu.
    Se existe você encontrou ai o Lupicínio e o Jamelão?Se encontro deve ter sido aquela noitada.
    Aguardem-me. Não sei quando mas ainda estarei ai com vocês.Espero.
    Abraços e seque abaixo a repetição conforme te prometi.
    Pacheco

    1. 14/01/2009 – 14:55 Enviado por: Jose Pacheco Filho
    Sei que amanhã quando eu morrer.
    Os meus amigos vão dizer.
    Que eu tinha um bom coração.
    Alguns até irão chorar, e querer me homenagear.
    Fazendo de ouro um violão.
    Mas depois que o tempo passar.
    Sei que ninguém vai se lembrar.
    Que eu fui embora.
    Por isto é que digo assim.
    Se alguém quiser fazer por mim.
    Que faça agora.
    Me de as flores em vida.
    Um carinho, a mão amiga.
    Para livrar os meus males.
    Depois. que eu me chamar saudades.
    Não preciso de vaidades.
    Quero preces e nada mais.
    Fim.
    Esta composição é do já falecido Nelson Cavaquinho. Foi composta entre bares no Jardim América no Rio de Janeiro.Tive a honra de tomar cachaça pura e cantarolar em muitas noites e tardes com ele e outros bons e honestos malandros do citado bairro.Isto quando malandro era malandro mesmo.
    E considero o injustiçado Nelson um dos maiores artistas do Brasil.
    Infelizmente ou será felizmente, o Nelson era baixo, feio, semi-alfabetizado e defecava e andava se ia aparecer na televisão ou não. Seu negócio era tomar umas e outras e cantar até de graça se tivesse ou não ouvintes.
    Depois da morte do Nelson, Tito Madi comecei a escutar o BB King e arrumei novo ídolo.
    Obrigado.
    Pacheco.

  518. Nina

    é num deu
    vô prá casa

    letra linda de Belchior cantada pelo lindo Gessinger…
    tenham uma tarde sem ódio
    leiam essa canção

    Eu não estou interessado
    Em nenhuma teoria
    Em nenhuma fantasia
    Nem no algo mais
    Nem em tinta pro meu rosto
    Ou oba oba, ou melodia
    Para acompanhar bocejos
    Sonhos matinais…
    Eu não estou interessado
    Em nenhuma teoria
    Nem nessas coisas do oriente
    Romances astrais

    A MINHA ALUCINAÇÃO
    É SUPORTAR O DIA-A-DIA
    E MEU DELÍRIO
    É A EXPERIÊNCIA
    COM COISAS REAIS…

    Um preto, um pobre
    Uma estudante
    Uma mulher sozinha
    Blue jeans e motocicletas
    Pessoas cinzas normais
    Garotas dentro da noite
    Revólver: cheira cachorro
    Os humilhados do parque
    Com os seus jornais…
    Carneiros, mesa, trabalho
    Meu corpo que cai
    Do oitavo andar
    E a solidão das pessoas
    Dessas capitais
    A violência da noite
    O movimento do tráfego
    Um rapaz delicado e alegre
    Que canta e requebra
    É demais!…
    Cravos, espinhas no rosto
    Rock, Hot Dog
    “Play it cool, Baby”
    Doze Jovens Coloridos
    Dois Policiais
    Cumprindo o seu maldito dever
    E defendendo o seu amor
    E nossa vida
    Cumprindo o seu maldito dever
    E defendendo o seu amor
    E nossa vida…
    Mas eu não estou interessado
    Em nenhuma teoria
    Em nenhuma fantasia
    Nem no algo mais
    Longe o profeta do terror
    Que a laranja mecânica anuncia
    Amar e mudar as coisas
    Me interessa mais

    Amar e mudar as coisas
    Amar e mudar as coisas
    Me interessa mais…
    muito mais….

  519. Cristina

    Digam alguma frase ou idéia genial de Gerald Thomas! A única idéia genial que me recordo foi a vez que ele mostrou a bunda para o público carioca, aquele público merecia uma bunda azeda.

  520. Ronald.

    Venha filmar em Belmonte e proximidades.

    Hoje aqui esteve filmando o Otavio Mesquita da Record ou da Band sei lá. Acho que é da Record. Outro dia passado este aqui uma equipe da Band Verão.
    Co os cenários naturais por aqui você terá imagens lindas.
    Garanto-te hospedagem e coloco água no Feijão e estamos conversados. Cerveja gelada não falta.Brisa e camarão ta sobrando.
    Tenho receio que no futuro tanta beleza vire o que está se tornando a Ilha Bela que descreves.
    Quanto a arbitrariedade dos donos de pousadas em cercarem locais públicos leve ao conhecimento da Marinha em São Sebastião. Eles tomarão as providencias cabível.
    Vai encarar?
    Disponha.
    Obrigado.

    Pacheco.

    Saido agora.Regresso depois mais tarde.

  521. Cristina

    Se vocês quiserem me dar o apelido correto é Cricri, ou Cricrizinha. Sou chata.

  522. Aninomyous

    Gerald falando de Teatro, drogas e Israel, Veja isso:
    “Ou grupos inteiros de teatro que fazem a apologia de outras drogas para que se entre em “outro estado”. Qual estado? O de Israel? Sim, talvez tão provisório ou tão recente quanto o estado de Israel. Talvez não seja por acaso que a “designer drug” ecstasy tenha nascido nas festas RAVE em Israel. Estranho isso. Mas pensem na clausura, na cerca em volta, na quarta parede em tempo real daquele país que nasceu com seus kibutzes marxistas numa situação quase artificial em 48 e está sempre num regime tão frágil entre o existir e o não existir, eis a questão!”

  523. Cristina

    Gerald, você vai me desculpar, o seu desabafo é incorreto, você se colocou como americano renegando o lugar onde você nasceu com menosprezo. Você menospreza a diplomacia brasileira, um tipo de diplomacia sempre voltada para a paz, mesmo a nossa força militar no Haiti é voltada para a paz. Povo é ruim em tudo quanto é lugar, se eu quiser criticar o povão americano tenho inúmeros argumentos. O Brasil é um dos países menos racistas que existe, e um dos mais injustos.

  524. Cristina

    Garganta, a minha peça se chamaria “Picadinho de Gerald”.

  525. Cristina

    Eu acho genial escrever: “Fiquei mudo por um tempo olhando a tela”

  526. Cristina

    Sou brasileira de várias gerações. Uma brasileira, como eu, vive com o tupi or not to be na cabeça. Nós sonhamos com uma aristocracia indígena. Ficar se bacaneando que os americanos inventaram o Google. Grande merda. Os índios inventaram a rede de frente para o mar, uma varinha de pesca, uma roça, a plantação de banana. É tão boa a vida na Banânia ….

  527. Nina

    Aí não né Cris Bela…..
    aí num dá… vc vai entrar nessa????

    15/01/2009 – 15:53

    Enviado por: Cristina
    Digam alguma frase ou idéia genial de Gerald Thomas! A única idéia genial que me recordo foi a vez que ele mostrou a bunda para o público carioca, aquele público merecia uma bunda azeda.

    Bunda Azeda? (ai ai…. melhor ficar quieta)

    O que ele fez de genial? acho que nasceu….

    de novo dá uma olhadinha na história de vida do moço, vai no site dele…. no Dry Opera

    pô tava te defendendo amiga….. se fez eu levantar do meu mausoléu prá ver isso?

    ASSIM NÃO DÁ
    ASSIM NÃO PODE

    ASSIM É FODA!

  528. Oi, GT e pessoal.

    Cristina: pelo visto q vc está defendendo, essas posiçoes bobocas, melhor pegar uma trouxa de roupa suja para lavar.

    PS: não quis dizer que vc é trouxa.

  529. Nina

    PACHECÃO

    ACHO QUE ENTENDI

    VOU VER…

    hehehehehe

  530. Nina

    Não Pacheco não entendi…

    😦

    stoi allora cosi cosi caro

  531. Cristina

    Gerald Thomas que mostrou uma bunda azeda para o público. Eu vi a cena. Qual o probelma do azedo?

  532. Nina

    Pacheco,

    cefalea
    sovversione
    capogiro
    amarezza
    e un po di amori

  533. Cristina

    Mudando completamente de assunto. Leiam o texto do Ronald sobre a Ilhabela. É muito importante. A ocupação das costeiras é absurda e irresponsável.

  534. Nina

    Pacheco

    perchè parli italiano?
    (uno perfecto italiano..)

  535. Nina

    Doppo, ancora… si capisco…

    “Per evitare essere letto perchè non deve leggere e non sa per trovarlo quando sono nascosto.
    Complicato per spiegare, ma facile di essere capito”

    si si, ma io te lascio altro enderezzo, ricorda?

    di male

  536. Reinaldo Pedroso

    Samuca
    Continuo lendo os teus comentários com interesse.
    Reinaldo

  537. Nina

    FRASES GENIAIS DE GERALD THOMAS
    (quanta bobagem, mas vamos lá…)

    “und Du? Kerr engraxarrr mein Sapatu?”
    em Francois

    “Et tois? Est que vou voulez engraxez mons sapat?”
    em Portugois

    ” Man ist was man Ist. QuerU commeter deine wonderfully POLISH, oh Poland, shoes”

    und so weiter
    GT

    Sashtishfeitosch? meine FREUNDE? Und…..rrrrrrraus!

    PRONTO….

  538. Nina

    SATISFEITA CRIS BELA?

    ESSAS FRASES ESTÃO NA PAREDE DO MEU BANHEIRO EM CIMA DA FOTO DA BUNDA DELE

  539. Reinaldo Pedroso

    15/01/2009 – 16:54
    Enviado por: Cristina
    “Gerald Thomas que mostrou uma bunda azeda para o público. Eu vi a cena. Qual o probelma do azedo?”

    Cristina
    Logicamente, o Gerald mostrou sua bunda azeda porque ele estava todo azedo com o público. Digo melhor, ele é azedo.
    Estavas lá, como é a bundinha do Gerald? Jeitosinha?
    Reinaldo

  540. Sue ( Preocupada...)

    Nina , Nem precisei te responder a PROPRIA Cristina te respondeu !!!((15/01/2009 – 15:53 Enviado por: Cristina)

    Susan Judia :(Minha Xara – Pois meu nome tambem eh Susan) Voce esta aonde??? Pois eh sorry mas sou eterna romantica…mesmo quando a neve vira Gelo…nao perde o encanto….(rs)

    Cristina : Tambem sou Brasileira e muito BRASILEIRA (Com letras maiusculas) mas nao sou alienada , sou uma cidada do mundo….Sei admirar o que ah de melhor e Belo…e BOM.
    Seja Americano, Brasileira, Grego…Italiano…Indiano….

    FUI…voltando ao trabalho….

  541. Sue ( Preocupada...)

    Ah em tempo !!

    Cristina ,

    *** Gerald Thomas nao nasceu ele **ESTREIOU**……

  542. Ronald

    Pacheco, existem 250(este número saiu publicado em um jornal local a algum tempo) imóveis construídos em área de marinha em Ilhabela.
    E daí?
    Ninguém está nem ai pra isso.

    E não vou ser eu, um pobre mortal que não conhece nenhuma “otoridade”, que vou dar a minha cara pra bater, vou acabar “boiando” por ai.

  543. Nina

    15/01/2009 – 17:39
    Enviado por: Sue ( Preocupada…)

    meu deus!

  544. Reinaldo Pedroso

    15/01/2009 – 15:25
    Enviado por: Jose Pacheco Filho
    “Ivo Veiga.
    Fico entristecido ao ler tua intenção de abandonar o blog. È teu direito. (…)
    Sei que um elemento aqui o destratou de forma inconveniente, mas não acho que este detalhe possa nos privar dos teus comentários sempre coerentes e também elucidativos.(…)”

    Esse “elemento” aí sou eu? Se for, eu “destratei de forma inconveniente” o coronel?!
    PQP…
    Reinaldo

  545. Lilian

    Gerald, adorei as peças na íntegra no cantinho do blog.

  546. Sue ( Preocupada...)

    Susan Judia , Voce escreve **muito bem** , me parece uma pessoa muito inteligente….(Sera que eh uma caracteristica do nome – Brincadeirinha)

    Vale a pena REPRODUZIR esse comentario dela….

    15/01/2009 – 14:41

    Enviado por: susan judia

    Queridos colegas,

    O GT parece águia … porque “enxerga” aquilo que apenas “vemos”! Ele instiga ao raciocínio, é mestre nessa arte. A arte “desnuda” a humanidade, esqueceram-se? Regrinha básica, é essa, minha gente! Desnuda todos os nossos sentimentos – em todos os sentidos, ok?

    O GT nos força a pensar, raciocinar, refletir, etc… etc… Ele, inclusive, mexe nas feridas dele e nossas, percebem?

    “Parece-me” que aqui existe, sim, uma psicoterapia recíproca, ou melhor dizendo, coletiva. Cada um exuma e exorciza seus demonios como pode – e consegue!

    Na pior (ou melhor?) das hipóteses cada um de nós é “obrigado” a enxergar a si mesmo e aos outros.

    O GT passa um “recado”: MEXAM-SE!!! Cada um de nós assimila ou interpreta como quer. Ação e reação … é isso!

    Adoro esse blog! Amo vocês! Não faço parte de nenhum outro blog e mesmo aqui só entrei muito recentemente. Agora … “daqui ninguém me tira” (rs).

    Não vou contestar ou atualizar quem quer que seja com relação ao nosso Brasilzão! Amo o meu País; amo a “nossa gente multi-racial”, miscinegada até o último fio de cabelo.

    Gente batalhadora, sofrida e sonhadora, sim, por que não? Sonhar com um futuro melhor … Quem não “sonha”? “Fazer acontecer” já é outro “departamento” e nosso povo vem “tentando” … Quantos povos estão “tentando”? Todos, não?

    Conheço relativamente bem a nossa História e, se fôssemos “culpar alguém” pela nossa “pacificidade” … iria sobrar para o mundo inteiro – ou, pelo menos, boa parte dele (rs).

    Demais a mais, hoje não temos a necessidade de ser tão aguerridos – quando “precisamos mostrar serviço” ao longo da nossa História nós o fizemos. Nosso DNA é multi-facetado e o estudo e evolução dele requerem muita sabedoria e tato – diplomacia, enfim, na condução da questão.

    Não temos uma identidade ou cultura próprias. Sofremos um “processo de aculturação” de costumes, tradições, religiões, etc… etc…etc…

    Mas, se nos compararmos a esse “mundão de fora”, olhe … estou para lhes dizer que vivemos uma situação privilegiada – apesar dos pesares e não vou “nivelar por baixo”!

    Conheço boa parte do nosso País e sua gente. Idem, idem, com relação a muitas e muitas cidades européias e americanas. Já falei aqui, do “alto dos meus 50 anos”: somos pràticamente “iguais” em qualquer lugar do mundo, enquanto “seres humanos”.

    Traduzindo: temos as mesmas expectativas, anseios, projetos de vida, etc… etc… Todos nós temos “rins, fígados, cérebros” etc…

    Todos nós almejamos saúde, paz, educação, moradia, etc… etc…
    Todos nós, em maior ou menor escala, em todos os lugares do mundo, critica seu Governo e seu povo. Essa regra do “santo da casa não faz milagre” … “parece-me” é … universal. Feliz ou infelizmente – “simples assim”? “Parece” …

    Um abraço a todos!
    Susan judia

  547. Rômulo B. Pereira

    15/01/2009 – 00:34

    Enviado por: Tene Cheba

    Não se sinta assim Rômulo, a Valéria deve estar se referindo as agressões covardes, que eu já li por aqui, nojento, e Gerald Thomas publicava.A moçada aqui é ótima.

    Afinal, quem não tiver pecado que atire a primeira pedra, ou tijolo, ou bloco de concreto maciço, mas não mais que uma, ou um, ando lendo muito Gerald Thomas, olha só o estilo.

    ===================================================

    Tena,

    O espaço é ótimo! Estamos juntos.

    Bjs,

    R.

  548. Reinaldo Pedroso

    15/01/2009 – 01:54
    Enviado por: targinosilva
    “Sr. Thomas. (…)
    Se o senhor for procurar vai encontrar muita coisa boa que criada aqui (…), a bicicleta ( Leônidas da Silva), (…)”

    Quááááááááá!!!!!!!!!
    É disso que esse blog precisa um pouco.
    Reinaldo

  549. Geeeennnnnttteeeeeeee!!!

    Nananinanão! Não entremos “nessa” de “setorizar” a turma! PelamordeDeus, não! “Qui qui” é isso? “Pavios-curtos” … contenham-se ou terão, já, já, um “infarto virtual” (“na” real!!!)!

    “Sacaram”? O sentimento de “raiva” (ira!) ruminado 24hs. por dia pode levar a esse quadro clínico. “Tabelinha perigosa” é essa: a da auto-cobrança e a da “cobrança alheia”!

    Já falei que tenho raízes judaicas e por isso mesmo … Não, isso daqui – o blog do GT – não é o “muro das lamentações”, certo?

    Está “parecendo” mas não é. Qualquer semelhança é mera coincidencia (rs)? Nem sei mais … e … de que falávamos, mesmo?

    Parem para pensar, por favor, sim? A gente se permite descer o porrete (verbal, que fique bem claro, certo?) no Governo e, “por tabela” no nosso País, na nossa gente. De modo geral, contudo, “detestamos” quando alguém – que não seja brasileiro – faça o mesmo. É natural essa nossa reação. Eu que o diga (rs)!

    O Brasil, ao longo de sua História, recebeu muitos e muitos povos. Vieram para cá em busca de uma vida melhor – caso contrário teriam permanecido em seus países de origem.

    Quem saiu daqui o fêz pelos mesmos motivos, certo? E por aí vai … Até mesmo na condição de turistas sòmente nos deslocamos por alguma razão mais especial, concordam?

    Quanto à nossa Pátria amada … Salve, salve, sim! É nossa Pátria, mesmo “estando na nossa linha de tiro”! Vivemos aqui… Governo? “Tem um monte de problemas” – como em toda nação e … quem não tiver … que “atire a primeira pedra”.

    “Todo mundo sabe” o que “faria” se estivesse lá! “Todo mundo” tem a fórmula/equação/planejamento
    para “agradar gregos e troianos” e “fazer” um Governo honesto, digno, coerente com a necessidade de todos os cidadãos.

    Um Governo “ideal”, justo! Mas … Há sempre um “mas” e … não estamos lá. E … quem vai para lá … não governa, administra, gerencia ou o “raio que o parta” … sòzinho!

    Estou “assistindo” ao destempero do nosso “Presidente” aqui do Blog – GT! Senti na minha própria pele – semana passada – o meu “descontrole temporário” quando me vi “acuada” com a “caça aos judeus”. Na sua comunidade familiar, social, profissional, etc.. “as coisas funcionam assim”.

    Imaginemos o GT como nosso Presidente. Imaginemo-nos como seus assessores diretos … É “fogo”, né minha gente???

    “Administrar seres humanos” … “dá um cansaço” danado. É complicadíssimo! “Einteindem” porque os “presidentes” praguejam e “saem da pôse oficial”, de vez em quando (rs)?

    E … “viva” para todos nós. Nos merecemos – é a troca necessária
    para todos! “Precisamos um do outro”!!!

    Um abraço a todos!
    Susan judia

  550. Reinaldo Pedroso

    Como é penoso rolar a tela atrás de um comentário, né, Gerald?
    Alguém disse que o Gerald não nasceu, “estreiou”. Verdade, on stage. A Sandra disse que o Gerald é iluminado. Verdade, por um spotlight.
    Estou penalizado com o Gerald, em “Pânico do Mundo?”, ele narra entre outros fatores ansiogênicos, a opressão causada pelo…pelo… cinto de segurança por sobre o cachecol. Outro sofrimento, ter que vencer exatos 67 degraus, TOC, TOC, TOC, para ver a Mama.
    Outro alguém disse que o Gerald é “provocador”. Que nada, swoon, tantrum, por aí.
    Reinaldo

  551. Ronald

    Pra que ser honeto?
    Susan, olha que exemplo de NAÇÃO AVANÇADA o Brasil dá.
    Realmente estamos no caminho certo.

    “Demais a mais, hoje não temos a necessidade de ser tão aguerridos – quando “precisamos mostrar serviço” ao longo da nossa História nós o fizemos. Nosso DNA é multi-facetado e o estudo e evolução dele requerem muita sabedoria e tato – diplomacia, enfim, na condução da questão.”

    Quanta besteira.

    Após decisão do Supremo, Marcos Valério deixa presídio em SP
    Do UOL Notícias
    Em São Paulo
    O empresário Marcos Valério Fernandes de Souza deixou a Penitenciária Tremembé 2 (147 km de São Paulo), às 17h50 desta quinta-feira (15), após decisão determinando sua soltura do ministro Gilmar Mendes, presidente do STF (Supremo Tribunal Federal). A informação é da SAP (Secretaria de Administração Penitenciária) do Estado.

    Valério foi preso em outubro de 2008 na Operação Avalanche, da Polícia Federal, acusado de encomendar um inquérito policial falso para prejudicar dois fiscais da Fazenda paulista e beneficiar a cervejaria de um amigo.

    Valério, também acusado pelo esquema do mensalão, foi beneficiado por extensão de liminar concedida aos demais acusados pelo esquema. O Supremo determinou a soltura de seu sócio, Rogério Tolentino, do advogado Ildeu da Cunha Pereira Sobrinho e dos policiais federais Antônio Vieira Silva Hadano e Fábio Tadeu dos Santos Gatto.

    A defesa do empresário recorreu ao STF após ter habeas corpus negado pelo TRF (Tribunal Regional Federal) da 3ª Região.

  552. Ana

    que loucura é essa da queda do avião aí?
    com a água a menos de 13º.
    aqui se vê pouco do que está acontecendo; tem um monte de barcos em volta…

  553. Sue ( Preocupada...)

    Exatamente ANA , um aviao da Usair , caiu aqui pertinho Rio Hudson…estava saindo de La Guadia (NYC) para Charlote. Ao parece primeiras informacoes….todos sobreviveram….
    Apesar da queda e da agua CONGELADA !!!!

    Gracas ao cara la de cima uma desgraca a menos…no MUNDO !!!

  554. Ronald,

    Tenho a ligeira impressão que você está confundindo “Justiça” (leis) com política – Governo para ser mais exata.

    Um abraço,
    Susan judia

    PS.: O Madoff pagou uma “dinheirama” a título de “fiança” e blá-blá-blá. Lesou, roubou “meio mundo” em US$ 50 bi; foi preso com estardalhaço e …? Está na casa dele, em “prisão domiciliar” – “retido” por tornozeleiras eletronicas.

    Semana passada, um outro ladrão indiano (US$ 1 bi) foi detido e …? Está livre, se não me engano! Mais exemplos???

  555. Reinaldo Pedroso

    15/01/2009 – 05:44
    Enviado por: gthomas
    “ME PERGUNTO SE A FOLHA TEM ALGUMA DIVIDA COM O MOBRAL OU SE O TRADUTOR NAO SOUBE LER AS ENTRELINHAS OU QUAL EH…..AFINAL, ESSE CARA ESCREVE COISAS QUE UM INFANTO DE, DIGAMOS 5 (nao, perdao) 3 anos de idade pode escrever: ah, eh isso: Esse eh a tal contrapartida social aos dementes (mesmo entre jornalistas)
    Leiam”
    (…) mas é verdadeiramente notável que em 2009 um negro seja presidente dos Estados ”

    15/01/2009 – 05:47
    Enviado por: gthomas
    ” Ainda sobre o artigo de cima
    “Ele é negro, afinal.”
    JURA? Nao havia notado. Voto aqui e participei da campanha por um ano. Mas obrigado por me chamar atencao. Ate esse momento, juro que nao havia notado a cor de sua pele.
    Incrivel”

    Gerald, Gerald, estás te referindo a “notável”?
    Rigorismo etimológico partindo de ti?, não acredito…
    Pelo uso, notável passou a significar admirável, por exemplo. Carmen Miranda, lembras?
    É verdadeiramente admirável um negro presidir os Estados Unidos.
    Essa tua hiperatividade ansiosa te esgota, e acaba sobrando pra todos.
    Take it easy, man.
    Reinaldo

  556. juliano

    Paulo Francis dizia que criticar o Brasil é uma forma de amá-lo. Gerald poderia ignorar esses tristes tropicos, esquecer o portugues, esquecer definitivamente o Brasil, é simples, mas não pode fazer isso. Essa revolta do Gerald não é coisa de quem detesta o Brasil,mas de quem o ama muito.

  557. Marcio M (da cidade de São Paulo)

    Pânico no mundo
    Veja foto acima
    Gerald Thomas e Fabiana Gugli
    Ou será o Corcunda de Notre Dame?

  558. Susan Judia, amore mio.
    Bravo! Bravo!
    o homem é provocador.
    Sabe onde cutucar.
    Temos que saber corresponder.

  559. santanna

    Santanna
    Tudo tem um propósito.
    Em uma tentativa pretensiosamente didático/pedagógica conscientemente compartimentada, digo que a Arte dirige-se à afetividade. Já o Design, às necessidades objetivas de informação(Design Gráfico) e de uso(Design Industrial).
    Beijo,
    Reinaldo

    Oi Reinaldo!
    Concordo totalmente com a sua definição de design.
    Me explique melhor depois a de arte. ‘Afetividade’ não ficou muito claro pra mim.

    Bem, de toda forma é bem difícil definir arte, não! Pra mim é básicamente uma expressão puramente pessoal, mas que cria “pontes” entre as pessoas, sei lá. Através da contemplação, do prazer estético/sensorial, da reflexão, enfim…
    Gosto muito também de artesanato, que pra mim, é como uma “arte que se usa” (uma manta, uma jarra, uma roupa, etc.). O design também pode ser “arte que se usa”, mas esse objeto terá sido produzido necessariamente num processo industrial, né.
    Bom, espero que a nossa pequena “conversa paralela” possa interessar a outros também por aqui!

    beijo

  560. Rômulo B. Pereira

    Agora sim, melhorou seu Ivo!
    Anel dos Nibelungos…Quem diria!

    R.

  561. Rômulo B. Pereira

    15/01/2009 – 11:29

    Enviado por: Ekran

    “Cada dia que passa eu admiro mais e mais essa vocação dele rumo ao tragico, sem ser fatalista. ”

    Só faltou falar da hýbris, métron e do complexum oppositorium.

    Abs,

    R.

  562. Ivo Veiga

    Passei as últimas 2,20 horas ouvindo The Complete Madison Square Garden Concert, gravado em 25/05/1944 com a Sinfônica da N.B.C., sob a regência de Arturo Toscanini(que fugiu da Itália em 1927 pois Mussolini estava no poder desde 1922) 90% do concerto foi com Wagner, Tannhäuser, Die Walküre, Die Gotterdämerung e Tristan und Isolde, ainda com Inno delle Nazioni de Verdi e Stars and Stripes Forever de John Philip Sousa. Muito bem ouvindo e compreendendo porque Toscanini privilegiu Wagner(a guerra era contra a Alemanha e não contra Wagner) me ocorreu um lampejo da generosidade de Toscanini,
    que me remeteu ao Gerald Thomas, que eu até hoje admirava pela sua arte, principalmente nas montagens de Wagner que são longuíssimas(só a tetralogia do Anel dos Nibelungos temos mais de 10 horas de música, cenários, guarda roupa etc…) aí como no famoso eureka de Arquimedes, eu percebi que além da genialidade e trabalho árduo de Gerald eu finalmente compreendi sua melhor e maior qualidade, A GENEROSIDADE, esse homem que teria todos motivos do mundo para odiar Wagner(não pelo Wagner) pelo que ele representou durante o 3o Reich, sendo considerado por Hitler como o compositor oficial da Alemanha e tendo todos os seus discursos iniciados pela Cavalgada da Walkyrias. Pois bem Gerald Thomas num ato de profunda generosidade, monta e remonta mundo afora as óperas de Wagner e tem por elas um amor incondicional. Até quando ele em lúcido ataque de fúria, deixa transparecer sua generosidade, querendo abrir nossos olhos diante do que não enxergamos.
    A partir de hoje além da admiração e respeito pelo artista, tenho eu profundo respeito e agradecimento pelo HOMEM GENEROSO,
    GERALD THOMAS
    Obrigado Gerald, meus olhos foram abertos.
    Abraço
    Ivo

  563. Ivo Veiga

    Apenas como complemento o Inno dellle Nazioni, foi composto por Verdi(Vittorio Emanule Re Di Italia) em homenagem a França e Inglaterra, pela ajuda a derrotar o Império Austro-Hungaro e poder unificar a Itália, neste concerto foram usados os hinos da França, Inglaterra, U.S.A. , U.R.S.S e Itália, fazendo uma releitura da guerra agora contra a Alemanha.
    Ivo

  564. Tene Cheba

    Montrons infinitos montrons,
    infinita delateia, delete a mim,
    delete aquele programa a mim,
    eu, todavia, eu, delateia,
    o mundo não vai me deletar,
    mas no país da delatéia,
    eu vou viajar, vou ficar, vou,
    vou pensar, no tempo,
    Delatéia, me delete,
    não vou ficar, vou ficando,
    e meus manos vão morrendos,
    meus planos sem sentidos,
    pobre escolhas, pobres jóias, pobres praias,
    pobres ondas, mas Delatéia, minha prancha, minha virtude se foi, pobre Medusa, pobre esperança, pobre seres famintos, pobre esperança, pobres q
    pobres bijuterias, pobre de nós, pobre de mim,
    pobre, pobre, rico são vós,pobre não sabe conjugar.
    Pobre é meu ouro, pobre é a tabela,
    Pobre infeliz, pobre escultor, Pobre de mim meu Deus, Me proteja, afinal

  565. Ivo Veiga

    Era o que eu tinha para dizer de momento, vou jantar e ouvir novamente, Tristão e Isolda.
    Boa Noite a todos.
    Ivo

  566. Conflito Israel e Palestina … Temos medo, sim, dos seus desdobramentos. Já “dissecamos” aqui todo o assunto e …

    1. Ambos os povos têm direito a essa terra.
    2. Ambos os povos têm os seus direitos reconhecidos mundialmente.
    3. Nenhum desses povos desaparecerá da face da Terra.

    Soluções passíveis de acordo:
    1. “Árabes” ficam com toda a terra (doação?)
    2. “Judeus” ficam com toda a terra (doação?)
    3. Criação de “um” estado bi-nacional para ambos.
    4. Criação de “dois” estados – um para cada um dos povos.

    Esgotado o assunto e, considerando nossos comentários …

    “Soluções” 1 e 2: Genocídio, deportação em larga escala, destruição mútua.

    Olhando de fora … a criação de “um” estado bi-nacional é inviável, porque descarta radicalmente os “ideais” de autonomia e preservação da “identidade” de cada um dos povos.

    Olhando de fora … parece “ideal” a solução de dois “estados” independentes, Israel e Palestina e era essa a idéia do Conselho de Oslo. E? Fracassou …

    INTOLERANCIA DE AMBOS OS POVOS? INTOLERANCIA ENTRE SI MESMOS E DIVERGENCIA DE SUAS PRÓPRIAS CAUSAS?

    PAZ e …? Alguém, em sã consciencia, é “contra”? Duvido! Penso que essa palavra significa … “se aproximar do outro e reconhece-lo como seu igual” …

    Estamos exatamente no mesmo ponto de partida e …?

    SHALOM!!!
    SALAM!!!
    PEACE – língua “universal” …

    Tomara que, pelo menos nessa “língua universal” , comecemos a mudar o foco do problema … a partir do dia 20 próximo.

    Abraço a todos!
    Susan judia

  567. O Vampiro de Curitiba

    Pessoal, tem post novo do Gerald lá em cima.
    Pauleira!!!!

  568. Ronald

    Pagar fiança não significa estar livre de processos.
    Basta ver Hélio Castro Neves, ao que parece é provável que irá para a cadeia.
    Madof irá para a cadeia, ele mesmo assumiu o crime financeiro.
    A questão aqui é outra, o Habeas Corpus foi dado por conta do STF(Gilmar Mendes) enteder que Marcos Valério não mais atrapalharia o processo.
    O problema é que Marcos Valério já está envolvido em diversos outros processos, ou seja, tem a “capivara” bem extensa, tem um processo que aconteceu a um tempo atrás, acho que envolvia só TODO o primeiro escalão ligado a presidência da república, uma parada de desvio de dinheiro público para a compra de deputados para que votassem a favor do governo,acho que foi só um boato, deixa pra lá, afinal não precisamos ser tão aguerridos, afinal quando é para mostrar serviço tem sempre um feriado; ao que parece, Marcos Valério não será julgado nunca, ou seja, em nossa querida JUSTIÇA brasileira, cabem dezenas de recursos, recursos esses que só fazem os processos serem mais lentos, e nosso querido GOVERNO, não faz nada para que isso mude, nem nós.
    Então, tanto a justiça, como o governo são falhos, ou seja, não temos nada para comemorar.
    Você por um acaso já foi vítima em algum processo?
    Eu já.
    Só em Brasília ficou parado em uma gaveta quase 5 anos, isso porque nem era para o processo ter ido para lá.
    Realmente, eu sempre confundo justiça e governo.

  569. ezir

    DEAR MR. GERALD THOMAS :

    CÁ ESTOU NOVAMENTE, agora minha nova incursão a este BLOG. SAUDAÇÕES Mr. Gerald Thomas!!! Há calefação ou algo do gênero pra abrigar deste FRIO GÉLICO DE N.YORK?Queria fazer comentários assim mais do DIA A DIA, á moda de um diário de bordo. Tô toda hora vendo filmes encenados em NOVA YORK. Como esta SUA CIDADE É AMADA . È uma ILHA, e tão POVOADA DE PESSOAS ILUSTRES, INESQUECÍVEIS. Acho q começo a entender porque N.Y. CITY tem epítome de ” BIG APPLE”.E como O SR. se INSPIRA dái para FAZER ESTES SEUS “PORTRAITS UNIVERSAIS” , cada HORA , um ‘PORTRAIT” com UMA REGULAÇÃO ÚNICA , extraordinária da REALIDADE a partir desta sua VISÃO E CONSCIÊNCIA DE MUNDO TRANSCULTURAL-CYBER-SEMIÓTICA.Acho q, em geral,o pessoal q ESCREVE aqui é SUPER
    praticantes de UMA FALA mais LITERARY-ORIENTED : mesmo q role ás vezes umas ENTROPIAS…E pareça q O UNIVERSO das nossas FALAS já se ABRIU E SE “esgarçou”, chegou lá NAQUELE ANO DO FUTURO DE NOSSO PLANETA MAMÃE-TERRA , 15 bilhões de ANOS ADIANTE.na escala DO TEMPO DO SOL , nossa ESTRELA q iria se APAGAR. Bem, mas HÁ , na verdade, VÁRIOS TEMPOS PULSANDO DENTRO DE NOSSA CONSCIÊNCIA DE LINGUAGEM , o tempo INTEIRO, né?…
    E , apesar de MERGULHADOS EM PROFUNDAS INCERTEZAS ( mAX PLANCK, JACSON POLLOCK)…no FUNDO DE TUDO “ISSO”( o MOVIMENTO INCESSANTE , e IRREPRESENTÁVEL ), nossos ” EUS-SUJEITOS FALANTES OU IMAGINÁRIOS” estão sempre em BUSCA … Não + DOS OBJETOS OU FETICHES , ou ALGO a que possamos NOS APEGAR , e “CAIR” num MODO DE PENSAR eternamente IGUAL ao MÉTODO RACIONALISTA-EMPIRICISTA dos ERRROS E ACERTOS, e experiências REPETITIVAS com FINAIS p os RACIONALISTAS : “T-R-Á-G-I-C-0-S ” ( como as ETERNAS REZAS DAS HISTÓRIAS DE MORTE E não de AMOR q a gente VIU E RELEU INÚMERAS VEZES …e das quais ESTAMOS DESINTERESSADOS…Estamos em BUSCA DO Q , exatamente, O Sr. Gerald Thomas, DEIXA CLARO neste seu POST:

    “…DA RECOLHIDA , ou RECONHECIMENTO DOS RESTOS QUE SOBRARAM daquela “!PARTE MALDITA” que NÓS CONSEGUIMOS EXPURGAR, EXCLUIR , ARRANCAR finalllllennnnnnteeeeee de NOSSO INCONSCIENTE ao COLOCARMOS AS MÃOS nas FERIDAS , CLLLLIINNNIICAAAMENNNTE… E NOS APERCEBERMOS de ONDE POSSIVELMENTE pode NASCER VIDAS- OU- DESEJOS para FORA de um POÇO DE MORTES E SENTIMENTOS DE ANIQUILAÇÕES…”.Noutras palavras, A RECONSTRUÇÃO ( imagino e penso). Meu psicanalista Mauro M.Dias, e uma amiga psicanalista, A Beth B. q me indicou A ELE ( para SORTE DE meu DESTINO) sempre RETORNA E REFORÇA ESTE PONTO sobre aquele “RESTO” ( A COISA- DAS DING):
    “É preciso NOS REMETER ás experiências DE DAR TEMPO AO TEMPO para A NOSSA VIDA PSÍQUICA-INTERNA para que NÓS-SUJEITOS , MARCADOS, possamos retornar ÁQUELAS SITUAÇÕES VIVIDAS NO LIMITE DE NOSSAS FORÇAS com PERSONAGENS representativos DO OUTRO- MÃE REAL OU OUTRO-PAI REAL , ou IMAGINÁRIOS, OU APENAS SIMBÓLICOS ( porque FORAM + AUSENTES Q PRESENTES),…e para que possamos C-O-N-S-T-R-U-I-R ESTA RELAÇÃO DIFÍCIL de ser REALIZADA ( MAIS Q uma SATISFAÇÃO via a COISA DO PRAZER – pq A VIDA não É SÓ O SEXO CARNAL!!!DA REPRODUÇÃO DE SERES!!! ) com NOSSOS OUTROS : Q-U-E É
    A NOSSA RELAÇÃO COM NOSSO AMOR S-E-X-U-A-L-I-Z-A-D-O. Ou A NOSSA VIDA NA TERRA-MAMÃE com UMA LEI DA SEXUALIZAÇÃO DO AMOR.”
    _________________________________________
    Esta AFIRMAÇÃO derruba ESSES SÉCULOS E SÉCULOS desta NOSSA SOCIEDADE MUNDIAL… TEM efeito DE UMA GRANDE DESCOBERTA para ESTE NOSSO NOVO SÉCULO XXI da PSICANÁLISE via ESCRITOS DO MESTRE Jacques Lacan. Que é:

    SAÍMOS da CRUZADA ASSEXUADA-CEGA-GROSSEIRA CAVERNOSA DO SEXO CORPORAL BIOLÓGICO ( DOS CORPOS SEM CABEÇA DE MAGRITTE, mito de MEDÉIA)… PARA ESTE N-O-V-O M-U-N-DO-ELEMENTO DE UMA ENTRADA em sentido REAL (não-FICCIONAL -EQUIVOCADA-VICIADA “PATHOS”) bem para O CENTRO DO EIXO DE NOSSA CULTURA AGORRRRAAAA ….SIM…S–E-X-U-A-D-A…repito …agora SOMOS SEXUADOS!!!…E então, podemos FALAR DA CULTURA E …RECONHECER NAQUELA FOTO… QUE DEVERIAM HAVER H-O-M-E-N-S E M-U-L-H-E-R-E-S ARTICULANDO …E PRATICANDO BEM RAZOALMENTE…AS IDÉIAS COM AS CABEÇAS COLADAS ÀS LIGAÇOES ORGÂNICAS COM O CORPO…SIMMM…é este PONTO: hÁ HOMENNNSSS ALI …E NÃO , A-L-G-U-MA O-U-T-RA C-O-I-SA …UMa COISA…E SIM, UM HOMEM SEXUADO, UMA MULHER SEXUADA….Acho, Q deu pra eu explicar um pouco!!!Mas , posso voltar e re-explicar, COM CERTEZA ESTA NOSSA NOVA CULTURAAAAAAAA!!!!!
    Saudações,. Mr. Gerald Thomas!!!! e boa NOITE sempre!!!
    de Ezir Miriam

  570. Reinaldo Pedroso

    Oi, Santanna.

    “Me explique melhor depois a de arte. ‘Afetividade’ não ficou muito claro pra mim.”

    Afetividade no sentido de conjunto de sentimentos e emoções do ser humano.
    Beijo,
    Reinaldo

  571. Rômulo B. Pereira

    15/01/2009 – 01:05

    Enviado por: gthomas

    Nao se trata tanto de ter pecado ou nao. Nem se trata de comentarios tampouco. Quando a Harumi me mandou o link do video hoje a tarde eu vi um trecho. Eu estava na correria de sempre aqui por NY (hoje foi um dia punk como os ultimos…..enfim) (normal), e via fone notei nos emails da Harumi a seguinte pergunta: “vc viu o final?” “vc viu o final?”

    ate que nao aguentei e – de um canto escondido do apt da Ellen, liguei pra ela, Harumi e perguntei: o que tem no final? “Um horror, um horror”. E tive que desligar.

    Resumido: Vcs ai no Brasil discutem e se arrastam, mandam Ministro (eta demagogia populista de merda) pra “mediar” a crise entre Israelenses e Palestinos (obvio que o cara nao chegou nem perto )…..Enfim, o Brasil eh um pais que se ARRASTA ha decadas, ha seculos, mas NUNCA CHEGA LA.

    EH O PAIS DO POBRE COITADO,
    EH O PAIS QUE ODEIA O VENCEDOR

    EH O PAIS QUE DETESTA O (assim chamado) “IMPERIALISTA” mas consome produtos importados dos poros ate o CHUI (Marilena inclusa), eh um pais que acaricia o PERDEDOR, eh um pais que tem ODIO do resto do mundo que ATROPELA a econonomia globalizada como (ate a India esta fazendo, Coreia do Sul, por exemplo….) eh o tal Gigante adormecido que DISCUTE mesmo e AMBICIONA MESMO eh a PORRA DA NOVELINHA DAS 8, DAS 9, DAS 10, DAS 11, DAS 12, DAS 13, DAS 14, DAS 15 E QUE SOLTA MARCOS VALERIOS,E QUE SOLTA AS CUECAS E QUE SOLTA TUDO QUE EH MALANDRO

    PORQUE NAO TEM UM
    OU DOIS
    OU TRES
    QUE NAO SEJAM

    CORRUPTOS

    E ISSO JA VEM
    DA MERDA DE PORTUGAL
    COM SUA PREGUICA
    E SUA DESVANTAGEM CEREBRAL EM
    RELACAO AO ESPANHOIS
    E ACABOU

    E NOS?

    NOS ARRISCAMOS A VIDA
    E VIVEMOS O MUNDO

    E VCS ASSISTEM TUDO ATRAVES DE UM FILTRO

    E NO ENTANTO ACHAM QUE SABEM

    NAO SABEM
    NAO SABEM DE PORRA NENHUMA

    NADA

    NADA DE PORRA NENHUMA!

    desculpem o desabafo de alguem que ficou 21 um dias enfiado em GROUND ZERO

    e estou pouco me FODENDO para o que vcs levantam no GOOGLE (invencao nossa) ou no YouTube (invenvao nossa) ou pela internet (invencao nossa) ou pro que esta certo ou errado (INVENCAO TRIVIALIZADA por Arao, enquanto seu irmao
    Moises

    ficou 40 dias
    e

    40 noites
    no topo
    do monte sinai

    aguardando

    Godot

    e derrubou algumas tabuas
    mas sobraram 20

    Grouxo Marx roubou 5
    e Mel Brooks roubou mais 5

    e SOBRARAM 10

    e agora volto a tomar conta da minha MaMa

    Gerald Thomas

    ===================================================
    +++++++++++++WELCOME TO THE JUNGLE_+++++++++++++++

    Eu sei que este assunto está se arrastando, mas não pude evitar mais alguns comentários sobre este post e o próprio blog.

    Honestamente, não consigo entender como vc, moderador do blog, tem atenção especial para certos comentários – onde a mensagem: “aguardando moderação” aparece constantemente – como no meu caso – e não têm a atenção devida para vídeos amadores, com mensagens distorcidas e politicamente incorretas! Como o blog é seu… Quanto ao ministro que foi parar em Israel, bem, isto foi um desperdício de dinheiro público, uma vez que, o Brasil não consegue nem resolver as suas próprias crises.

    O Brasil (Brasileiro) têm realmente uma tendência a se colocar em um lugar menor. Isto é parte da sua herança cultural e genética que, ainda encontra-se em um processo de pasteurização. Não se definiu – lembra daquele meu post sobre Kennel Club Global? – por se tratar de um País
    (com P maiúsculo) que têm pouco mais de 500 anos – um impúbere, se comparmos com o povo Judeu que têm milhares de anos e só “conquistou” recentemente um pedaço de terra para chamar de pátria -iIsto não é um problema, visto que vcs passaram o pão que o diabo amassou e cuspiu, porém, também não é culpa do Brasileiro ser do jeito que é só prq não cresceu ainda! O fato de misturarmos: português x indío x negro; depois vêm holândes + um pouquinho de francês e o resultado algumas vezes resultar no homem Gabirú, não é vergonha! Eu digo isto, prq o povo Judeu pouco se misturou e o resultado não é o ápice da estética geneticista!

    Eu não odeio o vencedor, mas não entro em briga para apanhar. Aliás, vcs apanharam muito no passado e aprenderam direitinho a bater. Se neguinho (e, brancos) chamam um judeu de bonito, a porrada come. Porrada não. Monólogo de porrada!

    Como brasileiro sei o meu lugar no mundo, e acho que todo brasileiro deveria saber tbm. Por isso, acho q vc, q é norte americano por escolha, não devia se preocupar com o fato de o brasileiro ser um complexado. Afinal, como judeu / americano desse mal vc não vai padecer!

    Com relação a cultura temos alguns expoentes, mas nada que se compare a herança universal que o povo judeu tem deixado para toda a humanidade. Não vou nem perder meu tempo inumerando, prq posso cometer alguma injustiça e deixar alguém de fora. Mas quero lembrar que se, em termos quantitativos vcs ganham, em termos qualitativos (alguma áreas) estamos quase empatados. Vcs ainda têm a seu favor, o fato de serem cidadãos do mundo. Isto ajuda mto!

    Quando a tal pasteurização acontecer – como um bom queijo de minas – o legado que o Brasil deve deixar é moderno, sem ranço!
    Tenho certeza de que em um futuro próximo (o tempo é relativo, e talvez não esteja vivo para ver) o Brasil vai fazer bonito, pois o nosso tempo está chegando. O Brasil é da leva dos jovens países que vão subverter esta tal lógica estabelecida de merda, vcs ainda vão vir aprender aqui. Sabe prq? Prq vcs são arrogantes, tristes, velhos e matam a si próprios, vcs não precisam de ajuda! Enquanto o problema aqui é social, lá é ódio sem sentido ou razão!

    Outra coisa que não entendo é esta prevenção contra o Lula. Pensa que eu votei no Lula? Não! Anulo meu voto desde meus vinte e poucos anos. Sabe prq? Prq o voto é meu! Se sou obrigado a votar, faço do meu voto o que quiser! Por sinal, se todo o Brasileiro fizesse isso… Mas voltando ao Lula, Marcos Valério e cuecas. O Lula é simplório, mas foi eleito! O povo – burro – votou democraticamente. O que incomoda a elite dita culta, avant garde e outros adjetivos que não ousaria dizer neste blog, é o fato do Lula ter cara de pobre, falar como pobre e ter menos um dedo! É óbvio que o Lula não governa sozinho. O Fernando Henrique governou? O Collorido governou? O Sarney governou? Se vc pensa que estou defendendo o Lula, ledo engano! Não gosto do Lula hj, não mesmo. Mas ele é a cara do Brasil e, a sociedade hipócrita brasileira precisava disso. Quanto a cueca, meu amigo, vc um cara tão viajado (coisa q não sou) vem falar de dinheiro na cueca… Vc sabe prq o cara – e isso é uma coisa q nunca vi nenhum crítico falar – tava com dinheiro na cueca? Prq era amador. Se fosse profissional – como em outros governos – teria montado uma “off-shore” no uruguay ou Cayman Island. Nesse aspecto, o primeiro governo do Lula falhou, não estavam bem assessorados para questões econômicas. O Dirceu embora articulador, não era um versado nestas questões. Nada que um segundo governo não desse jeito! Então, falar de peças íntimas para transporte de dinheiro não foi uma boa idéia.

    Quanto à herança colonizadora portuguesa, acho que vc está certo. Podíamos ter sido colonizados por ingleses, pois acho que uma colonização protestante ia fazer um bem danado aqui na Pindorama. Melhor, poderíamos ter tido uma Nau Judia aportando na cabrália, desta forma seríamos uma potência belica e econômica! Já pensou? Não é uma má idéia…

    Recentemente vi um documentário no GNT falando sobre o “mainstream” musical do Brasil. Coisa mto interessante! Os artistas brasileiros que não se internacionalizam e não são premiados no exterior, prq não tem tempo para uma agenda internacional de shows. O Brasil é tão grande, que os caras dispensam a possibilidade de uma carreira internacional! Se vendem aqui mesmo, com uma caralhada de shows e centenas de milhares de cds vendidos. Enquanto isso, nosso “hermanos” tentam lançar seus trabalhos no Brasil, porém, a barreira cultural hispana é um impeditivo! Talvez ,seja daí, que o filtro venha: A grandeza geográfica e a cultura plural (boa e má) funcionam como um maciço que isola os brasileiros. Obviamente, a questão financeira tbm ajuda. Explicado isso, vamos adiantar!

    O fato da ignorância – que, não é burrice de forma alguma -latente em questões externas não nos tira o direito de analisar, julgar e até pensar como os nossos amigos do norte (além do equador, por favor). A falta de experiência internacional, não nos faz mais ou menos capacitados. É só ver os profissionais q estão fazendo sucesso no exterior: Executivos de montadoras, modelos, artistas, dramaturgos como vc… Ôps, vc é norte americano! É verdade que ainda é um número reduzido, porém expressivo pela qualidade do que eles têm realizado em terras estrangeiras. Eu mesmo, não tenho esta bagagem internacional. Mas me utilizo destas invenções maravilhosas que vcs criaram: Google (tesão), Youtube, Internet (mto foda) que me ajudam muito qdo não tenho tempo de lêr um livro que tanto gosto. Acho q não é vergonha admitir que mtas vezes consulto a internet (com mta isenção) para resolver ou esclarecer dúvidas sobre assuntos que não conheço. Natural. Se vc pode caçar um video na internet para enriquecer o seu blog sem parecer intencional, prq não posso usar esta maravilhosa invenção para enriquecer os meus comentários. Isto é besteira, visto que vivemos no século 21.

    Qto a séries antigas, prefiro os Três Patetas, Gôrdo e Magro e os Batatinhas. Gosto mto tbm de cinema Brasileiro dos tempos do imortal Zé Trindade, Grande Otelo, Oscarito, Mazarópi, Berta Loran… e da Vera Cruz com o antológico ” O Cangaceiro” do Lima Barreto. Este filme é um clássico produzido no Brasil. Imperdível! É bem verdade que parte dos quadros da Vera Cruz era composto por técnicos italianos, porém nada que tire o brilhantismo na direção do Barretão.

    Ufa… Falei! Bom meus amigos, agora eu tenho que ir dar o remédio da minha mãe esquizofrênica. Se ela não tomar a pílula da felicidade…. Já viu, né!

    Abs,

    R.

  572. Reinaldo Pedroso

    14/01/2009 – 15:39
    Enviado por: Jose Pacheco Filho
    “Não gosto e nem estou preparado para fazer grandes e profundas interpretações disto ou daquilo.(…)

    Tens autocrítica, me “desarmaste”.
    Reinaldo

  573. Reinaldo Pedroso

    15/01/2009 – 21:55
    Enviado por: O Vampiro de Curitiba
    “Pessoal, tem post novo do Gerald lá em cima.
    Pauleira!!!!”

    “Pauleira” do Gerald como sempre?
    Reinaldo

  574. soldadodesconhecido

    os textos deste blog sugerem que o seu autor tenha problemas de auto estima…

  575. Às vezes Ge tu é inteligente nas tuas colocações. Mas tu divaaaaaaaagas, nossa!

    E eu, se fosse você (1) faria uma plástica nesse nariz. É muito grande. Vai ver foi daí que tu pensaste em alcançar o mundo com teus escritos blogueanos.

    Esse cabelo teu, me lembra um salão que fui, na casa de uma amiga, lá em São Luis-MA. Tá precisando urgente serem alinhados. Que bagunça de cabelos! Vai ver que são eles que interferem em tua mente e te fazes escrever de forma tão eclética. Credo!

    Mas pior, pior mesmo é que eu te leio todo dia e gosto. Sorrio às vezes. Outras da vontade de te mandar pra pqp. Mas tu é o cara, né?

    bjos

    Fran (mulher)

  576. lisantannna@hotmail.com

    Como estou moderando o vicio só uso a net no final de semana. Daí leio o que o povo pensou durante a semana. Hoje estou com preguiça. Nem estava a fim de perguntar se alguém viu o Marcelo por aí. Mesmo que tivessem visto não iriam me contar. O mundo conspira contra a minha existência.

    Mas então quem escreveu resolveu contar sobre os seus pensamentos quando estava em um carro. Hoje a tarde tive curiosidade de saber o que o resto do mundo pensa quando v televisão ou dirige ou come (com vírgulas).

    Enfim… Não sou pessoa que consiga manter a palavra dada a si própria.

    Xo ler o outro e tentar não comentar.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s