Varig e o Mars – Projeto da Cia de Ópera Seca

Sobre a Varig venho escrevendo há anos! Desde 2003, quando eu ainda escrevia pra um jornal carioca (está no http://www.geraldthomas.com) e depois pra Folha (tendências e debates) e outros veículos. Amo a Varig. É um dos casos mais tristes da história recente do Brasil. Pessoas DIGNÍSSIMAS roubadas de suas identidades, seus empregos, quase 14 mil. 14 mil pessoas postas na RUA por causa de FALCATRUA política, e tivemos que engolir essa TAM. Deus me livre!  E Lula diz que o caso está encerrado (está “encerado”, Museu de Cera, Madame Tusseaud – Baker Street ou Times Square) na Venezuela de Chavez. Um golpe FEIO, SUJO, horrível que deixou pessoas DIGNAS, os melhores aviadores…… quase 80 anos de aviação pioneira: um patrimônio nacional, cair, se (…), assim, por vias que já sao comuns no Brasil.

Sobre o Keplão aqui embaixo: é Kepler, Johannes Kepler (astrônomo do século 16) em Nurenberg (século 20): estamos indo por aí. Mas será mais que isso, óbvio. Não ficamos numa tecla só! Ficamos?. E Tem a ópera Hemingway também. E tem…….

Gerald

Advertisements

7 Comments

Filed under release, shot cuts

7 responses to “Varig e o Mars – Projeto da Cia de Ópera Seca

  1. Sandra

    É! Imaginei que fossem esse Kepler e essa Nuremberg! Mas não ficamos só nisso, ficamos? NÃO!!!! Há também….

    Tudo bem! Como diria Jó, a paciência é uma santa virtude!

    Por falar em Hemingway, o livro é uma porrada! Ele vai enfiando uma faca no coração da gente a cada parágrafo. Ainda estou no começo, e já estou totalmente passada.

  2. Lilian

    E tem… ?
    Este Gerald faz um mistério…

  3. M.A.P

    Não compartilho de sua opinião, penso que o problema Varig tem como origem: problemas inerentes ao setor aéreo causados pelo “choque do petróleo” da década de l970;um passivo previdenciario imenso, fruto de concessões excessivas aos funcionários; e ainda uma gestão fraudulenta de seu Fundo de Pensão.
    Não vejo porque o contribuinte deva pagar essa conta.

  4. gthomas

    Ana Dias me perdoe mas perdi (deletei) seu comentario por engano de tanto SPAM que tinha na caixa de entrada. Sera que posso te pedir pra mandar de novo?
    Mil desculpas
    Obrigado
    LOVE
    Gerald

  5. Marcelo Olinto

    Nitroglicerina pura+
    Me despertou curiosidade+
    Assunto Instigante+
    Soma interessantíssima de possibilidades

    Aguardarei, ansioso, por mais informações

  6. Edu Reis

    “Mars”

    Sou o deus Mars
    filho de Juno e Júpiter
    o deus grego Ares
    dois mundos
    duas luas
    vários caminhos
    muitas vonatdes
    Vontades?
    sim vontades que movem os mundos
    uniões e estados, unidos ou não
    ação
    União Soviética, Estados Unidos, Europa, Japão
    unidos?
    eternos retornos
    órbitas cirulares
    erupções solares
    água…
    águas, águas de março
    águas de mars fechando o verão
    é o fim do caminho
    são moinhos sem vento
    Quixotes marcianos
    Dulcinéias utópicas
    ilusões ópticas
    no olhar tem água
    tem vida
    organismos inexistentes se escodem
    das sondas instaladas
    maldições…
    a exploração falhou
    falhas técnicas…
    orbiters, landers, andadores…
    O nada
    O Nasa
    A nasa
    o fim
    A volta do
    Phoenix, o pássaro de fogo
    EXPLODE EM ARTIFÍCIOS
    UM SHOW VERMELHO COR DE LARANJA
    EM COPACANA
    LARANJAS caem do céu
    BANANAS bricam na terra
    AQUI TEMOS PRA DAR E VENDER
    e…
    NEM TUDO É FEITO DE SOM E FÚRIA
    EXISTEM ABISMOS ENTRE A RAZÃO E A EXPERIÊNCIA
    como explicar o inexistente que se apresenta como fenômeno?
    somos a angústia Kiekegaardiana
    o vazio tenta ver através de telescópios
    os movimentos retrógrados.
    Mas a ilusão é óptica e
    existem abismos entre o n°1 e o n°2
    O zero existe?
    o que queremos entender?
    Pressões atmosféricas
    vento solar
    gelo seco
    geada
    frio oco
    calor extremo
    bolhas aparamentadas com
    roupas especiais flutuam
    no buraco negro
    o melhor a fazer em tempos de cólera
    é permanecer no escuro?
    Ou ir pra marte.
    Gulliver viaja…

    Edu Reis (o astronauta)

  7. Silvério

    Foi mesmo lamentavel o que aconteceu com a VARIG.
    Problema de má gestão.
    Na época imaginei que o Governo LULA iria estatiza-la. Se tivesse feito isso seria uma gritaria sem fim dos afinados com a direita privatista.
    Não o fez, também não poderia injetar dinheiro público para salva uma empresa privada.
    Evitou que a mesma “quebrasse”. Fez o melhor.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s