Hanon Reznikov – parceiro da Judith Malina

57 anos – derrame cerebral terrivel. Como sabem, Hanon eh o namorado da Judith ha mais de (….) anos, mesmo quando eu dirigia o Julian Beck. Julian e Judith foram os originais fundadores do Living theater. Julian morreu em 85, quando estavamos com a minha Beckett Trilogy em cartaz. Hanon junto com a Judith hoje, tocam o novo Living, na Clinton Street, na Lower East Side. Hanon acordou ontem, se sentiu muitissimo mal, ja nao conseguia articular seus movimentos e foi levado pelo EMS pro hospital , onde esta.

Entrevista com Judith = Hanon e Tom do Living podem ser vistos no meu site de entrvistas do Uol, ou clicando nos ícones abaixo.
Gerald

Gerald.UOL

  • Judith Malina (46:46)
    08/08/2007

do mau fonseca
[Mau ] [SP]
Gerald tuas entrevistas são fantasticas – algumas comoventes como essada Judith, do Haroldo de Campos, da Ruth Escobar, Ziraldo, etc…

do GT: bem, nao vamos falar do Ziraldo nesse preciso momento. As for the rest, obrigado.
LOVE GT

Advertisements

26 Comments

Filed under Sem categoria

26 responses to “Hanon Reznikov – parceiro da Judith Malina

  1. lilian] [ipatinga/mg

    Se sobrar um tempo nada. Eu já lí… de vez em quando dou sempre uma passadinha lá. Ví até o Gerald no seu taxi.
    um beijo jorge do taxi-mundo.Lí até as histórias do seu filho com a panela na cabeça.

  2. fabio] [são paulo

    Sabe, Jórge, pra falar a verdade, eu nunca CONFIEI nesses “heróis” do PASQUIM, apesar da importância do jornal na época e das dificuldades que passaram. Então quando eu vi a tal indenização, eu fiquei estupefato, pois sei que ZIRALDO é um ILUSTRADOR BEM SUCEDIDO.
    Ai, como a tal LILA cóvas, esposa do Mario cóvas está pedindo INDENIZAÇÃO acho que de 4 milhões ao estado, não sei se por que ele foi “perseguido”, ENTÃO achei uma sacanagem meio que GENERALIZADA,né! Todo mundo que viveu o gólpe agóra pede grana.Mas, enfim, é CERTEZA QUE NÃO É QUESTÃO TRABALHISTA, A DO ZIRALDO?

  3. Jorge Schweitzer] [rj

    Lilian,
    Não costuo retumbar opinião alheia, toco meio próprio apito…
    Se sobrar um tempo passa no http://www.taxiemmovimento.com.br e procura o texto “A Panela Esvaziou: O Ziraldo Menino e o Ziraldo Maluquinho” que escrevi há uma semana…
    Fábio, na realidade o que Ziraldo pleiteia e indenização por perseguição mesmo; inclusive alega que retirou o Pererê de circulação em virtude de as editoras se negarem a rodar o material que tinha 150.000 exemplares/mês…
    Esquece que só virou celebridade por fazer piadas com o Poder, que permitia a brincadeira pois se não gostassem fariam o que fizeram com o Herzog…
    Ziraldo é um escritor/cartunista dos mais requisitados no Brasil (se não o mais) vivendo confortavelmente de sua obra inclusive cedida como material escolar da Rede Pública, onde ele recebe muito bem e em dia…
    O bom senso me recomenda não entrar em muitos detalhes, porém o Pasquim durante muito tempo teve aporte financeiro de políticos…
    Se me provocarem eu Créu!

  4. fabio] [são paulo

    Então pessoal!!!!Acho que o lance do Ziraldo, não é isso de ” indenização por ser perseguido” NÃO..!!! É questão trabalhista..! E o montante chegou tão alto graças a MOROSIDADE da nóssa “justiça”. No começo, eu achei que fosse por causa da política também, mas teve uma explicação num blóg do IG, que foi causa TRABALHISTA MESMO…então??!!!

  5. Lilian] [Ipatinga/MG

    Jorge do Mundo vc é legal…
    Mas olha só … parte (ou o todo) do seu atual dircurso são apenas ecos dos caras que gritaram lá… eu acho que eu devo muito pra muita gente… vivo numa covardia só. Acho que sou uma cagona sim.

  6. Ana

    Eu acho que também tenho algo a receber. Todos da minha geração têm. Ferraram com a gente. Desmontaram as nossas possibilidades de ver o mundo mais abertamente. Aqueles que nasceram entre 64 e 75 + ou -, favor se dirigir ao guichê de recebimento. De 76 até 80, também deve haver algo a ser recebido. Já de 80 em diante… até 84… Puxa será que sobrou algo daqueles milhões que derrubou a campanha da Roseana Sarney em 2002?

  7. Jorge Schweitzer] [RJ

    Minha cara Lilian,
    Não creio que nenhum de nós deva nada ao Ziraldo…
    A não ser que ele tenha confundido ideal com investimento…
    Dezenas de espertalhões que ficaram posando de baluartes da liberdade nos anos de chumbo agora se apresentam para receber sua cota…
    Jaguar está no mesmo barco…
    Coni recebeu quatro vezes mais do que ambos, alegando não sei o quê já que era colunista da Revista Desfile…
    Adorava o Ziraldo, agora não sei mais…
    O Gabeira sofreu o diabo na mão dos milicos; se envolveu em episódios de alto risco; tomou tiro de fuzil que lhe arrancou um pedaço e não quer um tostão sequer…
    Um abraço, minha caríssima…
    Jorge do Táxi – ou melhor: na realidade sou do Mundo, Jorge Schweitzer

  8. Lilian] [ipatinga/MG

    E o Reinaldo é tão romãntico como foi Ziraldo na ditadura…
    E o chama de velho… estranho… muitíssimo estranho …

  9. Lilian] [Ipatinga/MG

    Que paguem Bilhoes… zilhoes para o Ziraldo!!! Oras bolas…
    que discurso marxista é este JOrge do Taxi…??? oras… devemos muito pra este cara… ele é mesmo o ultimo dos guerreiros… espero que o estado ( nos mesmos) aprendamos a lição de uma vez…

  10. Jorge Schweitzer] [RJ

    Gerald,
    O ocorrido com o Ziraldo acabou me relembrando Simonal…
    No auge de notoriedade resolveu utilizar a máquina pública para saciar seus anseios…
    Enterrou na lama sua biografia…
    Enviei e-mail para o Ziraldo, sugeri que ele doasse este milhão e o pecúlio mensal para as meninas da Vila Mimosa…
    Abração,
    Jorge Schweitzer

  11. Sandra

    Puxa… Que vocês fiquem bem… Que Deus lhes dê força.

  12. Sandra

    Gerald, estava navegando no seu site e… puxa… QUE BIOBRAFIA!!!

  13. Sandra

    A Judith é mais fofa que um Sonho de Valsa. Como eu disse, para mim, todas as pessoas são feitas de números brilhantes num fundo preto. A Judith é feita de números coloridos com hidrográfica e lápis de cor, e desenhados com aquela letrinha de criança.

  14. fabio] [são paulo

    Gérald, por que não falar do ZIRALDO???????

  15. Sandra

    Puxa, mesmo quadriculados (baixa resolução), vocês iluminaram meu dia. Que olhar lindo o deles!!! Carregados de ternura!!! Olha… sei que é duro…, mas não se forja um olhar desses sem dor. E sem alegrias, tristezas, estudo, trabalho, enfim,…sem uma vida intensa e completa.

  16. Mau ] [SP

    Gerald tuas entrevistas são fantasticas – algumas comoventes como essada Judith, do Haroldo de Campos, da Ruth Escobar, Ziraldo, etc…

  17. Lu

    A gente pensa, imagina, verbaliza, pantomima e continua gerando e girando sobre essas rodas ou elipses que por serem curvas inevitavelmente sao favoraveis a guerra, e de certa forma todos nos somos surpreendidos por aquilo que espera “atras da curva”! E dentro de (des)igualdades e (in)diferencas, concordancias e discordancias, eu acabo ficando ali na fronteira entre o pessimismo e a esperanca, e eh uma corda bambissima essa… dificil equilibrar-se ou ser equilibrado…

  18. Lu

    Pessoas, eu perdi o bonde mas nao deixei de ler a fumaca. Quanta coisa voces (re)produziram aqui! Estava incomunicavel aqui no upstate, por 1 semana, porque nao havia assistencia tecnica disponivel pra consertar a porra do cabo, da tv a cabo, da internet a cabo e do telefone a cabo. pra acabar! Sobreviver com cellphone e filmes a la blockbuster foi phoda, ali no international row no maximo um Ozon, ai o Dad me pega um desses lancamentos: Rendition e depois me fala que eh verdade que a CIA pega pessoas mesmo sem motivos concretos, desaparece com elas, tortura, prende em buracos ate mesmo por anos, em algum pais por ai que nao pode ser citado… depois na school, ainda escutei mais um monte de atrocidades contra os imigrantes aqui no US que voces discutiam em algum post ai atras, fora a violacao de tantos outros direitos humanos em nome da seguranca aqui no US? antes fosse mania de conspiracao, antes fosse ficcao! (cont)

  19. Valéria] [Rio de Dengueiro

    G.,torço para q ele ñ tenha consciência nesta situação, pq querer se mexer, querer se expressar e ñ conseguir é um sofrimento atroz. É uma separação entre o corpo e a mente/cérebro/alma… ñ poder se comandar. Fico tristíssima com o q aconteceu. Vi uma pessoa da minha família q sofreu esta cisão- sei lá q palavra botar pra definir este estado lamentável; e me pergunto o q esta pessoa tem que ‘aprender’, ou a gente com tanto sofrimento? Ver uma pessoa durante 2 anos num estado q… é nesta hora q se vê q ñ há liberdade de vida nem de morte; e esta discussão sobre eutanásia, do Estado ou religiões sem religião quererem impor tanto sofrimento e leis! A pessoa querendo sair disso, sei lá, isso me toca, a qualidade de vida e de morte de qq ser vivo. Torço pra q a situação dele seja reversível. Ñ queria ter comentado estas coisas agora mas me afeta, mas vim, rondei e desisti de calar, desculpem-me se tô inadequada. A gente entra em cada estado de mistério com esta situação…
    Flores p todos

  20. Lu

    Que noticia triste… assim como as cenas que eu vi meses atras nesse mesmo endereco… ja tinha assistido a entrevista… agora so cabe uma palavra que ja esta na historia do Living Theatre… RESIST!

  21. Tales

    Ô, antes que eu me esqueça, também lamento muitíssimo o fato ocorrido porque de qualquer forma é uma perda pra Cultura americana. E todos aqueles que contribuíram de alguma forma para a criação de uma cultura crítica são apoiadíssimos, mesmo o caso do Hanon que nunca assisti um espetáculo, mas tenho conhecimento de que já tem seu lugar marcado no Panteão do Teatro.

  22. Tales

    “Mesmo assim um criminoso como Bush é eleito duas vezes. Mesmo assim a Europa fica totalmente de direita. Mesmo assim a corrupção no terceiro mundo nunca esteve pior.”
    Às vezes, eu fico um pouco receoso de me valer de tantas citações porque podem achar q é pedantismo ou ser visto como um chato. Mas no caso aqui acho que é válido. É porque eu lembrei, Carlos, da tese do Benjamin sobre “o estado de exceção”. Ele diz: “o espanto com o fato de que os episódios que vivemos no século XX ‘ainda’ sejam possíveis, não é um espanto filosófico. Ele não gera nenhum conhecimento…” Pra que gente crie possibilidades de alternativa temos que ter isso como pressuposto, de outro modo seremos fiadores desta Ordem.

  23. Sandra

    É difícil acompanhar sua câmera, Gerald. Bem, eu sou do tempo em que, nos desenhos animados (preto e branco), os personagens falavam sem mexer a boca, e corriam sem movimentar as pernas.

  24. Carlos] [nao sei mais

    Gerald, eu tinha assistido a essa entrevista quando foi pro ar. Primeiro quero dizer que espero realmente que o Hanon Reznikov esteja se recuperando bem. Graças à minha ignorância sobre o teatro, eu só o conheço da entrevista. Segundo, fiquei pensando no que ele falou sobre a “awareness” dos dias atuais, do aprendizado, do fato de que no meio desse período opressão e violência, a comunidade internacional estava se unindo e refletindo sobre tudo. Eu tentei concordar com ele de várias formas, fiquei pensando que talvez alguns de nós sejam muito pessimistas. Ainda não tenho resposta. O mundo já passou por décadas e décadas massacres, de ditaduras, genocídios. Mesmo assim um criminoso como Bush é eleito duas vezes. Mesmo assim a Europa fica totalmente de direita. Mesmo assim a corrupção no terceiro mundo nunca esteve pior. Quero concordar com ele que estamos aprendendo…mas é complicado…Enfim, depois o blog discute. Saúde pra ele nesse momento difícil.

  25. Lídia] [Londrina-PR

    até que não demorou tanto pra voltar né Gerald…q bom

  26. Sandra

    Ai ai… que dizer?…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s