O Samba (ou rock and roll) do Branco Doido

Os chefões das companhias automobilísticas de Detroit estão se mostrando modestos, humildes. Ou então essa dança, essa valsa demagógica da falência tomou um rumo encenado por Augusto Boal! Hoje, ao invés de voarem em seus jatinhos, os CEO’s da GM (que perdeu 41%), da Ford (perdeu 39% nesse último quarto de ano), da Chrysler e de todas as outras, retornaram de Washington DC no volante de seus carros “híbridos”, ou seja, “flex”. Ai, ai… Agora vamos esperar o diagnóstico: ou racha de vez ou se vestem com outra roupa e perdem mais dinheiro. A raiz do problema não será resolvida com mais um bailout. Prova? A British Leyland sifu, apesar das intervenções (inúmeras) do governo britânico.

Estão reclamando muito sobre Obama e Robert Gates, Secretário da Defesa. Estão reclamando muito sobre Obama e Hillary Clinton, Secretária de Estado. Estão reclamando muito sobre Obama e Obama. Presidente eleito e de FATO, e estão reclamando muito sobre uma administração  conservadora, quando a promessa era “CHANGE”. Bem, estamos nos EUA. Lembram? Aqueles que nos atacavam dizendo que “ele não tinha experiência” ou que “ele montaria uma Casa Branca liberal demais” estão todos enfiando a cara na privada, pois os EUA ainda são uma instituição PRIVADA. Ah, claro, esqueceram! Sim, política aqui ainda é BIG BUSINESS, sim, mas até certo ponto!

SPLIT SCREEN PRESIDENCY

O fato é que praticamente não se encontra mais o Bush em lugar nenhum. Não se consulta mais o cara! Até os Republicanos estão com vergonha. E num programa da ABC ele FINALMENTE confessou (WASP raramente confessa) que NÃO estava preparado para guerra em que se meteu.

Poxa, Mr. Bush, a bit too late, don’t you think?

Tarde demais. Quando querem saber de alguma coisa, perguntam para o VERDADEIRO presidente: Barack Obama. Incrível! Se estou orgulhoso? Mais que orgulhoso! Claro que estou. Óbvio que estou.

Mas receio mesmo, tenho de blogs. Nos fazem mal.

Viraram algo que nem (nós mesmos) agüentamos mais. Espero, para o bem do mundo, que o blog tenha vida curta. Que encontrem um HIV para acabar com essa baboseira toda que infesta a internet. E rápido!

Enquanto escrevo, Obama encontra com os Governadores dos vários estados daqui de dentro (como soa estranho isso…) estados dos Estados Unidos. Hummm, Obama de cara com Sarah Palin? Não, ela se mandou para Mumbai para “ajudar” as vítimas. E para AJUDAR Sarah Palin, foi o McCain. A palhaçada não acabou nem mesmo depois da eleição.

Então, vamos à palhaçada, já que blog não passa disso! Somos o entretenimento de não sei muito bem quem, mas ainda hei de descobrir!

Ah, e quanto ao mundo? Esse efeito Dow Jones… “The devil in Miss Jones”, aquele filme pornô que andava lado a lado com “DEEP THROAT” – com Linda Lovelace. Engolia  tudo. Assim estamos, me parece. Como Linda Lovelace. Engolindo tudo! Digo, a boca dela, até  a garganta. Interessante o diálogo fictício que mantive de madrugada com um comentarista, o Garganta  (Mr. Throat), sobre “moralidade”. Deve estar aí embaixo, nessa coluna de baixo.

“Deep Throat”, vocês devem lembrar, também era o informante de Bob Woodward e Carl Bernstein, do Washington Post, que acabaram com a vida de Nixon ao revelarem o escândalo de Watergate.

Ao diálogo, então! Ah sim, é sobre Gays! (pelo que me lembro e, confesso, não me lembro muito bem):

Garganta
: “Caro senhor Gerald…”

GT: Sim, Mr Throat.

Garg: “Só mais uma coisa, como este pessoal gosta de chocar a sociedade, eles vão fazer de tudo para aparecer como vitimas, já imaginaram um domingo a churrascaria Porção lotada de famílias, e duas bibas se beijando na boca, é não se enganem isto vai acontecer.”

GT: Mr. Throat. Essa churrascaria seria o aumentativo do porco? Por que o cedilha? Bem, eu vivo na mais livre das sociedades desse MUNDO redondo que Colombo (ou Kojak) colocou em pé! NY e Londres! Fico triste pelo Sr.. Triste que seu império stalinista tenha despencado, mas despencou. Foi-se. Acabou. Estilhaços. Aqui homens, mulheres, qualquer “ser” se beija em restaurante, fora dele e nada acontece. Nada demais. A vida continua. Celebs gays e não gays adotam crianças, criam elas e a vida continua linda (ou péssima, pros niilistas, mas vamos deixar esse depto. pra Schopenhauer, que tal?). Desde Rosie o’Donnel até Ellen De Generis ou outros notórios Gays, Lesbians e Simpatizantes vivem vidas normais, pedem o mesmo prato que o Mr. Garganta Stalinista gostaria de mandar pros Gulags e…

Mr Throat: “já imaginou o constrangimento das famílias e seus filhos?”

GT- Que loucura! Já pensou?? Lembra quando Johnson assinou o FIM DA SEGREGAÇÃO aqui nos EUA? Que LOUCURA!!! Negros e brancos bebendo da mesma fonte. QUE LOUCURA E…
SENTADOS LADO A LADO NOS TRANSPORTES PÚBLICOS, MR. THROAT. QUE LOUCURA, QUE LOUCURA E… QUE LOUCURA!

Mr Throat: (me parafraseando) “Para o trem que eu quero descer!!!!!!!!” e Collor 2010 acho que vou te levar pra uma sauna gay que nem o teu idolo!!!!! o Collor himself.
De la voce nao sai mais! Ah nao sai mais….Especialmente quando eles fazem o “trenzinho”
Se rolar mais preconceito aqui no Blog, eu corto!
FALEI !  GT”. Quem foi mais preconceituoso de vocês dois? Por que alguém é obrigado a ir na padaria e ver dois rapazes se beijando?”

GT- Confesso que o pãozinho que vocês chamam de francês no BR é realmente constrangedor. Muito BROMATO. Pouca farinha. Muito BROMATO DE SÓDIO!!! De onde se conclui… embromação! Constrangedor mesmo. Jamais pisaria numa padaria (ih… rimou!)

Mr Throat: “É constrangedor para as velhinhas, as moças de família, os homens trabalhadores e os indivíduos que têm uma vida regrada.”

GT- Não entendi. Homens têm menstruação  no Brasil? É o que vc quis dizer com vida regrada???? De 28 em 28 dias a “coisa” desce e… ao verem homens se beijando… a ‘coisa’ não desceria mais??? QUE HORROR, QUE HORROR, QUE HORROR, QUE HORROR! AINDA EXISTEM MÉDICOS-ESPECIALISTAS DA KGB VIVOS QUE VCS POSSAM CHAMAR PRA RESOLVER ESSA GRAVE QUESTÃO DOS HOMENS TRABALHADORES QUE MENSTRUAM??

MR THORAT: “Por incrível que pareça, a maior parte da sociedade não usa cocaína…”

GT: Eu sei. Preferem encher a cara ou usar remédios “tarja preta” mesmo! Dopamina, serotonina, pânico, ansiedade, MEDO do CAOS, etc. Depressão que não se fala, etc.

Mr Thoat: “não sai de casa depois das dez da noite…”

GT: Não disse? PCC, armas pesadas ou estão  com o estômago dilatado porque foram à padaria de manhã comer o pão  com BROMATO DE SÓDIO e TIVERAM O GRAVE PROBLEMA, AGORA , essa TPM. Essa menstruação que não vem…

MR Throat: “vai na Igreja e bebe leite antes de dormir.”

GT: O sr. diz: macumba, umbanda, candomblé e cachaça ?
Péra aí!!! O sr. é um soviético em exilio em Cuba? Me escreve de Havana? Ah, esse é o regime de Fidel. Começando a enteder.
(Esse Garganta deve ter feito parte de Sierra Maestra e agora a serra dele está… ah… )

Mr Thorat: “Por que as pessoas que tem uma vida regrada( ou alienada, como quiserem) são obrigadas a ir na padaria e se constranger com pessoas que, por assim dizer, fogem da regra heterossexual?”

GT:  Me descreva mais Havana, Mr Throat. Estou interessado en los panes del su pais. Muy interessado. Aqui, nos paises del primero mundo, felizmente tenemos PROTECCION – me entiendes? PROTECCION que defenden el indivíduo…. Mas há lugar en Miami ainda se queres vos yo tengo amigos que pueden…

Bem, o diálogo continuou noite adentro. Nada convencia o Stalinista Pol Potiano. Ele queria (porque queria!) montar um pavilhão tipo campo de trabalho ou de concentração para gays ou blogueiros, ou para ambos. Sei lá: Cuba tem lá suas manias. Cuba Downey Jr. tem lá seus problemas também. A Ford, GM e Chrysler estão num processo de entrar numa padaria e a ponto de pedir uma “média com pão e manteiga” ou ajudar o Daniel Dantas a catar papel higiênico em Bangu 2 ou Bangu 1 ou qualquer Bangu.

Em Bangu deve ter angu. Não sei se angu tem milho mais puro do que o etanol que o petróleo que fez com que Bush… ah não… CHEGA!

Gerald Thomas

(Vamp na edição)

Advertisements

426 Comments

Filed under artigos

426 responses to “O Samba (ou rock and roll) do Branco Doido

  1. gthomas

    Vamp: muitissimo obrigado pela edicao e por me socorrer asim na ultima hora
    LOVE
    G

  2. gthomas

    estou saindo correndo pra socorrer o filho de vc sabe quem

  3. Marvado

    Bem acho o texto legal, mas o brasileiro, junto a vc GT ,me parecem querer ridicularizar o Brasil, concordo que nosso atraso em relação ao respeito as diferenças é enorme, mas nã me parece que seja do interesse do sistema democrático americano que esta liberdade se alastre terceiro mundo a fora.
    Além do mais toda a fala do brasileiro poderia ser de um estadunidense ou lá estes preconceitos arcáicos e absurdos não causam morte e muito ódio?
    E diria que esta questão de liberdades respeitadas nos grandes centros tem uma motivação muito mais econômica, neo liberal, do que propriamente ideológica, o que não a faz menos importante. As pessoas poderem se beijar apesar das outras é uma grande vantagem em qualquer situação, porém, eu como brasileiro que curte muito as coisas do Brasil, nunca deixei e nem pretendo dixar de beijar alguém que eu queira e que queira beijar-me tb, lá ou cá…
    bjs no Brasil

  4. Tene Cheba

    Eu gosto de Blog, claro, não qualquer Blog, dois ou três que frequento e raramente participo com comentários, exceção a esse. Tem gente que gosta de passarinhos dentro de gaiolas, outros de Briga de Rinha, outros de colecionar selos, outros de corridas de cavalos, outros de novelas, outros de miniaturas de carros modelos 1956, outros de cartas, outros de Blog.Qual o problema? Eu não sou viciado, estou viciado, bem diferente.Não vou me sentir culpado, nem tragicamente perdido pelos meus refúgios, afinal as Ilhas, quase todas os comunistas tomaram, ou irão tomar.Blog sim, cocaína não.
    Bush versus Lula. Bush atacou seus fantasmas vivos de frente, deu porrada na sua contra realidade, reagiu, encarou o mundo adverso de frente, que conspirava, com ditadores sanguinários atados ao Corão em seus versos e prosas.Pelo petróleo do Iraque?Lógico que não. Pela possibilidade evidente de uma terra de ninguém ter mais fome e progredir em seus podres conceitos do anti americanismo.Lula, o Bom, levou porrada da Bolívia, da Venezuela, do Equador, e iria levar do Paraguai, só que alguém gritou, e o Embaixador brasileiro foi chamado do Equador.
    O ataque a Mumbai, mostra a técnica perversa dos terroristas, os devastadores conseguiram enormes coragens e resistência física com muito LSD e Cocaína, na veia, resultado, trezentos mortos, resultante, nenhuma.Obama vai ter que descascar muitos pepinos, pior, utilizando dos muitos conceitos adotados pelo Bush, muito pior, desnudando completamente o seu discurso “Nova Era”.Torço pelo Obama, porque ainda gosto de mim.Mas uma coisa é a tempestade que aparece derrepente, outra é saber que está lá, e contorná-la, e este é o caso.
    Amor sublime amor, magnífica a sua repulsa por seres tão incompletos, cuja a evolução não extrapolou a mesquinharia.Lamentável. Aliás, o texto está, deve estar enjoado dessas contatações, magnífico.

  5. Mariza

    Vc é dos tais que vence pela chatice e insistência, além de escrever mal o português! Já escrevi certa vez e volto a lembrar-lhe que a sua deselegância já passa do admissível em sempre fazer pouco do Brasil. Vá escrever em um portal norte-americano e seja feliz pq vc passa a impressão que tem que escrever em caixa alta para transvasar a sua insatisfação vivencial!

  6. Hoje quando voltava da padaria que dobrei esquina
    para entrar na minha rua, um jovem aparentando ter
    entre 20 a 25 anos ajoelhou se a minha frente e
    pediu que eu o ajudasse.
    Mostrou a face ferida, as roupas sujas de barro,
    estava chovendo. Havia sido espancado por um
    um grupo de pessoas porque era gay.
    Nada pude fazer, a não ser dividir o meu pão com ele.
    Existem coisas mais chocantes, no nosso cotidiano, que 2 gays de beijando.
    Existem coisas que violam a nossa consciência,
    mas nos insistimos em ficar inertes.
    Eu prefiro ver dois gays se beijando a ver
    dois jovens cheirando drogas.
    A lei tem o seu lado positivo.
    Ninguém é gay por opção.
    Ninguém é preto ou branco por opção.
    Nascem assim,.

  7. Rio Maynart

    Mto louco esse papo do Gerald com o Mr. Garganta ou Thorat, Trohat, Thoat… Ah! sei lá como é… Só sei que nesse blog TUDO é fascinante e encantadoramente LOUCOOO!!! Hahaha…

  8. Tene Cheba

    Só o Michael Jackson, para não passar em branco.

  9. Nina

    triste… cansada de Marizas
    em sp chove
    boa noite a todos

    Gerald,

    Heard a cry for mercy
    In the city of the damned
    Oh oh babe, damned
    Impossible to go lower
    The next stops on the ground
    Oh, low on the ground
    You want to know is it quite over
    To fame and tears and losing hair
    And I said didn’t mean to… did not mean to f-fail
    You didnt plan it, you overran it…yeeeeeeah!

    You wanna do it, you wanna
    You wanna do it when you wanna
    You wanna do it, do it when you wanna

  10. Sandra

    Beijo na padaria não deixa de ser estranho. Na churrascaria, então… Imagine: Uhnnnn! Gostinho de picanha com alho!!!

  11. Sandra

    É só não ler, Mariza. Quem te obriga? Tem chamada oral do blog do Gerald amanhã?

  12. Sandra

    “Não disse? PCC, armas pesadas ou estão com o estômago dilatado porque foram à padaria de manhã comer o pão com BROMATO DE SÓDIO e TIVERAM O GRAVE PROBLEMA, AGORA , essa TPM. Essa menstruação que não vem…”

    GENIAL!!!!!!!!!!!!!!!!

  13. Sandra

    Beijos em todos! Boa noite!

  14. Jorge

    Gerald,

    Isso porque voce nem mora em San Francisco ou Amsterdan hein? As cidades que acho mais “livres” do planeta.

    Imagina o tal do “Trohat” indo numa “bakery” na Castro Street?

    Alias, nem precisa tanto, se for de SAMPA e so ir ao Shopping Center “Gay Caneca”. Vah lah conferir que o mundo “caminha” quer voce(s) queira(m) ou nao, ateh porque como lembrou o TARGINOSILVA, NAO trata-se de uma opcao, oooo MANEH!

    ” Abra sua meeeeente, gay tambem eh geeeeeeeente…. Gaucho tambem pooooooode, nao tem que disfarcar… faca uma plaaastica, entre na ginaaastica…. um robocop gay, um robocop gaaaaaaay!

    ra,ra,ra,ra,ra,ra,ra ra,ra,ra,ra,ra me lembrei agora escrevendo, nao eh engracado? coisa de uns “moleques” muito legais lah de Guarulhos.

    ra,ra,ra,ra essa foi f…!

    Para voces que soh leem a tal de revista que nao cito o nome, a TIME MAGAZINE faz uma materia legal sobre SAO PAULO “Clean City” sobre a legislacao, bem voces sabem, achei bem interessante.

    Como diria a D. Margaret Thatcher “EXISTE UM NOVA ORDEM MUNDIAL”, ou serah que foi o Caetano que falou? “ALGO PARECE QUE ESTA FORA DA ORDEM, FORA DA NOVA ORDEM MUNDIAL”

    E como serah que estao as montadoras JAPONESAS, COREANAS, FRANCESAS ? serah que elas estao “torcendo” para “abocanhar” o (ainda) maior mercado consumidor planeta?

    OU SERAH QUE JAH FALIRAM?

    Quer dizer entao que o “COLARINHO BRANCO DANEL DANTAS FOI CONDENADO”

    SERAH QUE SR. GILMAR irah solta-lo amanha?

    Esta noticia me deixoi feliz, vou ateh beber umas cervejinhas hoje em comemoracao a este julgamento.
    LUGAR DE CORRUPTO EH (SEMPRE FOI) NA CADEIA, nao custa nada lembrar, apesar de estaramos (ops!) no Brasil.
    Se o Brasil continuar assim, quem sabe voltaremos a ser a Suecia que eramos na era FHC, como alguns aqui acreditam.

    Nao imaginava ver o MALUF na cadeia e VI, tambem nao imagina um banqueiro na cadeia e acho que o verei. Querem diria hein!

    Jorge, Sydney

  15. Cristina

    A conversa entre iguais leva ao crescimento, a conversa entre pessoas muito diferentes leva a nada, as idéias não fluem.
    A indústria automobilística americana está em crise há anos. A globalização e o advento da internet provocaram mudanças profundas na economia que precisam estar refletidas nas leis. Barack Obama explicou a palavra CHANGE, o governo Bush, desde o começo, explorou o medo e o puritanismo ingênuo do americano, até o Bush se fez de ingênuo, acreditou na CIA, acreditou que o Iraque tinha armas de destruição em massa. Hillary também acreditou na CIA e votou a favor da invasão. Obama propõe outro tipo de liderança, mais aberta ao diálogo, não importa se os integrantes do governo sejam os mesmos democratas de sempre, são os mesmos democratas, mas agora liderados por Barack, o conciliador, o caminho do meio, quer dialogar sem medo. Bush sempre manipulou o medo. O slogan de Obama é “hope against fear”, parecido com o slogan do Lula, a esperança venceu o medo.

  16. Cristina

    Um debate que encontramos muito na imprensa brasileira é o beijo gay nas novelas. A opinião pública não se choca com a cena de duas mulheres se beijando, mas dois homens é muito chocante, nos filmes pornôs para heterossexuais há lesbianismo, mas não há boiolismo. O homem ou é homem ou é bicha, não pode ser bi, o bi também é bi-cha, e este é um valor universal.

  17. Cristina

    As expressões do Geral Thomas pegam. O nó na garganta pegou. Ontem vimos um indivíduo jovem de gravata almoçando no restaurante de quilo da Ilhabela, o Max Paladar, (ontem comi marreco por R$6,00) e o meu amigo comentou mais ou menos: “Olha aquele cara com o nó na garganta”, se referindo ao jovem que almoçava solitário. Quase ninguém usa gravata na Ilhabela, a maioria anda de shorts ou bermudas.
    Falamos também a respeito do bromato de em-bromato-ção. Tem gente que nem sabe que come pão com bromato, que é um produto que eles colocam para o pão ficar maior, tipo um fermento, mas faz mal para a saúde. Para pagar menos o brasileiro não liga de abrir mão da qualidade. Tenho um amigo italiano que critica demais o pão com bromato, realmente é difícil achar um pão francês de qualidade. Este amigo é escultor e esteve envolvido numa questão racista na Itália, quando fez uma exposição de suas obras, uma delas cujo nome era estupro chocou a opinião pública e ele teve que retirar as peças, ele se baseou no caso do maníaco do parque, mas fez o homem negro e a mulher muito branca. Ele me disse que se baseou na realidade o maníaco do parque era negro, mas ele não era negro, a mãe dele era branca e evangélica, ele era pardo, o negro estuprador estava no inconsciente deste meu amigo, nós não temos muito domínio dos nossos pré-conceitos.

  18. Como disse o Jabor na CBN administrar é muito chato.
    Eu concluo:
    Criticar é muito fácil.
    Na próxima eleição vamos eleger o Jabor para presidente.

  19. Sandra

    Beijos inusitados. em geral, chocam. Mas as pessoas constumam ser tolerantes. Lembro-me quando um casal no carro da frente começou a se beijar no farol fechado. O farol abriu, e o casal continuou. Pensei: E agora? Quando o sinal estava para fechar de novo, resolvi dar um toquinho com a buzina. Meus caronas quase me mataram. Disseram que eu era contra o amor.

  20. Sandra

    Targino, já fizemos isso com o Lula. Ele criticava MUITO. Foi eleito para fazer melhor.

  21. Sandra

    Não vi nenhum petista na cadeia, Jorge. E olhe que não faltaram mensaleiros, aloprados,…

  22. Em Santa Catarina, Jabor, vai ter que rebaixar o mar.
    O rio esta no nivel do mar.

  23. Sandra

    Cristina, depende da história. Mesmo o beijo lésbico não era bem aceito publicamente. Mas, depois de uma história de amor, de sofrimento,… Quando a AIDS estorou, descobrimos que o vizinho, o cara legal, o amigão, poderia ser gay. Na hora, vi pessoas que não aceitavam o homossexualismo pensar: primeiro o amigo, primeiro a família,… A AIDS trouxe muita aceitação, apesar da dor.

  24. Biquei

    “Ego”deles é muito maior do que á toga,em qualquer parte do mundo.

    El juez impide al jurado condenar a la policía británica por el ‘caso Menezes’

    El juez sir Michael Wright, encargado de dirigir la investigación de la muerte del brasileño Jean Charles de Menezes, prohibió ayer al jurado que dicte una sentencia de “muerte ilegítima”. El jurado sólo podrá concluir que la muerte del brasileño, confundido con un terrorista por la policía británica, fue legítima o pronunciar un “veredicto abierto” si cree que no se ha probado esa legitimidad.

  25. Sandra

    Apesar de um beijo inusitado ser sempre muito simpático, acho que as pessoas não podem fazer o que quiserem no momento que quiserem. Por exemplo, praças e parques são reconhecidos beijódromos. Ônibus, não. Nem homo, nem hetero. A padaria, por exemplo, não é um lugar público. O dono tem o direito de não querer beijos ali. Acredito que ele tolerará um selinho, mas o beijão desentupidor de pia… depende do humor dele naquele dia. Acho que as pessoas tendem a aceitar se for algo… de momento. Que aconteceu. Senão o dono da padoca vai achar que é uma agressão ao seu espaço e as suas normas.

  26. Glorinha

    Ironias….“Escolha não ir a padaria”, no caminho….. você pode ver: fome, miséria, doenças, falta de dinheiro, discórdia, preconceito, demência,doenças,doenças doentes…..
    Mas nada disso importa….
    Pior é ver duas pessoas que se amam se beijando….ah isso é horrível…o mundo não precisa disso.
    O mundo precisa sim de todo o resto, o resto dos restos, todas as fagulhas de maltrato, verminoses, enganações, protuberâncias impostas, laticínios fraudados, fraudulentas, fraldas descartáveis que somos…sim, isso sim é que é bom…
    Ver, sentir duas pessoas que se respeitam se abraçando e se beijando e iluminando suas vidas, isso não é bom, é muito ruim, o mundo não precisa disso não, não precisa….o mundo não precisa disso de nós…..
    O mundo precisa não ver o amor publicado, isso fere olhos…fere a alma não é mesmo!
    Melhor guardar todo esse amor, essa liberdade de expressão no museu, sim no museu para que não nos esqueçamos de como poderíamos ser…
    Ironia devassa, não…por favor, conceitos, desliguem os seus preconceitos por favor, abra o coração, o pulmão, a cabeça, a cartilagem que envolve as operações do dia após o dia e sintam quanto tudo é fugaz e transeunte…
    E aquele seu poder pequeno, poder de mudar o que é bom ser mudado… repartir a capacidade de entender, expandir e por favor deixe o seu outro lado emergir…o que está do seu lado surgir, deixe o tráfego nessas ruas fluir seja para qual lado for…que seja honesto, verdadeiro, digno…e porque não, feliz….
    [[]]

  27. Sandra

    Jorge, quem deve decidir se querem os outdoors são os moradores de Sampa. Como eu disse, sou contra, mas se a maioria da população votasse num candidato que propusesse a volta deles, eu acataria a decisão da maioria. Mas, pelo jeito, a maioria não os quis de volta.

  28. Sandra

    Gerald, não tomei partido nessa eleição. Para mim, os dois candidatos eram bons. Mas o Obama está me surpreendendo positivamente.

  29. Sandra

    “A raiz do problema não será resolvida com mais um bailout. ”
    Já percebi. Irmano-me ao Lula quando não tenho a mínima idéia de como se resolve o problema. Pelo menos, eu sabia que tínhamos um problema.

  30. Estava aqui pensando em aproveitar as primeiras horas do dia para responder a tantos comentários sobre o tema, ai vc tem para todos os gostos.

    Tena me acha bruto, targinosilva me rotula de conservador, o Gerald quer me levar para uma sauna Gay e fazer trenzinho, e o Garganta coitado foi copiar um trecho do meu comentário e está levando pancada de todos os lados, digo o seguinte:

    Não sou contra ou a favor de nada, mas sei que não quero cenas de amor explicito na frente dos meus filhos entre dois homens, ou duas mulheres, se quiserem se beijar, trepar ou se acariciar que o façam, em casa ou no motel.

    Há ele é muito conservador!!……………Vocês estão sendo hipócritas, cenas assim ainda chocam a grande maioria da população, e podem até não concordar, mas defendo sim a liberdade, e o direito de pessoas não assistirem pornochanchadas sem pagar ingresso.

    Já disse anteriormente e vou repetir como disse se não me engano o Tene, ele usou alguns termos “batidinhos”…”O SEU DIREITO TERMINA AONDE COMEÇA O MEU”.

    Mas o que me deixa mais impressionado, e que o mundo artístico e intelectual tão fervoroso em defender os direitos das minorias, o direito dos negros, tirando o Caetano Veloso, todos os outros se calam sobre a corrupção que campeia neste pais, porque estão todos dependurados nas tetas do governo.

    Lá vamos nós novamente, olha agora ele está agredindo aos intelectuais e artistas.
    Como diz o Gerald, mas isto é outro papo, até!!!!!!!!!!!!

  31. Ronald.

    “beijar em ônibus não”
    hahahahahahahahaa

    nem se for fretado???

  32. Glorinha

    Collor,

    se for cenas de amor explícito entre um homem e uma mulher na frente de seus filhos…pode?
    []

  33. Glorinha

    Bom dia a todos!!!
    atrasada…

    Vampiro, vc está super quietinho esses dias não é? está tudo bem, sim?
    abraços procê e para sua metade polaca rs..
    []

  34. Glorinha

    Gerald,
    super bom dia para vc….
    sobre blogs e blogs, e vírus….
    blog e vírus serão a mesma coisa???
    seja o que for, alguns nos fazem muita diferença….
    disse outro dia pro anino, alguns vírus nos ajudam a curar certas doenças, alguns assuntos também, conversas de computador…ex_tranho….não deixa de ser bom trocar essas p_artes…, esse aqui gosto e acho que faz muita diferença na desordem das coisas…
    [[]]

  35. Cristina

    Aqui no Brasil é difícil administrar até um pequeno café, as empresas multinacionais de grande porte têm um custo administrativo muito alto. A Rover não é uma marca como a GM ou a Ford. A política é diferente do big business porque o Estado pode dar prejuízo, a empresa não tem a máquina de emitir dinheiro, mas se o governo emitir dinheiro de maneira irresponsável vai causar inflação ou bolhas em determinados segmentos da economia como nos mercados imobiliários e de ações, é o que aconteceu nos Estados Unidos

  36. Mostrei os comentários a um amigo Gay, e que tem AIDS, nossa ele tem amigos gays, e ainda por cima que é portador do vírus??

    E não é incrível, ele concorda com o conservador, e me disse uma coisa muito especial.

    Muitos só sabem falar, e por vezes criticar a posição dos outros, você é sua família não, convivem e respeitam as pessoas, só não querem ser agredidos.

    Sensatez não se compra, e educação muito menos.. CHEGA!!!!!!

  37. Glorinha

    A mesma coisa, vc entendeu minha posição, voce é mais inteligente que sua pergunta.

    Beijos, gente deixa eu ir trabalhar….

  38. O Vampiro de Curitiba

    Bom dia, Glorinha!
    Tá tudo bem, sim. Meio ocupado, como sempre, mas tudo bem.
    Beijos! (Sabor listerine, porque, como a Sandra disse, beijo com gosto de picanha ninguém merece. Credo!)

  39. Cristina

    Sandra, as pessoas que vêem novelas não gostam muito da diversidade, mas o que observo é que entre os que gostam de voyeurismo, homens e mulheres, não gostam de ver dois homens se beijando e gostam de ver mulheres se bolinando. Concordo que ficar se beijando, de maneira sexual, em lugares públicos, como padarias, churrascarias, e etc é falta de educação, sejam hetero ou homos, coisa de adolescente.

  40. O Vampiro de Curitiba

    Quanto à questão do beijo em público, pessoal, sejamos heteros ou homos, ou bis, ou pans, temos que ter senso de ridículo. Ficar se amassando na frente de todo mundo é, no mínimo, cafona.

  41. Glorinha

    Collor,
    a pergunta é uma resposta…sonora….
    bom trabalho pra vc!
    [[]]

  42. O Vampiro de Curitiba

    Eu queria saber a opinião de todos, sobre algo que, penso eu, seja uma unanimidade: O beijo lésbico não é tão “agressivo” quanto o beijo entre dois homens.
    É comum, por exemplo, ver mulheres andando de mãos dadas, mesmo que não sejam lésbicas. Agora, vocês conseguem imaginar o Targino e o Collor 2010 andando de mãozinhas dadas pela rua? Credo!!! É a visão do inferno!!!

  43. Biquei

    Verifique seu perfil!

    http://www.Elpais.com. – Lluís Bassets

    63 preguntas para quien quiera trabajar con Obama

    Recomiendo vivamente la lectura de las 63 preguntas que debe responder cualquier persona que pretenda trabajar como alto cargo en la Casa Blanca de Obama antes de recibir la oferta en firme. El interrogatorio por escrito al que deben someterse los candidatos es de una exhaustividad y minuciosidad rayanas en el proceso inquisitorial, hasta el punto de que no me extrañaría que muchos candidatos perfectamente capaces y preparados desistan sólo para evitar la humillación de una confesión que entra en detalles personales e íntimos. La experiencia de muchos escándalos recientes revela que toda preocupación es poca por parte del presidente del país más poderoso del mundo a la hora de evitar las dificultades. Pero el cuestionario siembra muchas dudas sobre el futuro de la actividad política y aún más sobre la posibilidad de que ciudadanos normales se decidan a comprometerse cuando se ven obligados a pagar un precio tan alto en pérdida de libertad e intimidad.

  44. Fantasma nas Estepes

    Eu sei…Eu sei….Nove Dedos caiu na real…Lênin nunca mais..
    e nesta cena dantesca prevejo o George W. na projeção imitando a célebre estátua de Rodin, pensador seminu….onde foi que eu errei…onde foi que errei…onde foi que errei e de repente mostrando rápida a cena…num quadro tridimensional e surreal de Salvador Dali, a Guernica Louca e como num pesadelo colorido vem a imagem de uma forca dourada…uma gargalhada profunda…vem a imagem de um Saddan frenético ..sou inocente….sou inocente….e aquelas mãos decepadas buscando apontar um alcorão …sangrando..cavaleiros árabes correndo pelas dunas ardentes de um deserto qualquer, sedentos…sedentos…buscando a miragem de um oásis que nunca vem….. o resto do filme fica por conta de G.Thomas…..

  45. Glorinha

    Vampirinho,
    Não me preocupa tanto o que não aceitamos ver….
    me vejo pensando mais no entender que talvez seja necessário primeiro, aceitar e incluir dentro da gente novas coisas, depois colocar isso pra fora… o “bom senso” vem junto…creio.
    incluir não significa substituir, deixar algo em detrimento de outro, esse incluir é …incluir de adicionar…
    []

  46. Fantasma nas Estepes

    Bush reclama….quem inventou o pecado foram os judeus….
    Quem queimou Sodoma….e inventou a história da maçã !

    Se tivéssemos puros e inocentes o pensamento…talvez não tivessemos tantos conflitos e não fossem queimados tantos em Salem. A Serotina está em falta ..o cérebro já não produz e aí a busca artificial da felicidade e do bom humor constante, a falta dela à tristeza e depressão….. E quem sabe o pecado dissecado, analisado e queimado….o cérebro doente é que produz o pecado….resta saber se a falta do lobo frontal ou o temporal, o sujeito normal vira mero autômato, e Deus que tudo vê e provê ..tudo sabe ..que a escuridão é falta de Luz …e que a tristeza é falta da Serotonina e que o “pecado” é a falta de Deus.

  47. Glorinha

    Vampirinho,
    mas tentando responder a sua pergunta, de uma maneira assim bem simplista considerando que não sou doutorada nesses assuntos antropológicos, ilógicos, congnitivos, introspectivos etc………
    talvez esteja ligado a “des_ordem das coisas e pessoas”…
    o homem primeiro…depois a mulher….como o homem vem primeiro (no inconsciente consciente manipulado), vem primeiro, é maior, força…também a “repulsa” na delicadeza do gesto entre as forças
    …. a mulher é menor….vem depois….é delicada e coisa e tal, e tal e coisa….ex_tranho isso….não sei, a Ezir me explicaria isso talvez.
    [[]]

  48. Fantasma nas Estepes

    Digo….a Serotonina está em falta…. a depressão já não é falta de caráter ..e preguiça…e quem sabe o beijo atípico é falta de qualquer coisa neste cérebro………já não podemos condenar….já não é totalmente pecado…..se o Bromato…pode ser responsável pela frescura de tantos fetos disformes…..e a carne bovina contaminada pelos anabolizantes proibidos…..pelo nascimento de tantos boiolas neste planeta…..Deus está dizendo…é culpa deles mesmos….pelo corrida desenfreada e lunática pelo poder….já não pensam em solidariedade….o “EGO”…..o euuuu.
    o euuuuu!!!! o euuuuu!!!!! o meuuuuu! o meuuuu!!!

  49. Biquei

    Stedile em encontro com Lula.
    Coordenador do MST quer que reunião com presidente não seja ‘brincadeirinha’.

    O coordenador nacional do Movimento dos Sem-Terra (MST), João Pedro Stedile, disse em Curitiba, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva está convidando os movimentos sociais para uma reunião, em que será discutida a crise financeira mundial. “Aproveito para mandar um recado: espero que a reunião não seja brincadeirinha, nós queremos uma reunião que seja um diálogo e que os movimentos possam dizer ao governo quais são as medidas que nós esperamos para sair dessa crise”, acentuou.

  50. O Vampiro de Curitiba

    É, Glorinha, não havia pensado sob esse ângulo… acho que é por aí mesmo…

  51. Fantasma nas Estepes

    A quem tem diabetes..posso dizer ??? Você é um pecador….seu pâncreas está prequiçoso…não produz insulina !!!!!

    A quem tem Hepatite….posso dizer ??? Você é um pecador …seu fígado não reaje…seus olhos estão amarelos….você está um passo da CIRROSE !!!!!

    A quem tem a Surdez ….posso dizer ???? Você é um pecador…sua clóquea…seus martelos e estribos..estão atrofiados…faça-os funcionarem !!! E você voltará a escutar !!!

    A quem a Cegueira…..posso dizer ???? Você é um pecador…..não quer apreciar as paisagem mais lindas….o belo pôr do sol…distinguir as côres….seu nervo ótico, sua ìris, sua retina …não transmitem ao cérebro….a verdade e a ilusão !!!!

    Eu falo por parábolas…e tento compreender por mim mesmo, que já não tenho o dom de julgar….julguem vocês mesmos….porque pelos vícios e defeitos…sei que os tem….já não posso me comprometer….fazendo julgamento por parcos fatos….corro o risco de me condenar …antes do veredicto…..!!!!

  52. André M.

    Prezado Blogueiro

    Quando li este comentário no post anterior, fiquei deprimido. Agora, tu resolveu escancarar a burrice do brasileiro médio, e me deixou mais deprimido ainda.

    Olha, eu reprenderia meu filho (ele tem 18 anos) se ele ficasse chocado em presenciar um beijo gay, afinal, o que há de mal nisso? Mas ficaria mais deprimido ainda em constatar que ele faz parte da burrice geral que assola este país. Felizmente, em relação ao meu filho, não terei este desgosto.

    Infelizmente, cada vez que algum autor de novela das oito INVENTA que vai ter um beijo gay na novela, surge essa mesma polêmica toda. Até agora, todos desistiram. Isso só denota o quão atrasados estamos. O garganta profunda é apenas a manifestação do nosso atraso. Eu fico muito triste com isso, pois o brasileiro poderia ser bem melhor que isso.

    Por isso tudo reitero o quanto me deixa triste ainda esse tipo de discussão. Não vou entrar no mérito do que penso das pessoas que tem tamanha fobia ao problema gay. Mas a tua solução (levar o dito cujo numa sauna) só é a realização dos desejos mais reconditos da maioria deles, e que lhes falta CULHÃO para encarar e realizar. O problema depois seria ter que ficar levando SEMPRE estes enrustidos para a sauna, e suponho que tu tenha coisa mais interessante e importante para fazer…

    Agora, não concordo sobre o negócio do Dantas, ou tu tem a esperança que este senhor passe um dia sequer condenado? Este processo (e todos os outros) irão se arrastar por anos na justiça, entupindo nosso sistema judiciário, e no final, ele morrerá tão rico quanto está agora. Só não conseguirá fazer nenhum negócio fabuloso como estes que deixaram ele rico para o resto da vida. Ou seja, é uma fantasia tua ver o Dantas na cadeia. Uma fantasia impossível de ser realizada.

    Saudações cordiais

  53. Targino vou aceitar a ideia do sangue-suga, quando levar o Gerald na sauna, vou estender o convite a voce parceiro, quem vai ficar fora desta suruba(nossa ele é depravado) será o cavaleiro da noite.

  54. Nina

    Bom dia a todos!

    A partir de hoje, por tempo indeterminado, só irei comentar o e sobre os textos do Gerald.
    Não cedereia a nenhuma tentação ou pressão interna.

    vou ler o texto novamente
    volto mais tarde

  55. Nina

    da Folha:

    “Os anúncios de cortes de empregos nos EUA em novembro atingiram 181.671 vagas, um aumento de 61% em relação a outubro e de 148% em relação a novembro de 2007 –quando foram anunciados 73.140 cortes”

    minha irmã e o marido moram e trabalham lá.
    amigos que perderam o emprego estão voltando

    “ou racha de vez ou se vestem com outra roupa e perdem mais dinheiro. A raiz do problema não será resolvida com mais um bailout. Prova? A British Leyland sifu, apesar das intervenções (inúmeras) do governo britânico.”

    vale prá isso também

  56. André M.

    Prezado Auxiliar de Blogueiro

    Os teus comentários da 08:54 e 08:59 só reforçam a (péssima) impressão que ainda tenho de ti.

    Uma pergunta, se beijo, de qualquer tipo (entre homos, heteros ou bis) é cafona, pq nas novelas só tem beijos entre heteros? Ou na tua opinião, não deveria ter nenhum tipo de beijo nas novelas? Para proibir beijo no teatro, literatura e cinema, é um passo.

    Só falta agora querer uma CPI do beijo e uma lei proibindo o bikini. Tragam as burcas! Que volte a censura! Viva a ditadura!

    Saudações cordiais

    PS : Em relação ao último parágrafo, caso não percebam, estou sendo irônico. Explico antes que alguem ache que apoio esse tipo de manifestação/posição.

  57. Fantasma nas Estepes

    Levantei-me um pouco desta minha cadeira, defronte ao monitor e fui olhar lá fora…..quatro andorinhas voando atrás de um gavião…..bicando o tal por todos os lados…e num vôo frenético tentava escapar….pensei…alguma coisa está mudando neste mundo de Deus….!!!!!!

  58. Glorinha

    Fantasma,
    sim, algumas coisas estão mudando sempre nesse mundo!!! nesse e talvez em todos os outros….
    abraços,

  59. gthomas

    WASHINGTON — General Motors, increasingly desperate for a federal bailout to stave off financial collapse, told Congress on Tuesday that it was willing to drastically shrink every aspect of its operations to ensure its long-term survival.

  60. Fantasma nas Estepes

    O símbolo dos Tucanos …mostra um grande bico…vivem das bicarias….engana tôlo….

    O símbolo dos petistas deveria ser um “Camarão”…só tem bosta na cabeça !!!

    Na cabeça de quem…nem Lênin …de sua tumba bem disposta…aceitaria…tal infâmia….que ” Nove Dedos” e seus pequenos movimentos sindicais, possam mudar a ordem dos fatores…tem dó !!!!!!

  61. Targino.

    Este é o professor que eu gosto de ler comentário das 22 43.

    No meu entender a colocação que o Vampiro faz limitando o direito de amasso é correta.

    Quanto aos gays, de cara sou contra esta denominação aos nossos homos.Porque gays?
    È mais charmoso a definição em inglês?
    Frescura minha gente.
    Aqui mesmo em Caravelas eu tenho mais de uma dúzia de conhecidos com os quais me relaciono normalmente.Todos homossexuais.
    A maioria artista.Agora mesmo enquanto teclo três deles que encontrei no caminho estão cuidando da ornamentação das ruas para o Natal.
    Este negócio de beijo na padaria depende mesmo do dono do estabelecimento conforme lembrou a Sandra.
    Agora um beijuca de leve sem conotação sexual pode e deve ser dado no momento que o atuante desejar.Beijo ainda é uma demonstração de afeto e amor.
    Sabemos do beijo de Judas, mas ai já é outro departamento.
    Para finalizar mando um beijo amigo a todos e lembro ao Gerald que eu acho que estamos no blog participando em beneficio de nós mesmos.Espero que este blog permaneça porque eu já estou viciado mesmo.E se acabar terei de procurar outro.Só não sei se encontrarei o ambiente que temos aqui.
    Obrigado.

    Pacheco.

  62. Glorinha

    Gerald,
    tradução seria talvez: desemprego, pobreza, abandono….redução de operações em todos os níveis existênciais….redução de qualidade de vida, de oportunidades…,
    quem vai socorrer os “pequenos” porque os grandes tem o que encolher… e os pequenos?!
    [[]]

  63. “MORRO E NÃO VEJO TUDO”

    Sangue-suga, este ota das 10.27 toda vez que comenta no blog, chuta o teu trazeiro e do Gerald, tem limite para tudo!!

  64. Nina.

    Para que tanto orgulho?Pretendes ficar isolada?

    Quem entra na chuva é para se molhar.
    Quem entra na roda tem de sambar.
    Se pretenderes ser exclusivamente analisadora dos comentários do number one eu acredito que podes comentar contigo mesma e não nos enviar algo do qual não teremos treplica se replicarmos.
    Na minha modesta opinião a finalidade maior de um blog é a participação de todos.
    Ninguém é ilha.
    Blog é sim comunicação.
    Nina participe.
    Obrigado.

    Pacheco.

  65. Ajuizado

    Fantasma tem razão…..

    Para quem tem tristeza…indico tomar pela manhã Fluoxetina…..que é uma Serotonina artificial ….já que o cérebro não produz….

    Para o mal de Boiolagem….temos que consultar o “Drauzius”…não existe laboratório investindo em tal setor…quem sabe em breve……tome um comprimido pela manhã e outro à noite ao deitar e fique livre de vez ….de pensamentos gays……atípicos……etc.,…..etc……

  66. gthomas

    Por enquanto estou achando legal o que esta rolando aqui.
    Retiro o que escrevi sobre a destruicao dos blogs?
    Talvez.
    Retiro o que acho sobre a inutilidade da arte?
    Talvez.

    Mas, como o Vamp disse mais acima. …Essa coisa de ficar de amassando em padaria, churrascaria, ou qualquer ria, eh, no minimo, cafona!

    Cristina: eh, o Bromato eh isso mesmo: infla o pao e faz um tremendo mal: banido nos outros paises, eles pegam isso no BR pra fazer ‘render’ o tal paozinho frances. E ele ainda fica crespinho/fresquinho por um longo tempo, artificialmente.

  67. O Vampiro de Curitiba

    André M., sempre ditorcendo minhas palavras, né?
    Eu não tenho nada contra beijos, não. Muitíssimo pelo contrário: adoro saliva, lingua, lábios…
    Só acho que ficar se amassando em público é coisa de quem quer aparecer, de adolescente, como disse a Cristina. Aposto que entre 4 paredes, esse pessoal exibicionista não passa de um papai-mamâe. Ou papai-papai. Ou mamãe-mamãe.

  68. Gerald

    O que ocorre com a GM, FORD e outras montadores é simples falta de mercado, como disse a glorinha que está correta, o governo é o fio condutor da politica financeira do pais, ele transformou a economia em calamidade, e tem agora que ajudar as empresas a manter empregos e sair da crise não criada pelas empresas, mas sim pelo proprio.

  69. O Vampiro de Curitiba

    Nina, o que sustenta um blog são os comentaristas. Por isso exijo que você comente sobre tudo! Não viu o tal do Garganta? Foi a partir de um comentário dele que surgiu este novo post.

  70. O Vampiro de Curitiba

    Collor 2010, normalmente quem entra no blog para chutar, acaba saindo com o traseiro inchado.

  71. Rogério Jacques

    Ainda sob o efeito da apresentação de fim de semestre do Galpão Cine Horto, onde tentava ensinar palavrão ao meu filho Alipinho, numa transposição para esquete que fizemos do conto Noiva da Morte, de Nélson Rodrigues, acordo com a sensação de que sonhei com Bukowski se degladiando com um de seus personagens por não concordar com ele. Fica a dúvida: Aristóteles, se tivesse conhecido o computador, pensaria que a internet está a serviço do teatro, ou talvez o contrário…

  72. Sandra

    Annie, escreva seu próprio blog ou escolha outro que lhe agrade.

  73. gthomas

    Nina, concorco com o Pacheco

    enquanto houver blog

    participe.

    enquanto a febre existir, compre termometros….

    Pacheco, o que houve? os emails retorrrrrrnam!

  74. Sandra

    Voltando ao beijo, acho que o beijo público que agride é aquele cuja razão é mesmo a agressão. Do tipo: Eu beijo mesmo, e daí? Vão encarar? – Mas.. o beijo público que acontece… Aquele que é uma manifestação de paixão ou amor… Esse é lindo!!!!!!

    E normalmente é bem aceito, mesmo por quem se choca.

  75. samuel samuca

    GT,

    o garganta é stalinista?? Bom, claro, stalinistas são assim também…

    Mas o argumento do tal garganta profunda, parece também com a opinião de conservadores empedernidos …

    Já vi muitos desses argumentos aqui e acolá, em sites religiosos e no blog do Reinaldo Azevedo também … que diga-se de passagem, não é mais comunista, embora tenha se “formado politicamente” no stalinismo trotskista (ele era da tal Libelu, se não me engano …)

    No final, stalinistas e conservadores têm muito em comum. Por isso passaram se masturbando mutuamente durante toda a guerra fria …

  76. Sandra

    Ronald, ônibus fretado é um beijódromo clássico. Como cinema.

  77. samuel samuca

    Falando em bromato e outros venenos …

    Outro dia li no ciencia hoje online um artigo que falava da farinha láctea, essa mesmo que damos às nossas crianças …

    Nos EUA, elas foram retiradas das prateleiras, pois foi descoberto que há um elemento químico perigoso, que é usado em pesticidas nas plantações de milho brasileiro.

    Aqui, o veneno está dentro dos “parâmetros” aceitáveis …

    Aí, você pergunta: que determina o parâmetro da ANVISA?

    O lobby. Simples assim.

    Estamos dando veneno pra nossas crianças dentro dos “parâmetros” aceitáveis, pois algum filha da puta fez um lobby no congresso e na ANVISA …

    Depois tem nêgo por ai que reclama quando a gente reclama do nosso país …

  78. O Vampiro de Curitiba

    Samuca, “stalinismo trotskista ” é uma contradição de termos.

  79. Ajuizado

    Fantasma a sua teoria é bem complexa …que devemos aceitar os cegos, os surdos e os ….GLS….porque é um problema humano….é a vida…é bonita….é bonita !!!!

    Correu um processo uns tempos atrás no Vale do Paraiba em São Paulo, contra um Laboratório Farmaceutico Multinacional, não vou citar o nome….não quero fazer publicidades em blogs alheios, permita-me o Thomas e o Vampiro dizer…situado ao longo de uma grande passarela bem paralela a um trecho da Via Dutra…porque Via não Rodovia ….não estamos aqui para criticar erros de português…e ou refinamentos da língua…voltemos ao tópico principal….. Hã…lembrei…..o dito Laboratório foi condenado a pagar vultuosa indenização “aos coitados”. Vocês dirão….porque coitados ???? Digo…coitados….como retroagir…aos efeitos da “fama”. Bem voltemos ao assunto…..o laboratório era fabricante de “anticoncepcionais”…. em seu quadro de funcionários…não havia distinção de sexos, trabalhava homens e mulheres….. Mas o que aconteceu…dirá o Fantasma ?????!!!!!!

    Bem….o pessoal do sexo forte começou a notar que em dado momento de sua vida funcional…..a barba estava rareando e a voz afinando….e a suas tendências….sabe lá…onde a vaca foi pro brejo…não tem como voltar atrás…..vem a fama !!!! Faça a cama e deite e role !!!!

    Atualmente neste respeitável Laboratório Famacêutico só trabalham , respeitáveis damas ….do dito sexo frágil…..!!!!!!

    Fantasma…desculpe a intimidade…..vamos sugerir ao GThomas e ao Vampiro….já que eles tem acesso ao Google mundial…e descubram …se em São Francisco…costa oeste…existe alguma multinacional…fabricante de anticoncepcionais….porque as mulherem em sua ânsia de terem direitos iguais…aos homens….não engravidar….não estariam gerando sêres “bem normais”….porque eles aumentaram tanto…depois da pílula…..

    É um caso de indenização….não é Fantasma….???????

  80. samuel samuca

    Isso sem falar nos vegetais …

    Carregados de veneno…

    Tanto que nem como mais salada, quando almoço fora da minha casa ….

    Prefiro os hormônios e antibióticos que dão ao boi, pelo menos faz os músculos crescerem …

    É a bomba indireta.

  81. Sandra

    Por falar em alimentos contaminados, ontem ouvi que na China vários bebezinhos morreram ou ficaram doentes por ingerirem leite com melanina. Parece que o problema está ocorrendo há meses, e o leite foi liberado pelos órgãos de fiscalização do governo.

  82. samuel samuca

    Por isso morro de rir, quando vejo reportagens dizendo sobre as dietas saudáveis … pratos coloridos, cheios de vegetais … muita fibra … etc.

    Coma muita fruta e vegetais, mas junto com elas ingira, todo dia, alguns miligramas de veneno para que os nossos produtores e seu lobby fiquem contentes e com suas contas bancárias bem gordinhas …

  83. Sandra

    Acho que se um hormônio que faz crescer seios num homem transformasse ele em gay, não haveria mulheres lésbicas, já que todas têm seios.

  84. samuel samuca

    Satlinismo trotskista pode até ser uma contradição de termos, mas na prática, um trostko é tão stalinista quanto o stalinista; e o stalinista é tão trotskysta quanto os trotskystas … No final, é a mesma coisa.

  85. Sandra

    Vamp, faz tempo que o tempo não entra em colapso aqui no blog!

  86. Fantasma nas Estepes

    Ajuizado..você até que é muito inteligente !!
    Não tinha pensado nisso…..
    Se o número de GLS aumentaram tanto…depois da pílula ?? anos 60 ???

    Bem o GThomas e o Vampiro, terão que pesquisar….nisso concordo com você .

    E agora josé…..se ficar constatado quem a pílula provocou todo este rebuliço….em nome de uma falsa liberdade sexual ???

    Os laboratórios vão falir….não viu a Talidomida !!!!!????????

  87. Nina

    Pacheco,

    não tem nada a ver com orgulho, muito pelo contrário.
    não deixo de dialogar mas quero desviar meu foco, por motivos absolutamente necessários e pessoais.

    Vamp e Gerald,
    enquanto houver blog comentarei sobre tudo (Vamp)
    mas não quero mais termômetros prá febre (Gerald)

    bjs

  88. Sandra

    Cristina, lembro-me de uma novela onde havia dois rapazes gays. Não sei se houve um beijo, mas o romance dos dois foi bem aceito pelo público. Em outra, houve um romance lésbico que não foi aceito. O que ocorreu é que, no primeiro caso, os meninos precisaram lutar pelo seu amor, enquanto que, no segundo, o romance era encarado de uma forma muito natural. As pessoas flexibilizam seus conceitos em nome do amor.

  89. annie

    Não é por nada mas Gerald, vc escreve pessimamente em português…Que tal postar na sua língua, o inglês, pra não passar vergonha? Bjs.

  90. Nina

    Annie,

    O texto está perfeitamente inteligível.
    Entendi cada plavra, por sinal muito bem escolhidas.

    Gerald tem língua?
    a língua do Gerald são todas as línguas do mundo

  91. Ajuizado

    Isso Fantasma….você entendeu onde quero chegar…

    A talidomida fez nascer crianças defeituosas, sem braços, sem pernas….

    E a outra…..as crianças nascem aparentemente normais….mas com desejos sexuas opostos……

    Conconcordo com o comentário do Samuca….É fino !!!

  92. McWilliam

    A logica do CEREBRO DO BRASILEIRO – digo, incluidos os “ESCLARECIDOS” – nao consegue fazer processar seu raciocinio na direcao precisa que o pensamento correto o pede.
    No processo de “construcao do pensamento” do brasileiro, ha uma distorcao a partir da qual o que se constroi ali e’ a BURRICE.
    Veja o exemplo do GARGANTA e o que digo abaixo.
    E’ tudo muito simples:
    Se vc nao gosta de beijar pessoas do seu mesmo sexo, vc nao e’ obrigado a beija-las.
    Agora:
    Por que o brasileiro fica tao furioso e tem tanta ENERGIA pra se MANIFESTA sobre o beijo do vizinho , e nao se MANIFESTA sobre ser ASSALTADO pelos PROPRIOS governantes; contra o TERRORISMO sob o qual ele SOBREVIVE, e contra tantas outras atrocidades que fazem parte do seu misero cotidiano ?

    Por que ? Por que ? POR QUE ???

  93. Glorinha

    McWillian,

    talvez porque a simplicidade toda esteja em: ser mais fácil falar dos outros do que analisar nossos próprios atos ou não atos….
    [[]]

  94. Sandra

    Annie, faça seu prório blog. Ou escolha outro que lhe agrade.

  95. Glorinha

    McWillian,
    continuando…creio que talvez porque para entender a política, politicagem. fraudes, roubos, assaltos a “voto armado”, é preciso ler, ter informação, não depende exclusivamente do que achamos ou não, mas inclui-se fatos e acontecimentos, história….
    dai precisa sentar e ler…ler e entender, entender e recontextualizar…processo que precisa principalmente do “querer” de cada um….precisa querer entender,fazer,etc…
    [[]]

  96. Glorinha

    McWillian,
    continuando… alem do querer preciso e não posso deixar de mencionar….oportunidade, oportunidades e disposições…
    []

  97. Ontem fiquei assistindo por algum tempo a TV senado, quando começou o demente do Amazonas, Suplente de senador João Pedro, a elogiar a Ilha prisão e os ditadores e assassinos Raul e Fidel Castro, sim amigos os mesmos que Pudim de Cana vai receber aqui no Brasil com honras e ainda entregar mais uma mala de dollares para ajudar aos dementes a subjugar ainda mais aquele pobre povo, depois falaram outros tão dementes quanto o titular , o idiota do Pará do PSOL, e o outro imbecil de Sergipe Valadares.

    Hoje corre na NET e pedi para divulgarmos que a autora do blog Generacion Y, Yoani Sanchez foi notificada pela policia á comparecer amanhã numa delegacia.

    Está senhora e a mesma que ganhou o premio na Europa, pela coragem e ousadia de enfrentar a ditadura castrista, e mostrar ao mundo a maravilha que é o Socialismo Cubano, quem poder e quiser divulgar a autora do blog agradece.

  98. O Vampiro de Curitiba

    Sandra, pensei que seus comentários tinham sumido, mas eles aparecem lá em cima, não sei porquê.

  99. Londrina

    Vampiro.
    Concordo contigo. Esse negocio de beijo em publico é pra suas vampirinhas que devem ser adolecentes ou estão entrando na adolencia, aquelas coisas que todos nós já passamos e sabemos como é.
    Agora imagina a cena. Um casal num restaurante comendo, picanha,salada, aquele lombinho de porco, etc,etc, e ficar trocando beijos…. Além de cafona é nojento… Acredito que ningém em casa senta a mesa fica comendo e trocando beijos e se amassando……

  100. Sandra….boa!!!!

    Deus tenha piedade do Brasil.

    Será que o Brasil vai suportar?
    Deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA) ao ouvir Lula prometer “fazer mais” em 2 anos

  101. Lombardi Mancin.

    Deus?

    Se ele existisse e fosse o que dizem ser:

    Deus estaria bem distante em algum cantinho do universo a milhões de anos luz deste planetinha se esgueirando entre galáxias e buracos negros fugindo de sua criação que dizem ser sua imagem e semelhança.

    Coitado de Deus!

  102. Sandra

    Beijoqueiro
    (Kleiton e Kledir )

    Adoro o beijoqueiro
    Que não tá nem aí
    Orgulho brasileiro
    Herói que não tá no gibi

    Moleque beijoqueiro
    Olho feliz de saci
    Sorriso de escoteiro
    Pureza de colibri

    Oitava maravilha
    Apoteose
    Jóia de patrimônio
    Luso-tupi-guarani

    Super campeão de beijos
    O povo pede bis
    Piloto do desejo
    De ver o povo feliz

    Adoro o beijoqueiro
    Moleque com pedigree
    Coisa de brasileiro
    Latino charme

    Franco atirador de beijos
    Inverso de harakiri
    Mistura de Kamikase
    E de Yogue

    Camaleão brejeiro
    Truques de chroma-key
    Produto brasileiro
    Suco de abacaxi

    Aprontador matreiro
    Ternura de guri
    Moleque beijoqueiro
    Brilho de OVNI.

  103. Sandra

    E o beijo mais lindo da Internet foi o de: Gerald Thomas e Judith Malina.

  104. Garganta

    Caro senhor Gerald,

    Não entendi a razão de me comparar com genocidas, apenas sou contra criar direitos especiais para uma classe. Defendo a isonomia ( igualdade perante a lei; detesto reis, ditadores e seus amigos). A primeira parte, que você me acusa, foi transcrita e estava bem claro isso. Confesso que fiquei constrangido, mesmo usando um nick fictício, em ter sido responsabilizado pelo que não falei. Jamais, e eu desafio qualquer um postar um trecho, fui preconceituoso. Não fui.

    Aliás, concordo, minha garganta é profunda, obrigado pelo reconhecimento. Mas eu diria que percebo um gostinho de indignação, e é amargo. Mas que indignação? De minha parte, como vemos parágrafo acima, tem a ver com a incerteza sobre algo que eu considerava certo: que ocorreria um debate em que criticassem–as minhas palavras e elas num contexto. No entanto, como vemos, fiquei indignado. De tua parte, –parece– que o que você considerava certo era a tua absoluta certeza sobre o tema homossexualismo e que ninguém, muito menos um de nome jocoso, iria te irritar a ponto de calar tua razão. Esta que, em nenhum momento, pude observar me denunciando. Denuncie-me, diga que eu estou errado, eu reconheço se me provar articulando idéias verdadeiras. Pois brincando e me ridicularizando, no máximo, eu darei boas risadas: rá rá rá.

    A minha defesa, sem milongas, é simples: as pessoas não são educadas e, portanto, não aceitam o homossexualismo. O Estado criar direitos especiais para pessoas em razão de sua sexualidade é algo, a meu ver, censurável e perigoso. A saída é educar e, assim, eliminar os preconceitos; não reprimi-los.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  105. Sandra

    E a prova de que um beijo é um dos gestos mais fortes do ser humano é que, na entrevista que o Gerald fez com Malina, tomamos o maior esporro, porque falamos mais do beijo do que da entrevista. E depois do esporro continuamos falando do beijo.

  106. Sandra

    Beijos em todos! Volto mais tarde!

  107. André M.

    Prezado auxiliar de Blogueiro

    Eu não distorço, interpreto. É diferente. E na minha opinião pessoal, beijo, quando só beijo, em público, não tem qualquer tipo de problema ( e afasto totalmente a hipotese de analisar diferença entre beijo homo, hetero ou bi).

    Agora, a nova teoria do pessoal do blog é que, desde a invenção da pilula, aumentou o número de homossexuais. Ora, não estudaram história no colégio? Na Grécia antiga, a homoafetividade e o homoerotismo eram muito comuns, alias, totalmente preponderante. O que havia de diferente naquela época? As pessoas aceitavam isso como normal (pois é normal), e até decadas atrás, depois do retrocesso católico-cristão, perdemos esse valor, e somente a pouco tempo atrás, começamos a redescobrir isso. Coincidiu com a invenção da pilula (e com a emancipação das mulheres também), e não tem, na minha opinião, qualquer relação entre a invenção da pilula e o homoerotismo, mas sim, uma relação entre a necessidade de termos liberdade e os instrumentos que são criados (entre eles, a pilula). Sei que não foi tu que aventou esta hipotese pilula-homoerotismo, porém, aproveito para falar.

    Então, quando eu penso que as coisas irão melhorar, ficam piores, pois cada vez mais afloram os preconceitos homofóbicos que estou presenciando neste post de hoje.

    Bem na boa, esse pessoal homofóbico tem é coceira no furico e falta de coragem de coçar… pois tem medo de apanhar de papai.

    Saudações cordiais

  108. McWilliam

    Ola Glorinha, tudo bem com voce ?

    Desculpe, eu nao te agradeci quando vc disse que se tivesse a formula pra se ficar zen, vc me passaria. Vc e’ um anjo, sei que passaria sim, obrigado !

    Veja, os Estados da regiao Norte sao os unicos que nunca visitei no Brasil.
    Eu conheco e estudo o Brasil muito mais do que a larga maioria ha decadas.
    Eu posso aceitar de um analfabeto que seja “mais fácil falar dos outros do que analisar seus nossos próprios atos ou não atos….” MAS DE UM dito ESCLARECIDO eu nao aceito !
    Mais ainda, eu acho que e’ exatamente ai’ que ESTA’ o PROBLEMA, nos brasileiros que se consideram ou podem ser considerados esclarecidos.
    Eu incluo a mim e a voce nesta lista.
    Nao podemos esperar do brasileiro analfabeto nenhuma acao.
    Pra estes fica valendo todo aquele milhao de explicacoes do porque que o Brasil e’ o TERROR que e’.
    Mas o ESCLARECIDO tem que atuar em um plano pra fazer valer sua condicao, nao pode ficar so no bla-bla-bla

    A vida e’ muito curta pra ficar enchendo linguica com bla-bla-bla !!!
    E no Brasil o alto grau de TERRORISMO faz a vida ser mais curta do que na maioria dos lugares

  109. samuel samuca

    Falando em analfabetos, conheci um cara no mato grosso que fazia umas violas de cocho super legais.

    O cara tocava como um demônio o instrumento … Simplesmente, fantastico. Creio que nenhum músico erudito poderia tocar ou se aproximar à sensibilidade musical daquele caboclo…

    Isso é só pra ilustrar que a vida e o mundo são bem maiores do que imaginamos.

    E não me acusem de defender o analfabetismo … Isso seria rasteiro e sacana.

    Só acho que o mundo vai além dos umbigos de cada um …

  110. samuel samuca

    ô Lombardi, fala aí ….

    Pois é se deus existisse …. O problema é que ele não existe. Pelo menos, nunca consegui acreditar nisso. Talvez ele até exista, mas se existir é um filho da puta de maior tamanho.

    Anteontem, vi, no jornal, uma senhora chorando a morte do filho em SC … Que dor daquela mulher! Perder um filho deve ser a pior coisa desse mundo, uma dor insuperável e insuportável que se carrega pro resto da vida.

    E cadê a porra do deus nessas horas ???

  111. Xis-tudo

    A questão do beijo é muito mais simples do que se pensa. Tudo gira em torno da própria insegurança, da própria libido (desejos reprimidos) e traumas.

    Se você passa na rua e vê as pessoas se beijando, sejam de qual sexo forem, e você achar ruim, pode ser que seja uma pontinha de inveja, desejo, ou trauma.

    Concordo com o comentário sobre o grau do beijo, mas antes de começar a questioná-lo tenho que lembrá-los que a “comunidade heterossexual” não anda fazendo bonito não e por duas razões:
    1- os novos “heteros” quase que se comem em vias públicas, mas isso não causa transtorno a muitos como duas pessoas do mesmo sexo; logo, a questão “moral” fica um pouco em quarto, quinto, milésimo plano. Na churascaria ou na Igreja como já vi várias vezes o lesco lesco… a questão é mais que ponderação, creio que seja intenção de dividir com o público ou não, pois quem tem a coragem de um ato que era antes tão íntimo agora tão público tem a sólida idéia de querer provar algo pra si o para outro, mas daí a questão não é nossa, o que cabe a nós é a indiferença se não nos agradar;
    2- quem reclama muito sobre sexo, certamente tem problema dessa natureza. e para não falar que falo besteira… eu diria às mulheres que existe um considerável número de maridos que adoram uma brincadeira com outros caras. O fato é que por serem muito sigilosos, as mulheres e as família nem percebem. E saibam Senhoras e Senhores de Família, isso não é de hoje é bem de antigamente…. e ponha antigo nisso… a questão é que agora as coisas se tornaram muito explícitas e para alguns que adoravam o mundo da proibição está ficando até chato de mais.

    Agradeço ao Ronald de Ilhabela, meu inusitado vizinho que me convidou a participar do blog e ao Gerald, que o conheci através do queridíssimo e respeitado Lourenço Mutarelli!

  112. Glorinha

    McWillian,

    Pensei no que você descreveu…acho que tem razão, então sem o cuidado de transformar essa razão nessas palavras ai embaixo, palavras tão irracionais quanto a vontade de alguns que sabem e fazem que nada sabem para nada saber e assim nada fazer…..

    Poder crescer crescendo…assim…expandindo
    Como tudo que se faz…um minuto em um milhão e tudo pode ser!
    Sentimos a dor porque a cultivamos…cultivamos no jardim da esperança do crescimento.
    Sugiro talvez…plantar um jardim inteirinho de mudanças, com mudas de esperança, que não fiquem esperando para mudar…
    Sugiro aos que conhecem compartilhem desse conhecimento…
    Sugiro aos que se acham pequenos, se achatam se escondendo de tudo e de todos sejam apanhados…e banhados de qualquer coisa que não seja a ignorância, não aquela que se chama de “burra”, mas aquela ignorância do não saber por que não pôde, mas agora que pode agarra isso e solta para o próximo que precisar.
    Talvez esse carrossel de conhecimentos e desilusões doa muito, mas essa dor…essa aceito de bom grado não fere a ninguém a não ser aquele que quer mudar, e pode ser sim de grande valia para todos…todos aqueles que vem, que virão….talvez essa vida toda de conhecimento repartido e menos frouxa tenha mais tempo para se multiplicar…

    Me desculpe, sei que isso também foi mais um bla-bla-bla, mas esse é um jeito que tenho de me comunicar….desejo mudanças para o mundo, aqui na casa onde moro hoje e em todas as outras casas não importa de onde…
    [[]]

  113. Glorinha

    McWillian,
    está tudo ok comigo sim…obrigada, é que não respondi antes de comentar, então respondo agora.
    []abraços,

  114. Nivaldo Ignacio Junior

    Deu na coluna do Claudio Humbeto Rosa e Silva

    Grupo brasileiro é barrado dos EUA
    O Human Rhythm Project, do Harris Theater, em Chicago (EUA), cancelou a participação do grupo brasileiro “Barbatuques” em sua programação Global Rhythms. A justificativa é que apesar de ter aprovado os vistos, o consulado americano no Brasil não teve tempo de entrevistar os integrantes do grupo. Quem comprou passagem, dançou… sem música.

  115. Londrina

    Collor, vc andou tomando sol na cabeça? Não acredito no que estou lendo….. Vc deve estar com o cerebro afetado. TB fazendo campanha pro Collor dia e noite, não podia dar outra.

    Mas eu te admiro….. Vc como eu, veste a camisa… Não é enrustido. È Collor é Collor. È Lula é Lula. E, podem descer o cacete.

  116. Acho ateus irmãos gêmeos de comunistas, calma, vou explicar.

    Tinha um amigo ateu, daqueles chatos, pior do que ex-fumante, porque Deus não existe, mais ou menos como comentou acima o guitarrista.

    Não faz muito tempo, estávamos viajando eu e este amigo, quando atropelei um animal na pista, uma pancada segura, o bicho subiu com a pancada e caiu pegando o teto, vidro e o capuz da Ranger, quando consegui para o carro este meu amigo ATEU vira para min e diz: “Me deus quase você nos mata”

    Estes são os ateus, não acreditam até chegar o momento de precisar que o homem olhe por eles, mas lógico está e a opinião do reacionário, anti-cotas, anti-bolsas, homofobico e por fim como alguns acham anti-social.rsrsrs, e que todo domingo vai a missa, mas não freqüenta igreja aonde tenha padre vermelho, have!!!!

  117. Biquei

    ALIBARBUDO,cumprindo suas promessas com seu pessoal.
    Até hoje ALIBARBUDO ganhou todas.

    PELA ABSOLVIÇÃO DE PAULINHO

    Fernando Melo (PT-AC)
    Leonardo Monteiro (PT-MG)
    Sandes Júnior (PP-GO)
    Wladimir Costa (PMDB-PA)
    Efraim Filho (DEM-PB)
    Dagoberto (PDT-MS)
    Abelardo Camarinha (PSB-SP)
    José Carlos Araújo (PR-BA)
    Marcelo Ortiz (PV-SP)
    Rômulo Gouvêa (PSDB-PB)

  118. Sandra

    Só uma passadinha rápida. Samuel, todo mundo tem seu próprio caminho de crescimento, e considero a ateísmo um caminho legítimo. Mas, como já disse, não é seu caso. Você não é ateu. Vou falar sobre minha própria experiência, mas não sei se ajuda. Você terá que trilhar seu próprio caminho.
    Há 10 anos, em pouco mais de uma semana, perdi meu pai, de ataque cardíaco, e minha bebê (eu estava grávida de 5 meses) e quase morri. Fiquei muito revoltada. Pensei: Por que não pude, pelo menos, acompanhar minha filha, no Céu, Inferno ou no Nada? Muitos alunos me contaram histórias muito tristes, de pais, mães, irmãos e filhos que perderam, mas a minha dor era minha e única, e eles acabaram dizendo uns para os outros: ela precisa de tempo, vamos deixá-la em paz. E saíram.
    Depois de dois anos, nasceu minha segunda filha, e quando ela tinha 6 anos, perdi dois alunos em desastres de automóvel. Um rapaz e uma moça. Lindos, alegres, cheios de vida. A menina passou por uma lenta agonia, e no dia que soube que ela morreu, fiquei muito mal, e quis rezar por ela. Tudo o que eu consegui dizer, foi: Por que, meu Deus? Por que isso tem que acontecer com meninos de 20 anos? Minha filha estava comigo, e disse-me que também tinha feito uma oração para a menina. Perguntei-lhe o que ela tinha dito, e ela respondeu:
    Que ela encontre seus amigos no Céu, e que o curto tempo que passou na Terra sirva para iluminar a vida das pessoas que a amavam.
    A oração dela foi a resposta para a minha. A menina viveu pouco, mais foi um tempo precioso e único, que marcou todos ao seu redor. Ela não passou pela vida, simplesmente. Aprendi que a vida, dure pouco ou dure muito, é valiosa, preciosa e única.
    Que Deus ilumine seu caminho. Qualquer um.

  119. O Vampiro de Curitiba

    Collor, pois eu acho os cristãos muito mais parecidos com os comunistas do que os ateus. Os comunistas têm preferência pelos “oprimidos”, tem uma fé (comunismo), têm seu profeta (Marx), têm seus santos (Stalin, Trotski, Mao) e têm seu deus (Estado).
    Tanto estou certo que o PT, por exemplo, foi formado por setores da igreja católica e pelo submarxismo.
    Os verdadeiros ateus, abominam a “fé”, o Estado, a existência de qualquer deus e prezam, acima de tudo, pelo indivíduo.. Nenhuma gota de sangue foi derramada por aqueles que pregam o individualismo e o ateísmo, todas as chacinas da humaninadade foram cometidas pelas religiões e pelas ideologias.

  120. Sandra

    Não adianta, Vamp! Ateu ou não, você vai para o Céu! Ensaie a harpa para não dar vexame.

  121. Nina

    Por falar em deus…. se ele existe deve ter criado ela…
    Na Ilustrada 50 anos, Brigitte Bardot aparece dançando balé na televisão com Michel Renault em 1959.

    Essa mulher é, na minha opinião a mais linda e mais interessante que já conheci. Quando olho prá ela vejo algo semelhante ao que vcs falam ser deus.Não sou lésbica e se fosse acharia a mesma coisa… Sim Vamp, as mulheres andam de mãos dadas.

  122. Nina

    e novamente Gerald…. o mesmo trecho…

    “ou racha de vez ou se vestem com outra roupa e perdem mais dinheiro. A raiz do problema não será resolvida com mais um bailout. Prova? A British Leyland sifu, apesar das intervenções (inúmeras) do governo britânico.”

    A Vale do Rio Doce está fazendo uma “reestruturação interna devido à crise financeira mundial. Resumindo as lindas palavras, anunciou hoje a demissão de 1300 funcinários no mundo, mais férias coletivas. O presidente da Vale diz que isso é um “ajuste momentâneo”… ou racha, ou se vestem com outras roupas….

  123. Sandraaaaaaaaaaaaaa!!

    Pode ser a harpa, ou se formar no uso do tridente!!rsrsrsrsrss

  124. Glorinha

    Vampirinho,
    e é incrivel que atrás de cada uma dessas “estradas” que vc disse está uma cabeça…geralmente humana….
    concordo com a Sandra, vc vai para o céu…aquele que vc escolher…rs
    []

  125. Londrina

    Vamp,Sandra e Collor.
    A melhores pessoas que eu conheço são ateias.
    Tem tanta gente que não vale nada ,mas usa Deus com a maior cara de pau.
    Eu acredito muito mais naqueles que ajudam sem compromisso nenhum, do que muitos que só ajudam qdo tem campanha, qdo a igreja do bairro onde moram faz eventos pra arrecadar “”COISAS” pros pobres. Ou aquele que vive na igreja (Seja qq for) com o terço na mão batendo no peito e dizendo “GRAÇAS A DEUS” Pura demagogia.

  126. Eu quero dar um beijo na boca do Mr. Throat. De língua. Pra ver se ele muda seus conceitos anacrônicos, caipiras e ultrapassados. Quem sabe assim ele não aterriza finalmente no século 21.

  127. Garganta

    Caro Vampiro,

    Considerando que Marx era leitor de Hegel, e este era cristão. Aliás, até o revoltado do Nietzsche surgir, a Filosofia foi marcada pela ilusão da possibilidade de existir uma vida perfeita que nem o Éden. Mas, convenhamos, o caos é o reinante.

    Apesar da acusação de comunista, eu preferia, e juro por Deus, a de sofista ( ou realista, como dizem). É assim que os petistas, comunistas e aliados trabalham: especulam sobre a perfeição e atacam a realidade, causando muita desgraça. Eu respeito a cidade e ataco os Robespierres da vida, inspirados por luzes ofuscantes.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  128. Maria Simone (393)

    Gostei do texto, parece um desabafo. O que importa é o que você disse, acredito que todos entenderam perfeitamente bem.

  129. Estou perdendo para o sangue-suga, Glorinha e Sandra querem porque querem que o chupa sangue vá para o ceu, enquento a minha linda de olhos verdes, acha que o comentário do Vamp sobre ateu está correto.

    Assim não vale, vou me recolher, mas que ele está fazendo curso para usar o tridente, a isto está!!

  130. Garganta

    Caro Gerald,

    Você deu muita publicidade para o que eu falei, Jesus! Agora só falta você esclarecer que eu denunciei os preconceitos; e não concordei com eles. Minha única discordância com você é, pura e simplesmente, que eu acredito ser perigosa lei especial para homossexuais. Nada mais.

    Tem até gays me assediando. Espero profundamente ( sem trocadilhos com nenhum famoso) que seja de modo amoroso e sem ocultar ódio de mim. Porque, caso inverso, logo me botam na guilhotina. Daí meu gogó não funciona mais, né.?Vida longa à cidade democrática e à minha garganta que, por defender os valores democráticos, não será decapitada pelos revolucionários.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  131. Eu respeito a cidade e ataco os Robespierres da vida, inspirados por luzes ofuscantes.

    Garganta vou tirar o chapeu para voce.

    Abraços

  132. André M.

    Prezado Garganta

    Em relação ao teu comentário das 16:17, eu concordo se:

    1 – Casais homoafetivos puderem casar legalmente, contraindo os mesmos direitos de casais heteroafetivos legalmente casados;

    2 – Casais homoafetivos puderem adotar crianças legalmente, dando a este(s) filho(s) adotivo(s) os mesmos direitos que um filho adotivo de um casal heteroafetivo tem.

    Não estamos falando em cotas, em políticas de inclusão ou qualquer outro tema desses, que segregam. Que os homossexuais tenham os mesmos direitos dos heterossexuais, simples assim. Assim estaremos falando de igualdade. E assinarei embaixo da tua revolta contra o blogueiro.

    E não me venham falar em beijo em padaria. Por favor.

    Saudações cordiais

  133. junin

    caixa alta…..existe caixa que berra? eu quero……

  134. Depois algumas pessoas chaman o collorido de radical.
    Este incompetentes tiveram 06 anos com recursos fugindo pelo ladrão para adaptarem a empresa, agora imitando o CQC, olhem isto.
    Exclusão gerou surpresa
    No entanto, os fundos “sustentabilidade/governança” estão prestes a viver uma profunda mudança em seus portfólios. Na última segunda-feira (1), entrou em vigor a nova carteira do ISE, que deve valer até 30 de novembro de 2009. E o índice sofreu diversas alterações em relação ao período anterior – a maior delas, a exclusão dos papéis da Petrobras (PETR4, PETR3).

    As ações da petrolífera correspondiam por nada menos do que 23% da carteira teórica anterior do ISE e eram uma grande aposta dos gestores de fundos “sustentabilidade/governança”. Não à toa, a saída da estatal do índice gerou grande repercussão no mercado. “A Petrobras sempre nos concedeu apresentações acerca de sua política ambiental e estávamos bastante tranqüilos em relação a isto”, afirma Valter Mendes, gestor de renda variável do Itaú.

    A própria empresa também manifestou, à época, estranheza quanto a seus papéis terem sido retirados do índice. “A companhia repudia toda e qualquer acusação infundada, como a de que não está cumprindo a legislação vigente em relação à qualidade dos combustíveis comercializados no Brasil”, afirmou a Petrobras, cuja exclusão teria sido ocasionada pelo não cumprimento da resolução do Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente) que demanda a produção de diesel com menor quantidade de partículas de enxofre. pétrobras

  135. Garganta

    Caro André M.

    Obrigado por creditar em mim a sua confiança. Eu jamais afirmei ser contrário aos homossexuais exercerem seus direitos plenos como cidadãos; muito pelo contrário, quem acompanhou a discussão na íntegra, no BLOG de Gerald, sabe disso ( aliás eu não preciso do reconhecimento da multidão para ter razão). Apenas sou contrário à defesa de direitos especiais em razão da sexualidade, cor de pele, religião e etc.. Entendo ser um absurdo entender que tais direitos especiais darão segurança e acabarão com os preconceitos. Nem cá e nem na China.

    Quanto a homossexuais serem legalmente casados, nada indica que isso seja prejudicial à sociedade( não é algo que interfere efetivamente na vida pública; mas na privada). Portanto, o Estado poderia legitimar tais casamentos, garantindo, assim, os Direitos de homossexuais. Ademais, se eu não me engano, essa legislação especial nada diz a esse respeito.

    Quanto a homossexuais adotarem crianças eu confesso que tenho um pé atrás. Aliás, eu tenho um pé atrás com qualquer gênero de família que fuja do conceito tradicional com papai e mamãe bem casados. Entendo que a presença masculina e feminina são ambas essenciais para a educação e o psicológico de uma criança. No entanto, eu sou um leigo, isto é, se psicólogos, médicos, educadores e etc. entenderem que não haveria problemas, eu concordaria sobre a possiblidade de adoção favorecendo os homossexuais. Nada de errado, não consigo ver nenhum padeiro, bebedores noturnos de leite e velhinhas revoltadas com o que é da vida –privada. O problema é se entra na esfera pública. Daí, eu, o defensor da cidade, da República, do comum, sou obrigado a fazer a defesa.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  136. Oi, Gerald. O negócio é o seguinte. É como meu amigo marcos explicou aí embaixo, passe esse texto prá o garg e lembre a ele que, na classificação indicativa do governo federal, como explicou o Jô, o beijo gay é classificaçaõ livre. Ou seja classificação livre é o pograma da : Maysa. O Gargântua será que é um Gárgula? Um gárgula que quer sugar o texto e obter prazer anal freudiano, como disse um colega lacaniano! Pai pai balão (quase-memória de Cony)? Te-te-ta-te-ta-te-tinha? Há no mundo milhóes de blogs cada um lê o seu…

    De grão em grão a galinha enche o saco!

    Marcos Xavier
    Belo Horizonte – M.G..

    Crônicas
    Se repararmos bem as atitudes humanas, não será difícil perceber o quanto o homem ainda preserva de seu lado animal, principalmente ao analisarmos seu comportamento alimentar. Não satisfeito com toda a infinidade de alimentos que a natureza lhe proporciona, o homem insiste vorazmente em provar absolutamente tudo. Animais? Já saboreou todos, sem deixar escapar nada, aproveitando rabo, focinho, língua etc. Muitos devem ter morrido ao comer plantas desconhecidas que eram venenosas. A fome, sem dúvida, faz com que muitos sejam obrigados a comer, dramaticamente, até lixo. Porém, o apetite humano vai além da fome: não bastassem os peixes, há que se comer toda a população marinha, até mesmo as ovas do peixe. Há restaurantes na Flórida que servem caranguejos ainda vivos. Sabe-se também que num exótico restaurante situado nas proximidades de New York servem-se larvas negras que se proliferam em madeiras podres. Lembre-se ainda que em algumas tribos nômades de uma república da Ásia central, uma das iguarias mais apreciadas são olhos de carneiro cozidos. Independentemente de fatores sociais, o fato é que o homem não passa de um bebê que sai engatinhando e vai colocando na boca tudo que acha pela frente. Ou uma galinha que sai ciscando. O mais radical, sem dúvida, nessa gula sem precedentes, são as tribos canibais. Entretanto, não duvido que muitos de nossa espécie “civilizada”, ao verem algumas banhas humanas, imaginem suculentos torresmos. A bem da verdade, sabemos bem de alguns que não resistiram à tentação e foram condenados à prisão e mesmo à morte. O que é isso? O resultado aberrante de uma fase oral psicótico-megalômana? Ou é simplesmente a natureza humana? Bem, resta-nos ter esperança no grande salto evolucional da antropofagia dos Andrade de 22!

  137. Oi, GT. Confira mais esse conto do Marcos (parece que tem intertexualidade com Malone Morre e Krap´s Last Tape):

    Talk Box

    Marcos Xavier
    Belo Horizonte – M.G..
    Concepção: Marcos Xavier e Beatriz Praxedes (Bel.Turismo -Newton de Paiva)

    Contos
    23:07. Malone debruçou-se, ofegante, sobre o parapeito da janela de seu apartamento, no oitavo andar, diante da esfumaçada capital, ainda perturbado pelo trágico crime que acabara de cometer. Ao olhar para suas mãos, ainda trêmulas e sujas de óleo, começou a se lembrar, pouco a pouco, de como principiara sua dramática história…

    Tudo começou quando ouvira falar de uma tal máquina que conversava. É, máquina que conversava! Achou que era papo daquele chato do 3o. andar, que vinha sempre lhe importunar no elevador, falando sobre carros, motos, motores etc. A aversão que tinha a assuntos banais levava-o a sentir-se tão solitário, já àquela época, que resolvera, uma noite, conferir o disparate.

    A lembrança viva daquela noite fria de agosto, no Bar Baridade, domina-o subitamente, exercendo-lhe, com todos os seus detalhes, um misto de fascínio e rancor…

    Ambiente aconchegante, meia-luz, clima noir…Lá estava ela! Era mais bonita do que pensara e, observando bem, até que tinha um certo charme. Encantou-se, imaginando como seria ela de perto, com toda a luz que emitia. Ao mesmo tempo que sentia aquela irresistível atração, receava-se do primeiro contato, não sabia mesmo o que fazer.

    Depois de uma dose de conhaque, enfim, se decidiu. Aproximando-se, introduziu a ficha e se apresentou, ao que ela, graciosamente, emitiu o primeiro som:

    — Boa noite, meu nome é Talk Box. Por onde deseja começar? Neste conjunto de teclas que você vê em meu corpo, selecione o assunto desejado, pressionando a tecla correspondente. Pode me tocar, não seja tímido!

    Malone passou os olhos timidamente pelo corpo de Talk Box e, meio trêmulo, pressionou a tecla “História do Teatro”, ao que a sofisticada máquina prontamente se manifestou:

    — Você escolheu um assunto muito interessante!

    — Aposto que ela diz isso para todos, pensou Malone.

    — Descreva-me, agora, qual a imagem que lhe vem à mente, a princípio, do teatro na antiga Grécia – murmurou, sedutora, Talk Box, silenciando-se por um minuto, para que ele pudesse falar.

    — Bem, imagino-me no topo de um grande teatro de pedra. Ao fundo, um impressionante cenário natural. No palco, vejo uma encenação de Antígona, de Sófocles…

    23:24. O som perturbador de várias buzinas na movimentada avenida interrompe-lhe repentinamente a lembrança. A realidade ameaça-o: “Assassino!” Como que para esquivar-se desse insuportável tormento, Malone tenta concentrar-se novamente em sua história.

    Recorda-se bem, então, que mal podia acreditar no que acontecera naquela noite: encontrara alguém – se é que assim podia dizer – com quem podia falar sobre coisas de que gostava!

    O entusiasmo o levara a freqüentar assiduamente o Bar Baridade. Dia após dia, descobria mais e mais afinidades com Talk Box. Já não se sentia tão só. Foram assim todas as semanas seguintes e também os meses, até que o destino lhe reservasse o macabro episódio que vivera momentos antes de estar ali, tão desgraçadamente debruçado naquela janela…

    A cena do crime provocou-lhe um súbito arrepio. Adentrara o Bar Baridade, mais feliz do que nunca, quando deparou-se com algo que realmente não esperava: sua “Talk” – como passara intimamente a chamá-la – conversava com…outro!

    Atônito, mas sem perder o controle, sentou-se no balcão, pediu uma dose dupla de conhaque e passou a observar minuciosamente a conversa de Talk com o intruso.

    No princípio, ele riu, aliviado, percebendo que falavam sobre literatura infantil.

    Momentos depois, entretanto, não pôde conter sua indignação: Talk e seu rival passaram a falar sobre aquele assunto que ele próprio havia adiado tanto, esperando ansiosa e delicadamente pelo momento ideal para abordá-lo: o Amor.

    Sem hesitar um segundo, tomado por uma ira incontrolável, Malone sacou de seu revólver calibre 38 e disparou cinco tiros contra a vagabunda…

    Uma série de pequenas explosões e faíscas iluminaram todo o bar, enquanto frases desconexas começaram a ser emitidas desordenadamente por Talk Box, como “O Sendero Luminoso, de inspiração maoísta … (cleng!) … O Uruguai foi o vencedor da 1a. Copa do Mundo … (cleng!) … Boa noite, meu nome é Talk Box … (cleng!) … Baudelaire criou uma nova técnica poética … (cleng!) … Pode me tocar, não seja tímido! … (cleng!)”. Aos poucos, entretanto, suas luzes foram-se apagando, ao passo que um denso óleo começou a escorrer de suas entranhas…

    23:49. Um intenso caos se instalou no trânsito da movimentada avenida, provocado pelo corpo estirado no asfalto.

  138. Sandra Nascimento

    GT

    Olá, de onde saiu esse Garganta, em que mundo ele vive??

    Reacionário, Autoritário, Homofóbico !!!!!

    Como uma pessoa pode resumir a vida à critérios tão simples e medíocres ???

    Realmente, comojá disseram algumas vezes : “eu seria mais feliz se fosse ignorante”.

    Bjs e até.

    Sandra

  139. Nina

    Lucio Jr.

    que lindo!!!!
    onde encontro mais?

  140. André M.

    Prezado Garganta

    Tenha certeza que, se, nos casos aonde já ocorreram adoções por casais homoafetivos (mesmo esta adoção sendo “incompleta”, pois legalmente é feita apenas por uma das pessoas do casal), não aconteceu nenhum caso de grave ou mesmo leve dano para o adotado. Se isso tivesse ocorrido, as gralhas púdicas já estariam usando isto como argumento.

    O único fator ainda lamentável é a falta de capacidade das pessoas de lidar com esse tipo de situação, o que causa algum constrangimento para essas crianças adotadas. Porém, a bem da verdade, a sociedade rejeita e pune tudo que é diferente, e uma criança adotada (um item diferente) por um casal homoafetivo (um segundo item diferente), não escaparia ilesa desta nossa falta de senso e humanidade. Mas ela poderia sofrer constrangimento por ser gorda, alta, negra, branca demais, judia, por ter um nariz grande, por ter cabelos encaracolados, ser canhota, muçulmana, sikh, usar cabelos compridos por conta de uma promessa ou por torcer para um time de segunda divisão. O constrangimento é inerente de nossa humanidade fedida.

    Então, como eu afirmei, o único porém para a adoção de crianças por casais homoafeitvos, além da questão legal, é o preconceito, nada mais que isso. Já existem adultos que foram adotados quando crianças por casais homoafetivos e hoje demonstram o quanto isso não tem qualquer importância no desenvolvimento sócio-cultural e afetivo destas pessoas, tirando os constrangimenos que sofreram por conta dessa condição (e que poderiam ter sofrido por outro fator qualquer), inclusive não sendo este fator da adoção de qualquer relevância em sua escolha afetiva (na sua escolha entre ser homo ou heterossexual).

    Agora so faltam botar a culpa na pilula. Espero que nos poupem dessa.

    Saudações cordiais

  141. gthomas

    Daqui a pouco eu entro e comento, num momento mais livre
    Mil desculpas mas aqui esta um frio cao (cachorro) e o dia esta extremamente ocupado
    daqui a pouco leio
    Comento
    LOVE
    G

  142. susan Clayre

    Mariza…o BLOG eh livre..le quem quer e quem gosta ….
    Entao lea e fique na sua se nao for para acrescentar algo , para o bem ou mal , nao escreva…
    mas nao critique o escritor…please!!!.

  143. susan Clayre

    Nao sou Dograda (nem ex drogada) nao sou Gay…sou uma Mae de familia….mas acho que nao devemos nem temos como comparar GAY a Drogados…
    Vivemos em sociedade , e cada um tem sua opcao sexual, se nao quizerem **impor que todos sejam iguais…se viverem cada um na sua , sem prejudicar ao cidadao ao ladao qual e o problema ou diferenca , de um casal Gay se beijando , de um casal **que voces chamam de NORMAL ** (homem e mulher).
    sendo beijos de amor , carinho…nada que seja **explicito e sexual…natural e lindo de se ver…na churrascaria , ou na padaria….

    O que importa eh o amor e respeito ….

    Seja no Brasil , Estados Unidos , Europa….

    Geraldo,

    Voce a cada texto mais magnifico…cada dia mais adoro ler seus textos…e tentar **viajar** ….

    So que esse ultimo ficaram coisas na **entre linhas** …hum….

    Beijos

  144. Luciana

    Alain Finkielkraut nos relembra o que pode ocorrer quando as considerações ésticas são silenciadas, a empatia se extingue e as barreiras morais se desvanecem:

    A violência nazista era cometida não porque se gostasse dela, mas pelo dever, não por sadismo, mas por virtude, não com prazer, mas com métdo, não por uma liberação de impulsos selvagens e um abandono dos escrúpulos , mas em nome de valores superiores, com competência profissional e tendo constantemente em vista a tarefa a ser realizada.

    Essa violência foi cometida, permitam-me acrescentar, em meio ao silêncio ensurdecedor de pessoas que particularmente se consideravam criaturas éticas e decentes, mas que não viam razão para que as vítimas da violência, que há muito tempo já não eram consideradas membros da família humana, devessem ser alvos de alvos de sua empatia e compaixão moral.

    Parafraseando Gregory Bateson, quando a perda da comunidade moral se combina com a tecnologia avançada para lidar com qualquer coisa que seja vista como um problema incômodo, a chance de sobrevivência dela será a mesma de uma bola de neve no inferno. Uma vez acopladas à indiferença moral, as soluções racionais para os problemas humanos formam uma mistura explosiva.

    Muitos seres humanos podem perecer na explosão, mas a vítima principal é a humanidade dos que escapam da perdição.

    Zygmunt Bauman

  145. susan Clayre

    PS. o **GERALDO** eh brincadeirinha…nao fica chatiado…
    Gerald Thomas…

    Beijos

  146. Tene Cheba

    Engraçado, a humanidade é mesmo um desafio permanente a lógica.Por isso Analistas faturam horrores nesse Brasil de Deus, limpo, desinfetado, com suas padarias que só exalam o perfume do trigo assando, do pão doce, né mesmo.Duas pessoas, que q

  147. O texto é longo, fica a seu criterio publicar ou não, mas contribuiria para o debate.

    TREZE MOTIVOS PARA SER CONTRA O CASAMENTO OU ADOÇÃO DE CRIANÇAS POR CASAIS HOMOSSEXUAIS.

    “As crianças têm direito a uma família e a um casamento normal”.

    1 – Os homossexuais como todos, podem casar-se e não é discriminatório que muitos prefiram não fazê-lo. Os homossexuais podem casar-se com os mesmos direitos e obrigações que os heterossexuais. Quer dizer, só com outra pessoa e do sexo oposto e que tenha certa idade e dê seu consentimento. Que um homossexual se queixe de discriminação porque não lhe deixam casar-se com alguém do mesmo sexo é como se um polígamo se queixasse de discriminação porque não lhe deixam casar-se com várias mulheres… Não há discriminação: a lei é igual para todos e a sociedade tem um modelo de casamento que tem demonstrado a sua eficiência durante séculos.

    2 – Casar homossexuais é um experimento social inédito; é um experimento social que nunca antes foi tentado. Nenhuma civilização implantou o casamento homossexual. Mesmo as sociedades que permitiam a homossexualidade e até a fomentavam em certas idades e classes sociais, como os gregos antigos, entendiam claramente o casamento como a união estável entre um homem e uma mulher abertos a terem filhos. Uma coisa eram as práticas sexuais dos cidadãos, e outra muito diferente a família, a geração e a educação dos filhos. A homossexualidade assumiu muitas formas em distintas sociedades, mas nunca foi relacionada com o casamento. Fazer experiências com o modelo social é irresponsabilidade e perigoso, embora muitos defendam essa experiência por razões ideológicas de repúdio à família e não por razões científicas e nem sequer de demanda social (a imensa maioria da população mundial é contra).

    3 – Não existe o gen homossexual. O homossexual não nasce, se faz. Não é possível demonstrar cientificamente que a homossexualidade está ligada à herança genética ou que a tendência a ser homossexual esteja determinada desde o nascimento. O que está demonstrado e que é defendido por um amplo e respeitável setor científico é que a prevalência da tendência homossexual obedece a fatores ambientais e está condicionada pela própria psicologia e educação. Qualquer pessoa pode realizar atos homossexuais se quiser e pode também deixar de realizá-los se quiser. Por isso, a maioria dos homossexuais pode deixar de sê-lo como a terapia clínica tem demonstrado… Um ambiente favorável à homossexualidade aumenta o número deles nesse ambiente; por outro lado, em um ambiente onde a homossexualidade é tolerada mas não propagada, diminui o número de homossexuais.

    4 – Para evitar os abusos contra os homossexuais não é preciso aprovar o casamento de homossexuais. Quase todos os benefícios de um matrimônio a nível de heranças, transmissão de bens, propriedades compartilhadas, etc., podem ser regulados por duas pessoas, ou mais, com acordos legais, independentemente de que tenham relações sexuais. De fato os poucos pares homossexuais realmente interessados nesses temas já estabeleceram acordos entre si. O problema aqui é muitas vezes outro: a instabilidade dessas relações faz com que muitas das previsões relativas ao casamento não sejam aptas para as uniões homossexuais, por essa instabilidade. Se um homossexual varão tem como média relações com 39 pessoas ao longo de sua vida, com quantas se casará? De quantas de divorciará? Quais delas terão esses direitos legais, posto que com todas, ou algumas, estiveram casadas? E quando estiver se fartado de casar, não terão os pares posteriores esses mesmos direitos?

    5 – Legalizar o matrimônio homossexual estabelece uma distorção em comparação com as pessoas que vivem juntas sem relações sexuais. Duas idosas que vivem juntas, três irmãos em uma casa, quatro amigos que compartilham a mesma casa há anos…, têm uma relação com afetividade, compromisso e convivência igual que podem ter dois homossexuais. Entretanto, se vêem privadas das vantagens legais do casamento gay porque não praticam sexo entre eles. O casamento gay em realidade premia os praticantes de certo tipo de sexo, privilegiando-lhes sobre outras convivências afetivas e estáveis. É evidente a diferença com o casamento comum, que premia a complementaridade homem-mulher estável e está aberta à geração e criação dos filhos.

    6 – Legalizar o casamento homossexual estabelece um agravo comparativo com os polígamos… e com qualquer outra combinação numérica. Ao contrário do casamento homossexual que nunca foi aceito por nenhuma civilização, a poligamia tem uma larga tradição e numerosos países e sociedades, inclusive em nossos dias. Se se casam dois homens, com que argumentos impediremos a nossos cidadãos muçulmanos ou de origem sub-saariana que não se casem com duas ou mais mulheres? Pode um emigrante pedir por reagrupação familiar e que venham suas três esposas? Ao menos, as uniões polígamas tradicionais têm filhos e são estáveis, o que é um bem social. Com que argumentos os defensores do casamento gay o impediriam? Nos ambientes homossexuais o que se pede é a aprovação da poligamia bissexual. Um famoso escritor o exemplificava em um número da revista homossexual Zero: um amigo seu está casado com uma mulher, mãe de seus filhos; mas é homossexual, e tem uma relação com um homem. Por que esconder? Por que não casar-se todos entre eles? Assim, as crianças teriam dois pais. Quando o casamento deixa de ser o que é (um homem e uma mulher unidos em um ato de amor que pode gerar novas vidas), então, pode redefinir-se para ser qualquer coisa.

    7 – Legalizar o casamento gay debilita o casamento heterossexual, da mesma forma que a moeda falsa debilita a moeda verdadeira. Muitas pessoas pensam que não lhes afeta em nada que os homossexuais se casem. É o mesmo que pensar: “não me afeta em nada que haja gente que faça circular notas falsas de 100 reais, eu sou honrado e não as usaria, de fato quase nunca vejo notas de 100 reais”. Entretanto, é evidente que a circulação de notas falsas nos afeta a todos, porque se perde a confiança no dinheiro, as pessoas as usam com reticências e preferem usar outras moedas (dólares por exemplo) ou não comerciar ou não aceitar certas notas e ao final a economia de todos se recente porque tudo fica mais caro. O mesmo acontece quando se faz circular um casamento falso como se fosse casamento. Nos paises nórdicos, onde as uniões são equiparadas ao casamento, a metade das crianças nascem fora do casamento. Ao dar à união homossexual a legalidade de casamento se dá a mensagem à sociedade de que na realidade casar-se não significa nada nem se contrai nenhuma responsabilidade ante os filhos. Como conseqüência as pessoas não se casam e seu compromisso é débil. Assim como a moeda falsa cria desconfiança no sistema econômico, o casamento falso cria desconfiança no compromisso inter-pessoal e social. Uma sociedade baseada na desconfiança, a desvinculação e a falta de compromisso nunca funcionará tão bem como uma baseada em famílias estáveis, comprometida por toda a vida com o bem estar dos cônjuges, crianças e parentes.

    8 – Na realidade poucos homossexuais se casam; o objetivo do movimento gay é destruir o matrimônio heterossexual. Reconheceram isso muitas vezes os lideres homossexuais na Espanha e no resto do mundo. Na realidade muito poucos deles querem se casar. Mas o movimento homossexual político força a exigência do casamento para mudar a sociedade e eliminar uma instituição (o matrimônio monólogo e por toda a vida) em que não crêem. “Lutar pelo casamento do mesmo sexo e seus benefícios e então, uma vez garantido, redefinir a instituição do casamento completamente, pedir o direito de casar-se não como uma forma de aderir-se aos códigos morais da sociedade, senão de desbancar um mito e alterar radicalmente uma instituição arcaica. […] A ação mais subversiva que podem empreender os gays e lésbicas […] é transformar por completo a noção de família”. [Michael Signorile, ativista homossexual e escritor, citado em “Crisis Magazine”, 8 de janeiro de 2004]. O ativismo homossexual não quer formar “famílias como as demais”. Mas querem fazer com que todas as famílias sejam como as suas, para a qual a chave é desmontar “conceitos arcaicos e caducos como fidelidade, monogamia, compromisso, fecundidade, paternidade, maternidade”, etc.

    9 – Legalizar o casamento homossexual significa legalizar a entrega de crianças a homossexuais. Há gente que diz “eu vejo bem que os gays se casem, mas que não adotem filhos”. É um erro pensar que se vai legalizar o casamento sem a adoção: se se legaliza o casamento, se incluirá sempre a adoção. Quem apóia uma coisa está apoiando a outra, queira ou não, porque nosso direito permite adotar conjuntamente aos cônjuges: uma vez casados, já são cônjuges, e poderão adotar. Ainda que algumas lésbicas tenham filhos de relações anteriores, os buscaram (mediante inseminação artificial ou com cooperação de um homem) a adoção acontece para que os homossexuais que, obviamente, não têm filhos, concordem com a educação de crianças que, obviamente, eram de casais heterossexuais. A adoção de homossexuais tem diversas desvantagens para a sociedade que a permita, começando que a escassez de crianças faz que se tragam crianças da China, Rússia e outros paises… que não vão dar crianças a países onde os homossexuais adotem. Assim, o desejo de uma minoria ínfima vai dificultar a milhares de casais que querem adotar. Mas, o ponto chave é que uma criança tem direito a um pai e a uma mãe, direito violado se ela for entregue a dois homens ou a duas mulheres. Duas pessoas do mesmo sexo não são idôneas para a criação e educação das crianças, que careceriam de referencias paterno/masculino (se são duas lésbicas) ou materno/feminino (se são dois homossexuais).

    10 – Legalizar o casamento homossexual significa por toda a máquina educativa do Estado a serviço do homossexualismo político. Se o casamento gay é legal, isto será ensinado nas escolas. Os livros textos das crianças explicarão a doutrina que as associações homossexuais tenham indicado: que a homossexualidade é normal, que é bom ter dois pais e duas mães, que as crianças devem experimentar sua sexualidade para descobrir que sexo lhes atrai mais e que as pessoas que se opõem à homossexualidade (como os pais das crianças cristãs) são intolerantes. ´De de se supor que cada seriado de televisão terá seu par de homossexuais ou lésbicas com crianças, convivendo felizes para exemplo e edificação de tantos casamentos com problemas. De fato, há na Espanha centros de “scouts” e de ócio infantil que ativamente difundem já esta ideologia.

    11 – Legalizar o matrimônio homossexual implicará a médio prazo multas e penas de cadeia para quem criticar a atividade homossexual. Na Suécia, onde há uniões gays desde 1995 com adoção de crianças desde 2002, se decretou pena de cadeia para um pastor luterano que se limitava a pregar as palavras de São Paulo sobre a homossexualidade. Outro país onde criticar a homossexualidade tem gerado multas e processos é o Canadá. O grau de respeitabilidade da relação gay (não já da pessoa, que obviamente é merecedora de respeito simplesmente por ser pessoa) será extremo e sua critica punível. A liberdade de expressão se verá cortada e provavelmente também a liberdade religiosa. Muitos de nossos bispos e líderes cristãos acabarão na cadeia.

    12 – A legalização do casamento homossexual provocará uma queda na qualidade da vida. Os homossexuais têm menor esperança de vida e são mais propensos a sofrer conflitos psicológicos e a manifestar tendências suicidas. Muitos homossexuais vivem a homossexualidade como sofrimento. As mesmas publicações gays mostram que o alto índice de incidência de desordens afetivas e de patologias de conduta entre os homossexual. A AIDS, como sendo um dos fatores mais importantes, não é, desde o ponto de vista da saúde, o que mais incide na diminuição da esperança de vida gay. A homossexualidade geralmente é acompanhada de adições não saudáveis e de transtornos como ânsias neuróticas e, na idade mais adulta, de solidão. A proposta generalizada da homossexualidade como opção de vida saudável originaria um incremento dos gastos de saúde de toda a sociedade.

    13 – Legalizando o casamento homossexual, a Espanha alargará seu abismo com outras civilizações e a própria cultura ocidental. Casar homossexuais e desvalorizar a família não vai ajudar a nada o diálogo Oriente-Ocidente nem a mostrar as bondades da democracia. Chamar de “direitos humanos” ao casamento homossexual, para que o mundo no Ocidente veja que impôs uma moral (ou uma imoralidade, desde seu ponto de vista) não baseada na natureza comum do ser humano senão no individualismo, o materialismo e o hedonismo. Milhões de muçulmanos e chineses (e a autoridade moral do Ocidente) serão prejudicados por esta pedra no modo de estender uma autêntica democracia e direitos humanos para todos. Há, pois razões práticas de convivência internacional para que uma sociedade responsável diga “não” ao casamento de homossexuais desde o respeito a essas pessoas.

    Nenhum de nossos argumentos é de índole religiosa. Permitir o casamento homossexual e a adoção de crianças por homossexuais é atentar contra as famílias e supõe um grave dano às crianças e à sociedade toda.

  148. Luciana

    A arte teria deixado de cumprir uma função concreta, não comunicaria mais nada que a sociedade pudesse captar e utilizar; mais ainda, estaria em contradição com todo o sistema das atividades culturais e produtivas da sociedade contemporânea. Tem sido avançadaa hipótese de que a civilização do futuro venha a ser uma civilização sem arte, e prevêem-se as consequências netagivas; dado que , em toda a história da humanidade, a arte tem sidoa expressão de uma vontade ou aspiração criativa, olha-se com justificada angustia para uma sociedade sem impulsos criativos, incapaz de dar um sentindo não apenas contingente e utilitário ao trabalho, incapaz de constituir o ambiente da vida sob formas que reflitam uma concepção positiva do mundo.

    Giulio Argan/ Arte e Crítica da Arte

  149. O texto é longo, fica a seu criterio publicar ou não, mas contribuiria para o debate.

    TREZE MOTIVOS PARA SER CONTRA O CASAMENTO OU ADOÇÃO DE CRIANÇAS POR CASAIS HOMOSSEXUAIS.

    “As crianças têm direito a uma família e a um casamento normal”.

    1 – Os homossexuais como todos, podem casar-se e não é discriminatório que muitos prefiram não fazê-lo. Os homossexuais podem casar-se com os mesmos direitos e obrigações que os heterossexuais. Quer dizer, só com outra pessoa e do sexo oposto e que tenha certa idade e dê seu consentimento. Que um homossexual se queixe de discriminação porque não lhe deixam casar-se com alguém do mesmo sexo é como se um polígamo se queixasse de discriminação porque não lhe deixam casar-se com várias mulheres… Não há discriminação: a lei é igual para todos e a sociedade tem um modelo de casamento que tem demonstrado a sua eficiência durante séculos.

    2 – Casar homossexuais é um experimento social inédito; é um experimento social que nunca antes foi tentado. Nenhuma civilização implantou o casamento homossexual. Mesmo as sociedades que permitiam a homossexualidade e até a fomentavam em certas idades e classes sociais, como os gregos antigos, entendiam claramente o casamento como a união estável entre um homem e uma mulher abertos a terem filhos. Uma coisa eram as práticas sexuais dos cidadãos, e outra muito diferente a família, a geração e a educação dos filhos. A homossexualidade assumiu muitas formas em distintas sociedades, mas nunca foi relacionada com o casamento. Fazer experiências com o modelo social é irresponsabilidade e perigoso, embora muitos defendam essa experiência por razões ideológicas de repúdio à família e não por razões científicas e nem sequer de demanda social (a imensa maioria da população mundial é contra).

    3 – Não existe o gen homossexual. O homossexual não nasce, se faz. Não é possível demonstrar cientificamente que a homossexualidade está ligada à herança genética ou que a tendência a ser homossexual esteja determinada desde o nascimento. O que está demonstrado e que é defendido por um amplo e respeitável setor científico é que a prevalência da tendência homossexual obedece a fatores ambientais e está condicionada pela própria psicologia e educação. Qualquer pessoa pode realizar atos homossexuais se quiser e pode também deixar de realizá-los se quiser. Por isso, a maioria dos homossexuais pode deixar de sê-lo como a terapia clínica tem demonstrado… Um ambiente favorável à homossexualidade aumenta o número deles nesse ambiente; por outro lado, em um ambiente onde a homossexualidade é tolerada mas não propagada, diminui o número de homossexuais.

    (continua)

  150. O texto é longo, fica a seu criterio publicar ou não, mas contribuiria para o debate.

    TREZE MOTIVOS PARA SER CONTRA O CASAMENTO OU ADOÇÃO DE CRIANÇAS POR CASAIS HOMOSSEXUAIS.

    “As crianças têm direito a uma família e a um casamento normal”.

    1 – Os homossexuais como todos, podem casar-se e não é discriminatório que muitos prefiram não fazê-lo. Os homossexuais podem casar-se com os mesmos direitos e obrigações que os heterossexuais. Quer dizer, só com outra pessoa e do sexo oposto e que tenha certa idade e dê seu consentimento. Que um homossexual se queixe de discriminação porque não lhe deixam casar-se com alguém do mesmo sexo é como se um polígamo se queixasse de discriminação porque não lhe deixam casar-se com várias mulheres… Não há discriminação: a lei é igual para todos e a sociedade tem um modelo de casamento que tem demonstrado a sua eficiência durante séculos.

    2 – Casar homossexuais é um experimento social inédito; é um experimento social que nunca antes foi tentado. Nenhuma civilização implantou o casamento homossexual. Mesmo as sociedades que permitiam a homossexualidade e até a fomentavam em certas idades e classes sociais, como os gregos antigos, entendiam claramente o casamento como a união estável entre um homem e uma mulher abertos a terem filhos. Uma coisa eram as práticas sexuais dos cidadãos, e outra muito diferente a família, a geração e a educação dos filhos. A homossexualidade assumiu muitas formas em distintas sociedades, mas nunca foi relacionada com o casamento. Fazer experiências com o modelo social é irresponsabilidade e perigoso, embora muitos defendam essa experiência por razões ideológicas de repúdio à família e não por razões científicas e nem sequer de demanda social (a imensa maioria da população mundial é contra).

  151. McWilliam

    Glorinha
    Voce e’ uma mulher sensivel. A sua delicadeza se chocou com a forma literal com que falei do TERROR brasileiro.
    O fato em si nao te choca tanto.
    Pois o TERROR no Brasil e’ banalizado a tal ponto, nao choca, acostuma !
    Eu perdi o contato com uma garota que conheci ai, chamada Daria.
    Ha muitos anos atras, ja eram 2 da madrugada e ela queria contemplar a noite sentada num canteirinho que havia na Paulista com Consolacao, pra continuarmos embalados no bate-papo.
    No panico de proteger-nos, eu a advertia que ali nao podia, pois era muito perigoso.
    Ela riu, insistiu que a noite estava linda e que nenhum perigo havia ali.
    Nao me lembro com precisao agora, mas a Daria tinha vindo da Chechenia ou da Bosnia, onde vivera a ver explodir-se predios e casas de amigos, vizinhos e familiares.

    Ha algumas semanas atras eu estava no aeroporto de Madid e conversava com uma brasileira que estava embarcando prai com um espanholzinho de 1 ano no colo.
    Ela me dizia que a Marta Suplicio em visita a Espanha fora perguntada sobre a violencia no Brasil, no que ela entao prontamente teria replicado: No Brasil pelo menos no’s nao temos terrorismo.
    Ha poucos dias eu postei um comentario aqui em que eu perguntava se para ser terrorismo tinha que explodir 100 no mesmo preciso instante, tudo de uma vez so’.
    Porque sabemos que, considerando a “media aritimetica” -aquilo que realmente acontece- podemos afirmar que ontem foram explodidos 200 brasileiros; que hoje ate a meia noite, terao sido explodidos mais 200; que amanha acontecera o mesmo e que todo dia 200 brasileiros inocentes – cujo proximo pode ser eu ou voce – tem o mesmo fim.
    Sem falar no outro tanto, mortos esmagados pelos que pilotam automoveis; sem falar nos que ficam aleijados; sem falar nos que morrem de mortes evitaveis ate como disenteria.
    Entao isso nao e’ TERROR ?
    Entao eu fui rude ou exagerado na forma como escrevi
    Ou entao eu sou um imbecil mesmo ou um debil mental, com todo respeito aos debeis mentais neuro-patoligicamente diagnosticados.

    Eu penso que este argumento de que se cada um fizer a sua parte e bla-bla… NAO e’ SUFICIENTE.

    TRABALHO de BASE o PT ja fez
    Ainda assim so subiu quando previamente negociou com a Grande Midia.
    A piramide tem que ser invertida
    Nao e’ na base desta que esta a melhoria
    Ta na exigencia que devemos fazer aos NOVOS FIDALGOS, sejam eles baianos ou nao.
    `Aqueles que dancam nas baladas da corte, que desfrutam da realeza, que fazem a farra e aparecem na TV como estrelas.
    Dos Chicos que escalaram por vossas cabecas ate chegarem num ponto em que nao precisam mais cantar em protesto.
    Abrir o bico agora e’ contra a Magestade

    Via internet
    Online
    Pode-se acabar com a farsa

    Por que nao se pode ter um nova ideia aqui ?

    Por que ? Por que ? POR QUE ???

  152. McWilliam

    Glorinha
    Voce e’ uma mulher sensivel. A sua delicadeza se chocou com a forma literal com que falei do TERROR brasileiro.
    O fato em si nao te choca tanto.
    Pois o TERROR no Brasil e’ banalizado a tal ponto, nao choca, acostuma !
    Eu perdi o contato com uma garota que conheci ai, chamada Daria.
    Ha muitos anos atras, ja eram 2 da madrugada e ela queria contemplar a noite sentada num canteirinho que havia na Paulista com Consolacao, pra continuarmos embalados no bate-papo.
    No panico de proteger-nos, eu a advertia que ali nao podia, pois era muito perigoso.
    Ela riu, insistiu que a noite estava linda e que nenhum perigo havia ali.
    Nao me lembro com precisao agora, mas a Daria tinha vindo da Chechenia ou da Bosnia, onde vivera a ver explodir-se predios e casas de amigos, vizinhos e familiares.

    Ha algumas semanas atras eu estava no aeroporto de Madid e conversava com uma brasileira que estava embarcando prai com um espanholzinho de 1 ano no colo.
    Ela me dizia que a Marta Suplicio em visita a Espanha fora perguntada sobre a violencia no Brasil, no que ela entao prontamente teria replicado: No Brasil pelo menos no’s nao temos terrorismo.
    Ha poucos dias eu postei um comentario aqui em que eu perguntava se para ser terrorismo tinha que explodir 100 no mesmo preciso instante, tudo de uma vez so’.
    Porque sabemos que, considerando a “media aritimetica” -aquilo que realmente acontece- podemos afirmar que ontem foram explodidos 200 brasileiros; que hoje ate a meia noite, terao sido explodidos mais 200; que amanha acontecera o mesmo e que todo dia 200 brasileiros inocentes – cujo proximo pode ser eu ou voce – tem o mesmo fim.
    Sem falar no outro tanto, mortos esmagados pelos que pilotam automoveis; sem falar nos que ficam aleijados; sem falar nos que morrem de mortes evitaveis ate como disenteria.
    Entao isso nao e’ TERROR ?
    Entao eu fui rude ou exagerado na forma como escrevi
    Ou entao eu sou um imbecil mesmo ou um debil mental, com todo respeito aos debeis mentais neuro-patoligicamente diagnosticados.

    Eu penso que este argumento de que se cada um fizer a sua parte e bla-bla… NAO e’ SUFICIENTE.

    TRABALHO de BASE o PT ja fez
    Ainda assim so subiu quando previamente negociou com a Grande Midia.
    A piramide tem que ser invertida
    Nao e’ na base desta que esta a melhoria
    Ta na exigencia que devemos fazer aos NOVOS FIDALGOS, sejam eles baianos ou nao.
    `Aqueles que dancam nas baladas da corte, que desfrutam da realeza, que fazem a farra e aparecem na TV como estrelas.
    Dos Chicos que escalaram por vossas cabecas ate chegarem num ponto em que nao precisam mais cantar em protesto.
    Abrir o bico agora e’ contra a Magestade

    Via internet
    Online
    Pode-se acabar com a farsa

    Por que que ao inves de se ficar apenas bla-bla-blando nao se pode ter um nova ideia aqui ?

    Por que ? Por que ? POR QUE ???

  153. Robson de Oliveira

    Alguém realmente teve o ótimo humor de revestir as estruturas esqueléticas com orgãos idênticos divididos em duas seções distíntas. Em seguida para idealizar esse humor, mudou completamente os invólucros externos, alterando-lhes a pigmentação, e depois para complicar mesmo, programou cada cérebro de forma diferente. Saiu correndo e deixou a coisa andar.
    Deve estar rindo muito de tudo isso! Com certeza!

  154. Tene Cheba

    Engraçado, a humanidade é mesmo um desafio permanente a lógica.Por isto analistas faturam horrores nesse Brasil de Deus, limpo, desinfetado, puro, ariano.Brasil, com suas padarias que só exalam o o perfume do trigo assando, do páo doce. Brasil dos caretas, dos pudicos, das vergonhas escondidas do vizinho ao lado, mas que todo o bairro sabe.Então duas pessoas não podem se beijar?Mas duas crianças podem cheirar cola, queimar as pedras, se movimentar detonado nas frentes de seus lindos bêbes? Cadê o choque?Cadê os 13.000 volts de indignação?Não posso discernir entre dois seres se beijando em que isto afeta a minha naturalidade.São visões que não me causam nenhum impacto.Fale das Burcas, das meninas do Egito, fale da fome, da desesperança em Darfur, fale do Congo, da violência sexual, fale de tudo, e não fale do beijo, o Baby verá que aquilo é muito indiferente a nossa podridão Moral e dos Bons Costumes. Beijem mais, se abracem mais, não vale apena morrer só.

  155. Nina.

    Boa noite.
    Pode ser que eu tenha sido infeliz em classificar como possível orgulho tua anunciada decisão verdade minha intenção foi pedir que você comentasse de todo. Leio todos os comentários. Sempre aprendo algo .E gosto da interação que temos.
    Entendi melhor agora tua intenção e com alegria noto que estás participando.
    E a participação feminina seja a favor ou contra as minhas simples colocações são da maior importância.
    Sem as formidáveis mulheres seriamos um bando de marmanjos discutindo. Sem ao menos termos a ternura que vocês mulheres participantes queiram ou não deixam marcadas em seus comentários.
    Aceite um abraço.
    Obrigado.

    Pacheco.

  156. Gayzito

    Gayzito : Sou homem ( fisicamente ) qual anticoncepcional com mais hormonio feminino?gente, quero ter um corpo feminino, pois já tenho uma bundinha linda, mas quero mais. gostaria de saber o melhor anticoncepcional para ter um corpo mais feminino e qual é que tem mais hormoninos feminino. no momento tomo microvlar. Bjs

    Ana : eh melhor vc perguntar pra uma ginecologista
    mas geralmente as injeções são mais fortes
    mas nao faz mal vc tomar isso??
    se nao fizer, vc pode ir numa farmacia msm e perguntar pro farmaceutico, mas eh perigoso usar anticoncepcional sem consultar o médico pq dependendo do seu corpo e do remedio q vc tomar, pode dar trombose, por isso é bom ir no médico.
    Se vc tiver vergonha de ir sozinho, marca pra uma amiga .

    Stefany : NAO FAÇA ISSO VC NASCEU HOMEM SEJA UM
    OLHA VC VAI FICAR DANDO O RABO E DEPOIS PEGA UMA AIDS FICARA ARROMBADO TO FALANDO SERIO TOMA JUIZO E PRO SEU BEM FICA NA PAZ.

    Lilica : A STEFANY TEM TODA RAZAO *****, PÁRA DE DÁ *****…TEM VERGONHA NA CARA NAUM

    Gayzito : Nooosssaaa !! Que gente mais pessimiiisssta !!

  157. Gerald.

    Onde estou e com chuvas tudo complica.Telefone,internet e e até para enviar comentários é a maior didiculdade.

    Minha neta telefonou dizendo que enviou fotos de um espetaculo de dança no qual ela participou em Santos e até agora estou esperando.
    Outro amigo me cobrou resposta de e-mail do qual eu nem sei de q

  158. de que se trata .

    Parece uma loucura.

    Agora mesmo estou teclando o final de um comentário do qual a parte inicial já está sendo moderado.

    Vou enviar e ver como é que fica.

    Love.

  159. E encerro porque a internet aqui em Caravelas hoje parece que resolveu dar um passa moleque nos usuários.

    Obrigado.

  160. Tene Cheba

    O Homem está condenado ao seu determinismo,o Homem se julga o senhor dos tempos, este ser do polegar opositor não concebe em si a destreza das leis da natureza, julga como sua opção, na certeza e incerteza de seus padrões.Não reconhece o intrínseco nem o extrínseco, seus limites são suas convenções e paradigmas,Não fosse pelas anormalidades temporais, os Negros ainda estariam sob a ameaça do tronco, as Mulheres ainda chamariam seus Nobres conjuges de Senhor.Não fosse a anomalia temporal, ainda estaríamos queimando bruxas nas fogueiras.As crianças não merecem herdar nossas perversões Morais. Leornardo da Vinci, Michelângelo, Cazuza, Renato Russo, “vai ver que é assim mesmo, vai ser assim para sempre, vai ficando complicado….(Renato Russo, Grande e Claro).Por que Luci não abortou?

  161. Fantasma nas Estepes

    Muito se falou por aqui….e ninguém explicou o têrmo : A esquerda em geral – inclusive a dita trotskista

    O texto abaixo foi escrito em junho de 1989 por alguns militantes do agrupamento Núcleo de Independência Proletária (NIP) – hoje extinto –, atuais militantes da Luta Revolucionária dos Trabalhadores. Foi elaborado, portanto, anteriormente em relação aos acontecimentos decisivos que marcaram a restauração capitalista nos países do leste europeu, que formavam a antiga URSS: a dissolução da mesma URSS e a queda do Muro de Berlim. Na época estava em pauta a discussão sobre a Perestroika, programa restauracionista do governo Gorbatchov. O próprio Gorbatchov tentava fazer passar o seu programa de restauração como sendo o aprofundamento do socialismo.

    A esquerda em geral – inclusive a dita trotskista – fazia coro com Gorbatchov. Esse programa era considerado como uma espécie de nova NEP, em alusão à Nova Política Econômica do governo bolchevique de 1921. Ou seja, não se trataria de restauração capitalista, mas de uma concessão necessária ao capitalismo. Alguns agrupamentos consideravam a Perestroika como uma concessão desnecessária, como uma temeridade que poderia favorecer a restauração; de qualquer forma, se trataria, ainda assim, de uma concessão e não do próprio programa da restauração.

    O texto aqui publicado constitui-se, portanto, numa exceção. Faz uma análise marxista desse programa, desmascarando o seu conteúdo claramente restauracionista, cujo método consiste em destruir os fundamentos da economia estatal: a planificação, o monopólio do comércio exterior, a unidade da economia. Essa posição unânime da esquerda não foi casual, nem sequer apenas uma incapacidade teórica. Foi uma capitulação política à burocracia restauracionista e à democracia burguesa, esta considerada preferível ao regime stalinista. Pela sua importância e o seu caráter excepcional entre a esquerda, o republicamos, num momento em que o tema da restauração ainda é atual, no que diz respeito à natureza do Estado cubano. Nesse último caso, novamente a esquerda se desvia da análise marxista.

  162. juliano

    Vi a chamada da minisérie Dom Casmurro na Globo com Michel Melamed interpretando Bentinho, não vou perder…

  163. Contrera

    eu nunca acho nada mesmo.

  164. Tene Cheba

    Não José Pacheco, não culpe Caravelas, por aqui ocorreu o mesmo.Foi se eu ter mandado.Caramba, isto é preocupante, se fosse um daqueles que depois eu apagava, na releitura, tava fudido e mal pago.Cuidadinho, heim.

  165. Luciana

    A arte teria deixado de cumprir uma função concreta, não comunicaria mais nada que a sociedade pudesse captar e utilizar ; mais ainda , estaria em contradição com todo o sistema das atividades culturais e produtivas da sociedade contemporânea. Tem sido avançada a hipótese de que a civilização do futuro venha a ser uma civilização sem arte, e prevêem-se as consequências negativas: dado que, em toda a história da humanidade, a arte tem sido a expressão de uma vontade ou aspiração criativa, olha-se com justificada angústia para uma sociedade sem impulsos criativos , incapaz de dar um sentido não apenas contingente e utilitário ao trabalho, incapaz de constituir o ambiente da vida sob formas que reflitam uma concepção positiva do mundo.

    Giulio Argan/Arte e Crítica da Arte

  166. Contrera

    o argan, quando tá inspirado em falar besteira, fala mesmo.

  167. Fantasma nas Estepes

    A consciência socialista, que os sindicalistas supunham ser um traço ontológico da classe operária, para Lenin só poderia chegar à mesma classe operária ‘de fora’ dela mesma, mediante o trabalho teórico e de agitação de intelectuais de classe média.

    GThomas isto acontece por aqui ??????

    Lênin…nunca mais !!!! Adeus Lênin !!!!

    Que o inferno lhe seja propício ! E ao camarada Stalin !!!

    Que “Nove Dedos” abra os olhos…..pois o “muro caiu” há quase 20 anos…….

  168. Contrera

    as gm, chrysler, ford da vida não aprenderam com os japoneses nem quando estes mostraram o caminho das pedras. fodem-se agora, então. falo do lean, o toyota-way. a gm brazuca vai bem. enquanto os indianos não nos comem vivos.
    ah, mas como é fácil cuspir no prato que se come. falo de meter o pau nos bRogs.
    agora vou de faixa vermelha. por enquanto.

  169. Contrera

    agora vou pegar pesado:
    a questão racial aqui é que ninguém quer ser mulato. os afro sei lá o quê se dizem negros, os mulatos se dizem brancos, os brancos não querem saber de ônibus, e culpam o cheiro dos mulatos. a questão racial está nos chrysler 300 de negões bambambams que querem mais é pisar os branquelas, com ajuda ou não da lei e foda-se o resto.

  170. Tene Cheba

    Nossa Mãe do Céu, não quero nem ver e ouvir o tamanho da percussão, o surdo agora se cala de vez.

  171. Liliane

    Não sei se deveria comentar, mas de qualquer modo…

    Eu estava conversando no trabalho sobre presentes de natal. E assim, do nada, percebi que a minha filha nunca teve uma boneca negra. Então, começamos a conversar sobre inclusão social e…

    Já imaginaram que daqui a alguns anos a estrela lançar]á uma bonequinha de bigode e vagina , e uma outra bonequinha com chquinhas e pequeno pênis. Tudo pela inclusão social.

    =P

  172. Paulo A

    Luciana 19:14

    “Sem música para decorar, tempo é só a monotonia de prazos de entregas e contas à pagar.”

    “Droga não é o mal. A droga é um composto químico. O problema começa quando pessoas tomam drogas como se fosse uma licença para poderem agir como babacas.”

    “Meu conselho para quem quer ter uma criança sadia e feliz é mantê-la o mais longe possível de uma igreja. Crianças são ingênuas e confiam em todo mundo. Escola já é ruim mas se levá-la para a igreja, então está querendo mesmo problemas.”

    “Se você quer trepar, vá à faculdade. Mas se você quer aprender alguma coisa, vá à biblioteca.”

    “Há uma grande diferença entre se ajoelhar e ficar de quatro.”

    “Estupidez até pode ter um certo charme. Ignorância não.”

    Frank Zappa é o cara!

  173. Luciana

    Arte no remanso difícil

    A impressão que tenho é que, no terreno das artes plásticas, a gente vive um momento de remanso, não de inovação.
    Naturalmente , toda obra de arte traz em si o novo, ou seja: uma expressão de vida. Não me refiro a isso , mas ao espírito que caracterizou as últimas décadas durante as quais a necessidade de inovar tornou-se uma verdadeira obsessão de grande parte dos artistas.

    Tenho manifestado com frequência minha opinião crítica sobre esse processo que parece ter chegado a um ponto de esgotamento .Mas sempre fiz questão de sublinhar que nada disso aconteceu por acaso, mas como expressão de uma necessidade histórica, social, cultural, muito característica de nossa época. A verdade é que, seguindo diferente tendências , os artistas puseram tudo em questão e ao mesmo tempo desenvolveram suas indagações, sua curiosidade, sua procura até as últimas consequências. São correntes que, partindo de determinados pontos, negaram o existente e anunciaram novos caminhos.

    O cubismo parece ter sido o principal foco de irradiação de muitas dessas correntes, mas principalmente da arte abstrato geométrica, do ready made e da collage, que se desdobrariam no dadaísmo de Kurt Schawitters e Duchamp até chegar à arte pop dos americanos dos anos 60.

    A arte geométrica , que dá nascimento ao Neoplasticismo de Mondrian, vai gerar a arte concreta da escola de Ulm, que se espraia pela América Latina, mudando-se em outras tendências entre as quais o neo concretismo brasileiro.

    O futurismo italiano alcança a Rússia de Malevich, Gabo e Pevsner, dando origem ao suprematismo, ao construtivismo, ao riísmo e dezenas de outros movimentos estéticos.Esses movimentos do começo do século vieram desembocar em outros mais radicais: de Kandinsky chega-se ao tachismo, ao informalismo; da arte concreta maxbilliana chega-se à arte ótica da Vasarely ou de Soto.

    Mas o que importa observar é o que esses movimentos significaram como abertura da sensibilidade contemporânea para novos aspectos da realidade.

    Depois de tanto buscar , rasgar, decompor, recompor, juntar, misturar, montar….cansou-se.Mas terá sido inútil todo esse esforço

    Evidentemente não. Esses artistas ampliaram a nossa capacidade de ver e sentir; revelaram-nos a expressão de formas, texturas, matérias, para as quais éramos cegos ou insensíveis. Introduziram-nos em nossa linguagem estética: sua ação atuou como um terremoto que pôs à mostra muita riqueza até então soterrada e desconhecida.

    Ferreira Gullar/ Argumentação Contra a Morte da Arte

  174. Xis-tudo

    As vezes me surpreendo com tamanha imbecilidade! O Collor, vá estudar mais sobre espécies sociais… ou você acha que Homo sapiens não é animal? Ou pior, que está fora da cadeia trófica, vive de idéias absurdas e quadradas como as tuas?

    Só pode ser uma piada, mas que sofre da ausência de risos.

    Só para inflamar… em muitos aspectos, família foi feito para reprimir, e não falo do papai, da mamãe dos irmãozinhos não. Indivíduos com “responsabilidades” não ousam… entendeu? Não mudam.

    E a tal estabilidade secular da família foi porque viveu as custas de quem nunca teve ou renunciou uma! Só contar nos dedos quem foram os inovadores… só para te ajudar, só no século da “libertinagem” forma mais de 300! E você, que vangloria a família vive as custas de todos eles.

    Ignorância faz muito mal, muito mal!

    RONALD IZOLDI! É A TUA DEIXA!

  175. Luciana

    Este assunto sobre racismo é muito complexo.Se formos parar para pensar, toda uma geração foi bombardeada por um padrão de beleza.O padrão de beleza do branco, alto , etc,etc…fora isso não era bonito.Eu mesma cresci vendo na tv ou cinema este padrão.Isso pode levar uma cultura a não se aceitar , ou aceitar sua realidade.Todas as bonecas que tive eram brancas e loiras.Não havia bonecas gordinhas , bronzeadas e de óculos.

  176. Tene Cheba

    Pare de me beijar mulher, aqui não é lugar, pare com esse cafuné, aqui é uma padaria, vamos comprar o pão, sentar na mesa e tormar nosso café, pare de me beijar mulher, tenha modos, dê o exemplo, vamos fingir, sorrir e dar bom dia, olha o seu Manoel, vamos manter a hipocrisia, vamos nos reprimir, este é o reino de Sócrates, de Aristóteles, olha a escolástica Mulher, vamos comprar o pão, beber café, sem cafuné, olha, as bichas comentando, os seus escândalos, que horror, veja o que beijo faz, beijo, brejeiro saliente, sacana envolvente, beijo gostoso e inocente, culpado e indecente, vamos comprar o pão, pare de me beijar mulher, olha o mundo olhando, pare de me beijar mulher.

  177. Na Rússia, os homens se cumprimentam beijando na boca.
    E questão de costume, cultura local.
    Gagarin foi beijado na boca pelo premier russo quando voltou do espaço.
    Na Escócia usam saiote, o príncipe Charles fica lindo de saiote e bolsinha.
    Na Colômbia me disseram que os brasileiros
    são os únicos que ficam embaraçados.
    Vocês ficam borrados
    respondi.

  178. Xis-tudo

    Tene, você foi mais claro que água! PAREMOS DE BEIJAR! rsrssrsrsrs

  179. Ronald.

    Piada do ano.

    Marc Faber.
    Ele é analista de Investimentos e empresário. Em junho de 2008, quando o Governo Bush estudava lançar um projeto de ajuda à economia americana, ele encerrava seu boletim mensal com um comentário bem-humorado, não fosse trágico…

    O Governo Federal está concedendo a cada um de nós uma bolsa de U$ 600,00.

    Se gastarmos esse dinheiro no supermercado Wall-Mart, esse dinheiro vai para a China.

    Se gastarmos com gasolina, vai para os árabes.

    Se comprarmos um computador, vai para a Índia.

    Se comprarmos frutas e vegetais, irá para o México, Honduras e Guatemala.

    Se comprarmos um bom carro, irá para a Alemanha.

    Se comprarmos bugigangas, irá para Taiwan e nenhum centavo desse dinheiro ajudará a economia americana.

    O único meio de manter esse dinheiro na América é gastá-lo com prostitutas e cerveja, considerando que são os únicos bens ainda produzidos por aqui. Estou fazendo a minha parte…

  180. Tene Cheba.
    O problema da padaria não é o beijo, é a higiene.
    O que salva a padaria é o forno de 200 graus.
    Quando for a padaria, pede para entrar e ver com se faz o pão.
    Se deixarem entrar eu pago o café.

  181. O Vampiro de Curitiba

    Ronald, assim, até eu sou patriota, hehe…

  182. O Vampiro de Curitiba

    Grande Tene Cheba!

  183. Xis-tudo

    Ronald meu caro!

    Eu ainda sou relutante a pagar por algo que se pode ter dignamente de graça, vou manter tudo na cueca!

  184. Ronald.

    (vale para todos os sexos)
    Até parece, o cara está na seca, encontra um avião dando mole, nos últimos meses só passa baranga na mão dele, a garota é uma delícia, está de tubinho preto, saltinho, já deixou o cara louco, a testosterona saltando na veia, ela quer ir na padoca tomar um café com leite e um pão na chapa, dá uma pegada no bimbão do cara e diz baixinho no ouvido dele que está sem calcinha, só pra provocar, pois bem, será que o sujeito vai lembrar que está numa padoca, num ônibus, na missa, ou na casa da tia Zuleica, e não vai querer dar uma amassada na moça.
    O problema é quando a outra pessoa já não te dá mais tesão, e vc lembra a toda hora que ali não é o lugar, ou pior, transa com hora marcada, e na hora do vamos ver dobra a meia na beirada da cama.
    Acho que está faltando um pouco de sacanagem na vida de alguns, tudo bem, o lugar é público, tem gente olhando, faz cara de sem-vergonha e tudo bem, …., na hora em que arrancarem a roupa, não precisa dobrar as meias, deixa no chão.

  185. Ronald.

    Um funcionário passa pela colega de escritório e lhe
    diz que o seu cabelo ‘tem um cheiro gostoso’.
    A mulher vai, imediatamente, ao gabinete do chefe e diz
    que quer fazer queixa de assédio sexual, e lhe explica o
    porquê.
    O gerente fica admirado e lhe diz:
    – Mas, afinal, qual é o mal de um colega lhe dizer que o
    seu cabelo tem um cheiro gostoso?
    A mulher:
    – O safado é anão!

  186. Xis-tudo

    Eu não ia comentar mais sobre o assunto, achei que os treze bastariam para definir a realidade sobre o assunto, mas tinha que aparecer um engraçadinho para cutucar.

    Sou um cara resolvido, alegre, não tenho preconceito, não preciso tomar remédio nenhum, não tenho problemas existenciais, nunca tive problemas de consciência.

    Mas se vocês querem saber minha opinião sobre homem homossexual e lésbica vou revelar para vocês alguns fatos, depois quem quiser tire suas conclusões.

    Há algum tempo resolvi testar algumas mulheres que se diziam lésbicas, escolhi algumas para conquistar, na realidade a pesquisa foi feita com 06 delas.(curiosidade)

    Conquistei todas, e destas relações tirei a seguinte conclusão, não existe mulheres lésbicas de nascença, existe sim mulheres que tiveram problemas, que tiveram a primeira relação traumática, que tiveram problemas de relação sexual com membros da família, encontrei até uma que tinha a vagina muito pequena, não lubrificava direito e largou de ter relação com homens, está é a verdade.

    Mulher foi feita para o homem, e vice-versa.

    Existe coisa mais linda, meiga, cheirosa, deliciosa, mágica do que uma mulher, pois digo o seguinte, se Deus fez não colocou na terra.

    Agora podem discordar, arrancar os cabelos, me chamar do que quiserem mais a realidade é está e estamos conversados.

  187. Paulo G.

    Miss Zabriski walked into a physician’s office and said, “I would like t
    vassilation.”
    “Miss,” said the M.D., “I think what you are talking about is a vaccination.”
    “Yeah,” said the Polish girl, “and I don’t want you to give it to me on my arm b
    wear a sleepless nightgown.”
    “You mean sleeveless nightgown?”
    “And I don’t want it on my thigh because I have a zucchini bathing suit.”
    “You mean bikini?”
    “And I don’t want you to vaccinate me on my Virginia.”
    “You mean vagina?”
    “Alright,” shouted the girl. “Virginia, vagina, just as long as I don’t get small cox!

  188. Tene Cheba

    Essa é boa, uma congressista americana bateu o telefone na cara do Presidente Obama Barack, pensava tratar-se de um trote, os acessores para convence-la tiveram até que contar histórias privadas,( não no sentido de bacias sanitárias, lógico), como senha, para que ela pudesse ter a certeza de que não se tratava de um trote. Viu senhor Obama, quem mandou não ter sotaque texano.

  189. Tene Cheba

    Uai!!! Parece até mineiro, será que já foi abduzido também?Os mineiros irão me perdoar, mas porra, só reconverter o Bispo Edir Macedo para o catolicismo.Cadê a Isaurinha, porra?

  190. Xis-tudo

    Collor, você é incrível!

    A tua convicção é extraordinária.

    Mas… ainda insisto, você precisa estudar mais.

  191. Ronald.

    Chegou a vez dos bagrinhos, ……..serem jantados pelo tubarão.

    José Paulo Kupfer

    03/12/2008 – 07:30
    Não era marolinha

    Os dados da produção industrial em outubro, divulgados pelo IBGE, mostram uma surpreendente reviravolta no comportamento da economia brasileira. Nem tanto pela queda, que, não sendo pequena, também não configura um desabamento. Mas pela abrangência do recuo, que pega todos os segmentos do setor industrial.

    Não é apenas uma queda no ramo dos bens duráveis, dependentes do crédito que escasseou. Este despencou, é certo. Mas também os semiduráveis e os não-duráveis, os bens intermediários e os de capital, todos registraram decréscimo de produção em outubro sobre setembro.

    A primeira e mais importante conclusão que se pode extrair desses resultados é o de que o diagnóstico da marolinha estava equivocado. E que o equívoco levou o governo a perder tempo na tomada de decisões. Houve atraso na adoção de medidas contracíclicas, sem falar nos erros da política monetária, com a manutenção da taxa básica de juros, e no câmbio, com timidez nas ações para estabilizar as cotações do dólar.

    Há uma possibilidade de que a descida da ladeira em outubro reflita um momento inicial de pânico ou algo assim. Mas, infelizmente, isso é pouco provável. Notícias de redução de turnos de trabalho, férias coletivas e mesmo de demissões começam a pipocar com crescente freqüência e intensidade.

    As consultorias econômicas já estão prevendo um quarto trimestre de estagnação ou mesmo com um ligeiro recuo. Nada que faça a economia em 2008 fechar com crescimento abaixo de 5%. Mas é um mau sinal para o início do ano, já normalmente mais fraco. E também para o resto de 2009, que, na maior parte do ano, terá como base de comparação um período de 2008 no qual ocorreu expansão muito forte da atividade econômica.

  192. Garganta

    Caro Gerald e demais,

    Vou tomar meu copo de leite e ir dormir. Parabéns a todos que participaram das discussões. A reposta, acredito, é bem simples: sensibilidade. Esta, se faltar, causa, como é observável, revoltas e monstruosidades. Saudemos a concordia.

    Eis as palavras de Platão, por meio de Sócrates, a respeito da cidade perfeita, na obra A República: ” Mas, disse eu, talvez no céu haja um modelo para quem queira vê-la e, de acordo com o que vê, queira ele próprio fundá-la, mas não faz diferença alguma se ela existe em algum lugar ou não, porque ele só tratará do que é dessa cidade, e de nenhuma outra”( Martins Fontes, 592b). Há todo um contexto, na obra, que sou incapaz de explicar cá no blog. No entanto, podemos verificar que a cidade perfeita é algo além de nossa realidade. A cidade perfeita platônica não serve para ela, não adianta desejarmos vidas perfeitamente livres aos cidadãos ( incluindo os gays), sem ter cautela com a ordem vigente e imperfeita. Esta tem que ser respeitada, cometer crimes contra ela, resultarão num castigo a ela e seus molestadores. Vamos praticar a paz e a compreensão, protegendo cada cidadão. Somos todos irmãos.

    Com os melhores cumpirmentos,

    Garganta.

  193. COLLOR 2010:

    Aceite minhas congratulações – sinceras, efusivas!!! Brilhante! Magnífico! Sen-sa-ci-o-nal! Você “arrasou”! Pensa, raciocina e
    escreve como “gente grande”. Inteligente, informado, atuakliza
    do, articulado.

    Surpreendeu-me, acredite! “Peguei o bonde andando” (rs) e…
    sendo muito sincera, pretendia escrever sobre êsse tema – o
    homossexualismo – da mesma forma como você o fêz..

    Cheguei há pouco e aqui entrei para começar a digitar o meu
    “tratado” (rs) sobre o assunto. Enfoque sério, responsável e
    realista, êsse seu. História da Humanidade, Direito, Psicolo-
    gia, Religião, etc. Você está me plagiando (rs)???

    Quanto ao seu comentário, o das 14.42hs … Você socorreu o
    cão que atropelaste, Collor? A expressão … “sou ateu, graças
    a Deus” … você sabe quem é que a “celebrizou”, não? (rs).

    PS.: O GT – the number one – deveria fazer o repeteco dessa
    sua matéria, como chamada do novo post!!!

    Você, Collor, liquidou com todos os trê-lê-lês da moçada(rs)
    – Vamos acordar! Prova geral sobre o ôba-ôba gay! Now!!!

    GARGANTA:
    Sua auto-defesa dirigida ao André M (17.21hs) enseja repeteco,
    também, por parte do GT. Réplica, tréplica – é assim que funcio-
    nam as “coisas”, não? Você foge à mesmice! É um em 1000!!!

    GT: “te manca, ô meu” – está mi einteindeindu?

    Abraços!!!

  194. Sandra

    Só uma passada rápida para dar um boa noite a todos! Estou moída!

  195. Cristina

    Todo mundo acha que o beijo entre duas mulheres é estético e entre homens é agressivo, o máximo da transgressão num filme pornô para heteros é um travesti. A mulher pode ser bissexual, que é erótico, a viadagem é perversão. Homem é altamente alérgico a homem.
    Parece que há um consenso que amassos em lugares públicos como padarias, churrascarias e etc não é bem educado, mas as tevês colocam na sua casa, na hora da janta, altos amassos, muitas vezes cenas calientes de sexo. Se eu fosse novelista faria a primeira novela com todas as perversões, bichas, travestis, sapatões, depravados de todos os tipos, mas sem beijo, sem cenas de sexo.

  196. Cristina

    Os homens muçulmanos andam de mãos dadas, faz um tempo o presidente do Irã disse que não havia homossexualismo em seu país, é claro que não há, são todos bissexuais. O judaísmo arcaico condena a homossexualidade, Platão defendia. Paulo, apóstolo que escreveu a Bíblia era contra o sexo, a favor da castidade.
    É difícil para uma pessoa condicionada no modelo judaico-cristão se livrar da noção de pecado e culpa. Jesus disse: “Não julgues, para não serdes julgado”.
    Ontem passou o filme “Correndo com Tesouras” (Running with Scissors), valeria até a pena ter visto de novo, sobre um menino que se torna homossexual, sua mãe louca, o psiquiatra mais louco entope seus pacientes com drogas potentes, excelente para quem gosta de imitações exageradas da realidade e não se choca com pedofilia, homossexualidade, loucura humana.

  197. Cristina

    No Brasil há muitas pessoas sem gosto para comer, nem percebem que o pão não tem qualidade, especificamente na ilha onde moro, não posso reclamar, nos últimos anos houve grande melhora na qualidade dos produtos oferecidos ao consumidor. No Rio de Janeiro a qualidade do pão é pior. Em São Paulo padaria é instituição, ponto de encontro, como este blog onde se comenta política, novela, o último roubo na região, na megalópole há todo tipo de oferta, pães com bromato, pães borrachentos, pães espetaculares fresquinhos e quentinhos, fabricados pelos melhores padeiros portugueses.

  198. Jorge

    Que susto COLLOR 2010, pensei que voce tivesse feito os TESTES com homens tambem!

    Muito complexo, mas gostaria de saber sua opiniao (COLLOR) sobre as pessoas que trocam de sexo, sobre a pratica homossexual entre animais, existe uma especie de macacos, acho que se chama BONOS (ou algo semelhante), onde sexo entre machos e tambem entre femeas, faz parte da rotina do grupo, estrutura hierarquica, enfim….

    Existe uma ilha no pacififico, um pais, lembrei! SAMOA onde culturalmente as FAMILIAS escolhem um dos filhos, casos soh tenham meninos, para ser “mulher”

    Funciona mais ou menos assim:

    O Papai e a mamae lah na ilha paradisiaca (na verdades ilhas)tem cino filhinhos menininhos bonitinhos, todos samoazinhos, soh que a mamae vai ficar velhinha e vai precisar de uma menina/mulher para ajudar em casa, entao o que eles fazem! ESCOLHEM UM MENINO PARA SER MENINA (parece que geralmente eh o cacula, (judiacao, tadinho) entao eles o(a) educam como menina.

    Pois bem, quando o rapaz/mocoila faz 15 ou 18 anos, nao me lembro, tem o direito de OPTAR entre voltar a ser menino/homen e continuar aquela vida entre batons, bobs, saias, sutias, bolsinhas, etc.

    Isto ateh ajuda a defendar um das suas teses com relacao ao ambiente mas destroi outra com relcao a TRADICAO FAMILIAR e tambem ao ORIENTE/OCIDENTE.

    Uma professora australiana me contou esta historia quando ela esteve por lah e que CONFIRMEI depois conhecendo um SAMOA pessoalmente e assistindo a um documentario interessantissimo chamado TABOO num desses canais tipo discovery ou national geographic.

    O mais interessante eh que se trata de uma TRADICAO FAMILIAR, CULTURA POPULAR, nao foi nenhuma moda levada de um turista gay canadense, sueco ou espanhol.

    O que quis demonstar eh que sua visao estah um pouquinho limitada, muito CRISTA/JUDAICO/OCIDENTAL/SULAMERICA/BRASIL.

    a REVISTA TIME, juro, juro que eh a ante-penultima-vez que faco referencia a revista, pois nao ganho nada em fazer propaganda.

    Bem, na mesma edicao que fala de SP, nas verdae eh uma edicao sobre medicina, eles tratam de vario assuntos, e um dos temos eh justamente a homosexualidade, me parece que os cientistas descobriram diferencas entre os tamanhos dos cerebros dos homens heteros e homos, tambem com relacao ao das mulheres, enfim, eh bom se informar porque logo logo suas 13 razoes vao virar 1 ou 2.

    ABRACOS NAO COLLORIDOS, pois para mim ele (O COLLOR oficial) representa o que de mais , ah deixa pra lah….

    Caral… to ficando viciado nesta porr…quero agora participar sempre, que bos….

    Jorge, Sydney

  199. Cristina

    Garganta foi preconceituoso? “Só mais uma coisa, como este pessoal gosta de chocar a sociedade, eles vão fazer de tudo para aparecer como vitimas, já imaginaram um domingo a churrascaria Porção lotada de famílias, e duas bibas se beijando na boca, é não se enganem isto vai acontecer.” Garganta diz que os homossexuais adolescentes, que gostam de chocar a sociedade, vão fazer de tudo para aparecer como vítimas do preconceito, e entrar com processos na Justiça? Da mesma forma que há leis contra a discriminação há leis contra o atentado ao pudor.
    Já imaginei a 24ª. Vara, o tribunal gay, com juiz gay, promotora gay, para mediar a briga das bichas loucas em caso de separação.

  200. Biquei

    Macunaima,não é o pai de todos por acaso,está lá faz tempo,
    entra governo,ele lá,sai governo,ele lá,muda regime,ele lá,muda constituição,ele sempre lá,papando um bom filé,Simon quer PMDB presidindo o Senado e pede que Temer não se humilhe.
    Muda Brasil!Com ele lá?

  201. Cristina

    Com relação ao casamento gay, não posso dar muita opinião, acho que poderia causar algum transtorno na vara de famílias. Sou contra o casamento seja gay ou hetero, nunca tive vontade de assinar papel, acho um tipo de amarração quase igual a trabalho de macumba. Também jamais adotaria uma criança.

  202. André M.

    Prezado Collor (eca) 2010

    Esse teu “tratado” era o mínimo que eu esperava. Porém, textos copiados e colados não irão me convencer do contrário daquilo que eu já presenciei.

    Alias, esse “horror” todo ao casamento gay e a adoção gay, o argumento da possível “destruição” da família, era o mesmo argumento que usavam quando não queriam liberar o divorcio no Brasil. Liberaram o divórcio e a família acabou?

    E qual a diferença entre uma pessoa que escolhe ter relações com outras pessoas do mesmo sexo, no sentido desta mesma pessoa ter direito a querer ter uma família?

    Não irei perder mais meu tempo explicando. Afinal, para um cara que é partidário e cabo eleitoral de um presidente como collor foi, realmente deve ter dificuldades relacionadas ao campo da dissociação.

    Saudações

  203. Glorinha

    Bom dia a todos!!!

    Vampirinho,
    o ceú aqui está azul como asas de alado, o ar frio como um susto a meia-noite!
    []

  204. André M.

    Prezados

    A propósito, o que é preferível, uma criança ficar num “deposito”, com o mínimo para viver, quase sem nenhum afeto ou orientação (infelizmente esta é a realidade de uma criança que está para a adoção), ou ser adotada por um casal, que irá dar, principalmente, afeto, oportunidades e permitirá que essa criança se desenvolva dentro de um quadro de normalidade?

    Bom, tem gente que prefere que ela fique atirada num orfanato. Eu prefiro que ela tenha uma família, seja essa família feita de um homem e uma mulher, duas mulheres, dois homens, um homem, uma mulher, ou qualquer outra combinação que me escape. Essa criança terá que enfrentar uma sociedade cruel que segrega, discrimina e pune, porém, ela tendo uma estrutura capaz de compensar isso, será muito mais vantajoso que crescer até a maturidade dela num orfanato.

    Saudações cordiais

  205. Glorinha

    McWillian,
    bom dia… penso que a realidade é mais literal que a palavra…sensibilidade…delicadeza…nada disso faz alguém ficar cego, / eu abandonaria quantas ”Matrix” houvesse só para saber que sou, quem sou e para onde vou e para escolher como quero ir, e se não quiser ir também /.
    O que quis dizer no meu comentário anterior..: um é mais que nenhum, é bobo isso mas para mim, tem significado.
    Sobre o “por que”…: porque o primeiro movimento precisa ser verdadeiro com o que se sente, voluntário e solitário…depois vai para o comunitário, isso é mais que natural quando acontecem, nós somos a mola propulsora de nós mesmos e do grupo que pretendemos ser.
    Algumas vezes esse bla-bla-bla não é inutil se gera algum movimento vc não acha?
    Terror, terrorismo…se a palavra não existisse eu os estaria ainda assim vendo…com todos os seus terríveis conceitos…mesmo sem um único som de qualquer boca.
    []abraços,

  206. gthomas

    Entrando aqui pra dar um alo rapidinho
    ALO
    LOVE
    G

  207. Glorinha

    Andre M 9:12
    concordo com seu comentário sobre adoção…”amor primeiro é básico e necessário”…
    depois o resto….a sociedade que espere até se achar no meio de seus conceitos tão herméticos que ela mesma mal consegue ver…no tempo de hoje, infelizmente quem fica esperando são as pessoas….
    [[]]

  208. Cristina

    Se preso Daniel Dantas vau causar uma revolução em Bangu 1 e 2, sua primeira providência será acabar com os pães com bromato de má qualidade servido aos presos, e distribuir brioches para o seus colegas delinqüentes.

  209. Fantasma nas Estepes

    G.Thomas,

    Um bom dia. Como o nosso amigo hoje se ausentou, tomo a liberdade de passar o texto abaixo, para que os leitores amados do G.Thomas, possam dissecar, digerirem se possível e analisar em todos os aspectos, estendido ao grande Vampiro de Curitiba, um ídolo da comunicação : Peço licença para também inserir no Blog. do Balaio….. Obrigado !!!

    TESE DE MESTRADO POR UM PSICÓLOGO

    ‘O HOMEM TORNA-SE TUDO OU NADA, CONFORME A EDUCAÇÃO QUE RECEBE’
    ‘Fingi ser gari por 8 anos e vivi como um ser invisível’
    Psicólogo varreu as ruas da USP para concluir sua tese de mestrado da ‘invisibilidade pública’. Ele comprovou que, em geral, as pessoas enxergam apenas a função social do outro. Quem não está bem posicionado
    sob esse critério, vira mera sombra social.
    Plínio Delphino, Diário de São Paulo.
    O psicólogo social Fernando Braga da Costa vestiu uniforme e trabalhou oito anos como gari, varrendo ruas da Universidade de São Paulo. Ali, constatou que, ao olhar da maioria, os trabalhadores braçais são ‘seres invisíveis, sem nome’. Em sua tese de mestrado, pela USP, conseguiu comprovar a existência da ‘invisibilidade pública’, ou seja, uma percepção humana totalmente prejudicada e condicionada à divisão social do trabalho, onde enxerga-se somente a função e não a pessoa. Braga trabalhava apenas meio período como gari, não recebia o salário de R$ 400 como os colegas de vassoura, mas garante que teve a maior lição de sua vida:
    ‘Descobri que um simples bom dia, que nunca recebi como gari, pode significar um sopro de vida, um sinal da própria existência’, explica o pesquisador.
    O psicólogo sentiu na pele o que é ser tratado como um objeto e não como um ser humano.
    ‘Professores que me abraçavam nos corredores da USP passavam por mim, não me reconheciam por causa do uniforme. Às vezes, esbarravam no meu ombro e, sem ao menos pedir desculpas, seguiam me ignorando, como se tivessem encostado em um poste, ou em um orelhão’, diz.
    No primeiro dia de trabalho paramos pro café. Eles colocaram uma garrafa térmica sobre uma plataforma de concreto. Só que não tinha caneca. Havia um clima estranho no ar, eu era um sujeito vindo de outra classe, varrendo rua com eles. Os garis mal conversavam comigo, alguns se proximavam para ensinar o serviço. Um deles foi até o latão de lixo pegou duas latinhas de refrigerante cortou as latinhas pela metade e serviu o café ali, na latinha suja e grudenta. E como a gente estava num grupo grande, esperei que eles se servissem primeiro. Eu nunca apreciei o sabor do café. Mas, intuitivamente, senti que deveria tomá-lo, e claro, não livre de sensações ruins. Afinal, o cara tirou as latinhas de refrigerante de dentro de uma lixeira, que tem sujeira, tem formiga, tem barata, tem de tudo. No momento em que empunhei a caneca improvisada, parece que todo mundo parou para assistir à cena, como se perguntasse:
    ‘E aí, o jovem rico vai se sujeitar a beber nessa caneca?’ E eu bebi. Imediatamente a ansiedade parece que evaporou. Eles passaram a conversar comigo, a contar piada, brincar.
    O que você sentiu na pele, trabalhando como gari?
    Uma vez, um dos garis me convidou pra almoçar no bandejão central. Aí eu entrei no Instituto de Psicologia para pegar dinheiro, passei pelo andar térreo, subi escada, passei pelo segundo andar, passei na
    biblioteca, desci a escada, passei em frente ao centro acadêmico, passei em frente a lanchonete, tinha muita gente conhecida. Eu fiz todo esse trajeto e ninguém em absoluto me viu. Eu tive uma sensação muito ruim. O meu corpo tremia como se eu não o dominasse, uma angustia, e a tampa da cabeça era como se ardesse, como se eu tivesse sido sugado. Fui almoçar, não senti o gosto da comida e voltei para o trabalho atordoado.
    E depois de oito anos trabalhando como gari? Isso mudou?
    Fui me habituando a isso, assim como eles vão se habituando também a situações pouco saudáveis. Então, quando eu via um professor se aproximando – professor meu – até parava de varrer, porque ele ia passar
    por mim, podia trocar uma idéia, mas o pessoal passava como se tivesse passando por um poste, uma árvore, um orelhão.
    E quando você volta para casa, para seu mundo real?
    Eu choro. É muito triste, porque, a partir do instante em que você está inserido nessa condição psicossocial, não se esquece jamais. Acredito que essa experiência me deixou curado da minha doença burguesa.. Esses
    homens hoje são meus amigos. Conheço a família deles, freqüento a casa deles nas periferias. Mudei. Nunca deixo de cumprimentar um trabalhador.
    Faço questão de o trabalhador saber que eu sei que ele existe. Eles são tratados pior do que um animal doméstico, que sempre é chamado pelo nome. São tratados como se fossem uma ‘COISA’.
    *Ser ignorado é uma das piores sensações que existem na vida!
    Respeito: passe adiante!

  210. p/ André M.

    Em primeiro lugar, no mínimo você tem de respeitar minha opinião, e assim estamos conversados.
    Quanto a minha “dificuldade no campo da dissociação”, recomendo ao amigo um bom psiquiatra.
    Quanto ao Presidente Collor, com certeza você deve ser eleitor do Mulla, realmente um grande exemplo de honestidade, moral e não se pode negar um estudioso da trilogia do Poderoso chefão, um bom exemplo para a humanidade.
    Sobre a adoção de crianças por casais gays, você já leu o texto que publiquei, não é meu qualquer idiota que navegue sabe disto, e de uma tese que reflete bem o que penso sobre o assunto, e isto independe de quem o produziu se eu ou a autora, ali está á realidade do que penso, por isso publiquei.

    p/ Jorge

    Para min não existe troca de sexo, é sim MUTILAÇÃO.

    p/ os dois:

    03 dias antes de acontecer o golpe contra o mandato do Presidente Collor, houve no planalto uma reunião com os chefes das três armas, eles perguntaram ao Presidente.
    Se ele gostaria de permanecer no cargo.

    Alguém que acusa o Collor sabe a resposta??

    Não, ninguém não é mesmo??

    Mas a resposta do indigno, mau caráter, ladrão de um Fiat Elba foi a seguinte:

    “Generais, em primeiro lugar a DEMOCRACIA”.

    Este é o homem que vcs acusam, ainda com a cabeça feita pela conspiração levada a cabo pelos Bancos, Globo e Veja.

    Procurem ler sobre o acontecido, para depois terem uma idéia do fato real, até lá comunico aos amigos que hoje em pesquisa realizada em Julho/2008, sem o presidente dizer que é candidato já somos mais de 15.000.000(quinze milhões)

    Abraços

    COLLOR 2010 – VICE – KATIA ABREU (com muito orgulho)

  211. Chantal

    Gerald,

    tudo bem? Sou jornalista e preciso dos contatos da Fabiana Gugli para uma matéria, você pode me dar? obrigada,bjos

    Chantal

  212. sol - sampa

    Eu leio os jornais e sinceramente fico pensando ,Cáspta!, Mah como o Obama vai gerir essa situação que tem prá descascar?
    Se prá economia voltar a crescer os States precisam de mais carros, mais empregos mais consumo.mas o Homem é Harvad
    ou seja estudou Direito na Universidade considerada praticamente a mais importante do mundo.Tem preparo fundamentado científicamente.
    O que vir a acontecer nos EUA pode revolucionar essa nossa Era. Poderiamos sair dessa crise mais felizes? Será possível? Poderia haver esperança para o homem? Somos capazes de viver de uma maneira mais saudável trabalhando e gozando a vida …utopias

  213. sol - sampa

    Beber a vida num trago, e nesse trago
    Todas as sensaçõess que a vida dá
    Em todas as sutis formas […]
    …………………………………………………………
    Dantes eu queria
    Embeber-me nas árvores, nas flores,
    Sonhar nas rochas, mares, solidões.
    Hoje não, fujo dessa idéia louca:
    Tudo o que me aproxima do mistério
    Confrange-me de horror. Quero hoje apenas
    Sensações, muitas, muitas sensações,
    De tudo, de todos nesse mundo __ humanas,
    Não outras de delíriops panteístas
    Mas sim perpétuos choques de prazer
    Mudando sempre,
    Guardando forte a personalidade
    Para sintetizá-las num sentir.
    FP

  214. Alo amigos.

    Só estou lendo.

    Retorno depois porque aqui a internet está lenta demais.

    Mandem ver que estamos em um novo dia.

    E que este dia seja melhor que o de ontem e pior que o de amanhã para todos.(esta já é manjada mas nada tenho de melhor para escrever agora).
    Obrigado.

    Pacheco.

  215. Sandra

    Cristina, o beijo televisivo só entra em casa se você deixar.

  216. Glorinha

    Fantasma nas Estepes 10:49 valeu o texto!
    [[]]

  217. Glorinha

    Fantasma nas Estepes,
    sentido de algo como o vidro e a pedra…
    um dia se é vidro que recebe a pedrada,
    em outro se é pedra que vai de encontro ao vidro
    []

  218. Sandra

    Ronald, a garota simplesmente aparece…
    de tubinho preto….
    de salto alto…
    pede para vocês irem… na padoca
    comer pão com manteiga e tomar café com leite…
    ou na missa, ou na casa da tia Zuleica…
    aí… emoção! Ela pega no seu bimbão! Com a xícara na outra mão. Ou o terço, ou as fotos de família da tia Zuleica,…

    Aí a sua pergunta: Deve rolar o beijo!

    LÓGICO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! O UNIVERSO INTEIRO ESTÁ LHE MANDANDO SINAIS QUE DEVE!!!!!!!!!!!!

    E, para a situação ficar perfeita mesmo, só falta o esporro do seu Manuel, do padre ou da tia Zuleica!!!!!

  219. samuel samuca

    Sobre Collor o verdadeiro, já que houve elogios a sua pessoa …

    Não sei se vocês lembram, mas estes dias revi aquelas imagens da campanha de 89.

    O Collor tava doidão demais … Deve ter cheirado umas 20 carreiras … O cara aparecia nos comícios gritando com pop star metaleiro, empurrando gente e teve um coitado que ele até esmurrou … Tudo isso em frente às câmeras … Eita cocaína braba aquela. Ele devia comprar da purinha ….

    Mas claro, comparado com tantas porcarias que houve neste e noutro governo, tenho que concordar, mesmo não gostando do Collor, que as falcatruas colloridas eram brincadeira de criança ….

    Bons nos negócios obscuros são os tucanos e a petralhada … São verdadeiros profissionais … Isso ninguém pode negar …

  220. Luciana

    O que torna terrível o jornal não é (pelo menos: não é somente)

    a força econômica e política que o dirige. O jornal como meio de

    condicionamento da opinião já tinha sido definido quando

    nasceram as primeiras gazetas. Quando alguém deve escrever

    diariamente tantas notícias quantas permite o espaço disponí

    vel , de modo que sejam legíveis por um público de gostos,

    classe social e instrução diferentes, em todo um território nacio

    nal, a liberdade de quem escreve já terminou : os conteúdos da

    mensagem dependerão não do autor mas das determinações

    técnicas e sociológicas do mídia. Umberto Eco

  221. Sandra

    “Quando querem saber de alguma coisa, perguntam para o VERDADEIRO presidente: Barack Obama. Incrível! Se estou orgulhoso? Mais que orgulhoso! Claro que estou. Óbvio que estou. ”

    Nem notei!…

  222. Sandra

    “Viraram algo que nem (nós mesmos) agüentamos mais. Espero, para o bem do mundo, que o blog tenha vida curta. Que encontrem um HIV para acabar com essa baboseira toda que infesta a internet. E rápido! ”

    O pior é que, do lado de lá, deve ser mesmo um saco.
    Mas que seu blog é sensacional, é!

  223. Sandra

    Ainda preciso visitar as padarias de NY e Londres. São bem mais animadas que as nossas, onde não rola nem abraço irmão. Onde será que se compra bromato? Terei de levar algum comigo, em caso de crise de abstinência.

  224. Luciana

    A arte como bricolage

    Quando se passa porém aos paralelos culturais e artísticos, o

    panorama se torna muito mais complexo. De um lado temos te-

    mos uma correspondência bastante perfeita entre duas épocas

    que de diferentes modos, com semelhantes utopias educativas

    e com semelhante mascaramento ideológico de um projeto pa-

    ternalista de direção das consciências , tentam preencher a di-

    ferença entre a cultura culta e cultura popular, passando através

    da comunicação visual. Ambas são épocas cuja elite seleciona-

    da raciocina sobre textos escritos com mentalidade alfabética,

    mas depois traduz em imagens os dados essenciais do saber

    e as estruturas portadoras da ideologia dominante.

    Civilização da visão, a Idade Média, onde a catedral é o grande

    livro de pedra, e de fato é o manifesto publicitário, o vídeo tele-

    visual , o místico almanaque que deve contar e explicar tudo, os

    povos da terra, as artes e as profissões , os dias do ano, as es-

    tações da semeadura e da colheita, os mistérios da fé, as ane-

    dotas da história sagrada e profana e a vida dos santos ( gran-

    des modelos de comportamento , como hoje os astros e os can-

    tores , elite sem poder político, como explicaria Francesco Albe-

    roni , mas com imenso poder carismático). Umberto Eco

  225. p/ Samuel samuca

    Parceiro você deu uma alisada, mas não deixou de enfiar o dedo no olho, mas tudo bem, gostaria que vcs se recordassem de alguns fatos.

    Collor recebeu o governo com uma inflação de 80% am e 1.800% a.a.
    Collor recebeu o pais em moratória, faltava até leite no supermercado, e pagamos ágio até em papel higiênico.
    A economia do pais totalmente liquidada, e os banqueiros enchendo os cofres, e os trabalhadores pagando o maior imposto dos últimos 200 anos.

    Durante os poucos mais de 02 anos de governo, o que ele fez??

    Implantou o plano Collor, na realidade o Real, baixou a inflação para menos de 20%aa
    Moralizou o sistema bancário, sua mais importante obra em minha opinião
    Acabou com o overnight, colocando todos os recursos na economia.
    Ajustou o valor das aposentadorias do funrural de 70,00 p/mês para o salário mínimo
    Abriu o mercado para que hoje padecemos estar usando a NET, computadores, telefones e toda o avanço tecnológico que hoje está a nossa disposição.
    Renegociou nossa divida externa em 30 anos, com FMI, bando de Paris, terminando assim com a moratória, não sei se alguém se lembra, dos navios da Petrobras presos na Espanha, Estados Unidos, Inglaterra, quem regularizou a situação do nosso pais?

    Estas são apenas algumas coisas que ele recebeu de herança e que realizou, quem derrubou o Collor foram os BANCOS, se tem alguém que acha os BANQUEIROS
    mais patriotas que o Presidente Collor, ai eu me calo!!!

  226. Sandra

    Adoção… um tema complexo. Já ouvi histórias de juízes não permitirem adoção porque a mãe trabalhava à noite (era professora). Levou-lhe as crianças que estavam com a família como experiência. Separou-os, deixando todos aos prantos. Vai ver que, para esse juiz, as crianças estão melhor nos abrigos.

  227. Cristina

    Se depender de mim a indústria automobilística está ferrada, na nossa garagem há um Mercedes 95, um Golf 95 e um Jeep 51, e não pretendemos trocar os carros tão cedo. O mercedes está tão novo que atraiu um ataque terrorista, um invejoso jogou cola no carro, que estava parado na rua da Ilhabela, um lugar que supostamente deveria estar livre dos invejosos. Um problema que vejo no Brasil é a inveja, você não pode ter um carro bonito que o pessoal joga olho gordo, risca, joga cola. Não sei o que é pior, a inveja ou o preconceito.
    Uma das raízes do problema da indústria automobilística é que, com as novas tecnologias, agregaram valor demais nos carros, um carro zero é muito caro, e rapidamente os carros perdem valor, há uma tendência ao conservadorismo, principalmente na Europa, as pessoas não trocam o carro.

  228. Sandra

    Volto mais tarde! Beijos!

  229. Nina

    Bom dia, ou boa tarde ou boa noite, tanto faz…
    lindo dia em SP, cidade horrível acordou hoje lindíssima

    e mais uma vez:

    “ou racha de vez ou se vestem com outra roupa e perdem mais dinheiro. A raiz do problema não será resolvida com mais um bailout. Prova?” :

    “As montadoras concederam férias coletivas a 47 mil funcionários entre novembro e dezembro; isso representa mais de 40% da força de trabalho do setor. A medida foi adotada devido à redução nas vendas vista desde outubro, refletindo a diminuição do crédito para financiamento. As grandes empresas do setor, como GM, Volkswagen, Fiat, Ford, Peugeot/Citroën e Renault/Nissan, já anunciaram férias coletivas no período”
    Folha

  230. Garganta

    Cara Cristina,

    Esse trecho, que você me acusa de preconceituoso, eu transcrevi, e expliquei não concordar com generalizações. Tenha mais cuidado, moça. A razão nem sempre parece razão.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  231. Garganta

    Caros,

    Além da merecida advertência à senhorita Cristina 07:01, em meu comentário anterior. Eu, no comentário das 23:18, gostaria de me corrigir: a cidade platônica nada tem a ver(rigorosamente, claro) com estabelecer vida livre a todos. Porém, é mais uma busca do significado de justiça na cidade para–posteriormente– saber o que é o cidadão justo.

    Mas a citação continua eficaz, pois transplantar ideais para a realidade é algo perigoso. Os franceses e suas guilhotinas que nos digam.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  232. A quem interessar possa … Helloooooooo!!!

    Estamos falando de “crise global”; homossexualismo e do conceito (universal) do que seja “família”. Ok! Blog é isso!
    Comunicação é isso! Liberdade de pensamento! Trilegal!

    AMBIENTE DE TRABALHO ESPELHA RELACIONAMENTOS FAMILIARES, DIZEM ESPECIALISTAS.

    04/12/2008 – 09.02hs. – The New York Times
    matéria reproduzida por Sarah Kershaw

    Estamos falando com o “coração” sobre o polêmico assunto
    da homossexualidade, pautados por estereótipos, hipocrisia
    ou sincerade fraternal? Fui clara (rs)?

    10/11/2008 – O âncora Keith Olbermann da MSNBC fêz comentário emocionante e emocionado sobre a aprovação
    da Proposta 8, que baniu o casamento entre homossexuais
    na Califórnia.

    Como dizia Goethe, a homossexualidade é tão antiga quanto
    a Humanidade…(aceitação, negação, punição, confronto, etc)

    Afinal, aqui, o tempo todo, estamos nos colocando como gente moderna, instruída, etc. e tal …

    Ops! Estarei enxergando bem? Será que sei ler? Estou vendo
    tanta gente “azedar” com essa causa – a turma do pró e a turma do contra que … vou te contar, viu (rs). Mais tarde eu conto a …
    “fofoca toda” (rs) – Mundo Antigo e Mundo Moderno (êsse daí é
    o nosso e … ? Povos: sua cultura (não é a academica, ok?), costumes e “época”!

    PS.: Continuo endossando os “13” motivos do Collor!!!
    PS.: Idem, idem, e idem para o Garganta!!!

  233. Liliane.

    Boa tarde amiga blogueira.

    Tive atenção despertada por teu comentário acima no qual mencionas que tua filha nunca teve uma boneca negra.
    Interessante é que mesmo em casa de negros tais bonecas são raras.
    Eu mesmo não tenho lembranças se algum dia lá no passado comprei alguma para a minha filha.
    Quando menino eu fui coroinha de igreja e já naquela época achava estranho não existir imagens de anjo negro entre os diversos que ornamentavam os altares e nas pinturas.
    Um pouco adiante apareceu um bolero no qual o cantor perguntava algo como: – Pintor,que pinta com amor.Porque nunca se lembrou de pintar um anjo negro?
    Não lembro da autoria e nem do cantor, mas esta musica existe. Se não me falha agora a velha memória era uma musica cantada por Gregório Barrios.Este Gregório vinha constantemente ao Brasil.
    Também sempre adorei os desenhos de Walt Disney e como sabes Liliane não tem menino ou personagem negro na Disneylândia.
    Quando muito aparecem as mãos ou as pernas de negros sempre aludindo pertencerem a serviçais domésticos. Este recurso é muito visível nos desenhos da dupla Tom E Jerry cujas estripulias e correrias normalmente São desenhadas dentro de casas.
    Então este negócio de racismo é muito forte mesmo.
    Eu achava que o senhor Obama ia perder as eleições baseadas neste sentimento.Nao ao meu é claro, mas de muitos ainda. E aqui abro um parêntese para lembrar que os americanos julgaram mais outros fatores. O senhor Obama venceu.O cidadão americano antes de apoiar o herói de guerra MacCain lembrou de que antes de ser preso o jovem MacCain soltava bombas nos lares da nação inimiga.O senhor MacCain sendo soldado de carreira tinha de fazer o que lhe fora ordenado.Mas a maioria do povo norte americano parece ter mandado um recado exatamente aos que dão as ordens aos MacCains.Parem com esta merda de Guerra.
    De quebra apoiaram um candidato negro dizendo: Parem com esta merda de racismo.
    Então Liliane vamos aguardar um pouco mais.
    Pode ser que agora apareça um azeitona revivido (já tivemos um aqui no Brasil).Pode ser que um menino negro vire heroí e quem sabe um dia uma fabrica lance um Barbie negra.
    Se tua filha não gostar mais de boneca eu espero que compres um para tua neta.
    E eu espero que neste dia o Gerald Thomas não necessite iniciar uma de suas peças dizendo que:_ O que vocês estão vendo não é exatamente o que vocês pensam que estão vendo.O que vocês pensam que estão vendo é exatamente o que vocês estão vendo.
    O próprio Gerald deve estar ansioso para escrever sem precisar de muito bromato para dizer que pão é pão mesmo em padarias onde o dono permita beijos livres.

    Afinal a ordem de quem beija quem não vai alterar a massa do pão.Salvo se os padeiros lá dentro estiverem se beijando ao mesmo tempo em que arrumam a massa.Ai então esta padaria só venderá pão doce neste dia.

    Obrigado.
    Pacheco.

  234. Biquei

    Vai pegar fogo,16.30,plenário do STF.Nelio,Toron e cia,mais um HC do DD.

  235. Sandra

    Collor, o FHC recebeu o Brasil em condições idênticas. E sinto muito, Collor pode ter feito muita coisa boa, mas nunca mais confiarei nele. Não se diz: Não vou mexer com a poupança. E mexe-se com a poupança DIAS depois.

  236. HO HO HO.

    Saudações Polares.

    Quero cumprimentar os participantes deste blog.
    Entro atendendo um pedido pessoal que me foi endereçado por um dos participantes que esta entre vocês.
    Este participante merece esta minha atenção porque ele desde menino nunca deixou de acreditar em mim.
    Não pensem que ele está lelé da cuca e nem se preocupem em explicar a velha estória de que a minha imagem é propaganda da Coca-Cola porque não cola. Ele sabe de todo este lero lero e assim mesmo acredita.
    Pela simples razão de que deseja acreditar e assim viver um pouco mais feliz.
    Acontece que segundo ele me relatou ele desejava que vocês se reunissem para festejar o Natal que se aproxima e ainda homenagear o dono do blog que todos sabemos ser o senhor Gerald Thomas.
    Caramba! Ho HO HO e poruqe não!

    È isto que ele me pediu para lembrar aos senhores.
    E eu não posso negar um pedido de um velho lobo do mar.
    Recomendações para suas crianças.
    Beijos a todos.

    Ho HO HO

  237. Sandra minha linda, vc acha que o pais da maneira que se encontrava o Presidente podia ter anunciado que iria mexer na poupança??

    Já assumi aqui que o erro não foi o bloqueio, foi o valor mínimo.

    Mas o mais importante do bloqueio não foi á poupança, e sim o depósito ao portador, estes sim era o objetivo central, pois ali tinha dinheiro de assalto, narcotraficante, caixa 2 e corrupção.

    Comentei somente para esclarecer, mas respeito sua posição e desejo que ele confirmando a candidatura, você nós de uma chance de convencê-la que não houve dolo, era amor ao pais.

    beijos do collorido.

  238. Everaldo mala, estou com um cordel pronto para publicação, mas só o farei depois de seu retorno.

    abraços do collorido.

  239. Fantasma das Estepes.
    Comentário das 10 49.

    A respeito da matéria do professor que ficou fazendo experiência como gari.

    Sou uma pessoa simples.
    Tenho obtido sucesso com métodos de ensino que aprendi a usar na Marinha de Guerra.
    Acontece que normalmente e por me sentir bem com e entre pessoas eu faço sempre com que quem quer que seja que estiver ao meu alcance nunca seja ignorado.
    Aconteceu comigo mesmo esta experiência maravilhosa de termos a certeza de sermos alguém e não uma coisa.
    Parabéns ao professor que realizou a experiência e a você por ter comentado o assunto.
    Se você for um dia visitar a cidade de Belmonte ou a de Caravelas nem pense em falar mal do Pacheco perto de qualquer varredor de rua.
    Modéstia a parte tem esta certeza.São todos meus amigos.
    E olhe, alguns deles já estão começando a acreditar em Papai Noel.Quero dizer :-Acho que estão.

    Obrigado.

    Pacheco.

  240. E por já estar falando demais saio por enquanto.

    Fiquem em paz.

    Obrigado.

    Pacheco.

    Paulo G. Solicito teu endereçamento.Perdi e não encontro a anotação que fiz.

  241. Glorinha querida.

    Antes de sair li teu comentário. O da pedra e do vidro.
    Então eu fiquei pensando:
    – A pedra só vai de encontro ao vidro atirada por alguém.
    Faz algum sentido este pensamento?
    Acho que você jamais pegaria uma pedra para jogar no vidro de ninguém.
    Beijos de dois telhados de vidro.Que estão prontos para te receber.
    Obrigado.

    Pacheco.

  242. André M.

    Prezado Collor (eca) 2010

    Cada um acredita no que melhor lhe convier.

    Se o teu presidente foi deposto pela globo (além de outros elementos, como os bancos que tu mesmo cita), não pode negar que ele teve uma ajuda enorme da mesma globo para se eleger, ou só eu que presenciei o show de horror que foi o noticiário dias antes da eleição dele? Um cara obscuro, que saiu do nada, sem nenhum credencial para se eleger, sem ter sido deputado, senador, foi governanador de um estado que é menor que muito município (em termos de arrecadação e máquina), se eleger a presidente? Só com muita ajuda. E a mesma mão que dá, tira.

    E não me venha com esse papo churumela de que ele não quis dar golpe, na verdade ele deve ter percebido que ele não tinha era apoio. E outra, sem ata, sem prova documental, quem garante que essa reunião realmente existiu? Acredite quem quiser.

    Sobre a questão do DIREITO DE TODO CIDADÃO em ter família, independente da opção sexual, prefiro me abster de debater mais contigo. Um dia também acharam um HORROR mulher votar e negro ser livre, para ficar em dois exemplos bem extremos.

    Saudações não muito cordiais

  243. Glorinha

    Pacheco 15:18
    seu comentário é ótimo…em especial…a duas últimas frases são d+++ pão doce adorei!!!
    []

  244. susan Clayre

    Para o Pacheco !!!

    Olha a Barbie ja faz **Bonecas Barbie Negra !!!

    Alias existem Indianas , Negras…..ate uma Brasileira , que tem o nome de RIO.

    Minha filha ja tem umas tres Barbies Negras…..

    Fico por aqui….

  245. Glorinha

    Pacheco,
    o comentário da pedra e do vidro é apenas um signo…para nos colocarmos no lugar do outro de vez em quando…
    [[]]

  246. susan Clayre

    Para o Pacheco !!!

    Olha a Barbie ja faz **Bonecas Barbie Negra**!!!

    Alias existem Indianas , Negras…..ate uma Brasileira , que tem o nome de RIO(E um Bumbum mais saliente)

    Minha filha ja tem umas tres Barbies Negras…..

    Fico por aqui….

  247. Glorinha

    Pacheco, faria uma ondinha no rio…rs….rs….
    [[]]

  248. Oi, Nina, GT, pessoal. Mais contos como esse ai em cima vc encontra no

    httpp://sarapateta.com

  249. Oi, PaXeko.

    Conte pra nós: como é a questão gay no exército?

    Alexandre O Grande, quando viu o batalhão dos amantes, nas Termópilas, chorou. Preferência sexual não tem a ver com desempenho na batalha.

  250. Collor 10 – Lady Kate.

    Quando o Collor era presidente
    eu prestava assessoria de informática ao sindicato dos eletricitários.
    O presidente do sindicato era o sr. Rogério Magri.
    O imexivel.
    O Collor para provocar o PT e o Lula
    indicou o Rogério Magri para ministro da previdência.
    Tanto o Lula como o Rogério eram operários
    e não tinham curso superior.
    Eu perguntei ao Rogério.
    Voce vai aceitar o convite?
    Por que voce quer ser ministro?
    Se o Lula pode ser Presidente, eu posso ser Ministro,
    respondeu o Rogério.
    Dos três, quem saiu melhor, deu volta por cima, foi o Lula.

  251. Continuando:

    Sobre o exército: pergunto sem maldade. É que o exército é uma instituição TOTAL, assim como a Polícia. O regulamento da PMMG antes de 97, meu pai me falou, exigia a autorização do comandante para que alguém se casasse. Meu pai precisou dessa formalidade para se casar em 1972. Então, até bem pouco tempo, essas instituições TENTAM ou tentavam controlar

    O SEXO de seus componentes. OU não?

  252. Opa! (grego)!!!

    PADRÕES DE HOMO-EROTISMO NO MUNDO ANTIGO?
    – Pederastia: conhecida, se não me engano, como amor grego.
    – Turcos, árabes, judeus, mouros da Espanha, Reis da França e Inglaterra, portugueses (Inquisição? também pra cima dos homo), povos oceanicos, povos da Mesopotamia, Maias. China Imperial etc… etc… etc…

    – Oros e Seti. Laio e Crísipo. Platão. Alexandre. Magno. Samurais
    (até êles?). Robin Hood. Leonard Da Vinci. Exércitos de Tebas e
    de Esparta. Sócrates e Alcebíades. Apolo e Ganimedes, etc…

    “Dizem por aí” … É História? É História.

    Casamentos inter-raciais eram proibidos; Escravos não tinham alma – mulheres também (até num passado muito e muito recente da nossa História), etc… etc…

    Êsses argumentos são usados à exaustão pela “causa” pró-legalização de casamentos e constituição de famílias gays.

    Esquecem-se, porém, de “mero detalhe”: o problema aí era de
    homens e mulheres. HOMENS E MULHERES …

    A História da Humanidade e seu ciclo natural … c’est la vie!!!

    Abraços!

  253. O brasileiro não tem bom trato com o pão.
    É comum ver, em padarias, supermercados bares,
    pães em caixas de papelão ensebados, ou em cesto
    de vimes que nunca foram limpos ou lavados.
    O francês também não tem.

    Em Paris vi francês carregando filão de pão
    envolto em uma tira de papel, debaixo do braço.
    O mais terrível são as sessões de frios dos supermercados.
    O atendente não usa pegador metálico.
    Põe uma luvinha de plástico e pega os fatiados com
    a mão. Pega em tudo com aquela luvinha.
    Dificilmente, troca. Quando é solicitado a trocar a luva faz cara feia.
    Como disse um proprietário de padaria em Moema,
    bairro de classe media alta de São Paulo:
    “O povo come qualquer coisa”

  254. Nina

    e mais e mais….

    “A companhia química americana DuPont anunciou nesta quinta-feira o corte de aproximadamente 2.500 empregos, que afetarão especialmente as divisões relacionadas ao setor automobilístico e à construção.”

    GT: “Agora vamos esperar o diagnóstico: ou racha de vez ou se vestem com outra roupa e perdem mais dinheiro. ”

    Gays, lésbicas, negros, japoneses, pastores, deus, brancos, amarelos e azuis, transex, poetas, travestis, comentaristas, padres, rabinos, presidentes, músicos, professores… TODOS SERÃO DEMITIDOS…. ou entrarão em férias coletivas.

    ESPERO QUE RACHE DE VEZ…

  255. Fantasma nas Estepes

    Obrigado ! Glorinha e Pacheco. Duas almas gêmeas. Entenderam o apelo. O inferno não são os outros, como definiu Sartre…e sim a falta de empatia e compreensão para entender “os problemas” dos outros.

    Outro dia, tive que visitar um Sindicato dos Bancários…pelo interior do Brasil …afora. Quando aguardava uma audiência para entrevista…fiquei conhecendo a história de um ex-gerente de banco…trista sina a dele….teve a infelicidade de adoecer, depois de quase vinte anos de serviços prestados…..foi mandado embora…faltando quase l anos e meio…para aposentadoria por tempo de serviço…..Estava desorientado…..deverá contentar com uma aposentadoria proporcional….a metade do salário do que recebia na ativa…mil e poucos reais….para viver num interior….deve dar se continuar trabalhando….tentei animar o sujeito …dizendo que era novo e que deveria montar um escritório de despachante….uma vez que era pau para toda obra no tal…. banco …..

  256. Biquei

    O Nélio e o Toron paparam mais uma,imaginem o que eles vão fazer com a sentença do togadinho,que não respeita a constituição.

  257. Curioso

    Antigamente os empresários vendiam suas cuecas para salvarem suas empresas, agora vendem as nossas. Capitalismo? Neoliberalismo ou filhadoputismo?

  258. Ser parlamentar não é coisa difícil,
    é so ter idéias estapafúrdias.
    Mais uma lei para beneficiar o casal gay.
    Marido de gestante não poderá ser demitido
    sem justa causa. As empresas vão preferir casal gay.
    Tambem terá preferencia maridos de mulheres
    com trompas amarradas ou quem já fez vosectomia.
    Em periodo de crise havera aumento de polulação.
    Antes o bacuri garantia a bolsa familia,
    agora vai garantir o emprego.
    Como diz a Susa Judia, C´est la vie.

  259. Amiga Susan Clayre.

    Muito grato por tua informação.Na verdade eu vi uma vez uma Barbie negra.
    Efeito do surgimento da Campbell talvez.
    Mas parece que não levaram muito avante a produção, provando assim que a procura por bonecas de cor negra não foi lá o que poderia ser.Insisto que as próprias mães negras compram bonecas loiras e outras cores de cabelo mas sendo quase sendo de brancas na cor da pele.
    Veja as bonecas tipo baby.Quanta você já viu de cor negra?
    Em tempo: não sou racista. Muito pelo contrário.E quando falo de e a respeito das preferências das mulheres negras falo com conhecimento de causo e de casa.
    Sim o racismo existe. A maioria nega. Mas existe infelizmente.
    Antes de encerrar cumprimento você por ter comprado para tua filha as três bonecas negras que certamente são lindas como qualquer Barbie.
    Obrigado.
    Pacheco

  260. Lucio Jr.

    Bem se nota que deves ser um rapaz de pouca idade.E´natural teu questionamento.

    Não posso responder o que me perguntas pelo exército.
    Falo o que sei dos anos que servi na ativa da Marinha.
    Nunca notei qualquer constrangimento imposto aos que se mostravam diferentes da maioria.
    Sei de caos nos quais oficiais até preferiam ter homossexuais os servindo caso fossem taifeiros.Eram chamados de frutas da copa.Taifeiros são espécies de atendentes de mesa no caso.
    Lógico que não se podia estar fazendo e assumindo sexo abertamente.
    Tive e ainda tenho diversos amigos que são homo.Minha preferência sexual não os engloba.Adoro e sou chegado a mulher.O que não impede de ter homos como amigos e ainda porque eu não tenho nada de ver como o colega gosta de trepar ou gozar.O problema é de cada um.Só e somente ao dono é dado o direito de fazer uso de seu corpo.
    Homos sempre existiram .existem e sempre existirão.
    E nós nada temos com isto.
    Quem sabe o que é não precisa olhar o rabo do alheio.
    Cada um que cuide e tire o seu da reta se não gostar do que vem por traz.E se enfie no buraco que mais desejar.

    Obrigado.

    Pacheco.

  261. Susan judia –

    Você entrou arrebentando, já gostei de você de cara, tenho duas paixões nesta dezena de blogs que freqüento fazendo minha campanha, são elas Michelle e Curitibana/Londrina, vou lhe incluir como provável paixão.

    Mas elas tem de concordar, rsrsrsrsrs

    Beijos do collorido.

  262. Lucio Jr.

    Agora sobre o casamento.
    Realmente eu tive de pedir permissão para me casar.Era normal e não sei se ainda é assim.Ao contrário do que insinuas a questão não era para controlar o sexo.
    Praças militares ao contrário também do que muitos pensam não ganham o suficiente para manter uma família.
    Deste modo procurava-se arrefecer os ânimos dos mais exaltados de modo a que esperassem mais um pouco deixando o casamento para frente .Com estudos e promoções a vida do praça tenderia a melhorar.Havia um limite. Depois de dez anos não era mais necessário pedir a tal permissão.E se depois de dez anos o praça não lograsse chegar a sargento ele casava e ai seria mais uma família parecida com favelados nos rendimentos.Como sargento a minha mulher foi trabalhar de modo a ajudar na educação que planejamos para os filhos.Não acredite neste papo furado de que militares são ou tenham privilégios. Temos sim aposentadoria garantida porque nos mesmos controlamos nossos fundos de pensões onde nem maus sindicalistas e nem péssimos políticos metem o bedelho e la mana boba.Por isto é que a coisa funciona e depois informam mentiras a bons brasileiros como o Targino Silva e eu tenho que ficar comentando e rebatendo um amigo que gosto.
    Muito obrigado.

    Pacheco.

  263. Fantasma nas Estepes.

    Basta entar em qualquer banco.As filas são constantes.Apesar de haver lei contra elas.Todos percebem que apenas um ou dois caixas atendem ao publico enquanto existem caixas que não são guarnecidas.Lucro a mais para os donos dos bancos.Pão a menos na mesa dos bancários.Por isto e embora a propaganda enganosa deste e de outros governos tentem me desorientar eu ,mesmo no prejuízo aturo os transtornos causados por greves de bancários.Eles os bancários não fariam greves se fossem no mínimo respeitados por banqueiros gananciosos.

    Cada macaco no seu galho.
    Fico no meu.
    Obrigado.

    Pacheco.

  264. Paulo G.

    Caro Pacheco:

    Meu endereco de e-mail eh: paulogaeta@gmail.com

    Obrigado

  265. Nina.

    A crise está brava.
    Aqui em uma pequena cidade do interior da Bahia já se sentem os efeitos do que no inicio o grande e sábio lula classificou de marolinha.
    E ele anda espalhando que vai ensinar o Obama como se safar desta.
    Tenho medo que o ego do nosso suposto presidente o leve a prometer curas ou tente superar o mito do Padim Ciço no nordeste.
    Agora tenha a certeza que esta tremenda crise vai passar.Claro que teremos sacrifícios.Mas que passa, um dia passa.
    Lembras da musica : – Mas tudo passa tudo passará?
    Pois é.
    Daqui a tempos mais o mercado(os maiorais resolvem como lidar com a China e tudo volta e começa a entrar nos eixos.
    Lógico que não é tão simples assim.
    Tem o negócio de petróleo e outros que ameaçam o mundo inclusive guerras e terrorismo. Mas certamente a China com seus milhões de braço e bocas no balanço final é a grande diferença.Ou será o grande acerto a ser realizado.

    Não sei bem porque eu julgo assim..Intuição ou repetição de algo que li?

    Obrigado.

    Pacheco.

  266. Infelizmente tenho de sair novamente.
    Estou participando de uma reunião comunitária na cidade de Caravelas.
    Debaterão temas de meio-ambiente e os efeitos que causam as dragagens.
    Fiz pausa e vim para a lan house teclar porque conheço a introdução. Como se aproxima os tempos de serem abertos os debates vão me chegando.
    Boa noite e desejo ótimos entendimentos entre os que ficam.
    Obrigado.

    Pacheco.

  267. Blogueiros queridos(as)

    Ho HO HO.

    Por favor, leiam meu recado que ficou lá por cima.

    Agradeço a todos e lembro que tem pai cansado de ganhar a mesma gravata todo final de ano ou o mesmo conjunto de Loção de barba.

    Sei que a grana está curta, mas vocês ficam com pena de gastar e eu é que sou xingado quando vocês se retiram e o presenteado diz: – Que Papai Npel mais FDP.

    HO HO HO.

    Olha de um grande abraço no seu velho ou velha que eles gostarão muito mais.

  268. Londrina

    Andre M.

    Eu, naõ gosto do Collor. Na época que ele foi presidente eu não tinha idade pra votar….. . Lembro vagamente da campanha. o que eu não lembro, leio sempre nos noticiarios. A Globo o elegeu sim,a Globo o derrubou sim, com á ajuda do resto da imprensa….. Pelo que eu li preferia o Lula com exceção do Estadão e Globo, o resto de imprensa era Lula.
    Eu me lembro vagamente de alguma coisa, mas sei que houve dois momentos em que o jogo ficou sujo, qdo do caso da filha do Lula, e a edição do debate. Isse é sempre comentado em todas as eleições.
    Agora com relação ao Collor. Como participo de alguns blogs com o Collor2010-viceKatia Abreu, fui pesquisar a biografia do Collor.___________________ Collor foi deputado federal, votou em Maluf contra Trancredo no colegio eleitoral.foi prefeito de Maceio, e governador de Alagoas, Ficou conhecido como Caçador de marajás…….Já disse não gosto do Collor, não sei se a sua cassação foi injusta ou não, mas que tem gente que merece ser cassada e está se livrando numa boa, ah está.

  269. Londrina

    Collor meu amor. Vc quer fazer um triangulo amoroso? Não acredito,justo vc!

    Pena que vc é Collorido,né? Fazer o que, niguém é perfeito!.

  270. McWilliam

    Glorinha

    Sobre o TERRORISMO no Brasil :

    E’ claro que eu concordo com vc `a respeito do que e’ escrito neste blog, que apenas e tao somente “esse bla-bla-bla não é inutil se gera algum movimento” !

    Basta imaginar aqui uma situacao hipotetica:

    Veja, tomemos uma pessoa acordada 16 horas por dia
    Imaginemos que `a partir da hora que ela acorda, a cada dois minutos e meio, ela veja um inocente levando um tiro e indo a obito, e nos outros dois minutos seguintes um outro sendo esmagado por um automovel, e nos outros 2,5 minutos seguintes outro levando um tiro e morrendo, e logo apos outro sendo morto numa batida de automovel…. E ISSO SE REPETINDO, a cada DOIS MINUTOS e meio, durante o DIA TODO, TODOS OS DIAS, durante TODO o ANO, e tambem nos anos seguintes… durante TODO o TEMPO em que esta pessoa esta acordada !

    Da pra enxergar isso ?

    O QUE ACONTECE dentro do CEREBRO DE UMA PESSOA que VIVE ESTE INFERNO por TODO O TEMPO em que esta acordada ?

    RESPOSTA:
    Se o CEREBRO nao for BRASILEIRO podem ter certeza, acontece MUITA COISA.

    A cena ilustrada acima NAO E’ UMA HIPOTESE !
    NADA, e’ o que acontece dentro do Cerebro do Brasileiro

  271. Paulo G.

    pois eh Pacheco, quando o Itau anunciou a fusao com o Unibanco
    o governo e mais varios otarios comecaram a celebrar essa fusao
    como uma coisa fantastica e importante para o pais e na verdade
    o que aconteceu foi que MAIS UM CONCORRENTE ESTA FORA DO MERCADO, DIMINUIU A COMPETITIVIDADE, o que significa que TARIFAS SERAO AUMENTADAS, alem do que que como existem muitas agencias Itau e Unibanco lado a lado, obviamente muitas vao deixar de existir. Mas como se sabe os Setubal, donos do Itau adoram o Lula, o presidente que mais vantagens deu aos banqueiros nesse pais.

  272. Tene Cheba

    Eu quero ver os sonhos, quero voar, quero flutuar, planar Senhor.Eu quero sim.Quero meu ar, quero aspirar, sorver Senhor, quero arrebentar a minha lucidez, quero minha Terra de Fogo, meu mar partido.Quero as minhas Senhoras Distintas,quero as Luas,os Sóis, quero minha estrela, minha nova, SuperNova, Hipernova, quero sufixos latinos, quero a bamba mão de Deus direita, quero por quero, quero não poder, quero a luz apagada, quero poder, quero a luz apagada, quero ninguém. quero ninguém, quero sorver, aspirar, quero ninguém, quero apenas dizer, enfim, cadê o fim. Que porra é essa, que fim é esse, que muda os iguais, mas, que porra é essa, que fim é esse, quero pular no abismo, lá, não é cá, alma penada,fim do mundo, Saci Pererê, Macunaíma, prefiro o fim de Papo. Fim , enfim, não tem problema não.

  273. Tene Cheba

    Quero manter a mente,longe de tudo, longe da poluição.Efeitos fúnebres, efeitos funestos, efeitos sem efeitos, efeitos sem causas, sem atos ou causas, efeitos sem praias…..

  274. Tene Cheba

    Meu fim de papo, tem uma longa história.Meu fim de papo, tem longas poesias, poucas Concretas, poucas simbólicas, poucas romanticaas.Meu fim de papo, tem, uma bicicleta, preta, tem um calcanhar, tem cicatrizes, calcanhar cortado, coração vivo, alma morta, tem a praia Mano, tem o caçula, tem o peixe,tem a maresia, a marola e o tsunami,mas faltou as escarpas do maremoto, cristas e mais cristas.

  275. ezir

    BOA NOITE ,MR. GERALD THOMAS!!! BOA NOITE, GLORINHA!!! BOA NOITE PROS MEUS COMENTARISTAS JÁ CONHECIDOS VIA ESTE MEIO DE COMUNICAÇÃO DE LINGUAGEM FÁTICA-REFERENCIAL, POÉTICO-METALINGUÍSTICA…E ÁS VEZES, SEM SAIR DA LEI DOS COMEDIMENTOS INTERACIONAIS, LINGUAGEM DO “EU-EMOTIVO”… E DO “EU LÍRICO”… (O DO EMOCIONAL PESSOAL JÁ EXTRAPOLA AS CARACTERÍSTICAS DESTE VEÍCULO-O BLOG INTERACIONAL E NÃO NECESSARIAMENTE “INTERATIVO” ( JÁ que ISTO JÁ SERIA UMA SALA-CHAT, SALA BATE-PAPO).
    Compreendo os pontos de vista aqui do Sr. Gerald Thomas sobre a dinâmica interacional de seu BLOG.Entendo A NINA …e ela está certa quanto a SE ATER A COMENTAR SEUS POSTS.Eles são O NORTE DO PRAZER DE SE COMUNICAR NOSSAS IDÉIAS POR AQUI , POR ESTA VIA. Ser, para O SR. E O VAMP, E A SANDRA e OUTROS O FILTRO DO “TEOR DAS MENSAGENS” ÀS VEZES PODE SER CANSATIVO … MAS PODE MUITO PRAZEIROSO… E DESCOBRIDOR TAMBÉM!!!…tá aí O MAIOR BARATO DE TUDO …E TODAS AS CONVERSAS NAS QUAIS A GENTE SE INVESTE, ÁS VEZES ATÉ AS MAIS CHATÍSSIMAS … E APARENTEMENTE IMPRODUTIVAS … OU PURO SEM-SENTIDOS (diferente do “NON-SENSE” que é UM TESSSÃOOOO , COMO O SR. GERALD THOMAS MESMO COMENTOU UMA VEZ EM UMA DE SUAS ENTREVISTAS LIGANDO O “TESÃO” O “THRILL DA MAE WEST” COM …A “TESE,
    OS TRABALHOS-ENSAÍSTICOS” QUE FIZ AOS MONTES NA UNIVERSIDADE …E ACREDITO Q P TODOS Q JÁ TIVERAM ESTAS EXPERIÊNCIAS DE FAZER “UM TRABALHO DE ESCOLA OU CONCLUSÃO DE CURSO ETC.” ADORARAAAAMMMM! )….
    O PAPO DE MADRUGADA ENTRE O SR. THOMAS, E O MR. THROAT ME FEZ RELEMBRAR ” ALICE IN WONDERLAND”, ESTE NOSSO ÚNICO , INNNNSSSSUUBBBSSSTITUÍVEL AUTOR INGLÊS , NATURALIZADO AMERICANO LEWIS CARROLLLL ( COMO O SR. MR. GERAL THOMAS!!!). Me pareceu que O DIÁLOGO FOI EXORCIZANTE COMO O POEMA DE L. CARROL EM FORMA DE UM PERFURADOR OU RODAMOINHO NÃO COMO A RAIVA , OU A FÚRIA … MAS NO SENTIDO DA EXPRESSÃO EM INGLÊS ; ” LIKE A FURY”= HIGH DEGREE OF INTENSITY AND ENTHUSIASM, PASSION FOR OUR SIGNS, LIKE MY ASTROLOGIST SAYS ” LIKE A ROTOROOTER!!!”… È LEGAL estar AQUI NESTE BLOG ( mesmo q rápido ás vezes) POR ESTA PAIXÃO SAUDÁVEL PELA VIDA DOS SIGNOS QUE O SR. THOMAS SEMPRE EVOCA … COM TAMANHA FRENESI E TRANSLÚCIDEZ…!!! volto amanhã!!!BoAS TEMPERATURAS and HEARTHS… AND WARMTH OF HOURS EVERY NOW AND THEN… SAUDAÇÕES , de Ezir

  276. p/ Londrina

    Alma gêmea, mulher amada
    Estrela bela que me aclara
    Divina, sublime, idolatrada
    Uma perfeita jóia rara

    O astro que ilumina
    todo o meu infinito
    Ditou a minha sina
    Vê-la sempre como mito.

    Abraços do collorido.

  277. Oi, pessoal. Pacheco, obrigado pela resposta. É que o exército foi abalado por escândalos. Me esqueci q vc era da marinha. Mas obrigado, em todo caso, pelos esclarecimentos.

    A propósito: cadê o Fábio? Esse debate era prato cheio para a Escrava Isaura!

  278. McWilliam

    Depois do Petroleo, qual a atividade mais lucrativa, Banco ou Indistria automobilistica ?
    O que significam os Bailouts ?
    Como um SuperBigBailout e’ negociado ?
    A industria automobilistica esta quebrando ou impondo em nao admitir ter queda na sua lucratividade ?
    E o patrimonio incorporado no crescimento destas industrias, nao conta ?
    E o lucro acumulado por tantas decadas ?
    Depois da AIG, outro golpe de mestre
    Ou da dinheiro ou ha despejo de desocupados nas ruas
    Checkmate !

    Eu nao entendo a esperanca do Obama em realacao a industria automobilistica diante de um caminho sem volta.
    Os USA levaram pra China e Japao toda sua plataforma de fabricacao
    Eles so tinham que fabricar o que os era ensinado e retornar aos americanos as quantidades demandadas por um determinado preco minimo.
    O Chines, determinado que e’, abasteceu nao so os USA como tambem inundou o resto do mundo com seus produtos.
    O que ha de mais funcional na frota americana e’ japones
    E tudo o mais que ha nas prateleiras e’ chines
    A revolucao industrial decolou na Inglaterra, mas nao se fabricam carros ali.
    Assim como no Reino Unido, se os USA fossem fabricar sequer uma bicicleta a teriam que vende-la por 10 vezes o preco.
    No Brasil o povo trabalha pra ganhar 200 dollars por mes
    Mas na “America” ? hehe … LOL…
    Nos USA ate brasileiro ilegais ganha 100 dolla/dia pra passar o aspirador de po e limpar o sanitario do americano.
    O que diga-se de passagem, bem mais que ser doutor no Brasil.
    Enfim, eu to confuso com as intencoes do Obama com relacao a aumentar a atividade industrial nos USA.
    Seria algo como: no’s fabricamos e compramos mais caro de no’s mesmos, pra nao termos desemprego e nao ficarmos na totalmente mao dos outros.
    Da mesma maneira como acontece com a agricultura americana.
    Produzem mais caro, mas continuam produzindo mais caro e comendo mais caro.
    O dinheiro faturados com produtos de tecnologia e’ mandado para subsidiar a agricultura.
    Como sera que isso vai acontecer ?
    Grana pra continuar comprando os Lincolns, Navigators e Infinities ta garantido pelo primeiro bailout
    Agora e’ preciso de um segundo para que a fabricacao continue.
    Uma danca no Ciclo do Dinheiro, para quem tem dinheiro !
    Americano nao dirige Fiat/ Peugeot nem Renault porque diz que aquilo nao e’ carro.
    Nao usam o Fiat e pronto, tem muito sangue italiano ali, mas nos franceses eles fazem pipi na cabeca.
    Mas estes, fieis `a fabricacao caseira, fazem ha muito o que o Obama agora intensiona fortalecer.
    Mais um bailout:
    Grana pra quem tem grana !!!
    Cheers !!!

  279. Pacheco.
    Voce acha que sou ingênuo?
    Que é fácil mentir para mim?
    Eu venho e uma cidade pequena, sem grandes ofertas de emprego.
    Muitos jovens da minha época optaram pela carreira, militar,
    inclusive eu, so não cursei a escola de aeronáutica porque tive um problema de saúde.
    Tive um colega que com 6 meses de aeronáutica, teve um problema, foi aposentado
    como sargento. Tenho vários colegas que são militares e foram promovidos na reserva.
    O que voce não acredita não é mentira, é voce que está mal informado

    Filha de militar tem direito a pensão se pai já era militar quando a MP 2.215 entrou em vigor
    Filha de militar e maior de 21 anos tem direito à pensão do pai se ele já era militar à época da entrada em vigor da Medida Provisória 2.215/2001. A conclusão, por maioria, é da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça, ao dar provimento a recurso especial da União contra a segunda esposa de um militar a qual pretendia a divisão da pensão em partes iguais apenas com a primeira esposa.

    A pensão militar estava dividida em três partes, com 50% destinados à filha do primeiro matrimônio. A segunda mulher do militar falecido entrou na Justiça contra a União, requerendo que a divisão fosse feita apenas entre as ex-esposas. Em primeira instância, o juiz julgou procedente a ação, determinando o pagamento de 50 % da pensão à autora e a outra metade à ex-mulher, revertendo em favor delas a da filha. Ao julgar a apelação, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro confirmou a sentença.

    No recurso para o STJ, a União alegou que a Medida Provisória 2.215/2001 mantinha os benefícios da Lei n. 3.765/60, para aqueles que já eram militares quando a referida norma entrou em vigor. A lei, que dispõe sobre as pensões militares, previa o direito das filhas maiores de 21 anos à pensão, mesmo se casadas. Essa lei foi alterada pela medida provisória 2.215, que excluiu essa possibilidade.

    Após examinar o caso, a relatora, ministra Maria Thereza de Assis Moura, votou no sentido de negar provimento ao recurso da União, entendendo que, na época do falecimento do militar, estava em vigor a lei que afastava o direito à pensão da filha maior de 21 anos. Após pedir vista, no entanto, o ministro Nilson Naves votou reconhecendo ser justa a divisão somente entre as esposas, mas fez ressalvas. “No caso, não se pode deixar à margem dos acontecimentos o artigo 31 e seus parágrafos da MP n. 2.215/2001 – normas de transição”, considerou.

    Ao inaugurar a divergência, Naves afirmou que o dispositivo constitui exceção ao artigo 7º da Lei n. 3.765/1960, na redação do artigo 27 da MP 2.215-10/2001. “Assim, aqueles que eram militares na data da entrada em vigor da referida MP têm o direito à manutenção dos benefícios da Lei n. 3.765/1960, mormente no que se refere ao rol de beneficiários, desde que contribuam com mais 1,5% de sua remuneração”, acrescentou.

    A Turma, por maioria, deu provimento ao recurso da União, reconhecendo que a MP trata de regra de transição entre o novo e o antigo regime de pensões militares, bem como da forma de contraprestação específica para a manutenção das filhas maiores de 21 anos como beneficiárias da aludida pensão militar, qual seja, o desconto adicional e opcional de mais 1,5% além dos 7,5% obrigatórios. “Solução diversa privaria a norma em questão de sua vigência, eficácia e validade”, concluiu o ministro Nilson Naves.

  280. Querido “Papai Noel”! (sei a origem da sua estória, mas, mantenhamos o “sonho”, a “magia”, o “encantamento”, please!)

    Papi Noel:Aqui, onde moro, num condomínio residencial, fui “surpreendida”, na tarde de ontem, com a instalação de um grande e clássico candelabro de Chanuka (Festa das Luzes,
    para os judeus – começa hoje e termina dia 12).
    “Sonhos” para as criancinhas judias (doces)!

    Decoravam, ate 2007, o “meu” bairro e as portarias, de todos os condominios, seguindo-se as tradições do Natal Cristão. Na Av. Faria Lima, aqui da cidade de São Paulo, também adotam o mesmo procedimento – Natal Cristão e Chanuka.

    “Natal” polìticamente correto; “democrático”, aqui, não lhe parece?
    Ok, Papi Noel! Ok! Judaísmo e Cristianismo têm em comum muito mais do que a maioria imagina. Cristo era judeu e foi criado e seguia o Judaísmo como tal. Isso não vem ao caso, agora, né Papi Noel?

    Mas … e os outros? Muçulmanos e o Ramadã, por exemplo, como ficam “nessa”? E os “sem-religião” e do “bem”, hein Papi Noel? Percebe … o que está acontecendo?

    “Apesar” de ter sido criada no Judaísmo sou uma “dissidente” dêle tal como Jesus Cristo. Falei besteira? Não sei – pelo menos vejo assim! Não sou nada confiável em termos de Thorá, Bíblia ou Alcorão. Estou mais para Darwin e seus “seguidores”.

    O “espírito de Natal “está no meu peito, no meu coração, 365 dias por ano. Adoro Natal, Chanuka, seja lá o que for, na medida em que, por tradições religiosas, sociais ou comerciais, mobiliza
    o outro a pensar no seu próximo.

    Papi Noel, faça-me um grande favor, sim? Você pode; você consegue! Peça a todos que dêem uma passadinha em qualquer uma das agencias de correio da cidade onde moram…

    Peça-lhes que pegue a “cartinha de uma daquelas criancinhas”,
    que lhe foi endereçada e faça-a “feliz” no Natal!
    Combinados, Papi Noel? Vamos “adotar” uma criancinha, pelo menos, no Natal?

    PS.: não vou polemizar – longe de mim essa idéia – o Natal dos ricos, dos pobres, brancos, amarelos, negros, vermelhos, etc…
    Já temos Papi Noel na China!!!!!! Mundo globalizado, mesmo!

    PS.: não vou encrencar, também, com a estória do “dê ou não”esmolas! Já falei … o “espírito de Natal”, de alguma forma, toma conta “di mim” (rs)!

    Kisses, Papi Noel!
    I love you!

    and: Collor … você é muito gentil! Faremos um triangulo amoroso (rs)? Não, você está criando um “harém virtual”, é isso, né Collor? Michelle, Londrina, Susan judia e …??? rsrs

    I love you too! I love the world e … péraí … acho que já estou sonada ou … Ah! É o Natal, que “baixou ni mim”!!! rsrs
    PelamordeDeus Susan judia … vá dormir! Que coisa! Go way!!!

  281. McWilliam
    Realmente a coisa mais difícil em qualquer setor é a autocrítica.
    Ha alguns anos eu ouvi dizer que a GM era a maior industria do
    mundo e que o orçamento da GM era maior que o orçamento do
    Brasil. Caiu outro meteoro no Golfo do México, os dinossauros vão
    desaparecer para dar lugar à uma espécie de animal mais leve, mais
    veloz, de baixo consumo energético. É a seleção natural das espécies.

  282. Targino Silva,

    BOM DIA!!!

    Isso daqui está me deixando “dependente” (rs)! “Pega” (rs)!
    Brigadão pela “força”! Você é muito “antenado” com tudo – percebi; li; amei!

    Abraços!
    BOM DIA PARA NÓS TODOS!!!

  283. Garganta

    Caros,

    Tenho um candente manifesto ( e não é o comunista) para todos que lutaram bravamente pelos seus ideais e se revoltaram com a minha austeridade, como dizem as línguas, de Pol Pot(atenção!, antes que me acusem de ressentido, tem uma vírgula antes de Pol Pot, moçada). Eis o manifesto:

    “I close my eyes, only for a moment and the moment’s gone.
    All my dreams pass before my eyes in curiosity.
    Dust in the wind.
    All they are is dust in the wind.
    Same old song.
    Just a drop of water in an endless sea.
    All we do crumbles to the ground, though we refuse to see.
    Dust in the wind.
    All we are is dust in the wind.

    Don’t hang on, nothing lasts forever but the earth and sky.
    It slips away and all your money won’t another minute buy.
    Dust in the wind.
    All we are is dust in the wind.
    Dust in the wind.
    Everything is dust in the wind” ( Dust In The Wind, a música né)

    Além disso, presenteio os bravos guerreiros idealistas e, por vezes, desatentos, com sentenças de quem sabe o que disse (F. Nietzsche): ” Em algum remoto rincão do universo cintilante que se derrama em um sem-número de sistemas solares, havia uma vez um astro, em que animais inteligentes inventaram o conhecimento. Foi o minuto mais soberbo e mais mentiroso da ‘história universal’: mas também foi somente um minuto. Passados poucos fôlegos da natureza congelou-se o astro, e os animais inteligentes tiveram de morrer.– Assim poderia alguém inventar uma fábula e nem por isso teria ilustrado suficientemente quão lamentável, quão fantasmagórico e fugaz, quão sem finalidade e gratuito fica o intelecto humano dentro da natureza”( Abril, Os Pensadores, p.53, Sobre Verdade e Mentira no Sentido Extra-Moral).

    Meus préstimos a vocês, os indignados, que atacam sem pudor a cidade. Convido todos os insensíveis que censuram qualquer coisa que fuja de suas certezas enraizadas a conhecer a vida citadina. Esta a única possível e que deve ser preservada em suas singularidades. Não institucionalizem, covardes, seus medos, pois é pouco razoável pensar que isso os eliminará. Não; vocês alimentarão a Besta. Por que alimentar a decadência humana? Certamente suas crenças tão bonitas e cheias de ideais, que criam as sociedades mais perfeitas, valem pouco. E o pouco valor que digo são centenas de milhares de cabeças a rolar. Quem são os grandes idealistas que empregaram o Estado para punir preconceitos? Robespierre, Bolcheviques, Fidel e outros simpatizantes.

    Continuem assim, senhores idealistas, denunciem os amantes da cidade de assassinos, como o Fidel acusa os norte-americanos, e não se esqueçam de punir os preconceitos das velhinhas, moças de família, bebedores de leite e pacatos em geral. Continuem assim que vocês terão o seu cástigo. Depois eu que sou o genocida sedento de punir os terríveis cidadãos preconceituosos e indisciplinados. Um olho no gato e outro no peixe.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  284. Sandra

    “Então, vamos à palhaçada, já que blog não passa disso! Somos o entretenimento de não sei muito bem quem, mas ainda hei de descobrir!”

    O que será que é um blog?
    O quw será que é ESSE blog? Ele é tão … diferente.

  285. Sandra

    Por hoje chega! Boa noite! Beijos em todos!

  286. Garganta

    Caros,

    ERRATA:

    Puxa!, botei um acento em castigo,no comentário anterior. Não tem, viu.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  287. Garganta

    Caros,

    ERRATA 2: ” de quem sabe o que diz”.

    PS: Pelo cão!, não vou mais fazer textos longos em comentários. Não tenho paciência.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  288. Cristina

    O Collor é senador, mas acho que ele está de licença há alguns meses, não tenho certeza, se ele voltou, vai ver que ele prefere ficar na internet que a conversa chega numa síntese, lá no Senado a dialética não tem síntese. Para falar a verdade não sei quais alterações o governo pretende fazer nas leis sobre a convivência com os homossexuais. Também podemos defender a tese que todos têm direito ao preconceito, juízos de valor pré-estabelecidos pelo nosso condicionamento e experiências.
    Desde que o mundo é mundo que o homossexual é estigmatizado. Acho muito difícil uma biba adolescente querer manifestar o seu amor nas padarias e churrascarias, nesta fase ele ainda não sabe se quer ser bicha para o resto da vida, a menos que vire moda ser homossexual. No filme “Running with scissors” tudo é muito exagerado, é a realidade mostrada de maneira absurda, homossexualidade não é loucura, o mais equilibrado de todos neste filme é o adolescente bichinha.

  289. Cristina

    Katrina. Catarina.

    Quem mora nas bordas dos rios convive com enchentes, mas a enchente deste ano foi pior, evidenciou degradação ambiental em Santa Catarina, construções favelais, como no Rio e São Paulo. Lula reclama muito que o dinheiro não chega onde tem que chegar, fica parado na justiça, nos tribunais de contas, na “burrocracia”.
    Algumas pessoas criticam os ambientalistas, diz que somos alarmistas. Cresci acompanhando assustada a degradação de São Paulo, Guarujá, Rio de Janeiro, ainda bem que na Ilhabela, mais de 90% da área é protegida por leis severas, mas estão fazendo uns condomínios por aqui que deixam alguns ambientalistas muito indignados, casas enormes nas costeiras que não embelezam. “A força da grana que constrói e destrói coisas belas” fala Caetano sobre São Paulo. E os paulistas estão se mudando para Santa Catarina em busca de melhor qualidade de vida ….

    O homossexual não necessariamente é um burro emocional, que não aceita educação.

  290. Jorge

    FABIO E EVERALDO cade voces? Acho que contribuiriam bastante com o que “discutido” neste ultimo “posto” do Gerald

    Collor obrigado pela resposta direta, mais, uma questao fundamental voce nao respodeu:

    Sobre a homosexualidade dos animais. Como eh que a natureza explica este fato? Gostaria de saber sua opinao.

    O ex-presidente que voce tanto admira se candidatou para Prefeito de SP alguns anos atras, vi um debate na TV, ele estava tao “cheirado”que para voce ter uma ideia, o Eneas, lembra? (Meu nome eh Eneas) o ridicularizou, o chamou de “isso” varias vezes e ele tava tao “louco” que nem reagia.Acho que somente mesmo em Alagoas ele consiga mesmo continuar na politica.

    Alagoas jah esta com 15 milhoes de habitantes, caramba como cresceu!

    Sinceramente, sai dessa, procura outro porque esta figura nunca mais serah presidente do Brasil.

    SANDRA, quanto a questao lah atras sobre os anuncios em SP, sou favoravel a nova legislacao, embora ainda nao tenha visto como ficou a cidade.

    SP tem uma riqueza arquitetonica, principalmente no centro velho e nas regioes como Higienopolis que a populacao em geral desconhece, SP estava visualmente muito poluida e agora os paulistas e paulistanos tem o desafio de reformar e conservar os edificios (principalmente aqueles antigos na area central) para que se possa valorizar a arquitetura que estava escondida atras dos outdoors.

    Acho SP de maneira geral HORRIVEL.

    Quanto ao urbanismo, um DESASTRE, os chamados edificios “neclassicos” que a classe media alta ADORA, sao um TERROR, um atraso gigantesco em se tratando de arquitetura.

    Os condominios residenciais tambem pecam pela falta de originalidade, mas o brasileiro, de maneira geral, eh meio jeca mesmo, capiria, independente da classe social, copia para nao “fazer feio” e acaba por fazer PIOR.

    MESMO ASSIM, AMO SAO PAULO.

    Acho que o mundo ficara mais dificil nos proximos anos, serao muitos os desafios, sendo o TERRORISMO e a CRISE os principais agentes desta nova dificil fase.

    Acho que como pessoas razoavelmente INFORMADAS temos a responsabilidade de tornar o ambiente que nos rodeia melhor, nao olharmos somente para nosso umbigo, fazer algo (AGIR, SER PRATICO) para que o mundo que nos rodeia, nossa casa, nosso bairro, nossa cidade e nosso pais seja um lugar melhor, e nao somente para nos, mas para todos.

    Jorge, Sydney.

  291. Biquei

    Sifu nós,eles continuam arrumando dinheiro a perder de vista!

    La industria sufre el mayor retroceso de la historia tras caer un 12% en octubre

    La crisis de los fabricantes de automóviles y su desplome cercano al 30% hunde a todo el sector

    No hay día que las estadísticas económicas no den una cifra histórica. Hoy le ha tocado el turno a la producción industrial en España, que ha registrado en octubre la mayor caída que se registra en los archivos del INE, corregidos los efectos de calendario, tras bajar un 12,8% por sexto mes consecutivo. Ni siquiera en la anterior recesión de 1993, este índice había caído tanto (un 10,9% en febrero de 1993).

    Según el destino económico de los bienes, el índice de producción industrial ha caído principalmente en el caso de los bienes intermedios, el 19,4%, seguido de los de equipo, el 13,8%. Para los bienes de consumo ha bajado un 8,3% (20,7% los de consumo duradero y un 6% los de no duradero), mientras que la producción industrial de energía ha descendido un 1,9%.

  292. Cristina

    Na crise atual o dinheiro simplesmente evaporou da praça e se dirigiu para títulos do tesouro americano, tanto que o governo teve que baixar os juros, as empresas ficaram sem crédito e o governo precisa usar o dinheiro que o público comprou em títulos do governo, precisa jogar o dinheiro de volta na praça, e empresta o dinheiro para as empresas. O governo americano virou banco porque os bancos não estão querendo arriscar. A taxa livre de risco nos Estados Unidos é 1,5% ao ano.
    O brasileiro não perdoa Collor pelo confisco da poupança, que depois foi devolvida em suaves prestações, teve gente que entrou em depressão e se matou ao se encontrar sem seu dinheiro, sem contar nomear a Zélia completamente louca, ministra da fazenda. E houve maracutaia nas liberações do dinheiro confiscado. Só mesmo o Collor para fazer campanha para ele mesmo. Vou conversar com o Collor 2010 como se eu estivesse conversando com o ex presidente. Seria muito luxo um ex-presidente num blog!

  293. Biquei

    Depois do Rubinho, só;
    Formule 1 : Honda rentre au garage

  294. André M.

    Prezada Londrina

    Agradeço a sua correção e atenção aos detalhes: tu diz “Collor foi deputado federal, votou em Maluf contra Trancredo no colegio eleitoral.foi prefeito de Maceio, e governador de Alagoas, Ficou conhecido como Caçador de marajás”, ou seja, um obscuro, e se bem me lembro, ele era muito bem relacionado com os porões da ditadura (e escondeu isso durante a campanha dele), pois foi prefeito “bionico” de Maceio. Eu tinha idade para votar, e por causa daquilo tudo que aconteceu (caso Lurian), fui fortalecendo a minha opinião que o Brasil, pelo menos por enquanto, não tem jeito, pois cada povo tem o governo que merece (frase atribuida a De Gaulle, porém de autoria de um filosofo contra-revolucionário francês chamado Joseph De Maistre). Haja vista as opiniões bastante fortes contra coisas como o casamento gay e os direitos gays (sempre em nome da “família”), e outros assuntos tão caros.

    Mas não me exasperarei mais com esse assunto.

    Saudações cordiais

  295. Nina

    Bom dia a todos!

    Pacheco, tem razão, estamos todos demitidos de nós mesmos…

    “ou racha de vez ou se vestem com outra roupa”

    eu…estou tentando vestir outra roupa

    I don’t wanna be
    Anything other than what I’ve been trying to be lately
    All I have to do
    Is think in me and I’ve peace of mind
    I’m tired of looking ’round rooms
    Wondering what I’ve got to do
    Or who I’m supposed to be
    I don’t wanna be anything other than me
    I’m surrounded by liars everywhere I turn
    I’m surrounded by imposters everywhere I turn
    I’m surrounded by identity crisis everywhere I turn
    Am I the only one who noticed?
    I can’t be the only one who’s learned

  296. HO HO HO.

    Com teu comentário dois velhos ficaram radiantes de alegria.
    Eu sou mais velho que o Pacheco. Ele quando me conheceu era menino.
    Mas ambos estão muito agradecidos por tua atenção.Não me importa a tua preferência religiosa.O importante é o grande amor que demonstras ter com teus semelhantes.Se eu soubesse que blogar é ter destas alegrias não teria esperado tanto para entrar e comentar neste blog.Aliás, me parece que o dono do blog também é judeu.
    Pois salve os judeus de todo o mundo já que o mundo pouco se importa em salvar os judeus.
    Os judeus andam de cabeça erguida.Tem e cultivam suas tradições.Você já ouviu falar de judeu terrorista?
    Nem eu.
    Susan Judia podes ter certeza que eu e o Pacheco na noite de Natal te daremos o presente possível.
    Em nossas preces pediremos também por você entre tantos pedidos.
    Sejas sempre feliz e defenda tua crença seja ela qual for.O importante é que são as tuas vontades.
    Beijos com amor e respeito dos amigos: Papai Noel e Pacheco.

    Ho HO HO.

    Ser feliz nada custa não é?

  297. Glorinha

    McWillian,
    Bom dia, tenho um problema, não consigo pensar como você descreve…
    Cabeça brasileira, cabeça mexicana, cabeça holandesa quando se trata de terror….,terror é terror não importa onde esteja manifesto…
    Posso concordar, talvez, o tempo de entendimento disso ou daquilo muda de pessoa para pessoa mas isso não considero como um registro ou carimbo a ser colocado em uma nação inteira…vc generaliza, me desculpe.
    Você descreveu uma situação real lhe pergunto como conseguiu descrever assim, em 1 minuto o que demora 1 dia inteirinho para acontecer, o que acontece todos os dias, será que você se acostumou a isso? Creio que não.
    Meu amigo, não entendo os rótulos que você dá ao brasileiro…é uma aceitação que não vou conseguir compartilhar com você.
    Digo-lhe que existem sim características culturais nos povos do mundo mas algo comum nos aflige, não só no Brasil mas no mundo inteirinho….esse TERROR manifesto em cada pontinha do roubo, pilantragem, contrabando, mentiras mais que esfarrapadas, morte fabricada, doenças, infectos, infectados, corruptos, álcool e cabeças, drogas e solidão, abandono, dor muita dor…..
    Sim, algo acontece no cérebro brasileiro, africano, boliviano, mexicano….esses cérebros todos com algo em comum, são tão humanos…
    Se assim é, sentem essa droga toda que fazemos todos os dias, que almoçamos na hora do café, que jantamos na hora do almoço e que expelimos na hora de dormir pensando que talvez no próximo dia tudo seja diferente…. Será?
    Por que não? Sim será diferente, estou dizendo isso assim, nestas letrinhas pretinhas que foram editadas e construídas com a “inteligência” humana.
    Sim algo está diferente, acredite um é mais que nenhum….nem todos pensarão igual mas todos pensam e sentem isso nos diferentes lugares e de diferentes formas. Não posso mudar o mundo inteiro segundo o que quero e nem tão pouco aliviar as suas dores nesse exato segundo, bem que gostaria mas não posso. O que posso…até onde eu alcançar e não sei até onde é isso…sim faço alguma coisa, milhares dispersos fazem….para o bom ou para o ruim…mas fazem, as forças as forças que temos!
    Terror é muito triste muito…
    em massa é calamidade humana!
    O terror cresce quando encontra aliados
    Então atravessa as fronteiras do conhecido medo
    e vai, vai além do que possa ser imaginável
    é o descabido
    gostaria que o terror partisse, em pequenas partes, tão pequenas que não pudesse ser reconhecido…
    pequeno desejo que desejo tanto….desterrar e enterrar o terror.
    [[]]Abraços,

  298. Ana Luiza

    Oláaaa

    qto tempo….

    saudades de todos…

    vou (tentar) ler tudo e já volto

    bjus

  299. Glorinha

    Bom dia a todos!!!

    Vampirinho,
    o céu hoje está como uma pintura impalpável…lindo,soberanamente em sua simplicidade mais que perfeita e simples…azul e azul…como borboletas na nigéria….quente como a centro desse universo em expansão!
    [[]]

  300. Cristina

    Megaempresas aproveitam épocas de pouca liquidez e grandes variações cambiais para demitir empregados. Uma empresa grande é quase como um Estado, sua administração é burocrática e muito dispendiosa. Em época de grande liquidez de crédito e movimentação de mercadorias estas empresas costumam inchar suas folhas de pagamentos, quando o mercado retrai cortam seus custos e promovem joint ventures, ou seja fusões com outras empresas.
    Estamos vivendo uma época de avanço tecnológico, a internet mudou a forma como as pessoas, empresas e países fazem suas trocas, compram e vendem mercadorias, transferem dinheiro, as empresas precisam se adaptar às novas tecnologias. Eu já queimei todos os meus reles e troquei por chips.
    O mercado já esperava que a moeda brasileira desvalorizasse no final do ano, época de encerramento de balanços e acertos financeiros.

  301. Alo Nina.

    Realmente e sem duvida alguma estamos rodeados de falsos, hipócritas e mentirosos.
    Esta certíssima em ser realmente o que és.
    Não temos que estar fazendo esforços pessoais para que nos aceitem.
    Ou me aceitam como eu sou ou caio fora.
    Cada um é para o que nasce.Fiquei deslumbrado ao ler este titulo de um filme que retrata o dia a dia de três irmãs cegas que cantam no nordeste.
    Adorei o filme.
    Fez-me sentir mais humilde diante da grandeza das três mulheres que vivem cantando embora sejam rodeadas de escuridão e miséria.
    São as lições que a vida nos dá.
    Abraços e
    Obrigado.

    Pacheco.

  302. Lucio Jr.

    Foi um prazer te ser útil.
    Disponha.
    Obrigado.

    Pacheco.

  303. Ana Luiza

    Fábio pipipi

    Não é possível…….

    Não QUERO acreditar

    Assim perco a fé…

    Mesmo no Natal, e tiro a conclusão brasileiro GOSTA de sofrer

    Bjus

  304. Dad battles for son taken to Brazil four years ago
    Nightmare began when late wife took boy: ‘I’ve been desperately fighting’

    Video
    Dad’s battle to bring son home
    Sept. 24: David Goldman is fighting to get his son back after his wife took him to Brazil more than four years ago. TODAY’s Meredith Vieira talks to Goldman about the custody battle.

    Today show

    In the news
    Image: Mumbai residents protest
    Getty Images

    Fallout from Mumbai
    From India to Pakistan, people speak out in the aftermath of the deadly terrorist attacks.
    AP

    World AIDS Day 2008
    Activists, sex workers, patients and more commemorate AIDS awareness around the world.
    U.S. Capitol Visitor Center Prepares To Open To Public
    Getty Images

    Exploring the U.S. Capitol
    New $621 million visitor center opens in Washington, D.C.
    Image: Eddie Silva
    AP

    The long road back
    Tens of thousands of U.S. troops have returned from Iraq needing intensive rehab and counseling. Follow the progress of three of those veterans.
    U.S Senator Barack Obama
    EPA

    Road to the White House
    Barack Obama’s two-year journey to his historic election encompassed fist bumps, controversies and celebrations.
    AP

    World food crisis
    Faces of hunger from across the globe
    By Mike Celizic
    TODAYShow.com contributor
    updated 6:38 p.m. ET Sept. 24, 2008

    It is like a nightmare for David Goldman, except that when he wakes up, it is still there. His son Sean, abducted to Brazil by the boy’s mother four years ago, remains almost in sight but always out of reach, in defiance of the laws of two nations and the world.

    “I haven’t seen him in four years, and I’ve been desperately fighting and fighting to be with him,” Goldman told TODAY’s Meredith Vieira Wednesday in New York.

    Fighting his emotions, Goldman seemed always on the verge of breaking down as he told his story of loss and frustration. It began more than four years ago, on June 16, 2004, when the New Jersey man drove his wife, Bruna; their 4-year-old son, Sean, and Bruna’s parents to Newark Airport so they could go on a two-week vacation to Bruna’s native Brazil.

  305. Ingênuidade

    Sêr viado é bom ????????????

  306. Oi, GT, pesquise e dê sua opinião sobre esse caso David Goldman. A repercussão na imprensa brasileira é significativa e a família do menino reage sempre. É um caso em que o Brasil e sua justiça funcionaram como uma ilha. Se as informações que tirei do Today Show/Google/etc estiverem certas.

  307. Assista no Youtube

    Em 16 de Junho de 2004, David Goldman se despediu de seu filho Sean, no Aeroporto de Newark. Ele não sabia que naquele momento sua esposa Bruna estava sequestrando Sean e o levando ao Brasil, sem intenção de retornar. Nos Estados Unidos, isso é denominado SEQUESTRO. No Brasil, isso foi chamado de “desejo maternal.” Por quatro anos David tem lutado incessantemente contra o Sistema Judiciário brasileiro para ganhar a custódia de Sean e trazê-lo de volta para casa, em Tinton Falls, Nova Jersey.

    David está lutando a batalha de sua vida e tem batido de frente contra uma família poderosa e influente no Brasil, que tem feito tudo para evitar que ele e Sean vivam juntos novamente. David já tentou todas as opções legais disponíveis para ele tanto no Brasil, quanto nos Estados Unidos, a um alto custo emocional e financeiro. Após a inesperada e trágica morte de Bruna em 22 de Agosto, todos esperavam que David iria finalmente ver Sean e trazê-lo para casa. Infelizmente, ele está novamente no meio de uma batalha pela custódia de Sean, desta vez com o novo esposo de Bruna, João Paulo Lins e Silva.

    Estes últimos quatro anos tem sido longos e dolorosos para David Goldman. David foi e é, em todos os aspectos, um pai carinhoso e zeloso que não merece este tratamento. É cruel e injusto, uma verdadeira afronta a um ser humano. Basta: precisamos da sua ajuda para garantir que o governo brasileiro aja corretamente e devolva Sean de volta para casa e para seu pai. BringSeanHome.org foi fundado pelos amigos de David; toda ajuda e esforço será unicamente focada no objetivo de trazer Sean para casa.

    David foi entrevistado por Meredith Vieira no Today Show, no canal NBC, quarta-feira dia 24 de Setembro. A texto da entrevista está “Dad battles for son taken to Brazil four years ago” no site do Today Show.

    bringseanhome@yahoo.com

    Postado por Math

  308. Targino Silva.

    Agradeço mais uma vez por tão brilhante exposição que fazes a respeito de meus possíveis direitos a pensão militar.
    Como todo simpatizante do pt você parece entender mais do direito do outro do que a própria pessoa interessada.Não tanto interessada no meu caso.Sabemos que filhas de militares só tem direito a pensão no caso de e após o falecimento do pai e assim mesmo caso esta filha não esteja casada ou receba salário.
    Portanto todo o exemplo que gentilmente tiveste a trabalheira de copiar e colar deveria ter vindo com um alerta de que o caso julgado era uma exceção.
    A Ana Luiza que deve estar nos lendo agora certamente dará boas risadas.Tenho a certeza de que com a disposição que ela encara o trabalho e com o amor que dedica e recebe do seu companheiro, ela jamais seria dependente de pensão ou bolsa de merda nenhuma.
    Acredite meu caro professor Targinno.Cada dia mais te admiro.
    Abraços e
    Obrigado.

    Pacheco.

  309. Querido amigo Fábio PiPiPi.

    Continuo te considerando um adorável adversário.
    Não minto e sou sempre sincero.
    Nunca reclamei das insinuações que fizestes com o meu nome.
    Aceitei numa boa tudo que você me classificou.Até gostei de encarnar o Donald,Pateta e outros personagens infantis.
    Se a censura que falas foi a minha observação do que você escreveu a respeito da doença do Jornalista REINALDO AZEVEDO quero te dizer que o meu comportamento seria o mesmo contra alguém que na minha opinião te agredisse.
    Mas como sou Natal (época próxima) eu até suavizo e estendo a mão para o caso de que você a deseje receber com afeto.
    Este blog e os meus dias sentiram a tua ausência.
    Aprendi um dia que mais vale uma ausência sentida do que uma presença ignorada.
    E confesso que senti tua ausência.
    Abraços.

    Pacheco.
    Como estão tuas tias?Recomendações para elas.

  310. Ingenuidade.

    Endereçe tua pergunta sobre se ser viado é bom para o BAMBI.

    Somente um viado novo como ele pode te responder.

    E sinceramente vai ser ingenuo assim …..bem deixa pra lá.

    Afinal na minha resposta tambem pode estar uma ingenuidade não é?

    Obrigado.

    Pacheco.

  311. ..pi,…………..pi,……………pi,……………….pi,…………………pi,………………pi,………
    …………pi,..pi,……………………..pi,..pi,……………..pi,..pi,……………………………..
    ……atenção,…atenção,…………………………………………………………………….
    …………………………………….diréto do telégrafo da Isaura,…..pi,..pi,……..
    ……………………………………………………………………………………………………………
    ….”..presidente LULA,…BATE NOOOOVO RÉCORD,.
    ……………………………………..EM APROVAÇÃO
    ……………70% DO POOOOVO BRASILEIRO,…APRÓVA,….LULA…”,…
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ………..isso com TOOOODO,….O PIG……CONTRA,..HEIN..!!…………
    ………………………………………………………………………………………………………..
    ……ah,….ah,……..ah,………..ah,…ahhahahahhahahahahahaahaha
    ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahah
    ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahhahaha
    ……………………………………………………………………………………………………..
    …..tun dunm,…tique dun,….dun dun,….tique dun,…dun dun…….
    …………………………………………………………………………………………………..
    ….(..isaura e a negada na senzala,….só no SÃMBA e caindo na
    …………………………………..RISADA…!…………)………………………………………
    ………………………………………………………………………………………………………..
    …..( tava dãndo um tempo,….depois da censura do meu comént
    ………………………….mãns…devido as mãnchétes,…não resisití..)
    ………………………………………………………………………………………………………

  312. Ronald

    Lula 70%.

    Por que eu não fugi daqui enquanto dava???
    Isto aqui parece o purgatório.
    Quanto mais eu rezo, mais assombrações me aparecem.

    Que se foda, acho que é isso ai, daqui a algums anos voltaremos a andar de quatro no Brasil. Isso é pra velha guarda aprender, quem mandou não melhorar o Brasil a 50 anos atrás, agora tome na cabeça putada, tudo o que minha mãe cansou de me ensinar acho que não vale mais nada.

    “Tarra demorandjiuuu, agora é nóóóiiisiiii.

  313. Glorinha

    Fábio,
    estava com saudades de vc…não some tá…rs….
    todos somos censuras/censuradores/censurados é dai né!
    podemos conversar mesmo assim….
    abraços sem censura pra vc!

  314. Ronald

    Mas não se esqueçam, dolar de hoje, 11:51h, R$ 2,555.

  315. Targino.

    Não sou o rei dos disfarces, embora o titulo até me agrade.
    Sou rei de mim mesmo.
    Mando em mim.
    Sou o que desejo.
    E serei sempre e até que tudo me faça feliz.
    E vou aproveitando todos os dias que me restam.
    Ainda mais agora com a ajuda de todos vocês.
    M A R A V I L H A.
    Sou simplesmente.
    UM BLOGUISTA.

    Obrigado.

    Pacheco.

  316. Sandra

    Lúcio, que história complicada. Tenho muita pena de todos envolvidos nela.

  317. Sandra

    Quanto ao Natal, só na semana que vem começo a me preocupar com ele. Quando eu era bem pequena e perguntava aos meus pais o que eles iriam pedir para o Papai Noel, ouvia a resposta clássica: Muita paz, amor, saúde e felicidade. Eu achava que isso não era presente de verdade.
    Hoje acho que uma definição de criança feliz é quando ela acha que paz, amor, saúde e felicidade não são presentes de verdade.

  318. Nina

    Fááááááa´bio!

    bom te ver de volta!

    Papai Noel, desculpe, não acredito em vc e detesto Natal…
    nada pessoal, mas…prefiro o Coelhinho da Páscoa
    abraço

  319. Sera que é dificil imaginar quem esta dentro da fantasia do Papai
    Noel? É o rei dos disfarces. Quem? Quem?
    Aceito palpites.

  320. Fábio.

    Percebas que indiretamente já estas censurando.
    Portanto atacas o que julgas ter te atacado.
    Bem proprio de petistas que só enxergam mazelas alheias e olvidam as que cometem.
    E quando entrei e fui aceito no blog não me apresentaram condicional nenhuma.Partindo do principio de que vocês petistas se dizem democratas era para nem teres ligado para o que parece ter te abalado.
    Parece que não foi você que eu assisti no video sentado e assistindo a peça do Gerald onde ficou bem claro que o que você estava vendo….não era exatamente o que parecia que você estava vendo….e sim o que você estava vendo era …era exatamente….o que você estava vendo………. e aqui me permito copiar o RA e te pergunto:- Entendeu?Ou preciso desenhar?

  321. Nina

    ah….

    e vamos lá…

    “Lula no Alemão: críticas à ‘diarréia’ do mercado:

    Rio – “O filho quando tem dor de barriga, volta para casa. Quando o mercado teve essa dor de barriga, essa diarréia, quem é que chamaram? Foi o Estado, que eles negaram há 20 anos”. Com um discurso bem diferente, Lula definiu a crise econômica mundial em um evento para produtores de cinema. E justificou: “O médico diria ao paciente ‘temos um remédio’? Ou ele diria: ‘Sifu’?”.

    Lula afirmou ter cobrado do presidente da Vale do Rio Doce, Roger Agnelli, a razão das 1.300 demissões anunciadas na quarta-feira. Segundo ele, Agnelli disse que as demissões são por conta de inovações tecnológicas.

    ahhhhhhhhhhhhhh…. rachou de vez….
    desolada
    vou trabalhar
    antes de ficar desempregada..

    bj a todos

  322. Jorge

    GLORINHA,

    Depois de ver seu comentario de 08:38, fiquei apaixonado, nao precisa se preocupar, pois eh soh virtual e estou bem, bem loge do Brasil.

    O diaologo entre voce e o McWilliam e bem interessante, embora eu tenha a impressao que o McWiiliam, embora inteligentissimo, seja muito teorico.

    FABIO, entao quer dizer a censura de pegou, cuidado hein, o Brasil nao eh ainda tao democratico quanto pensas (infelizmente), as sombras da ditadura as vezes anda solta por ai.
    ou ser que voce exagerou na dose?

    De qualquer forma participe se puderes, gosto de ler seus comentarios.

    Tudo bem que o Lula tem 70% de aprovacao, ou seja, o set governo deve estar beneficiando de uma forma ou de outra uns 126.000.0000 de brasileiros.
    MAS NAO SE ESQUECA!

    O Brasil ainda eh um pais (sorry) miseravel, cheio de analfabetos e corruptos.

    De qualquer maneira voce tem todo o direito de cair no samba, tambem vou, mas nao no samba, vou comemorar de novo a condenacao do banqueiro corrupto, MAS NAO ME ESQUECO que ele comecou lah com FCH e CONTINUOU AGORA COM LULA.

    Jorge, Sydney

  323. Sandra

    Susan, você perguntou porquê outras festas de outras religiões não são tão populares, é isso?
    Não sei… O fato do Natal estar relacionado a um nascimento e de vir no fim do ano talvez seja uma mensagem forte de esperança.
    Dar esmolas? SIM!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Natal não é um dia para consertar o mundo, e não é algo que possamos ter todos os dias do ano, porque dar esmolas todos os dias pode ser algo muito ruim, mas no Natal …
    E a figura de Papai Noel ficou mais popular do que a de Jesus. É compreensível. Para Papai Noel você pode pedir uma bola ou uma boneca, mas é muito mesquinho pedir isso a Deus. Mas acho que Jesus não se ofenderia, pois essa democracia religiosa deveria agradá-lo muito, já que ele tinha um grande amor pela humanidade.
    Curioso… Pessoas MUITO elevadas têm muito amor e compreensão pela humanidade, tão cheia de falhas.

    E bom Chanuka, que, ao que parece, é uma comemoração muito bonita!

  324. Sandra

    Fábio, só para não perder o costume e te provocar: Esses 70% votarão no Serra!

  325. Jorge

    GLORINHA,

    Bem legal o seu comentario das 08:38, seu dialogo com o MacWilliam estava interessante, mas, tenho a impressao que ele seja muito teorico, embora inteligente.

    Muito legal mesmo seu ponto de vista.

    Onde moro atualmente (Australia), o terrorismo sempre esta estampado nos jornais e tv, eh que vira-e-mexe, eles estao prendendo ou julgando terroristas que tentam se instalar aqui.

    LUCIO JR.

    Que historia estranha! MAE SEQUESTRA FILHO? mas se o filho jah eh dela isto eh considerado sequestro? Nao conheco a historia mas que seja, entao, feito justica. Torco pelo menino, agora sempre achei que as maes sao melhores que os pais.

    FABIO,

    Quer dizer que censuraram voce? ou serah que voce exagerou na dose? de qualquer forma eh bom “ve-lo” de novo.

    Se o Lula esta com 70% de aprovacao, significa, pelos menos teoricamente, que em seu governo uns 126.000.000 de brasileiros estao sendo beneficiados, de uma forma ou de outra.

    Agora nao se esqueca, O Brasil (brazucas) merecem muito, muito mais que esmolas hein. Merece boa educao, bons empregos, boa moradia, boas perspectivas etc.

    Mas, voce tem todo o direito de cair no samba e eu tambem vou, mas nao no samba, aqui nao tem, e o que vou comemorar, de novo, eh a condenacao do banqueiro fdp, claro que nao sou tao ingenuo de achar que ele vah passar 10 anos na cadeia, talvez nem 10 horas, mas, para quem era “amigo” de FHC (quando ele era presidemte) e continuou com as maracutaias junto ao governo Lula, ser condenado jah eh um bom sinal.

    Tudo de bom

    Jorge, Sydney.

  326. Minha gente vcs viram os termos usados pelo PUDIM DE CANA

    Eu fico impressionado, como uma sociedade suporta tanta imbecilidade.

    Si fú , diarréia, FDP, o que é isso??

    “Lula é cada dia mais passado,

    Dilma nunca deixará de ser futuro do pretérito. “(ranzinza)

  327. ….bom,…vãmo,..lá..!!!…………………………………………………………………………….
    ……………………………..CENSURAR…..:….ATO DE exercer CENSURA SOBRE….., REPREENDER,….ADMOESTAR…..!……………………..
    …………………………………………………………………………………………………………….
    ………Pergunta..???…..para os …………………………………………….bloguista…..???…………………………………

    ….Quem aqui no Blóg de Gérald Thômas,….tem o PODER de …………………………………………….censurar..?????………………………………
    ………………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………………………………………………………………….

  328. gthomas

    Eu so queria dar um BOM DIA a todos aqui no blog.
    Bom dia!
    LOVE
    Gerald

  329. Glorinha

    Fábio,
    que escreve e me faz sorrir…
    quando censura for “poder” eu estarei fora….
    [[]]

  330. Sandra

    Boa tarde, Gerald!

  331. Glorinha

    Jorge,
    agradeço sua expressão….rs….
    ….Austrália…legal né… me dizem que a vida, melhor, a qualidade de vida é muito valorizada na Austrália!
    [[]]abraços pra vc!

  332. Glorinha

    Gerald.
    excelente dia para você também!
    [[[]]]

  333. ..cont..)…da pergunta sobre censura no blóg…!?………………………………..
    ………………” quem tem o poder de censurar aqui no blóg de Gerald thômas..????……….”..
    …………………………………………………………………………………………………………….
    ….alternativa,…
    ………………………a)..Pacheco..
    ………………………b)..sãndra quãntica
    ………………………c)…benazir buto
    ………………………d)..”vampiro..”
    ………………………e)..Gérald
    ………………………f)….sómente os dois últimos..
    …………………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………………
    …………vãmo lá……força,..hein,….voceis conséguem…….!!……………..
    ……………………………………………………………………………………………………….
    ………………seis tomaram,… danoninho,….lembram…!!!?…………………
    ………………………………………………………………………………………………………..

  334. Sandra

    Jorge, que seria de Sampa sem suas pequenas feiúras?
    Há algum tempo queriam desmanchar a estátua do Borba Gato. Absurdo!!!!!!!! Que é Sampa sem a estátua do Borba? Até o Gerald deve concordar comigo!

  335. Glorinha

    Collot,
    verdade que quando ouvi o discurso do Lulla lembrei do blog…de vocês..sabia que teria comentário…
    no discurso que saiu “impresso” as partes que não querem sejam publicadas sairam com a expressão “inaudível”, mas eu tenho certeza que ouvi!!!
    [[]]

  336. Glorinha

    Collor…desculpe escrevi seu nome errado ai em cima…

  337. Gt, está acontecendo alguma coisa contigo camarada???

  338. Aninomyous

    Tudo que envolve ‘estímulo’ quando não sai positivo é negativo, se vc vê um estímulo que lhe atrai, lhe faz sentir vontade de estar lá vc então se excita, fica feliz e tal…as pessoas são visuais e emotivas…é possível passar ‘batido’ um fato como o exemplo citado, mas somente se vc não se ‘transportar’ para o que está vendo…uma criança não deve ser exposta a nenhum estímulo sexual, por não estar com os hormônios correndo no sangue, assim como os velhinhos…se o pessoal quer se beijar isso não é problema, mas quando fazem diante de pessoas tem que levar em conta que elas vão se emocionar, mas se não ‘aceitam’ isso para sí muitas vão censurar, porque estão ‘se’ manifestando, e isso faz com que ocorram esses repúdios, ou poderiam ser aplausos…tudo na medida de quem está vendo.

    Ideal seria as pessoas não se ‘meterem’ na vida umas das outras, mantendo a privacidade mesmo em ‘espaço público’, imagino assim…tem coisas que depois de experimentadas não se tem mais retorno…posso deixar uma musiquinha?
    A História do Mamute —->>> http://br.youtube.com/watch?v=_Wy7bDTp8xc 😛 😛 😛

    Particularmente não me influencio por imagens, nem manifestações, porém é fato que as pessoas ‘precisam’ se admirar, copiar ou inspirar, por isso os ‘manifestos’ em prol e contra…não estou sobre o muro, apenas estou na ‘minha.’
    Discordo porém da comparação com a etnia, ninguém escolhe sua etnia, sua origem…mas opção sexual como fantasia é opção sim, exceto que o indivíduo seja um hermafrodita ou tenha problemas hormonais, exceto isso não é uma ‘questão sem alternativas’, muito pelo contrário, isso é uma ‘predileção’, gosto, fantasia…na minha opinião, ok? também não sou especialista, porque não sou do ‘meio’, embora tenha conhecidos é apenas palpite.

    Muitas vezes a discrição é mais pragmática do que o escândalo…hehehehe…li isso num biscoito da sorte chinês.
    abraços

  339. Ronald

    Silvério.
    Vc tem certeza que mora no Brasil?
    O que é melhorar?
    Tem a ver com dinheiro?
    Qual é o preço desse dinheiro?
    Alienação é melhorar?
    Falta de justiça é melhorar?
    Estamos aqui, na república das bananas, o país da corrupção oficializada, autenticada, e endossada por um povo que mal sabe entender o que está lendo.

  340. Sandra

    No blog do Reinaldo Azevedo, uma fala do Lula:
    “Se não for demais, todos vocês aqui conhecem, estou vendo artistas importantes aqui. Vocês que, de vez em quando (inaudível), quando vocês quiserem (inaudível), vocês batam uma palminha que eu desço para pegar aqui o meu cofre.”

  341. Fantasma nas Estepes

    Teatro Satírico, mera paródia….eis aí ….vamos lançar em palcos de NY, Roma e Bagdá…..

    PESADÊLO I
    Uma manhã, ao despertar de sonhos inquietantes, GEORGE W BUSH deu por si na cama transformado num gigantesco inseto”.
    É deste modo que INICIAMOS a saga do George – “o Presidente”, um inexperiente-presidente “obrigado” que deixou de ter vida própria para suportar financeiramente todas as despesas de casa e começou a brincar de querrinhas, pelas bandas do ORIENTE MÉDIO.
    Numa manhã, ao acordar para o trabalho, na “ WHITE HOUSE”, George vê que se transformou num inseto horrível com um “dorso duro e inúmeras patas”. A princípio, as suas preocupações passam por pensamentos práticos relacionados com a sua metamorfose.
    Depois, as preocupações passam para um estado mais psicológico e até mesmo sentimental. George sente-se magoado pela repulsa do PAÍS perante a sua metamorfose. Apenas a irmã BRITÃNIAse digna a levar-lhe a alimentação, mas mesmo assim a repulsa e o medo também começam a se manifestar. A metamorfose de GEORGE vai além da modificação física. É sobretudo uma alteração de comportamentos, atitudes,OPINIÕES E SENTIMENTOS DE CULPA ( onde foi que eu errei….e aquilo martelando sua cabeça…dia e noite …. E NAQUELA ESQUIZOFRENIA LOUCA DE VER O FANTASMA DO SADAM….EMPUNHANDO UM ALCORÃO SANGRENTO…..ÕLHO POR ÕLHO, DENTE POR DENTE……era demais para um “presidente só “
    George passa a analisar as coisas que o rodeiam com muito mais atenção. Outra metamorfose ocorre no seio familiar: o pai volta a trabalhar, a irmã também arranja um emprego e passam a alugar quartos na própria casa onde habitam. As atitudes dos cidadões do país perante o governante, retratam ao leitor a idéia que este era apenas o “sustento” da casa. A metamorfose de George W. Bush não conta apenas a história de um homem que se transformou num inseto. É sobretudo uma história de alerta à sociedade e aos comportamentos humanos. Nesta história, somo presenteados com a escrita sui generis, retratando o desespero do homem perante o absurdo do mundo, de uma guerra insana…por motivos econõmicos…..!!!!!!!??????????.
    Interessante perceber que em nenhum momento GEORGE se dá conta realmente que se transformou num inseto. Apenas observa seus novos membros, órgãos e hábitos, mas com o tempo se acomoda na nova condição sem realmente entender no que se tornara.

  342. Joelson

    OI meu lindo,
    cê tá por aqui ou em NY?
    muito refrescante ler o seu blog. meus comentários sempre me parecem irrelevantes.
    Tô tentando falar com vc mas o dryopera@aol.com retorna todos os meus e-mails. vc cancelou ele ou trocou por outro ou esta lotado mesmo?
    quero falar sobre uma entrevista.
    me escreve?
    bjs
    Joelson

  343. Aninomyous

    Por exemplo, ouvi dizer que os carecas que ‘mataram’ os gays da pça da república fizeram isso por causa de um fato corriqueiro assim, viram eles andando de mãos dadas e ‘sentiram nojo’, então os kras ‘vendo’ isso se beijaram na frente deles ainda…aí cada um queria dar uma porrada mais forte para ‘se’ manifestar contrário…não sei se é verdade porque não sou ‘careca’ e nem punk, muito menos ando junto, apenas tenho conhecidos também…e nem eram os da decada de 80 mas sim os mais recentes, ‘molecada’ como dizem…

    Mudando de assunto…pobres dos Industriais lá…deixaram o jatinho pra andar de veículo terrestre? tsc tsc tsc…o que vai ser dos caranguinhos se esse pessoal dançar?

  344. Aninomyous

    Padaria é legal…bom, tem uns portuga meio porco mesmo! porém tem umas que são da Hora! que vendem almoço e pizza também 😛 mas cerveja não combina, porque fica os bebum mexendo com as muié dos outros, tirando os gente boa e fazendo bagunça…o barato é separar bebum de comida!
    Puxa, deu fome! heheheheheeeeeeeeeeeee…falou!

  345. Lombardi Mancin.

    Deu na folha: 90% de aprovação.

    Não posso ficar lamentando porque sou um daqueles que hoje chora a perda de meu voto na primeira vez que elegemos o senhor Lula, no entanto também não posso ficar procurando minha culpa porque as opções que nos apresentam são simplesmente tristes e melancólicas.

    Sou um daqueles que está perdendo o pouquinho que conseguiu durante muitos anos de trabalho acreditando que trabalhar e ser honesto valia à pena, porém hoje se um jovem me perguntasse eu diria que não porque o exemplo vem de cima.

    O importante é ser ardiloso e demagogo o resto se consegue com esperteza e falta de escrúpulo.

    Todo jovem deve seguir os exemplos de nossos bem sucedidos políticos que com pequenas exceções não passam de arguciosos trapaceiros e embusteiros, larápios do erário e da consciência desta sociedade pueril e desavisada.

    Também os jovens devem não fazer nada agindo como o mafioso chupim cabeça castanha que se alguém retira o ovo parasita, volta e vandaliza o ninho do que construiu com trabalho e dedicação.

    Realmente o presidente e seus asseclas melhoraram em muito a sociedade, hoje está muito mais fácil viver.

  346. Ronald

    esses horários só podiam estar no samba rock do _____(não pode mais escrever porque é racismo) doido mesmo.

  347. Sandra

    Fábio, qual dos tipos de censura abaixo NÃO é aceitável?
    a) censura do governo no SEU espaço;
    b) censura SUA no SEU espaço;
    c) censura de quem VOCÊ autoriza no SEU espaço;
    nda;
    d) nenhuma das anterirores;
    e) todas as anteriores;
    f) aternativas (b) e (c);

    Olha a pegadinha, heim?

  348. Silvério Cardoso Corrêa

    Está realmente mais fáciul viver hoje no Brasil.

    O país melhorou muito para muitos.

  349. Sandra

    Fantasma, amei!

  350. O Vampiro de Curitiba

    Pessoal, vocês repararam que alguns comentários estão entrando como se tivessem sido postados com uma hora de antecedência?

  351. LULA, O TABUÍSTA
    Lula, o “tabuísta”, exagerou ontem — mesmo segundo os padrões tão lassos de Lula, o “tabuísta”, ao discursar durante o lançamento do Fundo Setorial do Audiovisual, no Palácio Gustavo Capanema, no Rio. O seu “sífu”, para se referir às dificuldades por que passa o Brasil, é o triunfo do deboche. Escrevi ontem a respeito dessa questão em particular (reproduzo abaixo aquele post). Já disse algumas vezes que as reservas ideológicas não estão, sozinhas, no cerne da minha ojeriza aos petralhas. Insuportável nessa gente é também a sua imbatível vulgaridade. Não porque lhes falte necessariamente educação formal — alguns são até bem graduados. O que lhes falta mesmo é decoro. E por isso os presentes aplaudiram as manifestações de estupidez e grosseria do “chefe”, num espetáculo verdadeiramente grotesco.

    p/ Reinaldo Azevedo.

  352. Sandra

    Acho que sou a única pessoa do mundo que vai à padaria, entra na fila, compra o pão, paga, recebe o troco, e volta para casa.
    Bem… e que, ocasionalmente, compra um cafezinho. Daqueles de máquina… Como antigamente… Hummmmmm!!!!!!!!!!!!!!!!

  353. Vampiro.

    Antes do almoço eu notei que ao enviar meus comentários eles apareciam entre outros já enviados.Não sei o que se passou e apenas registro para conhecimento dos entendidos.

    Vamos lá.

    Respondo a indagação que Ana me fez por fonema:
    – Não.Eu jamais poderia censurar alquém.Muito menos o senhor Fábio Pipipi.
    Primeiro porque não me julgo no direito de censurar ninguém.
    Segundo porque embora batendo de frente e indo de encontro a muitos comentários do Fábio, eu o reconheço como um adversário valoroso.Ele dá suas opiniões e sempre com um bom humor invejável.
    O que eu fiz foi manifestar meu descontentamento com o modo que ele fez menção ao corte que o jornalista Reinaldo Azevedo tem na cabeça.Achei que ele teve uma pisadela no tomate e também foi acompanhado pelo Vampiro que como moderador deixou passar.
    Já disse que faria a mesma manifestação de desagrado caso alquém falasse do Fábio nos mesmos termos.
    Foi só.
    Ana sabemos que a turma que defende o lula gosta de reivindicar direitos que eles negam aos outros que não rezam pela cartilha deles.
    Lula faz escola entre os que o adoram.Fazer o que?
    Cada um adora o governo que quer.
    Assim como cada um desaprova o que quer.
    Foi só isto.O restante é papo furado para boi dormir.
    Por isto é que às vezes eu digo que assistir desenho animado é terapêutico. No mundo encantado do faz de conta estas pequenas bobagens não existem.
    Sempre te disse que o tempo cura ou conserta tudo.
    Só me resta esperar.
    Beijos no trio ternura.
    Com amor do teu Pai Noel (já é dezembro amor).

    Obrigado aos demais que leram arte o final.

    Pacheco.

  354. Sandra

    Esses carecas são uns covardes. Eles vêm causar em Sampa, porque no ABC eles apanham.

  355. Sandra.

    Também adoro ir a padaria.
    Escolhos horários de saída de fornada.
    Não pego o troco. Troco por guloseimas.Sempre carrego guloseimas comigo.Crianças aparecem por toda parte e a toda hora.
    Em Belmonte e Caravelas por ser muito conhecido presenteio os pequenos sem a menor preocupação.
    Já em Santos ou São Paulo e em Vitória tenho maior precaução.
    Esta atitude partindo de um velho poderia por alguém ser indevidamente interpretada e ai eu teria encrencas pela frente.Tudo porque ultimamente os valores morais andam destorcidos e infelizmente tem muito tarado e filho da…atacando crianças inocentes.Sinto asco e nojo quando passa na TV a noticia de abusos sexuais contra menores.Agora a pouco colocaram reprise do crime no qual uma menina foi encontrada picada em uma mala no rodoviário.Desculpe, mas encerro por enquanto e lá se vai a minha ilusão de encarnar o Papai Noel e também fica abalado o meu pensamento em relação a Deus.Nestas horas eu me pergunto: – Deus onde estavas?
    Ninguém me responde.
    Nunca respondeu.
    E naõ sei se um dia responderão.

    Obrigado.

    Pacheco.

  356. Não tenho a menor duvida em pensar que o lula ao dizer o sifu estava alcoolizado.
    Eu gosto de beber e até acho que tem dias que exagero.
    Mas sei exatamente com quem estou falando e sei os termos que devo usar.
    E afinal não sou presidente e, portanto não tenho no mínimo a obrigação moral de cuidar do que eu representaria se presidente fosse.
    O lula faz com o cargo maior dos brasileiros exatamente o que ele deseja para todos nós.
    Ele deseja que todos nós SIFU.
    Acredite se quiser.
    Depois tem conhecido que diz que eu exagero quando malho o famigerado.
    RsRsRs só rindo para não chorar.

    Obrigado.

    Pacheco.

  357. Sandra

    Se a pessoa nasce gay ou não… não sei. Antes eu achava que era uma escolha, mas… vendo as crianças, dá para ver algumas preferências. Enfim, somos todos filhos de Deus.

  358. Sandra

    Vamp, eu adoro esses colapsos temporais no blog!

  359. Senhor Silvério Cardoso Corrêa.

    De qual Brasil falas?
    NO Brasil que eu vivo realmente esta mais fácil para viver se for banqueiro, agiota, ladrão,gigolô,traficante .Certos sindicalistas e certos políticos. Inclua ai apadrinhados do governo e encerre com o bispo dez por cento e com o fernandinho beira mar.
    Pode ainda somar na turma os invasores profissionais de terras alheias que já tem até planos de aposentadorias (O Targino só sabe das filhas de militares) e logo terão planos de saúde sem trabalhar . Enquanto isto alguns deles cometem abusos sexuais contar menores e outros delitos que eles acham menores também.
    Senhor Silvério Cardoso Corrêa.
    O humorista por aqui é o senhor Fábio PiPiPi!
    Eu tento ser engraçado e as vezes até quase consigo.
    O senhor deseja a vaga de quem?
    Viaje e conheça melhor o Brasil.
    Que a mais de oito anos espera pelas melhoras que o ex -lulinha paz e amor prometeu.
    QUC QUAC QUAC
    HO HO HO
    Já tem gente perto de mim aborrecida com o senhor.
    Peço desculpas por eles.
    Obrigado.

    Pacheco.

  360. Ingenuidade.

    Pergunte ao teu pai.
    Ele pelo que o filho demonstra escrevendo deve ser o que procuras.

    Meus respeitos a ele e diga-lhe que laqmento pelo filho ser um asno.

    Agradeço .

    Jose Pacheco Filho.

  361. Vampiro.

    Estou na Bahia.Leio comentários e respondo.Aparece então a resposta antes da pergunta que eu li anteriormente.

    Será por causa da diferença de horários?

    Fica meio sem pé nem cabeça.

    Algo assim como aparenta ser o ingenuidade que esta com problema existencial e não sabe se deve assumir sua sexualidade.E procura conselhos de mais velhos.

    Não é maravilhoso ser bloguista em meio a crise e com o presidente falando sifu.

    Não precisamos nem de terroristas.Os que temos já nos bastam.
    Ainda mais estando como estão no governo.

    Depois ha quem me julque tolo por adorar desenho animado.

    Fora os momentos passdos neste blog o que mais tenho?

    Merda merda e mais merda.

    Obrigado.

    Fui .

    Pacheco.

  362. Atenção pessoal.

    Desculpem minha grosseria ao responder ao tal de ingenuidade.Os demais não merecem meu modo de expressão usado.Mas este moleque que entra de nick ingenuidade de ingênuo só deve ter o nome da mãe que não é culpada pelo que pariu sendo que a má formação de caráter da ingenuidade é talvez herança do pai e com formação depois ao longo da vida inútil que ele deve ter tido até o momento que resolveu entrar de sola neste blog.
    Obrigado.

    Pacheco.

    Fábio! Como você responderia ao ingenuidade?

  363. Garganta

    Caro Gerald,

    Proponho, em razão de sua excepcional capacidade, que você seja o diretor de uma peça teatral ( e, além de conduzi-la, atue também) , inspirada no diálogo da obra “A República”, de Platão. As vantagens são muitas: não tem direitos autorais ( Platão e descendentes não existem mais); é a mais, talvez, importante obra filosófica; e a riqueza das personagens e do diálogo.

    Já, previamente, selecionei os intérpretes para as seis personagens:

    Gláucon: você, Gerald, além do cargo de diretor, atuará como o irmão de Adimanto.

    Adimanto: por óbvio, o Vampiro é o encarregado de representar o irmão de Gláucon e Platão.

    Céfalo: o homem experiente da cidade será interpretado por Collor, pois é um defensor da tradição.

    Polemarco: o filho de Céfalo, sugiro a Susan Judia.

    Trasímaco ( o tagarela): sugiro a sandra, ou o fábio, ou qualquer leitor que sempre opinou muito no Blog, e ajudou a construi-lo.

    Sócrates: Bom!, eu tive a idéia do diálogo, então, eu fico com o mestre( hehehe).

    Ademais, há cenas, que são contadas como narrativas, no diálogo. Dois exemplos: o conto de Giges e a narrativa de Er. De repente, você, Gerald, poderia interpretar Giges; ou eu poderia interpretar Er; ou outros leitores e quem quiser poderiam participar dessas cenas. Genial.

    E, por fim, como se trata de peça inspirada, poderíamos expor o grande fim, sem grandes prejuízos à obra platônica: Sócrates, injustamente, morto pela fúria da comunidade ateniense, pesando-lhe a acusação de impiedoso. E, assim, terminaríamos a peça: a morte de Sócrates, mas a sua vitória triunfal para toda a História. Lindo, não? Lindo.

    PS: Não sei se existe; mas o Nobel de Arte estaria garantido.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  364. Duvido que o Fábio te responda.Até hoje não respondeu aos questionamentos que eu fiz a respeito do lula.

    Petistas são arrogantes e se julgam donos da verdade.Na verdade se julgam donos de tudo.
    De certo modo até que são.Considerando que estão mandando e deitam e rolam.
    Nada os tem impedido de cometerem as mazelas diárias.
    Aqui em Caravelas tem um livro escolar distribuído no primário que é um primor.
    Sutilmente defende as arbitrariedades que cometem os sem –terra.Parece incrível, mas é real.
    Se eu fosse professor primário já estaria preso há muito tempo.Iria me recusar a distribuir tal leitura.
    E quando eu chamo atenção para o plano que passa na mente do quarteto FCML ainda tem idiota, eu escrevi IDIOTA que me acha um velho decrépito e obsessivo.
    Cada um que deixe o seu onde quiser.
    O meu vou tirando da reta.
    Antes que o maníaco real SIFU realmente com nós todos.
    Cabeça não serve só para usar chapéu.

    Obrigado.
    Pacheco.

  365. Anonimo do blog Coturno Noturno;

    Esse filho da (inaudível), pudim de cachaça, vive falando (inaudível) e envergonhando os que ainda prezam o decoro neste país. Que os 70% de (inaudível) que chupam o (inaudível) deste populista (inaudível) enfiem-no (inaudível)!

    Maravilha!!!!!

  366. Sandra

    Garganta, adorei a sugestão!!!
    Porém, enquanto pessoa extremamente tímida, fico melhor no papel de platéia. Sabe aquelas pessoas que choram, riem, são alugadas pelos artistas na razão direta de sua timidez, e pensam: por que não sentei na última fileira? Pois é! Sou eu.

  367. Ingenuidade

    Pacheco….gostei….

    Bambi…..ser viado é bom ???? E viado véio….é também ?????
    E as hemorróidas!!!! Não dói ??????

  368. Garganta

    Querida Sandra,

    Não tem problema. O fábio pode ficar com o papel,de repente. Daí você assistiria.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  369. Sandra

    Collor, estou rindo até agora!!!!!!

  370. Sandra

    Pacheco, o seu comentário das 13:18 está hilário!

  371. Nina

    05/12/2008 – 08:51
    Enviado por: Papai Noel

    Pacheco, vc é o Papai Noel?
    Sabe o que é, eu acho que já disse, eu detesto Papai Noel, palhaço, bonecas e bonecos de qualquer tipo. Tenho verdadeiro horror, trauma de infância…. minha mãe me conta que eu chorava aos berros quando via um palhaço ou um Noel…
    entaõ…
    detesto Natal também….

    e sobre o coelhinho da Páscoa?
    pode ser?

    Abçs

  372. Grande Garganta.

    Gostei do personagem, e do quadro de pseudo-artistas, Prócris teria aprovado.

    Abraços do collorido.

  373. Nina

    Natal, padaria, opções sexuais, Ingrid Bettancourt chamando Lula de irmão, Collor chamando Lula de pudim de pinga, Lula falando da diarréia econômica, (detalhe, Lula é o nosso presidente), o que isso importa?

    agora, de fato, cito do texto de Thomas, o pensamento que persegue meus comentários a dias… já rachou…

    “Um carro-bomba devastou uma rua movimentada, na cidade paquistanesa de Peshawar, no noroeste do país, nesta sexta-feira, matando pelo menos 18 pessoas e ferindo dezenas de outras. A escalada de violência no noroeste do Paquistão, ao mesmo tempo em que o país enfrenta crescente tensão com a Índia após os atentados terroristas em Mumbai, levanta preocupações sobre a estabilidade do país, que tem armas atômicas”

  374. Prezada e já amiga Nina.

    Lamento não gostares de fantasia natalina. Eu adoro.
    Coelho da Páscoa então nem se fala.
    A Ana Luiza que anda sumida do blog é minha filha.Eu fiz muito arranjo de Páscoa para ela.Arranjo de um modo geral.Ela dormia e eu ficava preparando o cenário para ela encontrar ao aman hecer.Ovos na mesinha da sala e pegadas dos pés do coelho como se este bichinho amado houvesse visitado nosso lar.È fácil de armar pegadas de coelho.Basta tinta lavável branca e as pontas dos dedos.Até com talco ou farinha de trigo dá para fazer.
    Era uma delicia de amanhecer.E depois havia aquela guloseima pra cima dos chocolates.
    O que mais gosto de tudo é que a Ana faz para meus netos o que fiz para ela.E sei que meus netos farão lá na frente para os meus bisnetos.Portanto eu posso dizer Yes.Plantei minha arvore.
    Obrigado Nina.Apesar da lágrima que tua pergunta me arrancou.Lágrima de saudades de boas lembranças que me fazem agradecer por o que eu já vivi.

    Pacheco.
    Pena que um ingenuidade da vida tenha tentado estragar o meu dia.
    Para dez ingenuidades basta uma Nina.Estou recompensado.
    O ingenuidade pode sifu(copiei do lula) e salve a Nina que é porreta e sangue bom, mesmo não acreditando no meu velho amigo Papai Noel que sou eu mesmo.Quer dizer penso que sou …e as vezes eu….eu…..o que parece que voces estão vendo….não é…………o que voces realmente….e….de novo Não!!!.

    Fui de verdade agora.

    Pacheco.

  375. Garganta

    Caríssimo Collor,

    Pois é. Alguém tinha de ficar com quem, no diálogo “A República”, experimentou e, portanto, conhece a vida na cidade. E, assim, podendo falar com autoridade sobre o valor verdadeiro da moral citadina.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  376. Garganta

    Cara Sandra,

    De repente, você poderia interpretar Trasímaco, porque ele só participa –efetivamente–no livro I( um décimo da obra, portanto). Posteriormente, ele fica em silêncio e intervém poucas vezes. O mais legal dele é que o sofista inicia discutindo com Sócrates, e no final entende ( há controvérsias, mas é possível provar no texto) que a cidade perfeita a ser modelada teria lugar para os sofistas, que são as vozes polítcas de Atenas, digamos assim. E ele, Trasímaco, de certa forma se eleva, pois abandona a tese de injustiça. É bem interessante.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  377. Jorge

    Oi Glorinha,

    Eh sim um lugar bem legal, estah no grupo dos desenvolvidos, e as ciddes de Sydney e Melbourne estao sempre entre as dez melhores do mundo.

    Isto nao quer dizer que sejam perfeitas, vez em quando vemos problemas de roubo de casas, carros, CLARO NAO SE COMPARA AO NOSSO BRASIL, o consumo de drogas entre a mocada eh um grande desafio, diria tambem que o combate ao terrorismo tem prioridade no governo jah que desmontaram uma celula de terrorismo seis meses atras em Melbourne.

    Eh um lugar que tem gente do mundo todo, e estah eh uma das caracteristicas que eu gosto muito, embora bem menores que SP estas duas cidades sao muito cosmopolitas.

    Sou um apaixonado por cidades, historia das cidades, desenvolvimento das cidades, e morando aqui acabo me conctando muito as novas cidades que estao se desenvolvendo/crecendo no Oriente (China, India, Vietnam, etc)

    Chega se nao me empolgo e o espaco tem dono.

    SANDRA

    Adorei sua delicadeza com as “pequenas feiuras de Sampa” PEQUENAS?

    O que eh aquilo que fizeram com as margens dos dois rios que cortam a cidade?

    O que eh aquele “MINHOCAO” ? CALMA BIBAS NAO SE ANIMEM, estou falando do elevado que passa por cima da Sao Joao.

    O que eh aquele projeto H O R R O R O S O da Daslu?

    O que sao aqueles predios TODOS envidracados na JK e Faria Lima, imitacao de Dallas? Pode-se e deve-se usar vidro mas tudo tem limite.(tem um todo azul muito feio que fica bem na saida da passarela com o nome do cara dos Titas que morreu, esqueci o nome dele)

    E o predio TODO ESPELHADO e com metais coloridos que fica na praca da Republica” ? Minha amiga disse que eh uma “prateleira de puta” em dimensoes gigantescas.

    E o projeto do Ruy Ohtake, o Centro Cultural Tomie Ohtake, em Pinheiros (isto porque era para a mae dele hein)

    Tem os projetos legais, mas deixo pra depois, to segurando a onde senao nao paro mais.

    Abracos,
    Jorge, Sydney

  378. Ingenuidade

    Oia Pacheco….eu que te admirava tanto !!!

    A verdade queima….a rosca queima…quem mandou eles serem padeiros !! Não é mesmo ?????

  379. Ingenuidade

    Vou para o blog do Kotscho…lá ninguém apela…a verdade não atingiu ninguém lá ainda …….tudo brincadeirrinha….viu….foi para descontrair ……descontrair …….eu sou só uma menininha carente..

    Se colocasse o Rio em São…quem bom seria…..
    Os paulistas ficarim menos estressados…………..e os cariocas mais ativos.

  380. Má e Valda

    Isso Pachecão….você mostrou que é ” macho da peste”
    Esta Ingenuidade ..deve ser no mínimo um veiota escancarada e pervetida e nada de menininha de Cantois.

    Bjs

  381. Oi, Garganta. Acho que vc não está precisando da República de Collor e sim de O Banquéte de Sócrates e Platão.

  382. Biquei

    Olha só ALIBARBUDO, que país maravilhoso para quando terminar o mandato.
    Já imaginou vivendo lá;
    Ali, Chávez, Evo, convida até o Saramago, já que ele gosta tanto.
    È um país mui bueno.
    Pero no mucho!
    Noticuba

    DETENIDO EN CUBA EL SINDICALISTA INDEPENDIENTE RAUDEL ÁVILA LOZADA
    2008-12-04.
    Belinda Salas Tapanes, Presidenta de FLAMUR en Cuba, Corresponsal en
    la isla de Misceláneas de Cuba.
    Desde Cuba- Represión
    Allí fue advertido oficialmente por el Jefe de Sector de la Policía
    Nacional Revolucionaria y declarado Persona de Interés Policial, PIP,
    comunico el afectado vía telefónica.
    Por Raudel Ávila Lozada. Misceláneas de Cuba/ Noticubainternacional
    5 de diceimbre del 2008
    El líder sindicalista Raudel Ávila Lozada fue detenido el pasado 26 de
    Noviembre en su domicilio, y conducido a la Unidad de Enfrentamiento
    de la Policía Política de Palma Soriano en la provincia Santiago de Cuba, donde permaneció por más de cuatro horas.
    Allí fue advertido oficialmente por el Jefe de Sector de la Policía
    Nacional Revolucionaria y declarado Persona de Interés Policial, PIP, comunico el afectado vía telefónica.
    Ávila Lozada fue amenazado con la Ley de Peligrosidad Social Pre Delictiva, delito que se utiliza en Cuba para encausar a opositores pacíficos y vincularlos con delitos comunes.

  383. Oi, Gt e pessoal. O Garganta poderia ser ao mesmo tempo Sócrates e Alcibíades seria Deep Throat, seu alter ego. Eles poderiam recrutar Diotima para fazer aquele exercício empírico do Collor: converter Alcibíades ao heterossexualismo. Será que vai dar certo?

    O discurso de alcibiades/Deep Throat

    “Louvar Sócrates, senhores, é assim que eu tentarei, através de imagens. Ele certamente pensará talvez que é para carregar no ridículo, mas será a imagem em vista da verdade, não do ridículo. Afirmo eu então que é ele muito semelhante a esses silenos colocados nas oficinas dos estatuários, que os artistas representam com um pifre ou uma flauta, os quais, abertos ao meio, vê-se que têm em seu interior estatuetas de deuses. Por outro lado, digo também que ele se assemelha ao sátiro Mársias. Que na verdade, em teu aspecto pelo menos és semelhante a esses dois seres, ó Sócrates, nem mesmo tu sem dúvida poderias contestar; que porém também no mais tu te assemelhas, é o que depois disso tens de ouvir. És insolente! Não? Pois se não admitires, apresentarei testemunhas. Mas não és flautista? Sim! E muito mais maravilhoso que o sátiro. Este, pelo menos, era através de instrumentos que, com o poder de sua boca, encantava os homens como ainda agora o que toca as suas melodias —pois as que Olimpo tocava são de Mársias, digo eu, por este ensinadas – as dele então, quer as toque um bom flautista quer uma flautista ordinárias, são as únicas que nos fazem possessos e revelam os que sentem falta dos deuses e das iniciações, porque são divinas. Tu porém dele diferes apenas nesse pequeno ponto, que sem instrumentos, com simples palavras, fazes o mesmo. Nós pelo menos, quando algum outro ouvimos mesmo que seja um perfeito orador, a falar de outros assuntos, absolutamente por assim dizer ninguém se interessa; quando porém é a ti que alguém ouve, ou palavras tuas referidas por outro, ainda que seja inteiramente vulgar o que está falando, mulher, homem ou adolescente, ficamos aturdidos e somos empolgados. Eu pelo menos, senhores, se não fosse de todo parecer que estou embriagado, eu vos contaria, sob juramento, o que é que eu sofri sob o efeito dos discursos deste homem, e sofro ainda agora.

    Quando com efeito os escuto, muito mais do que aos coribantes em seus transportes bate-me o coração, e lágrimas me escorrem sob o efeito dos seus discursos, enquanto que outros muitíssimos eu vejo que experimentam o mesmo sentimento; ao ouvir Péricles porém, e outros bons oradores, eu achava que falavam bem sem dúvida, mas nada de semelhante eu sentia, nem minha alma ficava perturbada nem se irritava, como se encontrasse em condição servil; mas com este Mársias aqui, muitas foram as vezes em que de tal modo me sentia que me parecia não ser possível viver em condições como as minhas. E isso, ó Sócrates, não irás dizer que não é verdade. Ainda agora tenho certeza de que, se eu quisesse prestar ouvidos, não resistiria, mas experimentaria os mesmos sentimentos. Pois me força ele a admitir que, embora sendo eu mesmo deficiente em muitos pontos ainda, de mim mesmo me descuido, mas trato dos negócios de Atenas. A custo então, como se me afastasse das sereias, eu cerro os ouvidos e me retiro em fuga, a fim de não ficar sentado lá e aos seus pés envelhecer. E senti diante deste homem, somente diante dele, o que ninguém imaginaria haver em mim, o envergonhar-me de quem quer que seja; ora, eu, é diante deste homem somente que me envergonho. Com efeito, tenho certeza de que não posso contestar-lhe que não se deve fazer o que ele manda, mas quando me retiro sou vencido pelo apreço em que me tem o público. Safo-me então de sua presença e fujo, e quando o vejo envergonho-me pelo que admiti. E muitas vezes sem dúvida com prazer o veria não existir entre os homens; mas se por outro lado tal coisa ocorresse, bem sei que muito maior seria a minha dor, de modo que não sei o que fazer com esse homem.

    De seus flauteios então, tais foram as reações que eu e muitos outros tivemos deste sátiro; mas ouvi-me como ele é semelhante àqueles a quem o comparei, que poder maravilhoso ele tem. Pois ficai sabendo que ninguém o conhece; mas eu a revelarei, já que comecei. Estais vendo, com efeito, como Sócrates amorosamente se comporta com os belos jovens, está sempre ao redor deles, fica aturdido e como também ignora tudo e nada sabe. Que esta sua atitude não é conforme à dos silenos? E muito mesmo. Pois é aquela com que por fora ele se reveste, como o sileno esculpido; mas lá dentro, uma vez aberto, de quanta sabedoria imaginais, companheiros de bebida, estar ele cheio? Sabei que nem a quem é belo tem ele a mínima consideração, antes despreza tanto quanto ninguém poderia imaginar, nem tampouco a quem é rico, nem a quem tenha qualquer outro titulo de honra, dos que são enaltecidas pelo grande número; todos esses bens ele julga que nada valem, e que nós nada somos – a que vos digo – e é ironizando e brincando com os homens que ele passa toda a vida. Uma vez porém que fica sério e se abre, não sei se alguém já viu as estátuas lá dentro; eu por mim já uma vez as vi, e tão divinas me pareceram elas, com tanto aura, com uma beleza tão completa e tão extraordinária que eu só tinha que fazer imediatamente a que me mandasse Sócrates.

    Julgando porém que ele estava interessado em minha beleza, considerei um achado e um maravilhoso lance da fortuna, como se me estivesse ao alcance, depois de aquiescer a Sócrates, ouvir tudo a que ele sabia; o que, com efeito, eu presumia da beleza de minha juventude era extraordinário! Com tais idéias em meu espírito, eu que até então não costumava sem um acompanhante ficar só com ele, dessa vez, despachando o acompanhante, encontrei-me a sós – é preciso, com efeito, dizer-vos toda a verdade; – prestai atenção, e se eu estou mentindo, Sócrates, prova – pois encontrei-me, senhores, a sós com ele, e pensava que logo ele iria tratar comigo a que um amante em segredo trataria com o bem-amado, e me rejubilava. Mas não, nada disso absolutamente aconteceu; ao contrário, como costumava, se por acaso comigo conversasse e passasse o dia, ele retirou-se e foi-se embora. Depois disso convidei-o a fazer ginástica comigo e entreguei-me aos exercícios, como se houvesse então de conseguir algo. Exercitou-se ele comigo e comigo lutou muitas vezes sem que ninguém nos presenciasse; e que devo dizer? Nada me adiantava. Como por nenhum desses caminhos eu tivesse resultado, decidi que devia atacar-me ao homem à força e não largá-lo, uma vez que eu estava com a mão na obra, mas logo saber de que é que se tratava. Convido-o então a jantar comigo, exatamente como um amante armando cilada ao bem-amado. E nem nisso também ele me atendeu logo, mas na verdade com o tempo deixou-se convencer. Quando porém veio à primeira vez, depois do jantar queria partir. Eu então, envergonhado, larguei-o; mas repeti a cilada, e depois que ele estava jantado eu me pus a conversar com ele noite adentro, ininterruptamente, e quando quis partir, observando-lhe que era tarde, obriguei-o a ficar. Ele descansava então no leito vizinho ao meu, no mesmo em que jantara, e ninguém mais no compartimento ia dormir senão nós. Bem, até esse ponto do meu discurso ficaria bem fazê-lo a quem quer que seja; mas o que a partir daqui se segue, vós não me teríeis ouvido dizer se, primeiramente, como diz o ditado, no vinho, sem as crianças ou com elas, não estivesse a verdade; e depois, obscurecer um ato excepcionalmente brilhante de Sócrates, quando se saiu a elogiá-lo, parece-me injusto. E ainda mais, o estado do que foi mordido pela víbora é também o meu. Com efeito, dizem que quem sofreu tal acidente não quer dizer como foi senão aos que foram mordidos, por serem os únicos, dizem eles, que a compreendem e desculpam de tudo que ousou fazer e dizer sob o efeito da dor. Eu então, mordido por algo mais doloroso, e no ponto mais doloroso em que se passa ser mordido — pois foi no coração ou na alma, ou no que quer que se deva chamá-lo que fui golpeado e mordido pelos discursos filosóficos, que têm mais virulência que a víbora, quando pegam de um jovem espírito, não sem dotes, e que tudo fazem cometer e dizer tudo – e vendo por outro lado os Fedros, Agatãos, Erixímacos, os Pausânias, os Aristodemos e os Aristófanes; e o próprio Sócrates, é preciso mencioná-lo? E quantos mais… Todos vós, com efeito, participastes em comum do delírio filosófico e dos seus transportes báquicos e por isso todos ireis ouvir-me; pois haveis de desculpar-me do que então fiz e do que agora digo. Os domésticos, e se mais alguém há profano e inculto, que apliquem aos seus ouvidos portas bem espessas. Como com efeito, senhores, a lâmpada se apagara e os servos estavam fora, decidi que não devia fazer nenhum floreado com ele, mas francamente dizer-lhe o que eu pensava; e assim o interpelei, depois de sacudi-lo:

    – Sócrates, estás dormindo?

    – Absolutamente – respondeu-me.

    – Sabes então qual é a minha decisão?

    – Qual é exatamente? – tornou-me.

    – Tu me pareces – disse-lhe eu – ser um amante digno de mim, o único, e te mostras hesitante em declarar-me. Eu porém é assim que me sinto: inteiramente estúpido eu acho não te aquiescer não só nisso como também em algum caso em que precisasses ou de minha fortuna ou dos meus amigos. A mim, com efeito, nada me é mais digno de respeito do que o tornar-me eu o melhor possível, e para isso creio que nenhum auxiliar me é mais importante do que tu. Assim é que eu, a um tal homem recusando meus favores, muito mais me envergonharia diante da gente ajuizada do que se os concedesse, diante da multidão irrefletida.
    E este homem, depois de ouvir-me, com a perfeita ironia que é bem sua e do seu hábito, retrucou-me:
    – Caro Alcebíades, é bem provável que realmente não sejas um vulgar, se chega a ser verdade a que dizes a meu respeito, e se há em mim algum poder pelo qual tu te poderias tornar melhor; sim, uma irresistível beleza verias em mim, e totalmente diferente da formosura que há em ti. Se então, ao contemplá-la, tentas compartilhá-la comigo e trocar beleza por beleza, não é em pouco que pensas me levar vantagens, mas ao contrário, em lugar da aparência é a realidade do que é belo que tentas adquirir, e realmente é “ouro por cobre” que pensas trocar. No entanto, ditoso amigo, examina melhor; não te passe despercebido que nada sou. Em verdade, a visão do pensamento começa a enxergar com agudeza quando a dos olhos tende a perder sua força; tu porém estás ainda longe disso.

    E eu, depois de ouvi-lo:

    – Quanto ao que é de minha parte, eis aí; nada do que está dito é diferente do que penso; tu porém decide de acordo com o que julgares ser o melhor para ti e para mim.

    – Bem, tomou ele, nisso sim, tens razão; daqui por diante, com efeito, decidiremos fazer, a respeito disso como do mais, o que a nós dois nos parecer melhor.

    Eu, então, depois do que vi e disse, e que como flechas deixei escapar, imaginei-o ferido; e assim que eu me ergui sem ter-lhe permitido dizer-me nada mais, vesti esta minha túnica – pois era inverno – estendi-me por sob a manta deste homem, e abraçado com estas duas mãos a este ser verdadeiramente divino e admirável fiquei deitado a noite toda. Nem também isso, ó Sócrates, irás dizer que estou falseando. Ora, não obstante tais esforços meus, tanto mais este homem cresceu e desprezou minha juventude, ludibriou-a, insultou-a e justamente naquilo é que eu pensava ser alguma coisa, senhores juízes; sois com efeito juízes da sobranceria de Sócrates – pois ficai sabendo, pelos deuses e pelas deusas, quando me levantei com Sócrates, foi após um sono em nada mais extraordinário do que se eu tivesse dormido com meu pai ou um irmão mais velho.

    Ora bem, depois disso, que disposição de espírito pensais que eu tinha, a julgar-me vilipendiado, a admirar o caráter deste homem, sua temperança e coragem, eu que tinha encontrado um homem tal como jamais julgava poderia encontrar em sabedoria e fortaleza? Assim, nem eu podia irritar-me e privar-me de sua companhia, nem sabia como atraí-lo. Bem sabia eu, com efeito, que ao dinheiro era ele de qualquer modo muito mais invulnerável do que Ájax ao ferro, e na única coisa em que eu imaginava ele se deixaria prender, ei-lo que me havia escapado. Embaraçava-me então, e escravizado pelo homem como ninguém mais por nenhum outro, eu rodava à toa. Tudo isso tinha-se sucedido anteriormente; depois, ocorreu-nos fazer em comum uma expedição em Potidéia, e éramos ali companheiros de mesa. Antes de tudo, nas fadigas, não só a mim me superava mas a todos os outros – quando isolados em algum ponto, como é comum numa expedição, éramos forçados a jejuar, nada eram os outros para resistir – e por outro lado nas fartas refeições, era o único a ser capaz de aproveitá-las em tudo mais, sobretudo quando, embora se recusasse, era forçado a beber, que a todos vencia; e o que é mais espantoso de tudo é que Sócrates embriagado nenhum homem há que o tenha visto. E disso, parece-me, logo teremos a prova. Também quanto à resistência ao inverno – terríveis são os invernos ali – entre outras façanhas extraordinárias que fazia, uma vez, durante uma geada das mais terríveis, quando todos ou evitavam sair ou, se alguém saía, era envolto em quanta roupagem estranha, e amarrados os pés em feltros e peles de carneiro, este homem, em tais circunstâncias, saía com uma manta do mesmo tipo que antes costumava trazer, e descalço sobre o gelo marchava mais à vontade que os outros calçados, enquanto que os soldados o olhavam de soslaio, como se o suspeitassem de estar troçando deles. Quanto a estes fatos, ei-los aí:

    mas também o seguinte, como o fez e suportou um bravo

    lá na expedição, certa vez, merece ser ouvido. Concentrado numa reflexão, logo se detivera desde a madrugada a examinar uma idéia, e como esta não lhe vinha, sem se aborrecer ele se conservara de pé, a procurá-la. Já era meio-dia, os homens estavam observando, e cheios de admiração diziam uns aos outros: Sócrates desde a madrugada está de pé ocupado em suas reflexões! Por fim, alguns dos jônicos, quando já era de tarde, depois de terem jantado – pois era então o estio – trouxeram para fora os seus leitos e ao mesmo tempo que iam dormir na fresca, observavam-no a ver se também a noite ele passaria de pé. E ele ficou de pé, até que veio a aurora e o sol se ergueu; a seguir foi embora, depois de fazer uma prece ao sol. Se quereis saber nos combates – pois isto é bem justo que se lhe leve em conta – quando se deu a batalha pela qual chegaram mesmo a me condecorar os generais, nenhum outro homem me salvou senão este, que não quis abandonar-me ferido, e até minhas armas salvou comigo. Eu então, ó Sócrates, insisti com os generais para que te conferissem essa honra, e isso não vais me censurar nem irás dizer que estou falseando; todavia, quando já os generais consideravam minha posição e desejavam conceder-me a insigne honra, tu mesmo foste mais solícito que os generais para que fosse eu e não tu que a recebesse. E também, ó senhores, valia a pena observar Sócrates, quando de Delião batia em retirada o exército; por acaso fiquei ao seu lado, a cavalo, enquanto ele ia com suas armas de hoplita. Ora, ele se retirava, quando já tinham debandado os nossos homens, ao lado de Laques: acerco-me deles e logo que os veja exorto-os à coragem, dizendo-lhes que os não abandonaria. Foi aí que, melhor que em Potidéia, eu observei Sócrates – pois o meu perigo era menor, por estar eu a cavalo – primeiramente quanto ele superava a Laques, em domínio de si; e depois, parecia-me, ó Aristófanes, segundo aquela tua expressão, que também lá como aqui ele se locomovia “impondo-se e olhando de través”, calmamente examinando de um lado e de outro os amigos e os inimigos, deixando bem claro a todos, mesmo a distância, que se alguém tocasse nesse homem, bem vigorosamente ele se defenderia.

    Eis por que com segurança se retirava, ele e o seu companheiro; pois quase que, nos que assim se comportam na guerra, nem se toca, mas é aos que fogem em desordem que se persegue.
    Muitas outras virtudes certamente poderia alguém louvar em Sócrates, e admiráveis; todavia, das demais atividades, talvez também a respeito de alguns outros se pudesse dizer outro tanto; o fato porém de a nenhum homem assemelhar-se ele, antigo ou moderno, eis o que é digno de toda admiração. Com efeito, qual foi Aquiles, tal poder-se-ia imaginar Brasidas e outros, e inversamente, qual foi Péricles, tal Nestor e Antenor – sem falar de outros – e todos os demais por esses exemplos se poderia comparar; o que porém é este homem aqui, o que há de desconcertante em sua pessoa e em suas palavras, nem de perto se poderia encontrar um semelhante, quer se procure entre os modernos, quer entre os antigos, a não ser que se lhe faça a comparação com os que eu estou dizendo, não com nenhum homem, mas com os silenos e os sátiros, e não só de sua pessoa como de suas palavras. Na verdade, foi este sem dúvida um ponto em que em minhas palavras eu deixei passar, que também os seus discursos são muito semelhantes aos silenos que se entreabrem. A quem quisesse ouvir os discursos de Sócrates pareceriam eles inteiramente ridículos à primeira vez: tais são os nomes e frases de que por fora se revestem eles, como de uma pele de sátiro insolente! Pois ele fala de bestas de carga, de ferreiros, de sapateiros, de correeiros, e sempre parece com as mesmas palavras dizer as mesmas coisas, a ponto de qualquer inexperiente ou imbecil zombar de seus discursos. Quem porém os viu entreabrir-se e em seu interior penetra, primeiramente descobrirá que, no fundo, são os únicos que têm inteligência, e depois, que são o quanto possível divinos, e os que o maior número contêm de imagens de virtude, e o mais possível se orientam, ou melhor, em tudo se orientam para o que convém ter em mira, quando se procura ser um distinto e honrado cidadão.

    Eis aí, senhores, o que em Sócrates eu louvo; quanto ao que, pelo contrário, lhe recrimino, eu o pus de permeio e disse os insultos que me fez. E na verdade não foi só comigo que ele os fez, mas com Cármides, o filho de Glauco, com Eutidemo, de Díocles, e com muitíssimos outros, os quais ele engana fazendo-se de amoroso, enquanto é antes na posição de bem-amado que ele mesmo fica, em vez de amante. E é nisso que te previno, ó Agatão, para não te deixares enganar por este homem e, por nossas experiências ensinado, te preservares e não fazeres como o bobo do provérbio, que “só depois de sofrer aprende”.
    Depois destas palavras de Alcebíades houve risos por sua franqueza, parecia ainda estar amoroso de Sócrates.

    Sócrates então disse-lhe: – Tu me pareces, ó Alcebíades, estar em teu domínio. Pois de outro modo não te porias, assim tão destramente fazendo rodeios, a dissimular o motivo por que falaste; como que falando acessoriamente tu o deixaste para o fim, coma se tudo o que disseste não tivesse sido em vista disso, de me indispor com Agatão, na idéia de que eu devo amar-te e a nenhum outro, e que Agatão é por ti que deve ser amado, e por nenhum outro. Mas não me escapaste! Ao contrário, esse teu drama de sátiros e de silenos ficou transparente. Pois bem, caro Agatão, que nada mais haja para ele, e faze com que comigo ninguém te indisponha.

    Agatão respondeu: – De fato, ó Sócrates, é muito provável que estejas dizendo a verdade. E a prova é a maneira como justamente ele se recostou aqui no meio, entre mim e ti, para nos afastar um do outro. Nada mais ele terá então; eu virei para o teu lado e me recostarei.

    – Muito bem – disse Sócrates – reclina-te aqui, logo abaixo de mim.

    – Ó Zeus, que tratamento recebo ainda desse homem! Acha ele que em tudo deve levar-me a melhor. Mas pelo menos, extraordinária criatura, permite que entre nós se acomode Agatão.

    – Impossível! – tornou-lhe Sócrates. – Pois se tu me elogiaste, devo eu por minha vez elogiar o que está à minha direita. Ora, se abaixo de ti ficar Agatão, não irá ele por acaso fazer-me um novo elogio, antes de, pelo contrário, ser por mim elogiado? Deixa, divino amigo, e não invejes ao jovem o meu elogio, pois é grande meu desejo de elogiá-lo.

    – Evoé! – exclamou Agatão;

    – Alcebíades, não há meio de aqui eu ficar; ao contrário, antes de tudo, eu mudarei de lugar, a fim de ser por Sócrates elogiado.

    – Eis aí – comentou Alcebíades – a cena de costume: Sócrates presente, impossível a um outro conquistar os belos! Ainda agora, como ele soube facilmente encontrar uma palavra persuasiva, com o que este belo se vai pôr ao seu lado.

    Agatão levanta-se assim para ir deitar-se ao lado de Sócrates; súbito porém uns foliões, em numeroso grupo, chegam à porta e, tendo-a encontrado aberta com a saída de alguém, irrompem eles pela frente em direção dos convivas, tomando assento nos leitos; um tumulto enche todo o recinto e, sem mais nenhuma ordem, é-se forçado a beber vinho em demasia. Erixímaco, Fedro e alguns outros, disse Aristodemo, retiram-se e partem; a ele porém o sono o pegou, e dormiu muitíssimo, que estavam longas as noites; acordou de dia, quando já cantavam os galos, e acordado viu que os outros ou dormiam ou estavam ausentes; Agatão porém, Aristófanes e Sócrates eram os únicos que ainda estavam despertos, e bebiam de uma grande taça que passavam da esquerda para a direita. Sócrates conversava com eles; dos pormenores da conversa disse Aristodemo que não se lembrava – pois não assistira ao começo e ainda estava sonolento – em resumo porém, disse ele, forçava-os Sócrates a admitir que é de um mesmo homem o saber fazer uma comédia e uma tragédia, e que aquele que com arte é um poeta trágico é também um poeta cômico. Forçados a isso e sem o seguir com muito rigor eles cochilavam, e primeiro adormeceu Aristófanes e, quando já se fazia dia, Agatão. Sócrates então, depois de acomodá-los ao leito, levantou-se e partiu; Aristodemo, como costumava, acompanhou-o; chegado ao Liceu ele asseou-se e, como em qualquer outra ocasião, passou o dia inteiro, depois do que, à tarde, foi repousar em casa

  384. Ingenuidade

    Vou para o blog do Kotscho…lá ninguém apela…a verdade não atingiu ninguém lá ainda …….tudo brincadeirrinha….viu….foi para descontrair ……descontrair …….eu sou só uma menininha carente..pobre de mim !!!!

    Se a rosca de alguém…queimou por aí…me perdoem…sim!
    Não queria machucar. O falo é de borracha……

    Se colocassem o Rio em São Paulo…quem bom seria…..
    Os paulistas ficariam menos estressados…………..e os cariocas mais ativos.

  385. Má e Valda

    Lá vem …a velhinha pervertida de novo !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  386. Ingenuidade

    Má e Valda…posso ser uma velhinha…mas tenho a alma de uma menininha….Meu amor !

  387. Garganta

    Caro Lúcio Jr,

    Observei sua avaliação, muitos proveitos pude fazer por sinal. Parabéns. A República, se é o que você está pensando, é a cidade construída pelas personagens do diálogo: Gláucon, Sócrates, Polemarco e Adimanto e va lá Trasímaco (ele quase nada fala; Polemarco também). Em outras palavras, Céfalo ( Collor) não participa, pois Polemarco herda ( de Céfalo) o diálogo antes da contrução da cidade hipotética e perfeita. Esta, como o próprio Sócrates sabe, é tão-somente hipotética, mas a sua força é sentida até hoje( eis esse comentário que você acabou de ler, o Platão lhe influenciou também, hehehe).

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  388. Má e Valda

    Credo ! Alma de menininha ! Alma de capeta ! isso sim !

  389. Garganta

    Caro Lúcio Jr,

    Mas lhe recomendo mais atenção em seus contatos com a obra de Platão. Porque muitos de seus leitores não entendem as sutilezas da obra. Em outras palavras, a União Soviética, e me foge o pensador que faz a acusação, teria sido inspirada na cidade hipotética, esta que Sócrates explica não ser factível com nossa realidade. O texto aliás, como bem diz Rousseau, é um tratado de educação, tem muito mais um aspecto de inserir a Filosofia na vida política. Bem longe da maneira violenta dos iluministas, a filosofia antiga não quer derrubar o muro da caverna. Inversamente, a filosofia antiga sabe que nem todos os cidadãos são filósofos. Coisa que o pensador Rousseau, acho que o único, e como vemos em Emílio, sabia: nem todos são inclinados a ficar estudando e etc. como filósofos.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  390. Lúcido

    Tanto queriam que os americanos deixassem de consumir que conseguiram, mas agora choram as pitangas no chão, até aqueles áulicos esquerdistas que criticavam o consumismo dos “estadunidenses”, agora culpam os americanos de deixarem de consumir, bando de idiotas. É ridículo.

  391. Nina

    Pacheco…

    delicado e gentil
    também me lembro dos natais da infância com absoluta saudade
    infelizmente cresci….

    um grande abraço

  392. Nina

    … mas ainda gosto do coelhinho da Páscoa, pq sou chocólatra…

    mais abraços Pacheco!

  393. Nina

    Pacheco:

    “Para dez ingenuidades basta uma Nina.Estou recompensado.
    O ingenuidade pode sifu(copiei do lula) e salve a Nina que é porreta e sangue bom, mesmo não acreditando no meu velho amigo Papai Noel que sou eu mesmo.Quer dizer penso que sou …e as vezes eu….eu…..o que parece que voces estão vendo….não é…………o que voces realmente….e….de novo Não!!!.”

    só li agora…..
    não sei se meu sangue é bom, sei que me provocou um enorme sorriso agora….. daqueles de só de vez em quando… especial

    Feliz Natal!

  394. Garganta

    Caro Lúcio Jr,

    Infelizmente a sua sugestão seria meio complicada de ocorrer, e sabe por quê? Alcibíades não é um dos dialogadores de A República. E a morte de Sócrates, que está essencialmente no diálogo Fédon, também não há a belezura de Alcibíades(como bem diz Sócrates). Mas continue sugerindo aí. De repente é possível algo proveitoso de sua parte.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  395. Fantasma nas Estepes

    Um tema que ainda suscita paixões..do grego SÓCRATES

    A caverna
    A arena para a contenda pedagógica entre a livre investigação filosófica e a demagogia sofística ocorre no mundo escuro da caverna – um mundo de sombras e de opinião pública, um mundo de “lucro e perda” e de intriga política e social.
    Alguns intérpretes do diálogo têm chamado a atenção para a batalha que ocorre no diálogo entre a tirania e a filosofia, entre a força violenta e a persuasão racional , entre a educação como apresentada pelos sofistas que visam o sucesso e o domínio sobre seus estudantes, e pelos filósofos socráticos que procuram nutrir seus estudantes através de uma busca filosófica libertadora da sabedoria. Este conflito entre a injustiça e a justiça, entre sofística e filosofia, é refletido não apenas nos argumentos e no debate dos interlocutores, mas também na própria vida e no caráter dos próprios participantes.
    ___________________________________________________

    Este blog me parece um pequeno laborátorio…muito se há de aproveitar. Parabéns ao GThomas, pela idéia genial……

  396. Tene Cheba

    Lula setenta por cento. Setenta por cento de mentira, setenta por cento de enganação, de cartões corporativos, setenta por cento da cueca suja, das mãos imundas, dos nove dedos cortados.Lula está além da mentira,Lula é aquilo que assistimos, a sua manjada euforia, provocada pelo efeito enebriante da preguiça em julgar.Lula foi o cochilo de uma sociedade fácil, pobre, que acredita nas utopias bêbadas discursadas por hilários analfabetos confusos.Somos o próprio predador de nós mesmo, a cada pesquisa reforçamos os nossos débitos com o futuro.O Povo sifu, a gente sifu, só não se fode, este ser de dimensões muito pequenas, escondido na vala rasa e fétida da corrupção.Temos mesmo que desdenhar dos americanos, que elegem um Negro, lá é possível, aqui não, aqui só é possível o amor triunfante por nossas terras raras.Que pena que não foi sessenta e nove por cento, retrataria melhor toda essa chupação.

  397. Luciana

    Que blog mais maluco esse.Parece que todo mundo bebe ou usa algo que deixam todos meio alucinados.Agora deram para ficarem fixados na sexualidade alheia, se é bom ser viado, etc,etc,….será a aproximação do natal?ou é gozação simplesmente?ou é falta de assunto mesmo?

  398. Tene Cheba

    Tadinha, foi censurada.Vamos protestar, fazer passeatas pela nossa Isaurinha, aí ela sumiu, só de pirraça, aí não aguentando a pressão da solidão, e não suportando mais ouvir os CDs de Zezé di Camargo & Luciano, socorro, voltou a comentar, agora foi censurada de novo.Pobre Isaurinha, pobre menina aniquilada, torturada, enforcada, esganada, mutilada e decaptada, por predaros, seus atrozes da liberdade incondicional, mesma liberdade que não causa indignação aos amantes de Dirceu e Marília.Vai minha éguinha pocotó.Eu não censuraria esta banida bandida. Tudo dentro da linha que limita o respeito e admiração aos discípulos de José Simão, o Bárbaro.Reconheço o seu talento, Bibinha.

  399. Oi, Garganta.

    Mas vc pode aproveitar tudo e fazer uma grande síntese, PENETRÁLIA. Em meu (nosso?) diálogo, Sócrates morre e renasce com o bigodão de Nietzsche e participa ativamente e passivamente de uma blognovela.

    Color/Kátiacéfala debaterá principalmente com Alcy-biba-des/Capitão Gay sobre as tradições e os rituais da caverna. Q tal?

    Trasímaco será ao mesmo tempo um outro Nietzsche/GT/Lou Salomé de Wilde & Beckett. No Banquete RA será Hobbes e Rousseau será um monstro de muitas faces e atos de fala: O Dragão Diamat da caverna do dragão e do Ali Barbudo: uma cara será um Pig, outra o Amorim, outra o Nassif e assim por diante. Hobbeszevedo matará o Dragão e será coroado pelo príncipe ganhando a moedinha número 1 das mãos do Waltcheco Pato Donald.

  400. ….bom,..antes de sair,..hoje a tarde,…escreví dois comént´s,…sobre
    as duas CENSURAS que sofrí aqui no blóg..!!!……………………………….
    …………………………………………………………………………………………………………..
    ………….Uma da ex-odéte e outra de Gérald thômas…!!…………………….
    …………………………………………………………………………………………………………..
    …………só uma perguntinha..????……esses dois,..comént´s foram
    ……………………………………censurados..????……………………………………….
    ………………………………………………………………………………………………………….
    …………………………………………………………………………………………………………

  401. Tene Cheba

    Blog, não é um espaço público, ele tem coordenadas e tendências, não vejo por aqui nada de anormal, aliás por aqui passa muita coisa que em outros, não passaria mesmo.Aqui é legal pela liberdade que o Gerald Thomas dá e o Vamp também, já fui xingado, pisado, morto e torturado por aqui, e a vida continuou.Sou contra a moderação, mas sou contra a perversão e a ofensa, isto também cerceia, inibe, uma censura medida pela capacidade de insultar, talhada em ambientes nocivos que torna a medíocridade o sublime talento do Ser Humano,´são os “pânicos deslumbrados”, profissionais em descaralhar pessoas construídas sobre seus talentos. Aquilo que o Pânico faz, nada mais é que pura agressão, e a liberdade começa a ser corroída exatamente ali.Quando não se tem educação, a liberdade não faz o menor sentido, é algo completamente inócuo.

  402. Oi, outra sugestão para a blognovela:

    Um cara dialoga num blog com um fantasma de Beckett, Wagner, Nietzsche, John Lennon, A Voz de Beck, O The Flash e o The Crack, os anjos negros e outros inúmeros personagens. NO fim das contas, ele descobre que dialogava sozinho. O blog todo era censurado por Odete/Benazir, uma fanzoca do GT que montou perfil no Orkut e que revela:

    –Gt não existe.

  403. Tene Cheba

    Agora, a coisa mais espantosa que eu já li por aqui, foi a do Collor 2010, disse que reconduziu seis lésbicas ao mundo da sacanagem sadia.Caramba, é a pica santa que reconduz as meninas que gostam de pele sedosas ao bom caminho, ou então muito Logan nas idéias de um mundo pequeno e certinho.Putz, vai mentir assim lá em Varginha.
    Minha opinião, numa muito boa.

  404. Oi, GT, o mito de sisifu existe. Vc pode fazer um texto ou uma peça. Veja só esse texto de veterinária que se chama Helleborus:

    SINTOMA 281 – SE DESESPERA COM SUA VIDA

    Sisifu se desespera com a sua morte que não aceita.

    283 – NOSTALGIA

    Sisifu quer a qualquer custo voltar para a vida. É como se o Tártaro fosse um lugar muito monótono.

    284 – AO VER UMA PESSOA FELIZ SE TORNA MELANCÓLICO E SE SENTE MUITO INFELIZ

    Vê os outros felizes e fica infeliz. É um sintoma raro, normalmente a felicidade dos outros nos contagia, mas nele faz um efeito contrário. Isto talvez venha a explicar na história clínica, porque a paciente insistia em dizer que via tudo ao contrário. A felicidade dos outros traz infelicidade para ele. A vida sem um contato perfeito com o mundo deve ser muito monótona.

    285 – VESTE SUAS ROUPAS COM NEGLIGÊNCIA

    Na clínica temos encontrado casos em que a mãe diz : ele não abotoa os botões direito, veste a camisa pelo avesso e coisas assim, não é como Plb que poderia calçar os sapatos trocados só para fazer diferente.

    286 – INDISPOSIÇÃO E TRISTEZA COM RESPEITO AO SEU ESTADO PRESENTE. TUDO LHE PARECE MONÓTONO E NADA LHE INTERESSA

    Neste aspecto se confunde com China quando aquilo que lhe parecia brilhante e atraente agora parece sem graça e sem valor.

    287 – ENVOLVIDO EM SEUS PENSAMENTOS, HUMOR SILENCIOSO

    288 – TENDÊNCIA A ESTAR SEMPRE ALEGRE E ATIVO

    Na clínica, um indivíduo muito alegre, ativo, experto, ligado as coisas pode ser Helleborus.. No outro polo, ele não tem atividade , alegria e passa a imagem de um indivíduo triste, desligado.

    M A T É R I A M É D I C A D O A L L E M:

    9 – DESESPERADO, ACREDITA QUE DEVE MORRER

    É exatamente o que acontece com Sísifu. Ele ficou desesperado quando lhe comunicaram que tinha de ir para o mundo dos mortos. Ele engana sua mulher dizendo que não enterre o seu corpo.

    13 – HUMOR ANSIOSO , INDIFERENTE À ALEGRIA E A TRISTEZA

    Nesse polo ele está absolutamente desligado, ele não se cconecta com nada.

    14 – MEDO DA MORTE

    17 – EXTREMA TENDÊNCIA A FICAR IRRITADO, A MENOR BOBAGEM QUE CONTRARIE OS SEUS DESEJOS EXCITA-LHE A RAIVA

    Em “Cólera pela contradição”, Hell. ainda não foi agregado.

    20 – SEM PODER REFLETIR

    Não pode pensar nem refletir, é como se estivesse descorticado.

    27 – MAIS VAGAROSO DO QUE DE COSTUME, QUANDO É PERGUNTADO

    Se aproxima da insensibilidade; me parece ser o mais lento.

    126 – SENSTE UM PREGO NO TOPO DA CABEÇA

    Não temos tantos remédios com essa sensação.

    SINTOMA 141 – TENDÊNCIA A TER UM OLHAR FIXO E INVOLUNTÁRIO DIRIGIDO AOS OBJETOS

    160 – ESPASMO DAS PÁLPEBRAS SUPERIORES

    180 – SENTE COMO SE TUDO FOSSE CLARO E ESCURO

    Como se o mundo fosse uma foto em preto e branco, assim o mundo não tem atrativo, se torna monótono. Fica indiferente a alegria e a tristeza.

    238 – AUMENTO DA SALIVA

    279 – GRANDE TENDÊNCIA AO VÔMITO QUE PERTURBA O SEU SONO

    Agregar em “Sono – insônia provocada por vômito”.

    509 – SOBRESSALTOS VISÍVEIS NO DEDO INDICADOR ESQUERDO EM DIREÇÃO AO POLEGAR E ALGUMAS VEZES DO POLEGAR EM DIREÇÃO AOS OUTROS DEDOS

    Já vi uma criança com isto quando ainda não era homeopata.

    580 – UMA NOTÁVEL INSTABILIDADE EM SUAS AÇÕES

    É como se não pudesse comandar os músculos, nisto lembra Gelsemium.

    593 – UM DESCONFORTO GERAL

    M A T E R I A M É D I C A D O H E R I N G.

    1-4 – DIMINUIÇÃO DO PODER DA MENTE SOBRE O CORPO, NÃO PODE FIXAR AS IDÉIAS. LENTO PARA RESPONDER. OS MÚSCULOS NÃO AGEM APROPRIADAMENTE SE A SUA VONTADE NÃO FOR DIRIGIDA FIRMEMENTE PARA A AÇÃO

    Aqui há uma desconexão entre mente e corpo; a mente não comanda o corpo. A resposta muscular ocorre automaticamente. Num polo precisa pensar até para comandar os músculos.

    1-5 – SUA ATENÇÃO É DESVIADA QUANDO ALGUÉM LHE FALA E DEIXA CAIR ALGUMA COISA QUE ESTÁ SEGURANDO

    1-6 – IDIOTIA E CRETINISMO

    1-7 – EMBOTAMENTO, NÃO DIZ NADA

    1-9 – MANIA DEMONÍACA, VÊ ESPIRITOS DO MAL À NOITE

    Lembra o momento em que Tânatus, a morte, um espírito do mal vem para levar Sisivu para o Tártaro.

    1-11 – É GOVERNADO POR UMA IDÉIA FIXA

    Uma coisa monótona

    1-12 – UMA MULHER JÁ VELHA FOI ACUSADA POR OUTRAS MULHERES. ELA SE RESSENTIU TANTO QUE SE ENFORCOU. ESTE SUICÍDIO PROVOCOU UM EFEITO MUITO PROFUNDO NAS MULHERES DA VILA E UMA APÓS OUTRA COMEÇARAM A SE ACUSAR DE HAVEREM PROVOCADO A MORTE DELA ATRAVÉS DE SUAS INSINUAÇÕES. ELAS CHORAVAM E UIVAVAM, CORRIAM DIA E NOITE, FAZENDO MOVIMENTOS GIRATÓRIOS DAS MAOS E FICAVAM DESESPERADAS A RESPEITO DA SALVAÇÃO DEVIDO AO SEU PECADO. SE TORNARAM COMPLEMENTE PERTURBADAS.

    O entendimento que podemos ter é que vira um processo automático, uma segue à outra. Hahnemann cita o gênio epidémico no caso das doenças infecciosas. Neste caso nos parece lógico que uma determinada virose tenda a atacar um grupo de pessoas que apresentam um modo muito parecido de adoecer e por isto responde ao mesmo medicamento. Não acredito que toda a população doente realmente venha a responder com o mesmo remédio, pois assim cairia por terra uma das pilastras do unicismo, a individualidade.

    1-14 – OLHA AO SEU REDOR COM OS OLHOS ARREGALADOS, DE UMA FORMA MUITO ESTRANHA, QUANDO QUESTIONADO ARREGALA OS OLHOS DA MESMA MANEIRA, DÁ UMA OLHADA AO SEU REDOR E AGARRA SUA CABEÇA

    1-20 – TENTA ESCAPAR CONSTANTEMENTE

    No mito Sísifu quer escapar da morte.

  405. Tene Cheba

    ” Enquanto não houver dignidade as Farc sempre existrão” de Ingrd Betancourt, Terra Notícias. Não, fala sério, o que é isto, ingratidão com os soldados que a libertaram? Porque a hipocrisia tem sempre que preponderar, se sobrepor a razão?
    Não,o que fazer, para melhorar, o que as Farc poderão melhorar na Colômbia? Podemos inferir que o Camboja foi uma exceção? Camboja melhorou, tanto assim depois que suas Farc tomaram o poder? Que porcaria nojenta, transmite esta declaração, em nosso Brasil, dobre seus olhares, Senhora, sobre a sua pobre magnitude, tênue luz que jamais será refletida por mim.Por respeito aos dois ou três milhões de mortos no repugnante Apocalipse Now, que a senhora não ouviu, grite também seu amor pelos milhões de chineses mortos, ou pelos seus livros,óculos e esperanças quebradas.Tenho pena da Senhora, tenho pena dos que acreditaram no seu martírio, aos poucos uma máscara vai vestindo sua verdadeira face.

  406. ezir

    Eu, Ezir, QUERIA ILUSTRAR O SENTIDO q veio pra mim de participar deste BLOG DO SR. GERALD THOMAS depois de reler algumas vezes ESTE POST EM PARTICULAR…e este diálogo TODO ESPIRALADO do “garganta ” com nosso MESTRE , O MAIOR DIRETOR DE TEATRO E DAS CIÊNCIAS DAS DESCOBERTAS E DAS LINGUAGENS HUMANAS DE TODOS OS TEMPOS DESTA NOVA ERA MR. GERALD THOMASSSSS!!! é longo, MAS é leitura PURA FRUIÇÃO COMO AS PEÇAS E CRIAÇÕES DO SR. THOMAS!!!
    (imitando e com licença ao Sr. Lúcio Jr, OK???)

    Alice no país das maravilhas
    Tradução de Clélia Regina Ramos
    Capítulo 3
    Uma corrida de comitê
    e uma longa história

    Aquela era com certeza uma turma estranha que se reunia nas margens do lago: os pássaros com suas plumas arrastando, os animais com o pêlo grudado no corpo, e todos pingando, irritados e desconfortáveis.

    A primeira questão era, evidentemente, como se secarem: eles estavam reunidos em conselho para decidirem sobre isso e depois de poucos minutos parecia natural para Alice encontrar-se conversando familiarmente com eles, como se ela os tivesse conhecido toda a vida. Na verdade, ela travava uma longa discussão com o Papagaio australiano, que no final tornara-se zangado, e falara, ” Eu sou mais velho que você, e devo saber mais.” E com isso Alice não podia concordar, sem saber a idade dele, e como o Papagaio recusava-se terminantemente a dizer sua idade, nada mais havia a dizer.

    Finalmente o Rato, que parecia ser a pessoa de maior autoridade entre eles, bradou, ” Sentem-se , todos vocês, e ouçam-me! Eu vou fazê-los secar.” Eles sentaram-se então em círculo, com o Rato no meio. Alice mantinha seus olhos fixados ansiosamente nele, pois ela tinha certeza que pegaria um resfriado se não secasse logo.

    “Aham!” disse o gato com um ar de importante. ” Vocês estão todos prontos? Essa é a coisa mais seca que eu conheço. Silêncio na roda, por favor! William o Conquistador, cuja causa foi favorecida pelo Papa, logo submetido pela Inglaterra, que desejava líderes, acostumada à usurpação e à conquista. Edwin e Morcar, os condes de Mercia e Northumbria…”

    “Ugh!”, disse o Papagaio, com um calafrio.

    “Desculpe-me” interferiu o Rato, carrancudo, mas educadamente. “Você falou alguma coisa?”

    “Eu não!” respondeu o Papagaio, rapidamente.

    “Pensei que tivesse”, retrucou o Rato. “Prosseguindo: Edwin e Morcar, os condes de Mercia e Northumbria, declararam para ele; e ainda Stingand, o patriótico arcebispo de Canterbury, achou que…”

    “Achou o quê?”, perguntou o Pato.

    “Achou que”, o Rato replicou irritadamente, “é claro que você sabe o que que significa.”

    “Eu sei o que que significa muito bem, quando sou eu que acho”, afirmou o Pato, “geralmente é um sapo ou uma minhoca. A questão é: o que o arcebispo achou?”

    O Rato não entendeu a pergunta, mas apressadamente foi em frente: “achou que era aconselhável conhecer William e oferecer-lhe a coroa. O procedimento de William no início era moderado. Mas a insolência dos seus normandos…como você está indo, minha querida”, ele continuou, virando-se para Alice enquanto falava.

    “Tão molhada quanto antes”, respondeu a menina em um tom melancólico, “isso não está parecendo me secar afinal.”

    “Nesse caso”, disse o Dodo solenemente, levantando-se, “eu proponho que a assembléia seja suspensa para a adoção imediata de medidas enérgicas…” “Fale inglês”, gritou o Papagaio.

    “Eu não sei o significado de metade dessas palavras, e mais, não acredito que você saiba.” E o Papagaio torceu a cabeça para esconder um sorriso: alguns dos outros pássaros riram às escondidas audivelmente.

    “O que eu estava dizendo”, retomou o Dodo em um tom ofendido, “é que a melhor coisa para nós secarmos seria uma corrida de comitê.”

    “O que é uma corrida de comitê?”, perguntou Alice. Não que ela quisesse mesmo saber, mas o Dodo fizera uma pausa como se pensasse que alguém deveria falar, e ninguém parecia inclinado a dizer nada.

    “Bem”, disse o Dodo, “a melhor maneira de explicar isso é fazendo.”

    ( E, como talvez você queira tentar essa corrida em algum dia de inverno, vou contar como o Dodo fez.)

    Primeiro ele delimitou a pista de corridas como um tipo de círculo (a forma exata não importa, ele dissera) e então todo o destacamento foi distribuído pela pista, aqui e ali. Não houve o tradicional “Um , dois, três e já!”, mas todos começavam a correr quando queriam e paravam quando queriam, daí não era fácil saber quando a corrida terminava. Entretanto, quando eles já estavam correndo há mais ou menos meia-hora, e já estavam quase secos, o Dodo repentinamente gritou: “A corrida está acabada”.

    Então, todos se aglomeraram em torno dele, ofegando e perguntando:

    “Mas quem ganhou?”

    Essa pergunta o Dodo não poderia responder sem pensar muito, e ficou parado um bom tempo com um dedo sobre a testa (a posição na qual você normalmente vê Shakespeare nas gravuras) enquanto o resto do pessoal ficava em silêncio.

    “Todos ganharam, e todos devem ganhar prêmios.”

    “Mas quem dará os prêmios?”, um coro de vozes perguntou.

    “Ora, ela, claro”, respondeu o Dodo, apontando Alice com o dedo, e já toda a turma rodeava a menina, gritando de maneira confusa: “Prêmios! Prêmios!”

    Alice não tinha a menor idéia sobre o que fazer, e, em desespero, colocou a mão no bolso e puxou uma caixa de confeitos (felizmente a água salgada não entrara nela), e distribuiu as balas como se fossem prêmios. Deu na conta exata, um para cada um.

    “Mas ela precisa ganhar um prêmio também”, lembrou o Rato.

    “É claro”, replicou o Dodo solenemente. “O que mais você tem no bolso?”, e se virou para Alice.

    “Apenas um dedal”, respondeu a menina tristemente.

    “Dê-me”, pediu o Dodo.

    Então novamente eles a rodearam, enquanto o Dodo solenemente a presenteava com o dedal, dizendo:

    “Nós gostaríamos que você aceitasse esse elegante dedal”, e ao final desse pequenino discurso, todos o aplaudiram.

    Alice achou a coisa toda muito absurda, mas eles pareciam tão sérios que ela não ousou rir, e, como não podia pensar em nada para dizer, simplesmente fez uma reverência e apanhou o dedal, parecendo o mais solene possível.

    A próxima coisa a fazer era comer os confeitos; isso causou algum barulho e bagunça, pois os pássaros grandes reclamavam que não podiam saborear os seus e os pequenos engasgavam e tinham que levar palmadas nas costas. Entretanto, afinal todos terminaram e sentaram-se em círculo, pedindo ao Rato para lhes contar alguma coisa.

    “Você prometeu nos contar sua história, você sabe”, disse Alice, “e o porque você odeia G e C”, ela terminou sussurrando, com medo que ele se ofendesse novamente.

    “A minha é uma longa e triste história!”, disse o Rato, virando-se para Alice, suspirando.

    “É uma longa cauda, certamente”, replicou Alice, olhando para o rabo do Rato com admiração, “mas porque você a chama de triste?”

    Alice continuava confusa sobre isso enquanto o Rato estava falando, pois a história que ele contava era mais ou menos assim:

    Furioso diz para o rato,
    Que ele conheceu em casa, “Vamos logo para o tribunal nós dois!
    Eu vou te processar!
    Pode vir logo, não vou querer adiar nem um minuto, o julgamento
    vai ser agora. Não tenho mesmo nada para fazer nessa manhã!”
    Disse o rato para o monstro; “Esse processo, prezado senhor,
    sem júri ou jurados, vai ser uma grande perda de tempo.”
    “Eu serei o júri. Eu serei o juiz”, respondeu o esperto
    Furioso.
    “Eu vou te julgar agora e agora vou condená-lo à morte!”

    “Você não está prestando atenção!”, disse o Rato para Alice, severamente.”No que você está pensando?”

    “Desculpe-me”, respondeu Alice humildemente, “você já estava na quinta volta, não é?”

    “Eu não!”, gritou o Rato com voz aguda, muito bravo.”Você não presta atenção em nós!” ( baseado na tradução de Uchoa Leite)

    “Um nó!”, disse Alice, sempre pronta para ajudar, olhando para todos os lados. “Deixe-me ajudar a desfazer esse nó.”

    “Eu não disse nada desse tipo”, disse o Rato, levantando-se e andando. “Você me insulta falando estas besteiras.”

    “Eu não quis dizer isso”, suplicava a pobre Alice. “Mas você se ofende tão facilmente!”

    O Rato apenas rosnou em resposta.

    “Por favor, volte e termine sua história!”, Alice chamava. E todos os outros juntaram-se em coro:

    “Sim, por favor, conte!”

    Mas o Rato apenas balançava a cabeça impacientemente e caminhou ainda mais rapidamente.

    “Que pena que ele não queira ficar”, suspirou o Papagaio, e logo o Rato já estava longe. E uma velha Carangueja aproveitou a oportunidade para dizer à sua filha:

    “Ah!, minha querida. Que isso lhe sirva de lição para que você nunca perca o seu humor.”

    “Segure sua língua, Mãe”, retrucou a jovem Carangueja, de um jeito meio impertinente. “Você acaba com a paciência de qualquer ostra.”

    “Eu queria que nossa Dinah estivesse aqui”, disse Alice em voz alta, dirigindo-se a ninguém em particular. “Ela iria logo logo trazê-lo de volta.”

    “E quem é Dinah? Se é que eu posso fazer esta pergunta”, interveio o Papagaio.

    Alice replicou ansiosamente, porque ela estava sempre pronta para falar do seu animalzinho de estimação:”Dinah é a nossa gata. E ela é muito boa para pegar ratos, você nem pode imaginar…E, oh, eu queria que você a visse atrás de pássaros! Ela pode comer um passarinho tão rápido quanto olhar para ele!”

    Esse discurso causou uma forte sensação entre o destacamento. Alguns pássaros fugiram: uma velha Matraca começou a se agasalhar muito cuidadosamente, observando: “Eu realmente preciso ir para casa, o sereno não cai bem para minha garganta!”

    E uma Canária chamou numa voz trêmula seus filhotes: “Vamos, meus queridos! Já está na hora de vocês estarem na cama!”

    Com diversos pretextos todos se foram, deixando Alice sozinha.

    “Eu acho que não deveria ter mencionado Dinah”, ela disse em um tom melancólico. “Parece que ninguém gosta dela aqui em baixo, e eu tenho certeza que ela é a melhor gata do mundo! Oh minha querida Dinah! Eu queria saber se volto a vê-la algum dia! E aqui a pobre Alice começou a chorar novamente, pois se sentia muito solitária e deprimida. Em pouco tempo, entretanto, ela novamente ouviu o barulho de passos à distância e olhou ao redor impacientemente, meio que esperando que o Rato tivesse mudado de idéia e voltado para terminar a história.
    ALICE-INDEX
    Página principal – Naturalismo – Jardins – Teatro – Zoo – Ficção – Letras

    VOLTO AMANHÃ, SATURDAY!!! fazendo como a Ana Luiza …lendo tudo… para me inteirar das NOVAS … SAUDAÇÕES , EZIR

  407. Sandra, “bom momento”!
    Pacheco: Excelentes “entradas suas”! Brilhante “a” de Papi Noel!!!

    Sim, eu venho observando que as pessoas estão imbuídas do “Espírito de Natal” (humanitarismo), independentemente da existencia, ou não, de praticar, ou não, essa ou aquela religião.
    Independentemente, inclusive, de serem religiosas, atéias ou agnósticas!

    HUMANITARISMO? Acho que êsse é o caminho que todos nós
    devemos trilhar, na busca da tão “sonhada” PAZ!!! (interior e universal)

    Sou atéia, nascida judia e “fã de carteirinha” de Cristo. Aqui em casa eu … ainda uso o Candelabro da Chanuka e ornamento
    minha casa em ritmo de Natal – com tudo a “que tenho direito”,
    inclusive com muitos cânticos gregorianos, natalinos. Pirei (rs)?

    Sou “dependente emocional” do “Espírito de Natal”! Costumo
    fazer, até, uma pregação nêsse sentido: a de que, pelo menos uma vez por ano, “olhamos ao nosso redor” e tentamos, mesmo que em termos “paliativos”, proporcionar um pouco de alegria e
    esquecimento das mazelas da vida ao “outro” semelhante nosso.

    Crianças, velhinhos, adultos, enfim, de modo geral entram nêsse
    “clima de Natal” e, por tabela, todo mundo – ou quase – “vive” o
    “espírito” da Festa Cristã! Entende-me, Sandra? O Pacheco “sacou isso”, quando nos recomendou “abraçar” o outro!

    Papai Noel? Pois é … eu ainda carrego resquícios dessa “pureza infantil” e, quando vejo um dêles, ´pelos “Shopping Centers da vida” … tenho que me conter para não dar vexame (rs)! Fico tão emocionada quanto aquelas criancinhas que observo conversando com êle. Se “bobear” … também apareço na fotografia (rs)!

    Crianças, jovens, adultos, velhinhos … nos orfanatos, hospitais e asilos … esperam “ansiosamente” a chegada, a “visita” dêle – com ou sem presentinhos. A “presença dêle” já basta! Êle representa, ainda, uma espécie de mensageiro da realização de
    sonhos! Sonhos … que todos nós temos e “só êle” sabe!!!

    Beijos; beijos mil para vocês!
    Susan judia ( porque já existiam 2 Susan aqui!)

  408. Sandra

    Garçom, eu quero o mesmo que o Lúcio está bebendo!

  409. Sandra

    Ezir, esse poema, em inglês, fica mesmo com a forma de uma cauda cheia de voltas.

  410. Sandra

    Está vendo, Gerald? Mais um (o Jorge) que não incluiu o Borba entre as feiúras de Sampa.

  411. Sandra

    Chega por hoje! Boa noite! Beijos em todos!

  412. Nietzsche, Schopenhauer, Aristóteles, Platão, Montesquieu, Freud, Lacan, Jung, etc… etc… etc…
    Aquele poema “If” … (livro de cabeceira de muitos de nós!)

    Muita Filosofia; muita Teologia e “dimais da conta” de Psicologia … e … estou aqui a “analisar” …(é meu vício! rs)
    Serei psicanalista? Ghost-writer? Ghost-writer …

    GARGANTA:
    “Bom momento”!!!

    … “Polemarco”, eu, a Susan judia? Jamais!!!
    … “Fazer bem aos amigos e mal aos inimigos? Liquidar, “ferrar” o inimigo? Olho por olho; dente por dente???” Bah, tché!!!

    Cruzes! Garganta, você me “detonou”? Simbologia? Metáfora, né (rs)??? Puxa vida – tomei um susto! Nananinanão! Sou da PAZ e
    nem mesmo inimigos tenho! Será que meus amigos são do bem, como penso que são? Serão do bem os meus inimigos que eu penso que não são e … como penso que todo mundo deve ser amigo e … Stop, Susan!!! Stop, please!!!

    Arre! Existo porque penso? Penso porque existo? Ser ou não ser, esta é a nossa questão de vida? Nossa! Complicadíssimo, tudo!

    Calma … não sou louca de pedra! Tenho lá as minhas neurosezinhas de estimação mas … quem não tem? (rs).

    Lembra-se daquela música “Imagine” (John Lennon)? Seria ela a
    versão modernosa da “cidade hipotética e perfeita”, hoje?

    Ah, Garganta! Fique sabendo – segredinho nosso, tá? – que o John Lennon era um “pitoniso” (telepata?) e a roubou de mim (rs)!!! Estou “inspirada” hoje e andei lendo muito Freud, Lacan e o humor na “psicanálise” e … de que falávamos, mes-mo?

    Agora sério:

    – Renê Girard (Darwin das Ciências Humanas?): Um longo argumento do principio ao fim; A violencia e o sagrado (1998)

    – Olavo de Carvalho: O imbecil coletivo – atualidades inculturais brasileiras (1996)

    – Richard Dawkins – God, a delusion

    PS.: Citei os dois pensadores brasileiros, mais o Dawkins …
    e …? Conhece-os? Estou citando-os, só pra você “imaginar” o quanto minha cabeça “embola o meio de campo” (rs).

    Schopenhauer e “A Arte de Escrever” …
    Somos o que somos? Somos o que pregamos? Lemos? Escrevemos? Interpretamos? Idealizamos?

    Parabéns! Mais uma vez eu o cumprimento! Mente brilhante, a sua! Você está dando um “show de cultura geral”, como muitos aqui. O melhor de tudo isso? A interação; troca de idéias, comentários; assuntos sérios, brincadeira, descontração.
    PARTICIPAÇÃO … é isso!!!

    Abraços!!!
    Susan judia

  413. McWilliam

    Ola Targino

    De alta precisao a fotografia que vc pintou no comentario
    04/12/2008 – 23:12 `a respeito da industria automobilistica americana:
    “Dinossauros, Energia, Selecao natural … “ exatamente isso !

    A surpresa que veio junto com o advento da Internet foi que a partir dali, nao era mais o maior quem iria engolir o menor, mas o mais rapido a vencer o mais lento.
    Alguns gigantes se deram conta disso muito tarde, caso da Chrysler , Ford e GM
    Nao apenas por falta de autocritica, mas tambem por excesso de arrogancia
    Eles achavam que produziam o top do alto padrao e podiam vender mais caro para a parte mais elevada da piramide.
    A Honda e Toyota depois de se espalharem pela base da piramide, comecaram a produzir para competir no alto padrao de carros maiores e mais potentes, tipo caminhonetes pickups e as vans que os americanos gostam tanto – e, diga-se de passagem.. quem nao gosta ?)
    Estes bateram em preco no comeco e ja entraram batendo em em melhor qualidade mecanica e durabilidade.
    O fato dos japoneses ja conseguirem vender ate mais caro que eles, significa que abocanharam completamente o mercado.
    Sem falar que a depreciacao de um carro japones e’ metade da de um americano, ou seja, pra um mesmo valor inicial de aquisicao, depois de alguns anos, na hora de vender um carro japones, seu valor chega a ser muito maior do que o de um americano e ele tera’ quebrado e gasto com manutencao muito menos durante todo o tempo em que vc o usou .

    Como vc bem falou, e’ a selecao natural
    Assim esta’ se dando a queda do gigante

  414. gthomas

    Garganta
    no mundo de Platao, lamento dizer……os homens, vc sabe como eh….se “pegavam….” nao exatamente nas padarias…mas …emtre mestres e alunos ,,sabe como eh?
    Sofocles, Platao, etc…uns com os outros la, aquela gregalhada….
    Imagine os trabalhadores de vida regrada tendo que ver aquilo ali!!!!

  415. gthomas

    O horario do comentario que mandei pro Garganta acima esta complatemente ERRADO

  416. gthomas

    Eu sou o dono do Blog e nao passo por moderacao!

  417. Ivo Veiga

    Caro Mc, como está, tudo bem, eu aqui nas minhas pesquisas, cada vez descobrindo mais paralelos entre os anos 30 e agora, vem a guerra com certeza(Churchil dizia isso há mais de 75 anos)
    Acredito que você está agora num lugar ruim para viver nos próximos anos, talvez pior do que aqui nos trópicos. Ainda ontem estava vendo que a GM já começará dispensar funcionários nos USA e Canadá(lembra que te falei do livro do Arthur Halley, quanto a dependência do Canadá em relação aos USA) acho que estou tendo a clareza em ver as coisas como meu Idolo, Sir WINSTON SPENCER CHURCHILL.
    Abraço
    Ivo

  418. Ivo Veiga

    Caro Mc., acho que chegou a hora de retornar as origens, creio que por não estarmos tão globalizados, sofreremos menos, assim foi na 2a Guerra o primeiro mundo explodiu e aqui nada de tão anormal aconteceu, o povo continuo com sua vida simples mas sem bombas e invasões.
    Abraço
    Ivo

  419. Ivo Veiga

    Mc., quem me dissesse ha 20 anos que a GM, FORD,CHRYSLER ,CITYGROUP etc…etc… chegariam a essa situação, então eu vou vaticinar agora, em 20 anos o Brasil será mais rico que os USA, quem viver verá. Me despeço agora pois cheguei de viagem pelo Brasil, colhendo material para meu livro.
    Vou dormir, Boa Noite
    Ivo

  420. McWilliam

    Ok Glorinha:

    Concordo com vc.
    Terror e’ terror em qualquer lugar do mundo
    A forma como se reaje ao terror no Brasil – como NAO se reaje ao terror no Brasil, quiz dizer – e’ que e’ diferente da reacao contra ele no resto do mundo.

    Eu sei que nao e’ so vc que nao consegue pensar como eu descrevo
    Toda uma nacao parece nao conseguir

    Mas eu vou tentar me fazer mais claro mais uma ver
    Aritimetica basica de crianca:

    Usemos 5 minutos para facilitar os calculos:
    Uma pessoa dormindo 8 horas/dia.
    Fica 16 horas/dia acordada
    16 horas vezes 60 minutos e’ igual a 960 minutos ACORDADA
    960 minutos dividido por 5 minutos e’ igual a 192
    192 INOCENTES MORTOS/ DIA
    192 mortes vezes 360 dias e’ igual a 69120 BRASILEIROS MORTOS por ano
    So de BALA e de BATIDA DE AUTOMOVEL

    Cade vc DEUS ???
    Me ajude !!!
    Sera que e’ possivel achar 192 mortes por dia POUCO ?
    POR QUE vc nao consegue pensar como eu ?
    Que lingua eu estou falando ???
    Dois mais dois , nao sao quatro ???

    Para o meu TERROR, nao morrem de bala e atropelados somente 69120 brasileiros/ano
    Morrem quase o dobro, e NAO PODEMOS ESQUECER os que ficam MUTILADOS e PARALITICOS.

    Ora, se ano passado, mais de um milhao de brasileiros adultos foram localizados sem sequer nunca ter tido um registro de nascimento, sem contar com os que nao foram localizados, sabe-se la quantas mortes tambem nao deixam de ser registradas por ano .

    No meu comentario anterior eu nao lembrei que o INOCENTE tragicamente MORTO a cada “pequeno pulo do ponteiro grande do relogio” pudesses ser um irmao, uma mae, filho, meu,seu ou ainda voce mesma , eu ou qualquer um que ora esteja a ler esta mensagem.
    Isso torna a situacao muito mais insana que qualquer outra no mundo, mais insano que uma guerra !

    Alguem ai ja parou para pensar que ainda que vc apostasse na loteria todo dia, a probabilidade de se morrer com um tiro na cabeca e’ milhares de vezes maior do que ganhar o premio ?
    Porque o Oswald de Souza nunca falou isso na televisao ?

    Eu nao posso aceitar que me digam que eu estou sendo dramatico ou tragico
    Estou apenas me referindo a uma pequena parte da desgraca que acontece no Brasil

    E isso nao tem nada a ver com o Cerebro do Brasileiro ?

    TE ENGANAM quando TE FAZEM PENSAR que no MUNDO INTEIRO e’ ASSIM Glorinha.
    Te asseguro, no resto do mundo NAO E” ASSIM NAO !!!
    SOMENTE NO BRASIL e’ ASSIM !!!!

    Se ainda nao fui claro …

    Deixa-me esclarecer melhor:
    Eu nao acho que exista apenas terrorismo no Brasil
    GENOCIDIO e’ o que existe
    Pior, GENOCIDIO SUICIDA

    O que poderia ser pior ?

    Me desculpe, eu tenho que achar que eu esteja GENERALIZANDO ???

    Veja, eu nao acho que o cerebro do brasileiro e’ “humano”
    Eu acho que o cerebro do brasileiro e’ desumano
    Mais ainda , a NEGACAO que o cebro do brasieiro da `a misera e tragica REALIDADE que o cerca e’ o mais alto exemplo do EMBRUTECIMENTO da raca humana

    Ok, sou eu quem tem o cerebro ruim, ou estou inventando tudo isso, entao

  421. McWilliam

    Ola Ivo

    Fico contente em saber que esta tudo bem com vc.

    O alarme e’ proporcional ao nivel de exigencia de cada povo.

    E’ certo que mudancas substanciais estao por vir

    Por enquanto nada que tenha mudado o cotidiano na America do Norte.

    Eu continuo achando que e’ preciso piorar muito pra chegar no nivel do Brasil.

    Continuo achando ser mais seguro viver fora

    Um abraco

    Mc

  422. Garganta

    Caros Gerald e demais,

    Antes de beber meu leite com cicuta, declaro a vocês:

    Obrigado pelo debate cá proporcionado, elevou o espírito de muitos, estou certo. Gerald, pegação e sacanagem têm no pensatório ( entre os que curtem). O diálogo “A República”, como sabemos, Sócrates conduz –racionalmente– os jovens idealistas, Adimanto e Gláucon, em suas ânsias por Justiça, e, assim, expõe a cidade repressora a ser criada para estabelecer a Justiça( um Sócrates apaixonado deformaria toda a obra). Minha proposta é distinta e clara: não vamos criar um Estado repressor. No entanto, podemos estabelecer um Estado que não permita, em nome de Justiça, punir sua população. Os de vida regrada agradecem a sensibilidade dos que estão no pensatório( E, por vezes, fornicando. Forniquem quietinhos).Susan Judia, você foi forte em seus argumentos, admiro muito isso, por isso, o papel de Polemarco ( se você desejar, não precisa interpretá-lo).

    PS: Gerald, você é mesmo o dono do Blog e faz o que bem entender cá, por isso, lhe dei o papel de Giges, que possui o anel de invisibilidade, e o de diretor também.

    PPS: Se a cidade chamar, eu estarei de prontidão para defendê-la.

    Com os melhores cumprimentos e adeus,

    Garganta.

  423. Garganta

    Querida Susan Judia,

    Gostei da música Imagine ser que nem a cidade perfeita platônica. Seria, no meu entender, uma versão inversa da cidade de Platão, esta totalmente repressora dos desejos; e a de Lennon, por outro lado, uma que libertaria, completamente, os desejos. Ambas, a meu ver, erradas. Acredito que nós temos que manter um meio-termo, tentando, assim, existir no universo cintilante. Abraços.

    Com os melhores cumprimentos,

    Garganta.

  424. Ana

    Que atire a primeira preda, “eu” tão preconceituosa com tudo, desde a infância, principlamente com os deficientes, me vejo hj com uma filha deficiciente, surda mesmo, aí penso no passado e digo prá mim mesma ehhh!!! aprendi muito, Ohhhh! como aprendi, E q tem horror a gays, lébiscas cuidado… alguma geração sua virá, e daí, o ditado ainda vale… Quem tem telhado de vidro não deve jogar pedra no outro, quem tem rabo preso, cuidado… Não julgueis para não ser julgado, etc e tal. A hipocrisia, qdo a maioria das famílias tem um viciado, um doente mental, e daí… Gente!!! q ótimo q dentro do lixo, alguns ainda tem a mente aberta, antigamente não tinha as aberrações huahuaha, era feito com os animais (galinha, cabra, cachorro etc e tal, e tinha muito estupro tbém, só q a maioria das meninas nunca puderam falar) os patrões e seus filhinhos comas chamadas na época de empregadinhas domésticas. Melhorou, prq hj podemos corrigir certas bestialidades, mas qto ao comportamento humano, quantos homens e mulheres nos brindam tbém c/ suas cenas q causam escândalo?!!! nada me causa escândalo… só penso q se todos ceja lá o q for, estiver tocando suas vidas, pagando seus impostos, estudando, tentando sobreviver ao caos, assim como eu, só tenho a dizer… é isso aí, uma nova consciência. E mesmo q seja tudo certim, huahua… a inveja vem com força, No final ficamos mais amadurecidos e o q é q nos espera… mistério… o Grand Finale… é o mistério q nos brindará

  425. Ana

    desculpem os errinhos de português são coisas de digitar, Exemplo ceja quis escrever “seja”, e comas” e com as
    Ana

    Gerald Thomas , não sou do tipo puxa saco, mas vc é bom.

  426. Ana

    iiii tem outros errinhos tbém. preda”pedra”, Humor é isso ai.. mesmo errante até prá escrever, manter o humor q não sabemos as vezes de onde tirar… vamos olhar prá nós mesmos, e dar boas gargalhadas.
    Ana

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s